Impulso digital 5 dicas para planejar melhor

6.627 visualizações

Publicada em

Quando falamos sobre planejamento, há muitos caminhos a seguir. Nosso PPT te mostra como criar ou expandir o seu negócio.

0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
6.627
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4.752
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
21
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Impulso digital 5 dicas para planejar melhor

  1. 1. passos para planejar melhor o seu negócio
  2. 2. Se você já tem um negócio ou pretende criar um, é melhor planejar. Não é a tarefa mais empolgante do mundo, mas fugir dela pode ter resultados terríveis para a sua empresa. É com o planejamento que você vai pensar nos seus próximos passos com segurança e se antecipar a possíveis problemas. Vamos por partes para simplificar essa tarefa.
  3. 3. uol.com.br/impulso Comece pelo diagnóstico Fica difícil viajar para algum lugar sem saber de onde você está partindo, não é? Por isso, antes de mais nada, você precisa fazer o diagnóstico. É com ele que você entende quais são seus pontos fracos e fortes, suas oportunidades e desafios. São vários caminhos para isso, mas um dos mais bacanas é a matriz SWOT. E tudo o que você precisa para preencher é de papel, caneta e um pouco de dedicação.
  4. 4. MATRIZ SWOT DO NETO
  5. 5. uol.com.br/impulso Comece a planejar pelos produtos Depois do SWOT, um bom segundo passo está em olhar para os seus produtos. Se você não tem a loja virtual, precisa decidir o que vai vender. Se, ao contrário, você já vende, precisa analisar o seu estoque. Uma das melhores maneiras de conhecer o seu mix de produtos é fazer a Curva ABC. In Hsieh, mentor do Impulso Digital` “E-commerce é comércio. É comprar e vender. Se você não comprar bem, você não vai conseguir vender bem” curva ABC
  6. 6. CURVA ABC A curva ABC funciona assim: você lista todos os seus produtos em uma planilha, indicando o valor unitário por produto e a quantidade vendida no ano. Agora está na hora de achar o total de vendas. A conta é simples, é só multiplicar o valor do produto pela quantidade de itens vendidos. Com a soma do total de todos os produtos você tem o faturamento da loja.
  7. 7. CURVA ABC Falta pouco. Agora você vai definir o que cada produto representa em todas as suas vendas. É outra conta simples. Você divide o valor total por produto pelo total de vendas da loja. Conseguiu? Essa porcentagem mostra quais são os produtos mais representativos da sua loja. Pegue os maiores valores e some até chegar a 80% (ou próximo a isso). Pronto, você já conhece seus produtos A. Agora é só fazer a soma dos produtos restantes.
  8. 8. CURVA ABC Esse é o cálculo mais básico da Curva ABC. Você pode aprofundar a curva colocando a margem por produto e vendo a participação de cada item no lucro. Foi o que o Neto fez. Com a sua curva ABC mais detalhada, ele organizou o seu estoque em produtos A (campeões de margem de lucro), B (itens intermediários com lucro regular) e C (produtos com rendimento baixo). E isso abriu espaço para ele encontrar formas de dar mais destaque aos produtos A e de buscar maneiras de amarrar itens B e C com os A em ofertas conjuntas. “Fazendo a curva ABC você percebe que aquele produto que parecia ótimo pode ser um grande vilão para o seu negócio”. Alcyr Neto, empreendedor do Impulso Digital
  9. 9. uol.com.br/impulso De olho nos clientes Loja, produtos e, agora, cliente. Quanto mais você entende a cabeça do consumidor, maior é a chance de lucrar. Vamos discutir algumas formas de fazer isso nos próximos slides. “Você precisa pensar como um consumidor e entender quais as coisas que passam pela cabeça na hora de comprar um produto.” Edson Rigonatti, consultor do Impulso Digital
  10. 10. uol.com.br/impulso A definição de Persona é uma boa maneira de enxergar o que passa na cabeça do consumidor. Ela funciona de maneira simples: com um pequeno questionário, feito depois da compra, você conhece melhor quem é o seu cliente. Com várias respostas em mãos, você descobre os “tipos” de consumidores (ou personas) da sua loja. E pode criar ofertas pensando neles.
