Arte e Educação

6.282 visualizações

Publicada em

A arte não deve ser encarada apenas como elemento recreativo, no processo da educação. Ela deve ser vista como uma poderosa ferramenta de transformação, uma vez que trabalha diversas dimensões que afetam os princípios gerais de felicidade do educando: intelectual, emocional, afetiva, relacional, etc; Refletindo também nos aspectos sexual, filial, paternal ou maternal, profissional, religiosa, política, etc.

Publicada em: Educação, Espiritual
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
6.282
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
459
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
202
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Arte e Educação

  1. 1. Arte & Educação - P erante o saber Espírita - Elaborado por: Cláudio Marins (claudioespirita@gmail.com)
  2. 2. Arte Escultura Pintura Poesia Dança Teatro Música Etc Elaborado por: Cláudio Marins (claudioespirita@gmail.com)
  3. 3. Educação O processo educativo que a Doutrina Espírita nos permite visualizar e nos propõe praticar, deve trabalhar , ao mesmo tempo, com os sentidos , com o intelecto e com a afetividade , procurando ampliar a capacidade perceptiva do indivíduo e, portanto, elevar a sua sintonia... Essa interação ocorre tanto no sentido horizontal, ou seja, com o meio físico, social, como no sentido vertical, ou seja, com o meio espiritual. (fonte: Alves, Walter Oliveira. In: "Prática pedagógica na Evangelização" ) Elaborado por: Cláudio Marins (claudioespirita@gmail.com)
  4. 4. Educação Será que somente a técnica de transmissão de conhecimento através da comunicação falada ou escrita é capaz de envolver, induzir e levar o indivíduo a perceber-se nessas várias dimensões? Elaborado por: Cláudio Marins (claudioespirita@gmail.com)
  5. 5. Arte perante o saber Espírita “ O que há de sublime na arte é a poesia do ideal, que nos transporta para fora da esfera acanhada de nossas atividades” Allan Kardec, Obras Póstumas, 16ª edição, FEB, pág 156 Elaborado por: Cláudio Marins (claudioespirita@gmail.com)
  6. 6. Arte perante o saber Espírita “ Quando penetrada por ideiais de excelência, cabe à Arte o labor de cooperar no desenvolvimento da estesia* nas criaturas de Deus.” *Sentimento do belo; sensibilidade; sentimento Vozes do Infinito, Raul Teixeira- Espírito Camilo Elaborado por: Cláudio Marins (claudioespirita@gmail.com)
  7. 7. Arte perante o saber Espírita “ Portanto, sede vós perfeitos, como perfeito é o vosso Pai celeste”. Mt 5:48 “ A arte é o esforço do Espírito prisioneiro da carne, em busca de uma perfeição que não existe neste mundo”. Em torno do Mestre , Vinícius Elaborado por: Cláudio Marins (claudioespirita@gmail.com)
  8. 8. <ul><li>Arte & Educação perante o saber Espírita </li></ul><ul><li>A arte não deve ser encarada apenas como elemento recreativo, no processo da educação. Ela deve ser vista como uma poderosa ferramenta de transformação, uma vez que trabalha diversas dimensões que afetam os princípios gerais de felicidade do educando: intelectual, emocional, afetiva, relacional, etc; Refletindo também nos aspectos sexual, filial, paternal ou maternal, profissional, religiosa, política, etc. </li></ul><ul><ul><li> </li></ul></ul>Elaborado por: Cláudio Marins (claudioespirita@gmail.com)
  9. 9. <ul><li>Arte & Educação perante o saber Espírita </li></ul><ul><li>Contribuições da arte na vida do educando: </li></ul><ul><li> Equilíbrio dos Impulsos Fisiológicos </li></ul><ul><ul><li> Sentimento de Segurança (estabilidade e equilíbrio) </li></ul></ul><ul><ul><li> Afetividade (receber e dar amor; fazer parte de um grupo) </li></ul></ul><ul><ul><li> Ampliação da auto-estima </li></ul></ul><ul><ul><li> Prestígio pessoal (valorização de si mesmo) </li></ul></ul><ul><ul><li> Auto-realização (concretização de potencialidades) </li></ul></ul><ul><ul><li> Polarização dos sentimentos para ideais nobres e elevados </li></ul></ul><ul><ul><li> Ponte entre o mundo sensorial e o espiritual </li></ul></ul>Elaborado por: Cláudio Marins (claudioespirita@gmail.com)
  10. 10. Inteligência Artística Sensibilidade Artística Arte & Educação perante o saber Espírita Entendendo o potencial artístico do educando Elaborado por: Cláudio Marins (claudioespirita@gmail.com) 2 3 1 4
