Além do mouse e teclado

3.923 visualizações

Publicada em

Publicada em: Design, Tecnologia, Negócios
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.923
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
947
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
14
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Além do mouse e teclado

  1. 1. Além do Mouse e Teclado Novos Paradigmas de Experiência do Usuário
  2. 3. mouse teclado monitor CPU Xerox Alto Personal Computer (1973)
  3. 5. ícones Desktop Apontador Janela Menu Xerox Star (1981)
  4. 6. O que realmente evoluiu?
  5. 8. mouse teclado Monitore CPU iMac (2009)
  6. 10. Menu Ícones Janela Apontador Desktop
  7. 11. Ábaco (2700 – 2300 AC)
  8. 12. Modelos de interação Fonte: Ulmer e Ishii (2000)
  9. 14. Output View Input Control Processamento do modelo
  10. 16. Processamento do modelo Rep-P Rep-D Controle Input Output
  11. 17. Os computadores pessoais têm envolvido um ambiente de escritório em que você senta em seu traseiro, movendo apenas apenas seus dedos, entrando e recebendo informação censurada pela sua mente alerta. Isso não é sua vida toda, provavelmente nem mesmo a melhor parte. Nós precisamos pensar mais em seu corpo, em servir em mais lugares, e transformar a expressão física em informação. (O’Sullivan e Igoe, 2004 no livro Physical Computing)
  12. 18. Representação contínua de objetos de interesse. Ações físicas (movimento e seleção pelo mouse, joystick, tela de toque, etc) ou pressão de botões, em vez de comandos com sintaxe complexa. Operações rápidas, incrementais e reversíveis que impactam no objeto de interesse imediatamente visível. Abordagem em camada ou espiral que permite o aprendizado com o mínimo de conhecimento. Novatos podem aprender um número modesto e útil de comandos. Manipulação Direta, Shneiderman (1983)
  13. 19. Sistemas espaciais são aqueles onde há a interpretação de posição espacial e orientação dos múltiplos artefatos de uma TUI. Estas posições e orientações são dadas pelos eixos X, Y e Z, ou seja eixo vertical, horizontal e profundidade. Instâncias
  14. 20. Sistemas espaciais São aqueles onde há a interpretação de posição espacial e orientação dos múltiplos artefatos de uma TUI. Estas posições e orientações são dadas pelos eixos X, Y e Z.
  15. 21. Sistemas construtivos permitem a construção de estruturas de objetos físicos, são como peças para montar e permitem diversas combinações de montagem entre 'n' elementos.
  16. 22. Sistemas relacionais possuem relações entre artefatos físicos e conteúdos digitais, assim cada objeto físico possui uma relação com determinados conteúdos digitais.
  17. 23. Sistemas associativos são semelhantes aos sistemas relacionais, entretanto são divisíveis e seus módulos funcionam isoladamente.
  18. 24. Sistemas espaciais são aqueles onde há a interpretação de posição espacial e orientação dos múltiplos artefatos de uma TUI. Estas posições e orientações são dadas pelos eixos X, Y e Z, ou seja eixo vertical, horizontal e profundidade. Características
  19. 25. Entrada espaço-multiplexada Várias ações ao mesmo tempo
  20. 26. Ícones físicos (phicons)
  21. 27. Ambiente aumentado
  22. 28. Dispositivos concorrentes Sensibilidade ao contexto Ubiquidade
  23. 29. Framework Entrada digital Entrada analógica Processamento Saída digital Saída analógica
  24. 30. Framework <ul><li>Indistinguibilidade nos dispositivos de entrada e saída. </li></ul><ul><li>MCRpd ( Model-Control-Representantion – Physical and digital ) </li></ul><ul><li>Ícones físicos </li></ul><ul><li>Ambiente aumentado </li></ul><ul><li>Entrada e saída espaço-multiplexadas </li></ul><ul><li>Dispositivos concorrentes </li></ul><ul><li>Sensibilidade ao contexto </li></ul><ul><li>Ubiquidade </li></ul>
  25. 31. Quickies Entrada digital Entrada analógica Processamento Saída digital Saída analógica x Escrita de texto em papel Reconhecimento de escrita x Gravação dos dados nos softwares adequados. Envio de alertas e mensagens. x Procura por palavra-chave Consulta no banco de dados pela palavra-chave x Apresentação de anotações com palavra-chave digitada com sua respectiva localização.
  26. 32. Quickies Característica Descrição Indistinguibilidade nos dispositivos de entrada e saída. Média MCRpd ( Model-Control-Representantion – Physical and digital ) Alta Ícones físicos Alta Ambiente aumentado Alta Entrada e saída espaço-multiplexadas Média Dispositivos concorrentes Alta Sensibilidade ao contexto Alta Ubiquidade Alta
  27. 33. Reactable Entrada digital Entrada analógica Processamento Saída digital Saída analógica
  28. 34. Reactable Entrada digital Entrada analógica Processamento Saída digital Saída analógica Acesso a botões Toque dos dedos Através do conjunto hardware e software para visão computacional Disparo de trechos de áudio Aplicação de filtros e modificadores de áudio x Posicionamento e orientação de objetos físicos Através conjunto hardware e software para visão computacional Disparo de trechos de áudio Aplicação de filtros e modificadores de áudio
  29. 35. Reactable Característica Descrição Indistinguibilidade nos dispositivos de entrada e saída. MCRpd ( Model-Control-Representation – Physical and digital ) Ícones físicos Ambiente aumentado Entrada e saída espaço-multiplexadas Dispositivos concorrentes Sensibilidade ao contexto Ubiquidade
  30. 36. Reactable Característica Descrição Indistinguibilidade nos dispositivos de entrada e saída. Média MCRpd ( Model-Control-Representation – Physical and digital ) Alta Ícones físicos Média Ambiente aumentado Média Entrada e saída espaço-multiplexadas Alta Dispositivos concorrentes Alta Sensibilidade ao contexto Baixa Ubiquidade Baixa
  31. 38. Obrigado! Koji Pereira [email_address] www.digfordesign.com

×