Cap 1 -_o_que_é_comportamento (1)

2.310 visualizações

Publicada em

Publicada em: Negócios
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.310
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
100
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
151
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Cap 1 -_o_que_é_comportamento (1)

  1. 1. slide 1 © 2011 Pearson Prentice Hall. Todos os direitos reservados. Capítulo 1 O que é comportamento organizacional? © 2011 Pearson Prentice Hall. Todos os direitos reservados.slide 1
  2. 2. slide 2 © 2011 Pearson Prentice Hall. Todos os direitos reservados. Objetivos de aprendizagem • Demonstrar a importância das habilidades interpessoais no local de trabalho. • Descrever as funções, papéis e habilidades dos administradores. • Definir comportamento organizacional. • Explicar a importância do estudo sistemático para o comportamento organizacional. • Identificar as contribuições das principais disciplinas das ciências sociais para o estudo do comportamento organizacional. • Demonstrar por que poucas verdades absolutas se aplicam ao comportamento organizacional. • Identificar desafios e oportunidades com que os administradores se deparam ao aplicar os conceitos de comportamento organizacional. • Comparar os três níveis de análise no modelo de comportamento organizacional apresentado neste livro.
  3. 3. slide 3 © 2011 Pearson Prentice Hall. Todos os direitos reservados. A importância das habilidades interpessoais • Como compreender os sentimentos e motivações dos indivíduos e grupos para tentar prever seus comportamentos? • No mundo de hoje, com um ambiente de trabalho cada vez mais competitivo e exigente, os administradores não podem depender apenas de suas competências técnicas. Eles precisam também de habilidades interpessoais. Contratação e manutenção de pessoas qualificadas Ambiente de trabalho agradável Boas habilidades interpessoais
  4. 4. slide 4 © 2011 Pearson Prentice Hall. Todos os direitos reservados. O que fazem os administradores Planejamento Definição de metas e estratégia da organização e desenvolvimento de planos de integração das atividades. Organização Definição do que deve ser feito, como deve ser feito e quem deve fazer cada tarefa. Direção Direção e coordenação de pessoas para o alcance dos objetivos organizacionais. Controle Monitoramento do desempenho e correção de eventuais desvios. Funções do administrador
  5. 5. slide 5 © 2011 Pearson Prentice Hall. Todos os direitos reservados. Papéis dos Administradores Interpessoais • Símbolo • Líder • Ligação Informacionais • Monitor • Disseminador • Porta-voz Decisórios • Empreendedor • Gerenciador de turbulências • Alocador de recursos • Negociador
  6. 6. slide 6 © 2011 Pearson Prentice Hall. Todos os direitos reservados. Habilidades dos administradores Técnicas • Capacidade de aplicação de conhecimentos ou habilidades específicas. Humanas • Capacidade de trabalhar com outras pessoas, compreendendo as informações e motivando-as, tanto individualmente como em grupos. Conceituais • Capacidade cognitiva para analisar informações e diagnosticar situações complexas.
  7. 7. slide 7 © 2011 Pearson Prentice Hall. Todos os direitos reservados. Média dos gestores Gestores bem-sucedidos Gestores eficazes Gestão tradicional Comunicação Gestão de recursos humanos Networking 19% 32% 29% 20% 11% 28% 13% 48% 19% 11% 26% 44% Atividades eficazes versus Atividades bem- sucedidas
  8. 8. slide 8 © 2011 Pearson Prentice Hall. Todos os direitos reservados. O comportamento organizacional O comportamento organizacional (CO) é um campo de estudos que investiga o impacto que indivíduos, grupos e a estrutura organizacional têm sobre o comportamento das pessoas dentro das organizações, com o propósito de utilizar esse conhecimento para melhorar a eficácia organizacional.
  9. 9. slide 9 © 2011 Pearson Prentice Hall. Todos os direitos reservados. Intuição e estudo sistemático Estudo sistemático • Estudo de relações entre variáveis na tentativa de atribuir causas e efeitos e de basear conclusões em evidências científicas. Administração baseada em evidências • Método de administração que baseia as decisões gerenciais na melhor evidência científica disponível. Intuição • Sensação ou instinto não necessariamente corroborado pela pesquisa.
