A agressividade é um estado emocional que afecta
negativamente o desempenho da condução.
Certo.
Errado.
A alteração do cam...
A capacidade para conduzir pode ser alterada pela
ingestão de medicamentos?
Não, salvo se não tiverem sido prescritos pelo...
A condução sob a influência do álcool:
Aumenta o tempo de recuperação após encandeamento.
Diminui o tempo de recuperação a...
A condução sob influência do álcool é um factor
negativo para o correcto desempenho da tarefa da
condução.
Certo.
Errado.
...
A elevada ingestão de bebidas alcoólicas provoca num
condutor:
A redução da capacidade de reacção.
O aumento da capacidade...
A fadiga na condução pode provocar:
A diminuição da distância de travagem.
A redução da distância de paragem.
O aumento do...
A ingestão de alguns medicamentos pode ser tão
perigosa para a condução como o álcool.
Certo.
Errado.
A ingestão de bebida...
A ingestão de bebidas alcoólicas provoca no
condutor:
Reacções mais rápidas.
Um aumento da capacidade visual.
Uma diminuiç...
A ingestão de bebidas alcoólicas:
Alarga o campo visual.
Diminui o campo visual.
Não afecta o campo visual.
A ingestão de ...
A monotonia na condução pode aparecer em:
Rectas prolongadas circulando a velocidade mais ou menos
constante.
Vias com per...
A visão cromática é a capacidade que permite ao
condutor:
Avaliar a distância de segurança.
Avaliar distâncias.
Distinguir...
Ao condutor com uma taxa de álcool no sangue de 0,9
g/l é aplicável a sanção acessória de inibição de
conduzir de:
Dois me...
Após a ingestão de bebidas alcoólicas os efeitos do
álcool na condução começam a manifestar-se:
Decorridas mais de 3 horas...
As bebidas alcoólicas podem levar os condutores a:
Diminuir os reflexos, aumentando o tempo de reacção e a
distância de pa...
Com uma taxa de álcool no sangue de 0,5 g/l, o
condutor será punido, pela prática de uma contra-
ordenação:
Grave.
Leve.
M...
Como devo circular no local em que me encontro?
Contornar a placa pela direita.
Contornar a placa pela esquerda.
Como devo...
Conduzir sob a influência do álcool:
Aumenta a visão periférica.
Diminui a visão periférica.
Não altera a visão periférica...
Considera-se condução sob o efeito de álcool, quando
o condutor apresenta uma TAS:
Igual ou superior a 0,3g/l.
Igual ou su...
Contribuindo para que o condutor se sinta melhor
física e psicologicamente, os tranquilizantes permitem
a condução em segu...
Devido à ingestão de bebidas alcoólicas, a capacidade
de previsão do condutor:
Aumenta.
Diminui.
Não se altera.
Dos seguin...
Durante uma viagem longa, como pode um condutor
evitar a fadiga?
Beber café.
Fazer paragens para relaxar o corpo e desento...
É proibido conduzir veículos na via pública com taxa
de alcoolemia:
Igual ou superior a 0,5g/l sangue.
Inferior a 0,5g/l n...
Em viagens muito longas a fadiga pode manifestar-se
a nível muscular, nervoso e visual.
A afirmação é falsa.
A afirmação é...
Este sinal indica que:
A via é de sentido único.
Posso passar em primeiro lugar.
Tenho de ceder a passagem.
Este sinal ver...
Estou correctamente posicionado nesta via de trânsito
para mudar de direcção à direita?
Não. Estou correctamente posiciona...
Há medicamentos que, ingeridos ao mesmo tempo que
bebidas alcoólicas, reduzem a aptidão para a
condução?
Não.
Sim.
Somente...
Na via onde se encontra colocado o sinal vertical,
pode circular um motociclo?
Não pode.
Só pode se o motociclo não tiver ...
Num condutor, a taxa de álcool no sangue é 0,4 g/l.
Isto significa que:
Num litro de bebida alcoólica existem 0,4 gramas d...
O álcool ingerido pelo condutor:
Aumenta a sua percepção visual.
Diminui a percepção visual.
Diminui o risco de acidente.
...
O condutor pode ser inibido de conduzir:
Se cometer qualquer infracção ao Código da Estrada.
