PROJETO POLITICO PEDAGOGICOI E II
PILARES DA EDUCAÇÃOSociedade ModernaSéculo XXCapitalismo• Modelo de homem ideal muito autônomo,porém pouco solidário.X• Ho...
PILARES DA EDUCAÇÃOSociedade Pós-modernaSéculo XXI• Desafio de construir um novo horizonteantropológico para a educação.• ...
PILARES DA EDUCAÇÃO• QUE TIPO DE SOCIEDADE DEVEMOS LUTARPOR CONSTRUIR?No Brasil,esta questão já está respondidano artigo 3...
PILARES DA EDUCAÇÃO• Artigo 30:”Constituem objetivos fundamentais daRepública Federativa do Brasil:I – construir uma socie...
PILARES DA EDUCAÇÃO• Como construir uma sociedade maislivre,justa e solidária, por meio da educação?• Não podemos nos limi...
PILARES DA EDUCAÇÃO• A inteligência, não é a única via de acesso aexpressão dos valores. Eles se manifestamquando sentimos...
PILARES DA EDUCAÇÃO• Nesse sentido, educar é criar espaços paraque o educando possa empreender por elepróprio a construção...
PILARES DA EDUCAÇÃO• Fonte de iniciativa significa que o educandodeve agir, ou seja, não deve ser apenas umespectador ou u...
PILARES DA EDUCAÇÃO• Fonte de liberdade significa que o educandodeve ter diante de si propostas alternativasde ação, deve ...
PILARES DA EDUCAÇÃO• Fonte de compromisso significa que oeducando deve responder pelos seus atos, serconseqüente nas suas ...
PILARES DA EDUCAÇÃO• O Relatório da UNESCO sobre educação para oséculo XXI, diante de um mundo empermanente e acelerada mu...
PILARES DA EDUCAÇÃO• A educação pluridimensional é a aplicação dosprincípios éticos-políticos do Paradigma doDesenvolvimen...
• Visão Holística do ser bio-psico-social
PILARES DA EDUCAÇÃO• A educação deve fornecer ao homem “acartografia de um mundo complexo econstantemente agitado e, ao me...
PILARES DA EDUCAÇÃO1. Aprender a ser(Competência Pessoal)“Para melhor desenvolver a sua personalidade eestar a altura de a...
PILARES DA EDUCAÇÃO• 2.Aprender a conviver(Competência Social)• “Desenvolvendo a compreensão do outro e apercepção das int...
PILARES DA EDUCAÇÃO• 3.Aprender a Fazer(Competência Produtiva)• “Não somente para adquirir uma qualificaçãoprofissional , ...
PILARES DA EDUCAÇÃO4-Aprender a Conhecer(Competência Cognitiva)“Combinando uma cultura geral suficientementevasta, com a p...
PILARES DA EDUCAÇÃOA idéia pode ser resumida em dois grandesobjetivos:1. Ampliar a educação ao conjunto daexperiência huma...
O PARADIGMA DODESENVOLVIMENTO HUMANO• A concepção de educação abraçada pela ONUneste limiar do século XXI, tem por fundame...
O PARADIGMA DODESENVOLVIMENTO HUMANO1. O fundamento real do desenvolvimentohumano é o universalismo do direito à vida.
O PARADIGMA DODESENVOLVIMENTO HUMANO2.Cada ser humano nasce com um potencial quenecessita de certas condições para sedesen...
O PARADIGMA DODESENVOLVIMENTO HUMANO• 3-O objetivo do desenvolvimento é criar umambiente no qual todas as pessoas possamex...
O PARADIGMA DODESENVOLVIMENTO HUMANO• 4-Esse ambiente deve ainda oportunizar que apresente e as futuras gerações ampliem s...
O PARADIGMA DODESENVOLVIMENTO HUMANO• 5-A vida não é valorizada apenas porque aspessoas podem produzir bens materiais, nem...
O PARADIGMA DODESENVOLVIMENTO HUMANO• 6- Cada indivíduo bem como cada geração,tem direito a oportunidades, que lhepermitam...
