História da Cidade e dos Monumentos
Portuenses
1
História da Cidade e dos
Monumentos Portuenses
História da Cidade e dos Monumentos
Portuenses
2
Professor Doutor Artur Fil...
A RUA MAIS PEQUENA DO PORTO
“Rua Afonso Martins Alho”
História da Cidade e dos Monumentos
Portuenses
3
Professor Doutor Ar...
História da Cidade e dos Monumentos
Portuenses 4Artur Filipe dos Santos
A Rua Afonso Martins Alho é tida como
a Rua mais p...
História da Cidade e dos Monumentos
Portuenses 5Artur Filipe dos Santos
A Rua Afonso Martins Alho já teve o
nome de Traves...
História da Cidade e dos Monumentos
Portuenses
6
História da Cidade e dos Monumentos
Portuenses 7Artur Filipe dos Santos
Quem foi Afonso Martins Alho
Mercador do Porto (sé...
História da Cidade e dos Monumentos
Portuenses 8Artur Filipe dos Santos
Quem foi Afonso Martins Alho
Limitaram-se os dois ...
História da Cidade e dos Monumentos
Portuenses 9Artur Filipe dos Santos
Quem foi Afonso Martins Alho
Afonso Martins Alho v...
História da Cidade e dos Monumentos
Portuenses 10Artur Filipe dos Santos
Quem foi Afonso Martins Alho
Tratado este, consti...
História da Cidade e dos Monumentos
Portuenses 11Artur Filipe dos Santos
Quem foi Afonso Martins Alho
Pois bem, corria o l...
História da Cidade e dos Monumentos
Portuenses 12Artur Filipe dos Santos
Quem foi Afonso Martins Alho
Ao contrário do que ...
História da Cidade e dos Monumentos
Portuenses 13Artur Filipe dos Santos
Quem foi Afonso Martins Alho
O responsável do lad...
História da Cidade e dos Monumentos
Portuenses 14Artur Filipe dos Santos
Quem foi Afonso Martins Alho
Por ter conseguido t...
História da Cidade e dos Monumentos
Portuenses 15Artur Filipe dos Santos
Quem foi Afonso Martins Alho
Os resultados desta ...
História da Cidade e dos Monumentos
Portuenses 16Artur Filipe dos Santos
Quem foi Afonso Martins Alho
É por esta astucia d...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

História da cidade e dos monumentos portuenses rua afonso martins alho

403 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
403
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

História da cidade e dos monumentos portuenses rua afonso martins alho

  1. 1. História da Cidade e dos Monumentos Portuenses 1
  2. 2. História da Cidade e dos Monumentos Portuenses História da Cidade e dos Monumentos Portuenses 2 Professor Doutor Artur Filipe dos Santos
  3. 3. A RUA MAIS PEQUENA DO PORTO “Rua Afonso Martins Alho” História da Cidade e dos Monumentos Portuenses 3 Professor Doutor Artur Filipe dos Santos
  4. 4. História da Cidade e dos Monumentos Portuenses 4Artur Filipe dos Santos A Rua Afonso Martins Alho é tida como a Rua mais pequena do Porto Deve o seu nome ao mercador portuense Afonso Martins Alho, autor do primeiro tratado comercial com a Inglaterra.
  5. 5. História da Cidade e dos Monumentos Portuenses 5Artur Filipe dos Santos A Rua Afonso Martins Alho já teve o nome de Travessa das Flores pela sua proximidade com a Rua de Santa Catarina das Flores.
  6. 6. História da Cidade e dos Monumentos Portuenses 6
  7. 7. História da Cidade e dos Monumentos Portuenses 7Artur Filipe dos Santos Quem foi Afonso Martins Alho Mercador do Porto (séc. XIV). Com Gomes de Limpas foi enviado por D. Afonso IV a Londres, em 1352, para negociar e firmar o primeiro tratado comercial anglo-luso.
  8. 8. História da Cidade e dos Monumentos Portuenses 8Artur Filipe dos Santos Quem foi Afonso Martins Alho Limitaram-se os dois enviados a obter do soberano inglês um salvo-conduto anual para todos os mercadores e navios portugueses nos portos britânicos.
  9. 9. História da Cidade e dos Monumentos Portuenses 9Artur Filipe dos Santos Quem foi Afonso Martins Alho Afonso Martins Alho voltou de novo a Londres como mensageiro e procurador dos mercadores e comunidades das cidades marítimas de Lisboa e Porto para celebração do tratado do comércio.
  10. 10. História da Cidade e dos Monumentos Portuenses 10Artur Filipe dos Santos Quem foi Afonso Martins Alho Tratado este, constituído por oito artigos, válido para 50 anos, assinado em Londres em 20/10/1353.
  11. 11. História da Cidade e dos Monumentos Portuenses 11Artur Filipe dos Santos Quem foi Afonso Martins Alho Pois bem, corria o longínquo ano da Graça de 1353 quando os homens bons, mercadores e marinheiros portugueses estabeleceram com o Rei Eduardo III de Inglaterra e França um tratado válido por 50 anos que permitia comércio livre em todas as cidades e vilas bem como direitos de pesca nas costas da Inglaterra e Bretanha.
  12. 12. História da Cidade e dos Monumentos Portuenses 12Artur Filipe dos Santos Quem foi Afonso Martins Alho Ao contrário do que sucederia mais tarde, especialmente no Tratado de Methuen (que levou o nome do representante inglês que foi mais fino que os responsáveis portugueses), aquele acordo revelar-se- ia benéfico para os interesses nacionais visto ter permitido escoar a excedentária produção nacional.
  13. 13. História da Cidade e dos Monumentos Portuenses 13Artur Filipe dos Santos Quem foi Afonso Martins Alho O responsável do lado português, procurador daqueles interessados, foi um mercador portuense, ao que consta oriundo da Sé ou da Ribeira, chamadoAfonso Martins Alho que se deslocou a Londres para negociar directamente com o Rei Eduardo III de Inglaterra este acordo que viria a ser assinado em Julho de 1353 no castelo de Windsor.
  14. 14. História da Cidade e dos Monumentos Portuenses 14Artur Filipe dos Santos Quem foi Afonso Martins Alho Por ter conseguido tão favorável tratado, Afonso Martins Alho conseguiu cair nas boas graças dos seus conterrâneos que lhe deram fama de negociador astuto.
  15. 15. História da Cidade e dos Monumentos Portuenses 15Artur Filipe dos Santos Quem foi Afonso Martins Alho Os resultados desta negociação foram tão bons que rápidamente o nome Alho ficou no goto de toda a gente, como sinónimo de esperteza porque tal era a fama do dito mercador ancorado no bom tratado conseguido.
  16. 16. História da Cidade e dos Monumentos Portuenses 16Artur Filipe dos Santos Quem foi Afonso Martins Alho É por esta astucia demonstrada por este mercador portuense que surgiu a expressão popular “FINO COMO O ALHO”

×