Endomarketing
Ueliton LeonidioAula 4 – Comunicação Interna
“ O primeiro passo, em nível de
conscientização, é mostrar que o
poder da comunicação não está no
reter ou deter informaçã...
Comunicação Interna
Imagine um grupo de pessoas
envolvidas em uma série de
responsabilidades, processos,
tarefas, funções,...
Comunicação Interna
A cultura condiciona a maneira como
percebemos determinado objeto, e o
contexto da cultura é propagado...
Comunicação Interna
É um processo organizacional interativo e contínuo de troca
de informações, opiniões e percepções que ...
Mensagem
Comunicação Interna
O Foco no receptor contribui para o bom funcionamento da
comunicação. O seu funcionamento é eficiente ...
Comunicação Interna
Ainda é importante destacar outros públicos tais como
colaboradores terceirizados, fornecedores, inves...
Rede Interna de Comunicação
“Conjunto de canais e meios
necessários à distribuição e consumo
das informações relevantes ao...
Canais Internos de Comunicação
A escolha desses canais é
baseada nas necessidades de
abrangência de público, nas
suas pref...
(COSTA, 2012, p. 73)
Efeito Motivacional
Expectativa
Interesse
Consumo
Reação
Periodicidade
e Cross Media
Conteúdo,
Editorial
Hábitos,
Preferên...
Praças de Comunicação Interna
São espaços arquitetonicamente
projetados, situados em locais
estratégicos da organização, u...
Relações Públicas
Os eventos, os programas de relacionamento e as
ações promocionais são primordiais no sentido de
criar u...
Relações Públicas
O conjunto de valores da empresa precisa ser
tangibilizado a partir de atividades nas quais as
pessoas p...
Comunicação Direta
Para muitos profissionais de endomarketing, as
lideranças representam o principal meio que
podemos disp...
Endomarketing -  Comunicação Interna - Aula 4
Endomarketing -  Comunicação Interna - Aula 4
Endomarketing -  Comunicação Interna - Aula 4
Endomarketing -  Comunicação Interna - Aula 4
Endomarketing -  Comunicação Interna - Aula 4
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Endomarketing - Comunicação Interna - Aula 4

274 visualizações

Publicada em

Endomarketing - Comunicação Interna - Aula 4

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
274
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
10
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Endomarketing - Comunicação Interna - Aula 4

