Renewable Energy in France and Paris Region - in portuguese

703 visualizações

Publicada em

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
703
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Renewable Energy in France and Paris Region - in portuguese

  1. 1. As energias renováveisna região Île-de-France
  2. 2. As energias renováveis na região Île-de-France necessidadesimportantes que são hoje principalmente importadas A região Île-de-France cobre 11% das suas necessidades em matéria energética com os seus próprios recursos, nomeadamente para o aquecimento urbano e uma parte da electricidade. Gás e petróleo são importados, bem como uma grande parte da electricidade. Quota dos diferentes produtos Quota dos diferentes sectores de energéticos no balanço regional actividade no consumo de em 2005 energia no final de 2005 Electricidade Transporte Indústria Produtos petrolíferos Aquecimento Residencial Agricultura urbano Gás natural Terciário Outros Fonte: Arene, painel de bordo da energia, 2010 Para saber mais: www.roseidf.org/ 2 2
  3. 3. Geotermia: principal recurso explorado de Île-de-FranceLocalização dos poços geotérmicos de Île de France: Île-de-France 1ª região francesa: 1ª energia renovável explorada regionalmente 34 instalações de produção geotérmicas alimentam 29 redes de calor 150 000 equivalente-alojamentos ligados a uma fonte geotérmica (86% das instalações em França). 19 000 bombas de calor geotérmicas foram instaladas nas residências privadas em 2007. Um Plano regional para a geotermia no habitat e no sector terciário 2008-2013: Identificação de 12 pólos de produção De 2006 a 2010, foram submetidos 754 projectos por um montante de 1 M€ de subsídios Financiamento regional de mais de 11 milhões de euros. Grandes Projectos Urbanos: Novos 1 350 alojamentos em Issy-les-Moulineaux (calor + frio) Reabilit poços ações Uma rede de instaladores em Île-de-France: 49 instaladores são certificados QualiPac Para saber mais http://www.qualit- enr.org/document/Menu_Acces_rapide/QualiPAC/index.htm Empresas de perfuração A ADEME, a BRGM e a EDF implementaram Qualiforage para as empresas de perforação de sondas térmicas, com vista a fornecerem um padrão de qualidade e melhorarem o desempenho das instalações. Para saber mais http://www.geothermie-perspectives.fr/18-regions/idf-01.html 3 3
  4. 4. Biomassa – 1º recursos utilizado os detritos Île-de-France, 1º região francesa 766 GWh produtos em 2009 (18% do total França) Fonte: Observer, O Barómetro 2010 das energias renováveis eléctricas em França). 1 400 000 de toneladas de recursos de biomassa recolhidos em Île-de-France: Detritos verdes, madeira Detritos de esquadrejamento Palha (cereais, oleaginosas), silos, pousios Fonte: http://www.ile-de-france.chambagri.fr/ A incineração é bastante praticada Unidade de biogás • Localização: Varennes-Jarcy (91) 19 fábricas de incerinação em Île-de-France • Desde 2002 13 em co-geração ligadas à rede 106,7 MW (Fonte ERDF fim de Set.2009) • 100 000 toneladas detritos / ano Produção: 5,125 milhões de MWh de calor e 867 300 MWh de electricidade, • 1,1 GWh de produção de electricidade maioritariamente por co-geração (2005). O calor produzido alimenta redes de (2005) aquecimento urbano A valorização orgânica desenvolve-se 3 centros de enterramento Produção: 150 000 MWh produtos valorizando o metano que se liberta na decomposição dos detritos. Bem como uma fábrica de metanização, em Varennes-Jarcy (Essonne), que gere 100.000 toneladas de detritos por ano, detritos verdes mas também detritos brutos. Biogás de aterro • Localização: Bouqueval (95) • 10 000m3 produção de biogás • 20 000 V produção de electricidade 4 4
  5. 5. Biomassa – uma fileira em estruturação, a da madeira Um mercado em Ile-de-France Colheita de madeira: 336 838 m3 toros (Agreste, 2007) Consumo (aquecimento): 286,24 ktep Mais de 20 esquentadores industriais 475 000 particulares recorrem ao aquecimento a madeira nas suas residências Para saber mais FCBA, www.fcba.fr O FCBA, Instituto Tecnológico Floresta Celulose Madeira-construção Mobiliário Câmara da Agricultura, www.ile-de-france.chambagri.fr Porta-voz da agricultura e dos agricultores junto dos poderes públicos. O centro regional da propriedade florestal (CRPF) de Île-de-France e do Centro, http://www.crpf.fr/ifc/ O CRPF é uma delegação regional do centro nacional da propriedade florestal (CNPF) A maior unidade de aquecimento de Francîlbois, http://www.francilbois.fr/ Biomassa Associação interprofissional regional. está na Região de Paris Arene Île-de-France, www.areneidf.org • Localização: Cergy-Pontoise (95) Peritagem e Recursos em Desenvolvimento Sustentável designadamente para as • 25 MW colectividades locais • Unidades residenciais 4000 Instituto Florestal Nacional, http://www.ifn.fr/spip/ • Investimento: 17 Mio. € Inventário permanente dos Recursos florestais nacionais, Agreste Île-de-France, http://agreste.agriculture.gouv.fr/region_5/ile_de_france_129/index.html Serviço de estatística, de avaliação e prospectiva agrícola do Ministério da alimentação, da agricultura e da pesca. Direcção regional e interdepartamental da alimentação, da agricultura e da floresta de Île-de- France, http://www.draf.ile-de-france.agriculture.gouv.fr/ A direcção regional e interdepartamental é responsável pela pilotagem da implementação da totalidade das políticas deste ministério, salvo da pesca, à escala regional. 5 5