O PARADIGMA DODESENVOLVIMENTO HUMANO• 7- A forma pela qual realmente sãoaproveitadas essas oportunidades e quais osresulta...
O PARADIGMA DODESENVOLVIMENTO HUMANO• 8-Todo ser humano deve ter possibilidade deescolha agora e no futuro.
O PARADIGMA DODESENVOLVIMENTO HUMANO• 9-Há uma necessidade ética de se garantir àsgerações futuras condições ambientais pe...
O PARADIGMA DODESENVOLVIMENTO HUMANO• 10-Esse universalismo torna as pessoas maiscapazes e protege os direitos fundamentai...
PEDAGOGIA DE PROJETOS• A idéia de Pedagogia de Projetos foi criada noinício do século XX, pelo filósofoestadunidense John ...
PEDAGOGIA DE PROJETOS• Dewey propõe que as aulas da escola têm desair do campo teórico para o prático, ou seja,os conteúdo...
PEDAGOGIA DE PROJETOS• A Pedagogia de Projetos é um método peloqual a turma desenvolve um projeto compropósitos definidos ...
PEDAGOGIA DE PROJETOS• O objetivo dos projetos não pode ser ficcional;deve, sim, ser real e prático, tendo resultadospara ...
PEDAGOGIA DE PROJETOS• O fato de envolver experiência própria faz comque o ato do aprendizado desvincule-se dométodo tradi...
PEDAGOGIA DE PROJETOS• A Pedagogia de Projetos visa uma interaçãomaior entre professores e alunos, uma vezque ambos serão ...
PEDAGOGIA DE PROJETOSCARACTERÍSTICAS FUNDAMENTAIS:1.Intencionalidade:É necessário que o projeto sejaorientado por objetivo...
PEDAGOGIA DE PROJETOS• CARACTERÍSTICAS FUNDAMENTAIS:• 2-Flexibilidade:Não segue a noção padrão detrabalhos em que as datas...
PEDAGOGIA DE PROJETOS• CARACTERÍSTICAS FUNDAMENTAIS:• 3-Originalidade:Cada grupo é único, então o projetodeve também ser t...
PROJETOS DE TRABALHOS• O QUE É UM PROJETO?• Uma intervenção pedagógica específica quevisa promover avanços específicos. É ...
PROJETOS DE TRABALHOSCARACTERÍSTICAS FUNDAMENTAIS:– Interdisciplinaridade– Participação dos alunos no planejamento– Ter cl...
Projeto = identidade  escola comunidade“Ter uma identidade tem a ver com ter umahistória, com poder colocar a própria re...
não ter consciência da própria identidade dificuldade de determinar o que é desejável e oque se deve recusar.identidade s...
Elemento central desta identidade coletivaConjunto compartilhado de valores, normase formas específicas de enfrentar ereso...
“Se apostarmos na convivência semsegmentações, na coesão social e nasolidariedade sem distâncias...... tudo que leve a uma...
Projeto político-pedagógicoPolítico por que diz respeito à arte e àciência de governar – Ele prevê e dá umadireção à gestã...
“O projeto representa a oportunidade de adireção, a coordenação pedagógica, osprofessores e a comunidade, tomarem suaescol...
Toda escola tem algum projetopedagógico, seja ele formalizado em umtexto ou vivido no dia a dia da sala deaula. Quando sen...
“Aquele que se entrega à tristezarenuncia à plenitude da vida.Para sobreviver:planejar a esperança”.Pichon Riviére
A escola deve ser encarada como umacomunidade educativa que mobiliza oconjunto dos atores sociais e dos gruposprofissionai...
Pensar em Projeto Político Pedagógicopara qualquer escola, pressupõe que oseducadores tenham um espaço ondepossam se manif...
Quando os professores de determinadaescola se reúnem para pensaremorganizadamente sobre o seu fazer, é ocomeço de uma ativ...
O Projeto Pedagógico da escola podeenriquecer se todos puderem mostrarsuas habilidades e forem respeitadospelas diferenças...