  1. 1. Endomarketing Ueliton LeonidioAula 4 – Comunicação Interna
  2. 2. “ O primeiro passo, em nível de conscientização, é mostrar que o poder da comunicação não está no reter ou deter informação e sim no fazê-la circular” Brum, 2010
  3. 3. Comunicação Interna Imagine um grupo de pessoas envolvidas em uma série de responsabilidades, processos, tarefas, funções, que atendem ao mercado, e estão separadas por distâncias...Como um isto poderia funcionar de forma única?
  4. 4. Comunicação Interna A cultura condiciona a maneira como percebemos determinado objeto, e o contexto da cultura é propagado através da linguagem, palavras não-ditas, determinando uma maneira particular de comunicação, revelando a identidade comum aos membros do grupo, assim a efetividade da comunicação depende desta sintonia. (FOUCAULT, 1998, CHANLAT, 1996 apud COSTA, 2012, p. 61)
  5. 5. Comunicação Interna É um processo organizacional interativo e contínuo de troca de informações, opiniões e percepções que ocorre por meio de um conjunto diversificado de canais, diálogos, relacionamentos e dinâmicas sociais constituídas por atributos de linguagem, estéticos e discursivos, pertinentes à cultura dessa organização, que visa promover identificação e cooperação entre seu membros para a consecução de objetivos comuns, com finalidade de prosperar e perpetuar-se como grupo. (COSTA, 2012, p. 61)
  6. 6. Mensagem
  7. 7. Comunicação Interna O Foco no receptor contribui para o bom funcionamento da comunicação. O seu funcionamento é eficiente a partir de algumas premissas: (COSTA, 2012, p. 63-65) 1. Estudo da semântica, ou seja, do significado da linguagem, da particularidade de cada grupo, para a escolha dos melhores meios e discursos 2. Conteúdo verdadeiro: propagar comunicados que traduzam a real intenção. 3. Credibilidade e Autoridade do emissor: legitimidade e reconhecimento por parte dos destinatários das comunicações a serem realizadas. 4. A interação e o diálogo devem ser facilitados
  8. 8. Comunicação Interna Ainda é importante destacar outros públicos tais como colaboradores terceirizados, fornecedores, investidores, familiares, cidades-empresa. A boa comunicação estende os fluxos de benefícios intangíveis tais como orgulho, status, desafios, desenvolvimento de competências e reconhecimento aos terceirizados, compreende a importância do fornecedor como parceiro de negócio, informa os investidores e sócios das ações da empresa, se preocupa com a família do colaborador, gerando sentimento de pertencimento e assume papel social.
  9. 9. Rede Interna de Comunicação “Conjunto de canais e meios necessários à distribuição e consumo das informações relevantes aos processos de tomada de decisão, ao entendimento da organização e seus objetivos, e à disseminação de atributos culturais promotores de uma identidade comum intrínsecos à ideologia central da organização”. (COSTA, 2012, p. 68) “A percepção é mais importante que a realidade, pois é a primeira que determina o comportamento no trabalho”. (COSTA, 2012, p. 70)
  10. 10. Canais Internos de Comunicação A escolha desses canais é baseada nas necessidades de abrangência de público, nas suas preferências ou hábitos de consumo de informação, nas restrições orçamentárias e, também, nas características de foco editorial pertinentes a cada canal de acordo com as particularidades da organização ... HUMANO ESTRATÉGICO INFORMATIVO SERVIÇO
  11. 11. (COSTA, 2012, p. 73)
  12. 12. Efeito Motivacional Expectativa Interesse Consumo Reação Periodicidade e Cross Media Conteúdo, Editorial Hábitos, Preferências. Adaptação Grande Objetivo
  13. 13. Praças de Comunicação Interna São espaços arquitetonicamente projetados, situados em locais estratégicos da organização, um ponto de contato com a comunicação interna e uma área de convivência e relacionamento entre as pessoas. Trata- se de locais onde as pessoas partilham espaços em comum. Nas indústrias, por exemplo, tende a ser altamente funcional a instalação de praças nos refeitórios ou restaurantes, áreas de lazer e antessalas de vestiários. Pode haver displays para jornal ou revista da empresa, tela de mural digital, computadores para acesso à intranet e web, expositores de fotografias, outdoor, totem sonorizado para rádio, take one para folheteria e mesmo murais tradicionais, entre outros. No mesmo espaço, alguns serviços podem ser agregados, tais como: terminais bancários, displays para jornais e revistas externos, cafezinho e tantas outras possibilidades que favoreçam a utilização desse espaço...sempre dependendo da necessidade do público.
  14. 14. Relações Públicas Os eventos, os programas de relacionamento e as ações promocionais são primordiais no sentido de criar uma identidade coesa entre os colaboradores de uma companhia. A atividade de relações públicas na empresa estabelece as correlações entre a comunicação formal e a prática comunicativa das pessoas expressa na forma de atitudes e sempre apoiada pelas atividades de recursos humanos. (COSTA, 2012, p. 83)
  15. 15. Relações Públicas O conjunto de valores da empresa precisa ser tangibilizado a partir de atividades nas quais as pessoas possam demonstrar que estão comprometidas. Por exemplo, um programa de ideias no qual os colaboradores podem inscrever projetos de melhorias: se trata de uma ação de relacionamento com o público interno e deve ser encorajada. Algumas ideias vêm sendo adotadas com êxito por diversas empresas: projetos de saúde e bem-estar, como dietas e exercícios coletivos, dias de levar o cachorro para o trabalho, entre outras. (COSTA, 2012, p. 84)
  16. 16. Comunicação Direta Para muitos profissionais de endomarketing, as lideranças representam o principal meio que podemos dispor na organização – apenas devemos ter cuidado para não tratar pessoas como canais. A comunicação direta (olho no olho, cara a cara ou face a face) já existe em qualquer organização, seja para os trâmites naturais dos processos de trabalho, seja para diálogos entre as pessoas no sentido de formar uma opinião acerca da empresa. COSTA, 2012, p. 85)

×