Se estacionar o seu automóvel...
O consumo de uma pequena quantidade de bebida
alcoólica pode influenciar a condução?
Não, após um passeio o efeito da bebi...
O estado emocional do condutor pode influenciar a
sua atenção na condução?
Não.
Sim.
O estado emocional do condutor pode i...
O estado físico do condutor influencia a forma como
desempenha a tarefa da condução?
Não, o estado físico não tem influênc...
O que é a visão cromática?
Capacidade de distinguir as cores.
Capacidade de ver durante a noite.
Capacidade de ver lateral...
O sinal circular de fundo azul indica-me a velocidade:
Máxima permitida.
Máxima recomendada.
Mínima obrigatória.
O sinal d...
O sinal de obrigação de contornar placa ou obstáculo:
Aconselha-me a contornar a placa ou obstáculo pelo lado
indicado pel...
O sinal de obrigação indica-me:
Curva perigosa à esquerda e à direita.
Que o trânsito passa de uma para duas vias.
Sentido...
O sinal vertical de fundo azul indica-me que:
Não posso seguir em frente.
Sou obrigado a seguir em frente.
Vou entrar numa...
O sinal vertical indica-me a proximidade de uma pista
obrigatória para peões. Concorda com esta afirmação?
Não. O sinal in...
Os condutores podem recusar submeter-se às provas
para detecção do estado de influenciado pelo álcool?
Não.
Sim, porque ap...
Os peões devem ser submetidos a exame de pesquisa
de álcool no ar expirado?
Não, nunca.
Sim, quando intervenham em acident...
Perante a sinalização existente, no próximo
cruzamento, devo:
Mudar de direcção, visto não poder seguir em frente.
Seguir ...
Perante este sinal:
Não posso circular no sentido das setas.
Sou obrigado a circular no sentido das setas.
Tenho prioridad...
Perante o sinal vertical de fundo azul fico a saber que:
Se aproxima um troço de via em que o pavimento se encontra
escorr...
Qual a influência da ingestão de bebidas alcoólicas na
condução?
Aumenta a capacidade de reacção.
Aumenta os reflexos e ac...
Qual o principal efeito do sono na condução
automóvel?
Aumenta a capacidade de análise das situações.
Aumenta a capacidade...
Que efeitos exerce o álcool no condutor?
Aumenta a concentração do condutor e o sentimento de bem-
estar.
Aumenta o tempo ...
Regra geral, um condutor distraído tem:
O mesmo tempo de reacção que qualquer outro condutor.
Um tempo de reacção mais lon...
Sob a influência do álcool, o condutor:
Reage mais lentamente ao meio envolvente.
Reage mais rapidamente ao meio envolvent...
Um condutor ingeriu em excesso bebidas alcoólicas.
Pode conduzir sem problemas?
Não. Não é possível restabelecer-se rapida...
Um condutor, detectado a conduzir com uma taxa de
alcoolémia igual ou superior a 0,9 g/l incorre numa
contra-ordenação?
Nã...
Um dos efeitos do álcool na condução é:
O aumento da capacidade de previsão.
Uma capacidade de decisão mais eficaz.
Uma me...
Uma das consequências da condução sob influência
de álcool é:
O aumento do campo visual.
O estreitamento do campo visual.
...
Uma taxa de álcool de 0,5 g/l de sangue significa que:
Num litro de bebida alcoólica existem 0,5 gramas de álcool.
Num lit...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Cat b ii-i-83_2009

879 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
879
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
11
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Cat b ii-i-83_2009

  1. 1. A agressividade é um estado emocional que afecta negativamente o desempenho da condução. Certo. Errado. A alteração do campo visual de um condutor devido à ingestão de bebidas alcoólicas, manifesta-se por: Aumento da visão lateral. Redução da visão lateral. A audição é um sentido muito importante na tarefa da condução. Em que momento? Na decisão. Na recolha da informação. No tratamento da informação. A capacidade de condução pode ser prejudicada pela ingestão de pequenas quantidades de álcool? Não, são completamente inofensivas. Não, se forem ingeridas durante a refeição. Sim, pois podem levar à sobrevalorização da capacidade de condução.
