Estudo endoretal da próstata com realização de ecodoppler a cores indentificação de lesões Gilvan Neiva Fonseca HC / FM / ...
Autor principal  Gilvan Neiva Fonseca <ul><li>CO-AUTORES Dr. Valdi Camárcio Bezerra  Dr. Paulo Roberto Hatschbach Dr. Marc...
INSTITUIÇÃO DOS AUTORES <ul><li>Faculdade de Medicina  </li></ul><ul><li>Universidade Federal de Goiás </li></ul>
INTRODUÇÃO <ul><li>Os estudos avançados de imagens da próstata permitem a identificação com certa margem de segurança no d...
ECODOPPLER  ENDORETAL  E  HIPERFLUXO <ul><li>Número de pacientes 136 </li></ul><ul><li>Idade 45 – 82 (64)a </li></ul><ul><...
ECODOPPLER  ENDORETAL  E  HIPERFLUXO <ul><li>Número de pacientes 323 </li></ul><ul><li>Níveis de PSA > 4 ng/ml </li></ul><...
ECODOPPLER  ENDORETAL  E  HIPERFLUXO <ul><li>Número de pacientes 85 </li></ul><ul><li>Níveis de PSA > 4 ng/ml </li></ul><u...
ECODOPPLER  ENDORETAL  E  HIPERFLUXO <ul><li>Número de pacientes 690 </li></ul><ul><li>Idade 41 – 77 (56)a </li></ul><ul><...
OBJETIVOS <ul><li>O estudo endoretal da próstata com ecodoppler à cores tem possibilitado evidenciar sítios de lesões para...
TIPO DE ESTUDO <ul><li>Estudo prospectivo e seqüencial com análises de homens submetidos aos procedimentos de ecodoppler e...
MATERIAL <ul><li>Foram incluídos e estudados prospectiva e seqüencialmente 1.033 pacientes submetidos a ultrassom endoreta...
Estudos de imagens
Estudos de imagens
Estudos de imagens
Estudos de imagens
Estudo endoretal da próstata com realização de ecodopler a cores-indentificação de lesões Prevalência de Lesões hipoecoica...
Resultados Pacientes com lesões  253  Patologias n / % Ca de Próstata  42 (16,6) Prostatite Focal  62 (24,5) HPB  148 (58,...
PSA  -  patologias Volume Prostático Médio  - 42,2g – ( 33-172)g 52,42 g 21,02 1,15 4,81 (1.8 – 12 ng / ml) HPB 37,27 g 18...
PSA - Patologias Foi realizada a comparação entre os  grupos e verificou-se diferença estatisticamente significante entre ...
Volume prostático - Patologias Foi realizada a comparação entre os  grupos e verificou-se diferença estatisticamente signi...
PSA livre - Patologias Foi realizada a comparação entre os  grupos e verificou-se diferença estatisticamente significante ...
HPB - PSA <ul><li>PSA mínimo 1.8 ng/ml </li></ul><ul><li>PSA máximo 13.8 ng/ml </li></ul><ul><li>PSA médio 3,7  ng/ml </li...
Prostatite - PSA <ul><li>PSA mínimo 3,7 ng/ml </li></ul><ul><li>PSA máximo 24.11 ng/ml </li></ul><ul><li>PSA médio 4.6 ng/...
Câncer de Próstata - PSA <ul><li>PSA total </li></ul><ul><li>Mínimo  2.0 ng /ml </li></ul><ul><li>Máximo  22,9 ng/ml </li>...
CONCLUSÕES <ul><li>Esse estudo demonstrou a importância da utilização do ultrassom endoretal da próstata com ecodoppler a ...
OBRIGADO
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Estudo endoretal da próstata com realização de ecodoppler a cores indentificação de lesões

2.676 visualizações

Publicada em

Estudo endoretal da próstata com realização de ecodoppler a cores indentificação de lesões

Dr. Gilvan Neiva Fonseca
HC / FM / UFG
Serviço de Urologia

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.676
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Estudo endoretal da próstata com realização de ecodoppler a cores indentificação de lesões

