Ampliação Vesical Laparoscópica

1.897 visualizações

Publicada em

Dr. Milton T. Tanaka

VIII CURSO DE CIRURGIAS UROLÓGICAS POR VÍDEO

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.897
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
223
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ampliação Vesical Laparoscópica

  1. 1. AMPLIAÇÃO VESICAL LAPAROSCÓPICA VIII CURSO DE CIRURGIAS UROLÓGICAS POR VÍDEO Milton T. Tanaka
  2. 2. AMPLIAÇÃO VESICAL LAPAROSCÓPICA <ul><li>Aberta: GOLD STANDARD </li></ul><ul><li>Laparoscópica: em desenvolvimento </li></ul>
  3. 3. AMPLIAÇÃO VESICAL LAPAROSCÓPICA <ul><li>HISTÓRICO: </li></ul><ul><li>1898 - von Mikulics descreveu a ileocistoplastia </li></ul><ul><li>1995 - Docimo et al ampliação laparoscópico – estômago </li></ul><ul><li>2000 - Gill et al – enterocistoplastia assistida </li></ul><ul><li>2002 - Meng et al – enterocistoplastia pura </li></ul>
  4. 4. AMPLIAÇÃO VESICAL LAPAROSCÓPICA <ul><li>REVISÃO DA LITERATURA </li></ul><ul><li>Docimo et al – 1995: gastrocistoplastia </li></ul><ul><li>Rackley et al – 2001: 12 casos </li></ul><ul><ul><li>Ileocistoplastia - 2 </li></ul></ul><ul><ul><li>Colocistoplastia - 1 </li></ul></ul><ul><ul><li>sigmoidocistoplastia - 2 </li></ul></ul><ul><ul><li>cecocistoplastia - 7 </li></ul></ul><ul><li>Meng et al – 2002: ileocistoplastia pura - 1 caso </li></ul><ul><li>Docimo et al – 2005: 15 casos </li></ul><ul><ul><li>Ileocistoplastia - 9 </li></ul></ul><ul><ul><li>Sigmoidocistoplastia - 4 </li></ul></ul><ul><ul><li>Ureterocistoplatia - 2 </li></ul></ul><ul><li>* Total – 29 casos </li></ul>
  5. 5. AMPLIAÇÃO VESICAL LAPAROSCÓPICA <ul><li>INDICAÇÕES: </li></ul><ul><li>Disfunções neurogênicas: mielodisplasia, espinha bífida, trauma raquimedular, esclerose múltipla, cirurgias pélvicas de grande porte. </li></ul><ul><li>Bexiga contraída: tuberculose genitourinária, fibrose pós-radioterapia, cistite intersticial. </li></ul>
  6. 6. AMPLIAÇÃO VESICAL LAPAROSCÓPICA <ul><li>CONTRA-INDICAÇÕES: </li></ul><ul><li>Insuficiência renal </li></ul><ul><li>Acidose tubular renal </li></ul><ul><li>Falência hepática </li></ul><ul><li>Doenças inflamatórias intestinais (doença de Crohn, retocolite ulcerativa, diverticulite) </li></ul><ul><li>Síndrome do intestino curto pós-radioterapia </li></ul><ul><li>Impossibilidade ou rejeição ACLI </li></ul>
  7. 7. Modalidades de ampliação: <ul><li>Emprego de retalho gatrointestinal </li></ul>Campbell
  8. 8. Modalidades de ampliação: <ul><li>Emprego de retalho gatrointestinal </li></ul>Campbell
  9. 9. Modalidades de ampliação: <ul><li>Emprego de retalho gatrointestinal </li></ul>Campbell
  10. 10. Modalidades de ampliação: <ul><li>Emprego de retalho gatrointestinal </li></ul>Campbell
  11. 11. Modalidades de ampliação: <ul><li>Auto-ampliação vesical </li></ul>Campbell Ehrlich & Gershman 1993
  12. 12. Modalidades de ampliação: <ul><li>Ureterocistoplastia </li></ul>Campbell
  13. 13. Modalidades de ampliação: <ul><li>Ureterocistoplastia </li></ul>Abreu et al <ul><li>Ureter expandido artificialmente </li></ul>
  14. 14. Modalidades de ampliação: nnnnnnnn nnnnnnn
  15. 15. Modalidades de ampliação: Abreu et al
  16. 16. <ul><li>Enxertos materiais biodegradáveis: animais </li></ul><ul><ul><li>Submucosa intestino delgado (SIS) </li></ul></ul><ul><ul><li>Pericárdio bovino (BPC) </li></ul></ul><ul><ul><li>Matriz acelular de tecido (ATM) </li></ul></ul><ul><ul><li>Placenta humana fresca (HPM) </li></ul></ul><ul><li>Engenharia tecidual: experimental </li></ul>Modalidades de ampliação:
  17. 17. AMPLIAÇÃO VESICAL LAPAROSCÓPICA <ul><li>Ileocistoplastia : a mais utilizada </li></ul><ul><li>Técnica abordagem: </li></ul><ul><ul><li>Laparoscópica pura </li></ul></ul><ul><ul><li>Vídeo assistida - laparotomia 4 a 5 cm (infraumbelical ou Pfhannensteil) </li></ul></ul>
  18. 18. Abreu et al
  19. 19. Abreu et al
  20. 20. Abreu et al
  21. 21. Abreu et al
  22. 22. Abreu et al
  23. 23. <ul><li>Restauração do trânsito, detubulização e reconfiguração do retalho : </li></ul><ul><li>sutura a mão livre </li></ul><ul><li>sutura mecânica: </li></ul><ul><ul><li>abrevia o tempo cirúrgico </li></ul></ul><ul><ul><li>formação maior de cálculo vesical ? </li></ul></ul><ul><ul><li>Fontana et al: 6% em 50 casos, seguimento médio 20 meses (8 a 47) </li></ul></ul>AMPLIAÇÃO VESICAL LAPAROSCÓPICA
  24. 25. VANTAGENS *É minimamente invasiva Nefrectomia+ureterectomia+ileocistoplastia - 4 portais - incisão suprap/ 5 cm *Recuperação precoce *Permite associar outros procedimentos como: - Nefrectomia - Mitrofanoff - ACE - Reconstrucão do colo vesical - Reimplante ureteral, etc ___ 5 cm
  25. 26. MUITO OBRIGADO PELA ATENÇÃO

×