Projeto Pedagógico•Deve traduzir a história da instituição•Deve orientar o documento normativo daescola, seu Regimento Int...
Quem é você?Conhecer-se e às suascircunstânciaso Consenso mínimo em torno deopções sociais políticaspedagógicasConhecer o ...
O que você quer ser daqui a 5,10 anos?Como você quer estar?Intenções concretasDesejoSonhoExpectativaPropósito
O que você precisa?  NecessidadesTer competênciaAnálise da situaçãoIdentificar prioridadesForças e fraquezas,possibilidad...
O que você vai fazer para conseguir?Mobilizar-se para enfrentar e resolveras necessidades.MetasTomada de decisões Método
Quem pode lhe ajudar: Parceiros,dentro e fora de comunidade deaprendizagem,
Como saber se caminhamos bem?• Acompanhamento• Retroalimentação: avaliação externaauto-avaliação
Dados quantitativos: matrículafreqüênciaaproveitamentopresença de paisprazosDados qualitativos: atendimento das expectativ...
Queremos uma escola comunidade:“...lugar no qual se trabalha modelos culturais,valores, normas e formas de conviver e dere...
As opções feitas na escola sobreavaliação, enturmação, horário de aulas,organização de festas seja a junina ou asOlimpíada...
O projeto educativo é simultaneamenteum processo e um produto de umaplanificação destinada a orientar aorganização e o fun...
Projeto pedagógico é um documentoorientador da ação da escola, onde seregistram os alvos a atingir, as opçõesestratégicas ...
Projeto pedagógico como explicitação dasconvicções ideológicas, a enunciação dospropósitos gerais que orientam a práticada...
1. Contextualização e caracterização da escola• Caracterização da comunidade: aspectosgeográficos, históricos, sócio-econô...
3. Diagnóstico• Necessidades• Prioridades• Decisões e estratégias de ação3. Objetivos GeraisExemplo de Roteiro
5. Estrutura e FuncionamentoOrganização da escola âmbito espaço-temporal• Níveis de oferta• Agrupamentos• Calendário• Roti...
Âmbito relacional• Papel / perfil / responsabilidadesdiretorprofessorcoordenadoralunoapoiofamíliaÂmbito administrativo fin...
“O Currículo é a ligação entre a cultura e asociedade exterior à escola e à educação;entre o conhecimento e cultura herdad...
Currículo: “Um modo pelo qual a cultura érepresentada e reproduzida no cotidiano dasinstituições escolares”.Pedra - 97
Proposta curricular• Fundamentos• Organização curricular (por série / por ciclo)(por área / por disciplina)o Objetivoso Or...
A formalização do Projeto Pedagógico daescola assume aí um importante papel aosugerir como o momento do registro e do“re-v...
“Confesso que não venho, até aqui, falar-vossobre o problema da Educação, sem certoconstrangimento: quem percorrer alegisl...
“Não há, assim, como fugir a impressãopenosa de nos estarmos a repetir. Há cemanos os educadores se repetem entre nós.Esva...
Projeto politico pedagogico i e ii
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Projeto politico pedagogico i e ii

428 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
428
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
20
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Projeto politico pedagogico i e ii

  1. 1. PROJETO POLITICO PEDAGOGICOI E II
  2. 2. PILARES DA EDUCAÇÃOSociedade ModernaSéculo XXCapitalismo• Modelo de homem ideal muito autônomo,porém pouco solidário.X• Homem compulsoriamente solidário e muitopouco autônomo dos países socialistas.
  3. 3. PILARES DA EDUCAÇÃOSociedade Pós-modernaSéculo XXI• Desafio de construir um novo horizonteantropológico para a educação.• Enfoque na formação do homem autônomo esolidário.
  4. 4. PILARES DA EDUCAÇÃO• QUE TIPO DE SOCIEDADE DEVEMOS LUTARPOR CONSTRUIR?No Brasil,esta questão já está respondidano artigo 30 da Constituição Federal.