  1. 1. Estudo endoretal da próstata com realização de ecodoppler a cores indentificação de lesões Gilvan Neiva Fonseca HC / FM / UFG Serviço de Urologia [email_address]
  2. 2. Autor principal Gilvan Neiva Fonseca <ul><li>CO-AUTORES Dr. Valdi Camárcio Bezerra Dr. Paulo Roberto Hatschbach Dr. Marcelo Crispim Dr. Marcus Vinicius O. Maroclo Dr. Daniel Magalhães Dr. Fernando Fróes M. Fonseca Dr. Guilherme Camárcio Neiva Dr. Gustavo Camárcio Dr. Raul M. Messias </li></ul>
  3. 3. INSTITUIÇÃO DOS AUTORES <ul><li>Faculdade de Medicina </li></ul><ul><li>Universidade Federal de Goiás </li></ul>
  4. 4. INTRODUÇÃO <ul><li>Os estudos avançados de imagens da próstata permitem a identificação com certa margem de segurança no diagnóstico das patologias da glândula, possibilitando ao médico urologista maior confiabilidade na análise das imagens e contribuindo com as condutas específicas no diagnóstico das patologias prostáticas </li></ul>
  5. 5. ECODOPPLER ENDORETAL E HIPERFLUXO <ul><li>Número de pacientes 136 </li></ul><ul><li>Idade 45 – 82 (64)a </li></ul><ul><li>Níveis de PSA 2,5 – 10ng/ml </li></ul><ul><li>Detecção de câncer próstata – 1 ª .b 34,7% </li></ul><ul><li>2 ª .b 34,7% </li></ul><ul><li>PPV 82,8% </li></ul><ul><li>NPV 87,9% </li></ul>Remzi M, Dobrovits M, Reissigl A & col. European Society Oncology (ESOU) – University of Vienna - Austria
  6. 6. ECODOPPLER ENDORETAL E HIPERFLUXO <ul><li>Número de pacientes 323 </li></ul><ul><li>Níveis de PSA > 4 ng/ml </li></ul><ul><li>Detecção de câncer próstata – 1 ª .b 157 (55,7%) </li></ul><ul><li>Sensibilidade 92,4% </li></ul><ul><li>Especificidade 72,0% </li></ul>Sauvain JL, Palascak P, Chabi C & col. – France – jlfsauvain@aol.com
  7. 7. ECODOPPLER ENDORETAL E HIPERFLUXO <ul><li>Número de pacientes 85 </li></ul><ul><li>Níveis de PSA > 4 ng/ml </li></ul><ul><li>Detecção de câncer próstata – 1 ª .b 48 </li></ul><ul><li>Sensibilidade 93,0% </li></ul><ul><li>Especificidade 79,0% </li></ul>Roy C, Buy X, & col – J Urol. 2004 Jun;171(6 Pt):2384
  8. 8. ECODOPPLER ENDORETAL E HIPERFLUXO <ul><li>Número de pacientes 690 </li></ul><ul><li>Idade 41 – 77 (56)a </li></ul><ul><li>Níveis de PSA > 1,4 - 35 ng/ml </li></ul><ul><li>Toque retal suspeito </li></ul><ul><li>Relação percentual < 18% </li></ul><ul><li>Detecção de câncer próstata – 1 ª .b 221(32%) </li></ul><ul><li>Wilcoxon rank sum test p<0,003 </li></ul>Mitterberger M, Pingera GM, & col Departaments of Urology and Radiology, Medical University Innsbruck – Austria – mitterberger@uibk.ac.at
  9. 9. OBJETIVOS <ul><li>O estudo endoretal da próstata com ecodoppler à cores tem possibilitado evidenciar sítios de lesões para biópsias e conseqüente diagnóstico, estadiamento e análise da extensão intra e extra prostática das lesões neoplásicas. </li></ul><ul><li>Lesões benignas, malignas e inflamatórias da glândula podem apresentar reforço vascular. </li></ul><ul><li>Os tumores malignos podem apresentar neoangiogênese e são evidenciados através da microdensidade vascular, hiperfluxo vascular, estando os processos inflamatórios associados também a um aumento do fluxo vascular. </li></ul><ul><li>Realizamos um estudo clínico-patológico correlacionando o aumento da vascularização com os resultados da histopatologia. </li></ul>
  10. 10. TIPO DE ESTUDO <ul><li>Estudo prospectivo e seqüencial com análises de homens submetidos aos procedimentos de ecodoppler endoretal a cores da próstata com análises clinicas, histológicas e crítica das lesões documentadas das imagens. </li></ul>