  2. 2. A capacidade para conduzir pode ser alterada pela ingestão de medicamentos? Não, salvo se não tiverem sido prescritos pelo médico. Sim, mas apenas no caso dos sedativos e tranquilizantes. Sim. A condução com uma taxa de álcool de 0,7 g/l, é considerada: Contra-ordenação grave. Contra-ordenação muito grave. Crime. A condução com uma taxa de álcool, igual ou superior a 0,8 g/l, é considerada: Contra-ordenação grave. Contra-ordenação muito grave. Crime. A condução com uma taxa de álcool, superior a 1,3 g/l, é considerada: Contra-ordenação grave. Contra-ordenação leve. Crime.
  3. 3. A condução sob a influência do álcool: Aumenta o tempo de recuperação após encandeamento. Diminui o tempo de recuperação após encandeamento. Não altera o tempo de recuperação após encandeamento. A condução sob influência de álcool é sempre considerada uma contra-ordenação. Certo. Errado. A condução sob influência de álcool pode ser considerada crime? Sim, se o valor for igual ou superior a 0,5 g/l. Sim, se o valor for igual ou superior a 0,8 g/l. Sim, se o valor for igual ou superior a 1,2 g/l. A condução sob influência de substâncias psicotrópicas pode ser punida como crime. A afirmação é falsa. A afirmação é verdadeira.
  4. 4. A condução sob influência do álcool é um factor negativo para o correcto desempenho da tarefa da condução. Certo. Errado. A condução sob influência do álcool provoca no condutor: A diminuição do tempo de reacção. O aumento do tempo de reacção. O aumento dos reflexos. A condução sob influência do álcool: Aumenta o risco de acidente. Diminui o risco de acidente. Em nada interfere com a segurança rodoviária. A condução sob o efeito de álcool pode ser punida como prática de crime: Não. Sim.
  5. 5. A elevada ingestão de bebidas alcoólicas provoca num condutor: A redução da capacidade de reacção. O aumento da capacidade de atenção e concentração. O aumento das capacidades de avaliação das distâncias. A fadiga do condutor reduz significativamente: A distância de paragem do veículo. A distância de reacção do condutor. A sua capacidade de vigilância. A fadiga é um factor que provoca, no condutor: A diminuição do seu tempo de reacção. A diminuição do tempo de reacção, logo a sua atenção é maior. O aumento do seu tempo de reacção. A fadiga influencia a recolha de informação? Não. Sim, assim como influencia toda a tarefa da condução. Sim, mas apenas em condução urbana.
  6. 6. A fadiga na condução pode provocar: A diminuição da distância de travagem. A redução da distância de paragem. O aumento do tempo de reacção. A fadiga na condução pode ter como consequência: Diminuição da vigilância em relação ao meio envolvente. Diminuição do tempo de reacção. Maior rapidez dos reflexos. A fadiga provoca sonolência. A sonolência provoca o aumento: Da distância de travagem e do tempo de reacção. Da distância de travagem. Do tempo de reacção. A ingestão da mesma quantidade de bebida alcoólica afecta igualmente todos os condutores? Não, depende de factores como o peso, a idade, o sexo, entre outros. Não, só afecta o condutor de acordo com a idade que tiver. Sim, afecta.
  7. 7. A ingestão de alguns medicamentos pode ser tão perigosa para a condução como o álcool. Certo. Errado. A ingestão de bebidas alcoólicas afecta o campo visual do condutor? Não, o álcool apenas influencia a acuidade visual do condutor. Sim, o álcool aumenta o campo visual. Sim, o álcool diminui o campo visual. A ingestão de bebidas alcoólicas influencia a condução, porque: Aumenta os reflexos do condutor. Diminui a resistência física do condutor. O condutor fica mais consciente do perigo. A ingestão de bebidas alcoólicas pode provocar no condutor um falso estado de euforia e confiança, que o leva a: Conduzir com maior segurança. Necessitar de menos tempo para reagir. Sobrevalorizar as suas capacidades e minimizar o risco de acidente.