  11. 11. <ul><li>Arte & Educação perante o saber Espírita </li></ul><ul><li>Importante lembrar que somos depositários (co-criadores) dos tesouros confiados pelo Criador! </li></ul><ul><li> ... porque, onde está o teu tesouro, aí estará também o teu coração – Mt 6:21 </li></ul><ul><li>Na condição de educadores, qual o estoque de emoções que estamos sintonizando e comunicando aos educandos? </li></ul><ul><li> “ Queiramos ou não, afetamos os outros e os outros nos afetam, pelo mecanismo das idéias criadas por nós mesmos.” </li></ul><ul><li>F.C. Xavier /André Luiz - Sinal Verde- Prefácio (Emmanuel) </li></ul>Elaborado por: Cláudio Marins (claudioespirita@gmail.com)
  12. 12. Arte & Educação perante o saber Espírita Cuidados mínimos ao trabalhar com arte na evangelização:  “ A visão e a audição devem ser educadas, tanto quanto as palavras e as maneiras” F.C. Xavier /André Luiz - Sinal Verde- Cap. 15 Elaborado por: Cláudio Marins (claudioespirita@gmail.com)
  13. 13. Arte & Educação perante o saber Espírita Cuidados mínimos ao trabalhar com arte na evangelização: Música:  Verificar se a melodia e harmonia são compatíveis com a mensagem que se quer transmitir (Ex.: Letra de caráter alegre mas melodia dramática);  Para estabelecer equilíbrio: Se educandos estão agitados, tocar música calma e tranquila; Se educandos estão “desenergizados”, tocar música alegre e ritmada.  Lembrar que uma música com letra de caráter elevado em um ritmo que exalte a sensualidade e/ou o sensorial, não atingirá seu objetivo de elevação.  O plágio deve ser evitado (não devemos colocar letras espíritas em melodias não espíritas). O educando sempre irá desviar seu pensamento e emoções para a música original, além disso, a música tem a capacidade de invocar a intenção do autor ao criá-la. Elaborado por: Cláudio Marins (claudioespirita@gmail.com)
  14. 14. FORMAS PENSAMENTO Música: Romanças sem palavras n° 9 Compositor: Mendelsshon Altura: 30 m Elaborado por: Cláudio Marins (claudioespirita@gmail.com) Extraído do livro: Formas Pensamento (Annie Besant e C.W. Leadbeater) Arte & Educação perante o saber Espírita
  15. 15. FORMAS PENSAMENTO Música: O Soldiers Chorus from Faust Compositor: Gounod Altura: 200 m Elaborado por: Cláudio Marins (claudioespirita@gmail.com) Extraído do livro: Formas Pensamento (Annie Besant e C.W. Leadbeater) Arte & Educação perante o saber Espírita
  16. 16. FORMAS PENSAMENTO Música: The Meistersingrs Compositor: Wagner Altura: 300 m Largura: 300 m Extraído do livro: Formas Pensamento (Annie Besant e C.W. Leadbeater) Arte & Educação perante o saber Espírita Elaborado por: Cláudio Marins (claudioespirita@gmail.com)
  17. 17. Arte & Educação perante o saber Espírita Cuidados mínimos ao trabalhar com arte na evangelização: Teatro:  Não incorrer no erro de apresentar a maior parte do tempo o contra exemplo e somente nos momentos finais da peça transmitir a mensagem de luz que se deseja;  Evitar expressões bruscas. Um grito, dado por uma personagem, pode “marcar” de forma negativa o expectador / educando, podendo ficar gravado em seu subconsciente e servir de exemplo para sua ação em experiência semelhante.  Podemos e devemos levar a alegria e o riso mas não esquecendo de sermos profundos na emissão da mensagem, a ponto de tocarmos os corações que clamam por um norte.  Sempre que possível, selecionar com carinho e atenção o jogo de luzes, o cenário e a seleção músical que irá compor a peça. Não necessitamos ostentar luxo mas usar de coerência para melhor oferecer uma experiência transformadora aos expectadores/educandos. Elaborado por: Cláudio Marins (claudioespirita@gmail.com)
  18. 18. Arte & Educação perante o saber Espírita Cuidados mínimos ao trabalhar com arte na evangelização: Em todas as formas artísticas: “ Vós me chamais o Mestre e Senhor e dizeis bem, porque eu o sou. ” João 13:13 Perfectibilidade, integração com as leis divinas, autoconhecimento, transformação para o bem, eis a característica da mensagem cristã-espírita. “ Colaborar na cristianização da arte. A arte deve ser o belo criando o Bom” Conduta Espírita , Cap.44, André Luiz Elaborado por: Cláudio Marins (claudioespirita@gmail.com)
  19. 19. Arte & Educação perante o saber Espírita Cláudio Marins [email_address]

×