  11. 11. MATERIAL <ul><li>Foram incluídos e estudados prospectiva e seqüencialmente 1.033 pacientes submetidos a ultrassom endoretal com ecodoppler a cores </li></ul><ul><li>Período março / 2001 a junho / 2009 </li></ul><ul><li>Lesões de imagens 253 </li></ul><ul><li>Idade 53 (40 a 84)a </li></ul><ul><li>Biópsia em cinco regiões (14 a 22 fragmentos) pala técnica de ESKEW </li></ul>
  12. 12. Estudos de imagens
  13. 13. Estudos de imagens
  14. 14. Estudos de imagens
  15. 15. Estudos de imagens
  16. 16. Estudo endoretal da próstata com realização de ecodopler a cores-indentificação de lesões Prevalência de Lesões hipoecoicas com e sem hiperfluxo da próstata – 24,5% (IC a 95% [21,9% ; 27,2%]) Realizado biópsias da próstata pela técnica de Eskew – cinco regiões nos pacientes portadores de lesões hipoecoicas com e sem hiperfluxo. Pacientes totais examinados 1033 Lesões hipoécoicas com e sem hiperfluxo da próstata ao exame endoretal de ecodoppler 253
  17. 17. Resultados Pacientes com lesões 253 Patologias n / % Ca de Próstata 42 (16,6) Prostatite Focal 62 (24,5) HPB 148 (58,5) BSA: blastomicose sul-americana 01 (0,4)
  18. 18. PSA - patologias Volume Prostático Médio - 42,2g – ( 33-172)g 52,42 g 21,02 1,15 4,81 (1.8 – 12 ng / ml) HPB 37,27 g 18,19 0,92 5,72 (4.5 – 33ng /ml) Prostatite 39,05 g 12,67 3,61ng / ml 8,43ng / ml (2.5 – 22ng /ml) Câncer de Próstata Volume / próstata / M RP PSA - Livre PSA- Total
  19. 19. PSA - Patologias Foi realizada a comparação entre os grupos e verificou-se diferença estatisticamente significante entre eles (p<0,001); ou seja, o grupo Ca próstata apresentou maior valor de PSA seguido pelo grupo prostatite focal.
  20. 20. Volume prostático - Patologias Foi realizada a comparação entre os grupos e verificou-se diferença estatisticamente significante entre eles (p<0,05); a diferença encontra-se no grupo HPB que apresentou maior volume quando comparado aos demais. Não foi observada diferença significativa na comparação entre os grupo Ca próstata e Prostatite focal (p=0,254).
  21. 21. PSA livre - Patologias Foi realizada a comparação entre os grupos e verificou-se diferença estatisticamente significante entre eles (p<0,001); ou seja, o grupo Ca próstata apresentou maior valor de PSA seguido pelo grupo prostatite focal.
  22. 22. HPB - PSA <ul><li>PSA mínimo 1.8 ng/ml </li></ul><ul><li>PSA máximo 13.8 ng/ml </li></ul><ul><li>PSA médio 3,7  ng/ml </li></ul><ul><li>Relação percentual média 22,1 </li></ul><ul><li>  </li></ul><ul><li>PSA Livre </li></ul><ul><li>Mínimo 1,5 ng/ml </li></ul><ul><li>Máximo 2.9 ng/ml </li></ul>
  23. 23. Prostatite - PSA <ul><li>PSA mínimo 3,7 ng/ml </li></ul><ul><li>PSA máximo 24.11 ng/ml </li></ul><ul><li>PSA médio 4.6 ng/ml </li></ul><ul><li>relação percentual média 16,7 </li></ul><ul><li>  </li></ul><ul><li>PSA Livre </li></ul><ul><li>Mínimo 0,7ng/ml </li></ul><ul><li>Máximo 2,8ng/ml </li></ul>
  24. 24. Câncer de Próstata - PSA <ul><li>PSA total </li></ul><ul><li>Mínimo 2.0 ng /ml </li></ul><ul><li>Máximo 22,9 ng/ml </li></ul><ul><li>Relação Percentual Média 13,79 </li></ul><ul><li>PSA Livre </li></ul><ul><li>Mínimo 0.34 ng/ml </li></ul><ul><li>Máximo 4,48 ng/ml </li></ul>
  25. 25. CONCLUSÕES <ul><li>Esse estudo demonstrou a importância da utilização do ultrassom endoretal da próstata com ecodoppler a cores, na orientação e também dos locais de biópsias na detecção das lesões da glândula e obtenção de fragmentos em áreas suspeitas para análise histopatológica. </li></ul>
  26. 26. OBRIGADO

×