  8. 8. A ingestão de bebidas alcoólicas provoca no condutor: Reacções mais rápidas. Um aumento da capacidade visual. Uma diminuição das capacidades físicas e psíquicas. A ingestão de bebidas alcoólicas provoca no condutor: Bem estar e melhoria da atenção. Dificuldade de recuperação após encandeamento. Redução do tempo de reacção. A ingestão de bebidas alcoólicas, mesmo em pequenas quantidades, podem ter como consequência: Aumentar o tempo de reacção e a distância de paragem. Aumentar o tempo de reacção, mas não a distância de paragem. Diminuir o tempo de reacção e a distância de paragem. A ingestão de bebidas alcoólicas: Acalma o condutor. Diminui a capacidade de reacção do condutor. Torna o condutor mais consciente do perigo.
  9. 9. A ingestão de bebidas alcoólicas: Alarga o campo visual. Diminui o campo visual. Não afecta o campo visual. A ingestão de certo tipo de medicamentos não é conciliável com o exercício da condução. Certo. Errado. A ingestão de certos tipos de medicamentos pode influenciar a visão e os reflexos do condutor? Não, os medicamentos apenas podem prejudicar a capacidade motora do condutor. Não, os medicamentos apenas podem prejudicar a capacidade visual do condutor. Sim, os medicamentos podem prejudicar a capacidade visual e motora do condutor. A ingestão de igual quantidade de uma bebida alcoólica afecta da mesma forma todos os condutores? Não, a influência depende de vários factores como o peso, a idade, o sexo, entre outros. Não, são mais afectados os condutores de menos idade. Sim, desde que a bebida seja a mesma.
  10. 10. A monotonia na condução pode aparecer em: Rectas prolongadas circulando a velocidade mais ou menos constante. Vias com perfil sinuoso. Zonas urbanas que requerem uma constante mudança de velocidade. A recolha de informação é feita essencialmente através da audição. Certo. Errado. A recolha de informação pode ser feita através da audição? Não, porque toda a informação é recebida através da visão. Sim, mas apenas na condução nocturna. Sim. A taxa de álcool no sangue (TAS) varia com: A graduação alcoólica da bebida. A hora do dia
  11. 11. A visão cromática é a capacidade que permite ao condutor: Avaliar a distância de segurança. Avaliar distâncias. Distinguir cores. A visão é um dos sentidos mais importantes na tarefa da condução. Certo. Errado. A visão em túnel manifesta-se de que modo? Perda total da capacidade de visão cromática. Perda total de visão lateral. A visão estereoscópica permite ao condutor: Avaliar distâncias. Distinguir cores. Resistir ao encandeamento.
  12. 12. Ao condutor com uma taxa de álcool no sangue de 0,9 g/l é aplicável a sanção acessória de inibição de conduzir de: Dois meses a dois anos. Seis meses a dois anos. Um mês a seis meses. Ao ingerir álcool e medicamentos, em simultâneo, o condutor pode ver aumentado o efeito de ambas as substâncias na condução. A afirmação é falsa. A afirmação é verdadeira. Após a ingestão de álcool, as capacidades físicas e psíquicas do condutor: Aumentam devido ao estado de euforia. Ficam alteradas. Só são alteradas se beber em grande quantidade. Após a ingestão de bebidas alcoólicas os efeitos do álcool começam a manifestar-se: Decorridas mais de 3 horas. Durante a 2ª hora. Muito rapidamente.
  13. 13. Após a ingestão de bebidas alcoólicas os efeitos do álcool na condução começam a manifestar-se: Decorridas mais de 3 horas. Logo durante a 1ª hora. Só a partir da 2ª hora. Após a ingestão de bebidas alcoólicas, um obstáculo que surja na frente do condutor: Parece à distância correcta. Parece mais longe. Parece mais próximo. Após a ingestão de bebidas alcoólicas: As faculdades necessárias à condução são perturbadas. O condutor é menos afectado de dia. O condutor só é afectado na capacidade visual. Após ingerir bebidas alcoólicas, os obstáculos que um condutor aviste à sua frente na via pública, parecem- lhe estar: À distância real. Mais longe. Mais próximo.