  10. 10. slide 10 © 2011 Pearson Prentice Hall. Todos os direitos reservados. Psicologia Sociologia Psicologia social Antropologia Disciplinas que contribuem para o estudo do CO Psicologia • Ciência que busca medir, explicar e, algumas vezes, modificar o comportamento dos seres humanos e dos animais. Psicologia social • Ramo da psicologia que mistura conceitos desta ciência e da sociologia para focar a influência de um indivíduo sobre outros. Sociologia • Ciência que estuda as pessoas em relação a seus ambientes sociais ou culturais. Antropologia • Ciência que estuda as sociedades para compreender os seres humanos e suas atividades.
  11. 11. slide 11 © 2011 Pearson Prentice Hall. Todos os direitos reservados. Os conceitos de comportamento organizacional precisam refletir condições situacionais ou contingenciais. z = Variáveis contingenciais: fatores situacionais; variáveis que moderam a relação entre duas ou mais variáveis. z Poucas verdades são absolutas em CO x y
  12. 12. slide 12 © 2011 Pearson Prentice Hall. Todos os direitos reservados. Desafios e oportunidades em CO • Administrando as pessoas durante épocas de crise. • Respondendo à globalização. • Administrando a diversidade da força de trabalho. • Melhorando o atendimento ao cliente. • Melhorando as habilidades humanas. • Estimulando a inovação e a mudança. • Lidando com a ‘temporariedade’. • Trabalhando em organizações interconectadas. • Ajudando os funcionários a equilibrar a vida pessoal e a profissional. • Criando um ambiente de trabalho positivo. • Melhorando o comportamento ético.
  13. 13. slide 13 © 2011 Pearson Prentice Hall. Todos os direitos reservados. Desenvolvendo um modelo de CO Modelo básico de comportamento organizacional Visão geral – Estágio I Nível individual Nível de grupo Nível de sistemas organizacionais
  14. 14. slide 14 © 2011 Pearson Prentice Hall. Todos os direitos reservados. Variáveis dependentes em CO •Medida de desempenho que abrange eficiência e eficácia.Produtividade •Não comparecimento do funcionário ao trabalho.Absenteísmo •Saída permanente de pessoal da organização, voluntária ou involuntariamente.Rotatividade •Comportamento que viola as normas da organização, ameaçando o próprio bem-estar como de seus membros. Desvios de comportamento no ambiente de trabalho •Comportamento discricionário que não faz parte das exigências funcionais de um cargo, mas que ajuda a promover o funcionamento eficaz da organização. Cidadania organizacional •Sentimento positivo sobre o trabalho, resultado de uma avaliação sobre suas características.Satisfação no trabalho Fatores-chave que se pretende explicar ou prever e que são afetados por algum outro fator (variável independente).
  15. 15. slide 15 © 2011 Pearson Prentice Hall. Todos os direitos reservados. Variáveis independentes em CO •Características biográficas - Percepção •Habilidades - Tomada de decisão individual •Valores e atitudes - Aprendizagem individual •Personalidade e emoções - Motivação Variáveis no nível Individual •Comunicação - Estrutura do grupo •Tomada de decisão no grupo - Equipes de trabalho •Liderança e confiança - Conflito •Poder e política Variáveis no nível de grupo •Cultura organizacional •Práticas e políticas de RH •Desenho e estrutura da organização Variáveis no nível de sistema organizacional Suposta causa de alguma mudança em uma variável dependente
  16. 16. slide 16 © 2011 Pearson Prentice Hall. Todos os direitos reservados. Desenvolvendo um modelo de CO Estágio II Mudança e estresse Nível de sistemas organizacionais Resultado humano Nível de grupo Nível individualInsumos humanos
  17. 17. slide 17 © 2011 Pearson Prentice Hall. Todos os direitos reservados. Modelo de CO – Nível de sistemas organizacionais Nível de sistemas organizacionais Políticas e práticas de recursos humanos Desenho e estrutura da organização Cultura organizacional Mudança e estresse Nível de grupo Resultado humano Produtividade Absenteísmo Rotatividade Desvios de comportamento Cidadania Satisfação
  18. 18. slide 18 © 2011 Pearson Prentice Hall. Todos os direitos reservados. Modelo de CO – Nível de grupo Nível de grupo Mudança e estresse Nível individual Liderança e confiança Estrutura do grupo Tomada de decisão no grupo Conflito Poder e política Equipes de trabalho Comunicação Nível de sistemas organizacionais
  19. 19. slide 19 © 2011 Pearson Prentice Hall. Todos os direitos reservados. Modelo de CO – Nível individual Mudança e estresse Nível individual Nível de grupo Insumos humanos Percepção Motivação Características biográficas Aprendizagem individual Valores e atitudes Tomada de decisão individual Personalidade e emoções Habilidade

×