  6. 6. Solar fotovoltaico: o essencial dos projectos em telhados Produção anual em forte crescimento: 8,8 MW (Fonte ERDF fim Set.2009) SIPPEREC coordena os pedidos de 80 localidades de Ile-de-France: 8 instalações em 2009 sobre edifícios públicos (135 kWp - 1.696.000 euros de investimento) Um mercado apoiado por um Plano de Energia Renovável do Conselho Regional:Junho de 2009: 1ª • Para os particularescolocação dos 4 000 m²no aeroporto – De 2006 a 2010, foram apoiados 3 620 projectos por um montante de 5 M€ de subsídiosinternacional de Orly – Em 2011, 750€ de subsídios para os particulares aos quais se adicionam de 500 a 1500€ para certas localidades • Para os edifícios públicos – De 2006 a 2010, foram apoiados 114 projectos por um montante de 9 M€ de subsídios – Em 2011, até 25% dos custos de viabilidade Uma I&D muito presente nas tecnologias de camadas finas: 300 investigadores 22 centros de I&D públicos 13 centros de I&D privados 8 escolas 1 pólo de competitividade: Advancity. 25 formações ligadas à área da energia fotovoltaica desde os BEP até aos Master Uma rede de instaladores: • Mais de 500 empresas certificadas QualiPV em Ile-de-France • 5 centros de formação Para saber mais http://www.qualit-enr.org/qualipv 6 6
  7. 7. Solar térmico: um mercado maduro com potenciais dedesenvolvimento O mercado: 4 463 MWh, em crescimento de 22% relativamente a 2003 (Arene, 2010). 204 instalações em 2005 (Arene, 2010). 10 630 m² de sensores (Arene, 2010). A radiação solar média anual é de 1 150 kWh/m2 em Île-de-France ou seja apenas 20% a menos que no Sul de França (Arene, 2010). Potencial / Estudo de mercado: Instalação colectiva em Montreuil (93) 10% do parque nacional das residências individuais e mais de 25% das residências colectivas estão equipadas de aquecimento central, podendo acolher instalações Já instalado solares (Arene, 2010). Solar térmico 20 a 30% das necessidades em aquecimento e 50 a 60% das necessidades em água Solar fotovoltaico quente sanitária das moradias e das residências colectivas poderiam ser cobertos pelo solar térmico (Arene, 2010). Uma energia bastante interessante no alojamento social Perspectivas 2008 Fonte: Paris Habitat Um mercado apoiado por um Plano de Energia Renovável do Conselho Regional: • Para os particulares – De 2006 a 2010, foram apoiados 1 510 projectos por um montante de 1,3 M€ de subsídios – Em 2011, Entre 800 e 1300€ de subsídios para os particulares aos quais se adicionam de 150 a 900€ para certas localidades • Para os edifícios públicos – Em 2011, até 25% dos custos de viabilidade aos quais se adicionam 10% para certas localidades, e atè 30% dos custos de realização Uma rede de instaladores em Île-de-France: • 380 instaladores certificados • 9 centros de formação Para saber mais http://www.qualit-enr.org/qualisol Para saber mais http://www.areneidf.org/fr/Le_solaire_thermique-94.html 7 7
  8. 8. Eólica: numerosos actores presentes mais ainda poucosprojectos a nível local Um estudo de viabilidade: Identificação dos locais de forte potencial: Um atlas pode ser consultado em linha Estimativa: 90 000 lares de Ile-de-France poderiam ser alimentados em electricidade eólica Para saber mais http://www.areneidf.org/fr/Leolien-93.html Numerosos actores Franceses e Internacionais estão sediados em Ile-de-France: A Cidade de Paris instalou 2 mini eólicas sobre a casa do ar e identificou 4 outros possíveis pólos de implantação • Montmartre (XVIIIº arrondissement) • Buttes-Chaumont (XIXº arrondissement) • Belleville (XIXe-XXº arrondissement) • Avenue de France (XIIIeº arrondissement) Fonte: Le Parisien 22/04/09 Estudo ARENE: goo.gl/pExM 8 8
  9. 9. Hidráulica: instalações encaráveis sobre os cursos de água esob a água Equipamentos: 5 instalações ligadas à rede eléctrica para 15,3 MW (Fonte ERdF fim Set 2009) 10 obras a fio de água, para uma potência total de 24,2 MW. Uma produção anual destes equipamentos está calculada a 80,4 GWh ou seja 1% da produção da região de electricidade Fonte: Estudo ISL para a Agência da Água Sena Normandia e Ademe (2008) Potencial em Île-de-France: Sem instalação de barragem prevista devido ao seu relevo. Instalações possíveis através de obras a fio de água, mas igualmente exploração de desnivelados nas condutas de adução de água ou de saneamento ou das quedas de água nas bacias das estações de tratamento das águas A renovação dos velhos moinhos de grãos através de uma conversão na hidroelectricidade constitui um potencial a não negligenciar Uma chamada a projectos da Câmara de Paris para a instalação de hidroéolicas no rio Sena Para saber mais Arene: http://www.areneidf.org/fr/Lhydraulique-96.html Agência da água Sena Normandia: http://www.eau-seine-normandie.fr Associação europeia da pequena hidráulica: http://www.esha.be/ 9 9
  10. 10. The Paris Region Economic Development Agency is here to help! Make the most of your business trip to the Paris Region! Allow us to organize efficient one day tours - meet potential partners - choose the locations you want to visit - manage your recruitment process Or meet us during international events : Send your request to Vincent ROUMEAS Environmental Technologies & Services Director Paris Region Development Agency Mail: vroumeas@paris-region.com Phone : +33 (0) 1 58 18 69 23 Visit our website www.paris-region.com/cleantech Paris Region Economic Development Agency – PV – Feb-11 10 10

×