  11. 11. Paula tem 40 anos, é casada e recebe amigos ou familiares esporadicamente para jantares, queijos e vinhos, etc. Tem renda familiar de 15 mil reais e gosta de comprar itens de decoração sofisticados e de alta qualidade para a casa. Gosta de consultar revistas de decoração, blogs e visitar lojas com ambientes decorados para conhecer novos produtos. .
  12. 12. uol.com.br/impulso A persona dá uma visão mais geral dos clientes. É um bom primeiro passo. Agora, para entender mesmo o que se passa na cabeça de quem compra na sua loja, um dos melhores caminhos está no Mapa da Experiência do Consumidor. Esse método explica o processo do cliente na hora da compra, esclarecendo o que acontece na vida dele logo antes, durante e depois da compra, mostrando dicas de como fazer isso. “Você sabe quando, em qual momento, o cliente decide que precisa de um produto seu? É nessa hora que você tem que agir, antes dele chegar na sua loja” Edson Rigonatti, consultor do Impulso Digital
  13. 13. uol.com.br/impulso A estratégia para preencher o mapa da experiência é a mesma da definição da persona - questionário. Mas como o mapa exige mais tempo, talvez seja uma boa oferecer descontos para os seus clientes completarem a tarefa. E não faça exclusivamente ao vivo, procure também maneiras de fazer as perguntas online. Assim você economiza tempo e atinge mais pessoas.
  14. 14. Perguntas para mapear a jornada do cliente ? ? ?
  15. 15. uol.com.br/impulso Tudo isso faltava para o Neto. Ele falava esporadicamente com os clientes e nunca fez nada estruturado. “Fizemos uma série de entrevistas por telefone e, apesar da resistência inicial, o resultado foi bacana. Entendemos melhor o que ele pensa, por qual canal ele procura a gente. Isso vai ajudar a aumentar as vendas”, diz Neto.
  16. 16. uol.com.br/impulso Encontre sua forma de planejar Não existe fórmula ideal para se planejar, mas você precisa estar ciente de qual o tamanho da sua empresa, qual a sua necessidade e quais ferramentas funcionam melhor para você. Nunca é demais lembrar que o seu planejamento não está escrito em pedra. A realidade do negócio é o que manda e você precisa estar esperto para mudar em tempo. E seguir tentando.
  17. 17. uol.com.br/impulso Pronto para planejar? Então mãos à obra: 1 3 2 4 5 6 7 Defina metas claras, as ações necessárias e prazos para alcançá-las. Tenha, também, indicadores para verificar o progresso. Errou? Absorva o aprendizado e corrija o rumo. Mantenha o foco, não tente fazer tudo de uma vez. Contenha a ansiedade. Delegue. Você não conseguirá fazer tudo sozinho. Busque a ajuda de especialistas. Um olhar de fora traz novos insights.
  18. 18. uol.com.br/impulso Como produzir mais em menos tempo As nossas dicas finais são importantes não só para o planejamento, mas para toda a sua vida de empreendedor. E o segredo da primeira delas está no tomate. Tomate? Exatamente. É conhecida como técnica Pomodoro, como aqueles timers em formato de tomates que ocupam as cozinhas. Resumindo: Você trabalha por 25 minutos sem descanso e folga cinco. A produtividade aumenta muito, pode acreditar. Uma observação importante: a cada quatro Pomodoros (quatro períodos de 25 minutos), você deve tirar uma pausa maior, de 15 a 30 minutos. ! 25
  19. 19. uol.com.br/impulso Além do Pomodoro, a tecnologia pode ajudar você a se manter produtivo. Que tal apostar em aplicativos que facilitam a nossa vida e a tarefa de trabalhar? Essa é a nossa última dica. RESCUE ME CLEAR FOCUS FOCUS BAR PRODUCTIVITY OWL Este app consiste basicamente em analisar as páginas que você visitou e dizer quanto tempo perdeu em cada uma. Se você ficou interessado na técnica Pomodoro e procura um aplicativo para utilizá-la, este é o ideal. Com ele você define a tarefa que precisa ser feita e a cada vez que tentar “fugir” do que havia programado, ele avisa. É uma extensão para Google Chrome. Uma simpática coruja fica observando as páginas que você visita, se caso não seja algo produtivo, ela voa para fechar a aba que atrapalha o seu rendimento.
  20. 20. Agora é a hora de começar o trabalho de fato. Com essas dicas, você consegue começar a planejar e fazer o diagnóstico da sua empresa. Se quiser mais detalhes, fique ligado no Impulso Digital: Realização: Apoio: Você cria o negócio. Nós damos o Impulso. Mãos à obra!

×