  5. 5. PILARES DA EDUCAÇÃO• Artigo 30:”Constituem objetivos fundamentais daRepública Federativa do Brasil:I – construir uma sociedade livre,justa e solidária;II- garantir o desenvolvimento nacional;III – erradicar a pobreza e a marginalização ereduzir as desigualdades sociais e regionais;IV – promover o bem de todos, sem preconceitosde origem, raça, sexo, cor, idade e quaisqueroutras formas de discriminação”.
  6. 6. PILARES DA EDUCAÇÃO• Como construir uma sociedade maislivre,justa e solidária, por meio da educação?• Não podemos nos limitar à dimensão dosconteúdos intelectuais transmitidos por meioda docência, apenas.Os valores devem sermais do que transmitidos, precisam servivenciados.
  7. 7. PILARES DA EDUCAÇÃO• A inteligência, não é a única via de acesso aexpressão dos valores. Eles se manifestamquando sentimos, escolhemos, decidimos ouagimos nesta ou naquela direção.caráterhábitosatosatitudesValores e crenças
  8. 8. PILARES DA EDUCAÇÃO• Nesse sentido, educar é criar espaços paraque o educando possa empreender por elepróprio a construção do seu ser,ou seja, arealização de suas potencialidades em termospessoais e sociais.• O educando passa a ser visto não comorecipiente, mas como fonte autêntica deiniciativa, compromisso e liberdade.
  9. 9. PILARES DA EDUCAÇÃO• Fonte de iniciativa significa que o educandodeve agir, ou seja, não deve ser apenas umespectador ou um receptor do processopedagógico. Ele deve situar-se na raiz dosacontecimentos, envolvendo-se na suaprodução.
  10. 10. PILARES DA EDUCAÇÃO• Fonte de liberdade significa que o educandodeve ter diante de si propostas alternativasde ação, deve decidir, fazer opções, comoparte do seu processo de crescimento comopessoa e como cidadão.
  11. 11. PILARES DA EDUCAÇÃO• Fonte de compromisso significa que oeducando deve responder pelos seus atos, serconseqüente nas suas ações, assumindo aresponsabilidade pelo que faz ou deixa defazer.Reciprocidade entre direitos e deveres.• A adoção destas concepções de educando nosleva à formação do jovem autônomo, solidárioe competente.
  12. 12. PILARES DA EDUCAÇÃO• O Relatório da UNESCO sobre educação para oséculo XXI, diante de um mundo empermanente e acelerada mudança, sustentaque a educação deverá ser cada vez maispluridimensional .
  13. 13. PILARES DA EDUCAÇÃO• A educação pluridimensional é a aplicação dosprincípios éticos-políticos do Paradigma doDesenvolvimento Humano(Programa dasNações Unidas para oDesenvolvimento:1990).
  14. 14. • Visão Holística do ser bio-psico-social
  15. 15. PILARES DA EDUCAÇÃO• A educação deve fornecer ao homem “acartografia de um mundo complexo econstantemente agitado e, ao mesmo tempo,a bússola que permita navegar através dele”.• Para isso, a educação deve ser capaz, segundoo relatório da UNESCO, de organizar-se emtorno de quatro grandes eixos:
  16. 16. PILARES DA EDUCAÇÃO1. Aprender a ser(Competência Pessoal)“Para melhor desenvolver a sua personalidade eestar a altura de agir com cada vez melhor capacidadede autonomia, de discernimento e de responsabilidadepessoal. Para isso, não negligenciar na educaçãonenhuma das capacidades de cada indivíduo:memória,raciocínio, sentido estético, capacidades físicas eaptidão para comunicar”.
  17. 17. PILARES DA EDUCAÇÃO• 2.Aprender a conviver(Competência Social)• “Desenvolvendo a compreensão do outro e apercepção das interdependências:realizarprojetos comuns e preparar-se para gerirconflitos , no respeito pelos valores dopluralismo, da compreensão mútua e da paz”.
  18. 18. PILARES DA EDUCAÇÃO• 3.Aprender a Fazer(Competência Produtiva)• “Não somente para adquirir uma qualificaçãoprofissional , mas duma maneira mais ampla,competências que tornem a pessoa apta a enfrentarnumerosas situações e trabalhar em equipe.Mas,também, aprender a fazer, no âmbito das diversasexperiências sociais ou de trabalho que se oferecemaos adolescentes e jovens, quer espontaneamente,fruto do contexto local ou nacional, quer formalmente,graças ao desenvolvimento do ensino alternado com otrabalho”.
  19. 19. PILARES DA EDUCAÇÃO4-Aprender a Conhecer(Competência Cognitiva)“Combinando uma cultura geral suficientementevasta, com a possibilidade de trabalhar emprofundidade um pequeno número de matérias.O que significa aprender a aprender, parabeneficiar-se das oportunidades oferecidas pelaeducação ao longo de toda a vida”.
  20. 20. PILARES DA EDUCAÇÃOA idéia pode ser resumida em dois grandesobjetivos:1. Ampliar a educação ao conjunto daexperiência humana (ser,conviver,fazer econhecer);2. Estende-la ao longo de toda vida,transcendendo os limites da instituição e daidade escolar.
  21. 21. O PARADIGMA DODESENVOLVIMENTO HUMANO• A concepção de educação abraçada pela ONUneste limiar do século XXI, tem por fundamentoO PARADIGMA DO DESENVOLVIMENTOHUMANO, que desde 1990, vem sendodesenvolvido e difundido pelo Programa dasNações Unidas para o Desenvolvimento(PNUD),o qual pode ser resumido em dez pontos básicos,consistentes com a educação pluridimensional.
  22. 22. O PARADIGMA DODESENVOLVIMENTO HUMANO1. O fundamento real do desenvolvimentohumano é o universalismo do direito à vida.
  23. 23. O PARADIGMA DODESENVOLVIMENTO HUMANO2.Cada ser humano nasce com um potencial quenecessita de certas condições para sedesenvolver.
  24. 24. O PARADIGMA DODESENVOLVIMENTO HUMANO• 3-O objetivo do desenvolvimento é criar umambiente no qual todas as pessoas possamexpandir suas capacidades.
  25. 25. O PARADIGMA DODESENVOLVIMENTO HUMANO• 4-Esse ambiente deve ainda oportunizar que apresente e as futuras gerações ampliem suaspossibilidades.
  26. 26. O PARADIGMA DODESENVOLVIMENTO HUMANO• 5-A vida não é valorizada apenas porque aspessoas podem produzir bens materiais, nema vida de uma pessoa vale mais que a deoutra.
  27. 27. O PARADIGMA DODESENVOLVIMENTO HUMANO• 6- Cada indivíduo bem como cada geração,tem direito a oportunidades, que lhepermitam melhor fazer uso de suascapacidades potenciais.
  28. 28. O PARADIGMA DODESENVOLVIMENTO HUMANO• 7- A forma pela qual realmente sãoaproveitadas essas oportunidades e quais osresultados alcançados é um assunto que tema ver com as escolhas que cada um faz aolongo da vida.
  29. 29. O PARADIGMA DODESENVOLVIMENTO HUMANO• 8-Todo ser humano deve ter possibilidade deescolha agora e no futuro.
  30. 30. O PARADIGMA DODESENVOLVIMENTO HUMANO• 9-Há uma necessidade ética de se garantir àsgerações futuras condições ambientais pelomenos iguais às que gerações anterioresdesfrutaram (desenvolvimento sustentável).
  31. 31. O PARADIGMA DODESENVOLVIMENTO HUMANO• 10-Esse universalismo torna as pessoas maiscapazes e protege os direitos fundamentais(civis, políticos,sociais,econômicos eambientais).
  32. 32. PEDAGOGIA DE PROJETOS• A idéia de Pedagogia de Projetos foi criada noinício do século XX, pelo filósofoestadunidense John Dewey(1859-1952) o qualtomou por base a concepção de que “aeducação é um processo de vida e não umapreparação para a vida futura”.
  33. 33. PEDAGOGIA DE PROJETOS• Dewey propõe que as aulas da escola têm desair do campo teórico para o prático, ou seja,os conteúdos ensinados devem despertar nosalunos a motivação para uma mudança decomportamento.• Todo o ensinamento precisa estar carregadode realidade e senso prático.
  34. 34. PEDAGOGIA DE PROJETOS• A Pedagogia de Projetos é um método peloqual a turma desenvolve um projeto compropósitos definidos pelo tutor.• Trata-se da experimentação a serviço doaprendizado.• O aprendiz deve entrar em contato comassuntos do seu interesse e utilizar suaspróprias habilidades para ajudar nodesenvolvimento do projeto pelo grupo.
  35. 35. PEDAGOGIA DE PROJETOS• O objetivo dos projetos não pode ser ficcional;deve, sim, ser real e prático, tendo resultadospara a turma e para o pensamento crítico e socialdo grupo.• Não é necessário e nem recomendável que arealização do projeto seja presa ao tempo-espaçode aula, podendo ocorrer em outros espaços emomentos, até mesmo espontaneamente, sem asolicitação do professor.
  36. 36. PEDAGOGIA DE PROJETOS• O fato de envolver experiência própria faz comque o ato do aprendizado desvincule-se dométodo tradicional, em que o professor passa oconteúdo a alunos passivos ao aprendizado.• O aluno torna-se agente ativo da construção dopróprio conhecimento e não está mais submetidoao clássico sistema de estímulo-resposta-feedback, está livre para decidir como aprender,qual a forma que melhor lhe caberá .
  37. 37. PEDAGOGIA DE PROJETOS• A Pedagogia de Projetos visa uma interaçãomaior entre professores e alunos, uma vezque ambos serão igualmente responsáveispelos resultados atingidos.
  38. 38. PEDAGOGIA DE PROJETOSCARACTERÍSTICAS FUNDAMENTAIS:1.Intencionalidade:É necessário que o projeto sejaorientado por objetivos claros como a jámencionada definição de problema, razão pararealizar o trabalho, que resultados esperar e comoos alunos serão modificados.
  39. 39. PEDAGOGIA DE PROJETOS• CARACTERÍSTICAS FUNDAMENTAIS:• 2-Flexibilidade:Não segue a noção padrão detrabalhos em que as datas são determinadas efixas para o fim. Os alunos têm o direito demodificar a forma como tratam o problema,se acharem que outra abordagem seria maisindicada.
  40. 40. PEDAGOGIA DE PROJETOS• CARACTERÍSTICAS FUNDAMENTAIS:• 3-Originalidade:Cada grupo é único, então o projetodeve também ser tratado de forma diferente emdiferentes grupos. Os grupos não podem sercomparados com relação à velocidade e objetivosalcançados até o momento. O sucesso do trabalho émarcado a partir do alcance do objetivo principalpor todos os grupos.
  41. 41. PROJETOS DE TRABALHOS• O QUE É UM PROJETO?• Uma intervenção pedagógica específica quevisa promover avanços específicos. É umempreendimento único, não repetitivo, cominício e fim bem determinados, formalmenteorganizados,composto de um conjunto deações complexas dirigidas a um objetivopreciso pré-estabelecido, de interesse para osque o realizem.
  42. 42. PROJETOS DE TRABALHOSCARACTERÍSTICAS FUNDAMENTAIS:– Interdisciplinaridade– Participação dos alunos no planejamento– Ter clareza do objetivo que se pretende alcançar– Flexibilidade– Avaliação em três momentos distintos
  43. 43. Projeto = identidade  escola comunidade“Ter uma identidade tem a ver com ter umahistória, com poder colocar a própria realidadeentre passado e futuro, integrando narealidade essa história e esse novo projeto”.Joan Subiratis
  44. 44. não ter consciência da própria identidade dificuldade de determinar o que é desejável e oque se deve recusar.identidade social  construção a partir deuma rede de relações e de fluxo de informaçõesentre os membros dessa comunidade escolar eem relação com outras comunidades.
  45. 45. Elemento central desta identidade coletivaConjunto compartilhado de valores, normase formas específicas de enfrentar eresolver os problemas cotidianos.Comunidade-escola – comunidade localÂmbitos de interdependência e de influenciarecíprocas.
  46. 46. “Se apostarmos na convivência semsegmentações, na coesão social e nasolidariedade sem distâncias...... tudo que leve a uma melhor identificaçãodas escolas com seu território e suadiversidade social, e tudo aquilo que conduza amelhorar o sentido de identidade e de projetocomunitário, irá nesse caminho”.Joan Subiratis
  47. 47. Projeto político-pedagógicoPolítico por que diz respeito à arte e àciência de governar – Ele prevê e dá umadireção à gestão da escola.Pedagógico por que diz respeito à reflexãosistemática sobre as práticas educativas: dásentido e rumo às práticas educativas,contextualizadas culturalmente.
  48. 48. “O projeto representa a oportunidade de adireção, a coordenação pedagógica, osprofessores e a comunidade, tomarem suaescola nas mãos, definir seu papelestratégico na educação das crianças ejovens, organizar suas ações, visando aatingir os objetivos que se propõem. É oordenador, o norteador da vida escolar”.J. C. Libâneo
  49. 49. Toda escola tem algum projetopedagógico, seja ele formalizado em umtexto ou vivido no dia a dia da sala deaula. Quando sentamos juntos,profissionalmente para buscar respostaspara as questões cotidianas, estamoscolocando o projeto da escola emprática.
  50. 50. “Aquele que se entrega à tristezarenuncia à plenitude da vida.Para sobreviver:planejar a esperança”.Pichon Riviére
  51. 51. A escola deve ser encarada como umacomunidade educativa que mobiliza oconjunto dos atores sociais e dos gruposprofissionais em torno de um projetocomum. Para tal, é preciso demarcar osespaços próprios de ação, pois só naclassificação desses limites se podealicerçar uma colocação efetiva.
  52. 52. Pensar em Projeto Político Pedagógicopara qualquer escola, pressupõe que oseducadores tenham um espaço ondepossam se manifestar, que o processoda escola e suas experiênciasacumuladas sejam refletidas no texto.Que haja uma definição anterior sobrequal a concepção de Projeto PolíticoPedagógico será utilizada pelo grupo.
  53. 53. Quando os professores de determinadaescola se reúnem para pensaremorganizadamente sobre o seu fazer, é ocomeço de uma atividade coletiva quequase certamente terá a “escrita” doprojeto pedagógico da escola comoresultado.
  54. 54. O Projeto Pedagógico da escola podeenriquecer se todos puderem mostrarsuas habilidades e forem respeitadospelas diferenças e não pelassemelhanças.
  55. 55. Projeto Pedagógico•Deve traduzir a história da instituição•Deve orientar o documento normativo daescola, seu Regimento Interno•Deve ser elaborado a partir dos princípiosnorteadores
  56. 56. Quem é você?Conhecer-se e às suascircunstânciaso Consenso mínimo em torno deopções sociais políticaspedagógicasConhecer o outroIdentidade
  57. 57. O que você quer ser daqui a 5,10 anos?Como você quer estar?Intenções concretasDesejoSonhoExpectativaPropósito
  58. 58. O que você precisa?  NecessidadesTer competênciaAnálise da situaçãoIdentificar prioridadesForças e fraquezas,possibilidades e limitesDiagnóstico
  59. 59. O que você vai fazer para conseguir?Mobilizar-se para enfrentar e resolveras necessidades.MetasTomada de decisões Método
  60. 60. Quem pode lhe ajudar: Parceiros,dentro e fora de comunidade deaprendizagem,
  61. 61. Como saber se caminhamos bem?• Acompanhamento• Retroalimentação: avaliação externaauto-avaliação
  62. 62. Dados quantitativos: matrículafreqüênciaaproveitamentopresença de paisprazosDados qualitativos: atendimento das expectativassatisfação de alunos/pais/professoresrespeito e visibilidade na comunidade
  63. 63. Queremos uma escola comunidade:“...lugar no qual se trabalha modelos culturais,valores, normas e formas de conviver e derelacionar-se...”Portanto, seu projeto é o: “âmbito em queesse conjunto de inter-relações eresponsabilidades se materializa...”
  64. 64. As opções feitas na escola sobreavaliação, enturmação, horário de aulas,organização de festas seja a junina ou asOlimpíadas; enfim, cada decisão tomadapela escola é político-pedagógica ereflete as orientações pedagógicasassumidas pelos seus profissionais.
  65. 65. O projeto educativo é simultaneamenteum processo e um produto de umaplanificação destinada a orientar aorganização e o funcionamento da escola,tendo em vista a obtenção dedeterminados resultados.
  66. 66. Projeto pedagógico é um documentoorientador da ação da escola, onde seregistram os alvos a atingir, as opçõesestratégicas a seguir, em função dodiagnóstico realizado, dos valoresdefinidos e das concepções teóricasescolhidas
  67. 67. Projeto pedagógico como explicitação dasconvicções ideológicas, a enunciação dospropósitos gerais que orientam a práticada escola e justificam sua estruturaorganizacional, onde são estabelecidas asrelações entre os membros dacomunidade escolar, formas departicipação mecanismos de tomada dedecisão.
  68. 68. 1. Contextualização e caracterização da escola• Caracterização da comunidade: aspectosgeográficos, históricos, sócio-econômicos.• Perfil dos alunos, corpo técnico pedagógico, apoio.• Breve histórico da instituição.2. Concepção da educação e da prática pedagógica• Perfil do aluno que se quer formar.• Princípios norteadores da prática.Exemplo de Roteiro
  69. 69. 3. Diagnóstico• Necessidades• Prioridades• Decisões e estratégias de ação3. Objetivos GeraisExemplo de Roteiro
  70. 70. 5. Estrutura e FuncionamentoOrganização da escola âmbito espaço-temporal• Níveis de oferta• Agrupamentos• Calendário• RotinasExemplo de Roteiro
  71. 71. Âmbito relacional• Papel / perfil / responsabilidadesdiretorprofessorcoordenadoralunoapoiofamíliaÂmbito administrativo financeiro• Modelo / instâncias de gestão• ResponsabilidadesExemplo de Roteiro
  72. 72. “O Currículo é a ligação entre a cultura e asociedade exterior à escola e à educação;entre o conhecimento e cultura herdadas e aaprendizagem dos alunos; entre a teoria(idéias, suposições e aspirações) e a práticapossível, dadas determinadas condições”.Gimeno Sacristán - 99Currículo
  73. 73. Currículo: “Um modo pelo qual a cultura érepresentada e reproduzida no cotidiano dasinstituições escolares”.Pedra - 97
  74. 74. Proposta curricular• Fundamentos• Organização curricular (por série / por ciclo)(por área / por disciplina)o Objetivoso Orientações didáticaso Conteúdoso AvaliaçãoProposta de formação continuada dos professoresProposta de trabalho com os pais, comunidade e instituiçõessimilares da regiãoExemplo de Roteiro
  75. 75. A formalização do Projeto Pedagógico daescola assume aí um importante papel aosugerir como o momento do registro e do“re-ver” para entender o nosso ofício e,através desta reflexão/estudo, nostornamos professores capazes deinterferir criativamente na elaboração donosso trabalho.
  76. 76. “Confesso que não venho, até aqui, falar-vossobre o problema da Educação, sem certoconstrangimento: quem percorrer alegislação do país a respeito da Educação,tudo aí encontrará.Sobre assunto algum se falou tanto no Brasile, em nenhum outro tão pouco se realizou”....
  77. 77. “Não há, assim, como fugir a impressãopenosa de nos estarmos a repetir. Há cemanos os educadores se repetem entre nós.Esvaem-se em palavras, esvaimo-nos empalavras e nada fazemos. Atacou-nos, poristo mesmo, um estranho pudor pela palavra.Pouco falamos os educadores de hoje.Estamos possuídos de um desespero mudopela ação”.Anísio Teixeira. Discurso na Assembléia Constituinte – 1947.

×