  14. 14. As bebidas alcoólicas podem levar os condutores a: Diminuir os reflexos, aumentando o tempo de reacção e a distância de paragem. Melhorar a sua capacidade de avaliação das condições do trânsito. Melhorar a sua capacidade de domínio do veículo. As bebidas alcoólicas, mesmo tomadas em pequenas quantidades, podem afectar a condução: Através da redução do campo visual. Através da redução do risco de acidente. Através da redução do tempo de reacção. As bebidas alcoólicas, só têm efeitos negativos no condutor, a partir de uma taxa de álcool no sangue igual ou superior a 0,5 g/l. Certo. Errado. Com a taxa de álcool no sangue de 0,9 g/l, o condutor será sancionado pela prática: De uma contra-ordenação grave. De uma contra-ordenação leve. De uma contra-ordenação muito grave.
  15. 15. Com uma taxa de álcool no sangue de 0,5 g/l, o condutor será punido, pela prática de uma contra- ordenação: Grave. Leve. Muito grave. Com uma taxa de álcool no sangue de 0,5g/l, um condutor: Continua apto a conduzir com segurança. Fica com as suas capacidades para a condução diminuídas. Fica eufórico, o que lhe dá maior consciência do perigo. Com uma taxa de álcool no sangue igual ou superior a 0,5g/l, sem submissão a novos exames, o condutor fica impedido de conduzir durante: 12 horas. 2 horas. 24 horas. Com uma taxa de álcool, de 0,7 g/l, o condutor será sancionado: Apenas com coima. Apenas com inibição de conduzir. Com coima e inibição de conduzir.
  16. 16. Como devo circular no local em que me encontro? Contornar a placa pela direita. Contornar a placa pela esquerda. Como devo proceder para vencer a sonolência durante uma viagem? Ligar o rádio e abrir as janelas. Parar de vez em quando para tomar café. Parar em local apropriado e descansar o suficiente. Como devo proceder perante o sinal de obrigação? Ceder a passagem aos veículos da direita. Circular junto ao eixo da faixa de rodagem. Contornar a placa ou obstáculo pelo lado indicado pela seta. Como devo proceder perante o sinal de obrigação? Ceder a passagem. Contornar a placa ou obstáculo. Mudar de direcção à direita porque o sentido é obrigatório.
  17. 17. Conduzir sob a influência do álcool: Aumenta a visão periférica. Diminui a visão periférica. Não altera a visão periférica. Conduzir sob a influência do álcool: Aumenta a visão lateral. Aumenta o tempo de reacção e a capacidade de previsão. Diminui a capacidade de recolher informação. Conduzir sob o efeito do álcool: Aumenta a capacidade de atenção. Diminui a capacidade de atenção. Não altera a capacidade de atenção. Considera que o comportamento deste condutor é adequado a uma condução segura? Não. Sim, porque a distracção não influencia a condução. Sim, se estiver a praticar uma condução urbana.
  18. 18. Considera-se condução sob o efeito de álcool, quando o condutor apresenta uma TAS: Igual ou superior a 0,3g/l. Igual ou superior a 0,5g/l. Superior a 0,5g/l. Considera-se crime a condução com uma taxa de álcool, igual ou superior a: 0,5 g/l. 0,8 g/l. 1,2 g/l. Considera-se sob a influência do álcool o condutor que apresente uma taxa de álcool, igual ou superior a: 0,3 g/l. 0,4 g/l. 0,5 g/l. Constitui crime a condução com uma taxa de álcool no sangue: Igual ou superior a 0,8 g/l. Igual ou superior a 1,0 g/l. Igual ou superior a 1,2 g/l.
  19. 19. Contribuindo para que o condutor se sinta melhor física e psicologicamente, os tranquilizantes permitem a condução em segurança. A afirmação é falsa. A afirmação é verdadeira. Cria situações de perigo para o trânsito: A condução sob a influência de álcool. O veículo parado a aguardar a passagem do comboio. O veículo que circule pela direita da faixa de rodagem. Cria, em geral, uma situação de perigo no trânsito: A condução sob a influência de bebidas alcoólicas. A paragem junto a um sinal de stop. A realização da manobra de inversão do sentido de marcha. De que forma pode o estado emocional prejudicar o exercício da condução? Diminuindo a fadiga muscular resultante da própria condução. Diminuindo o grau de atenção e de concentração. Diminuindo o nível de agressividade na condução.
  20. 20. Devido à ingestão de bebidas alcoólicas, a capacidade de previsão do condutor: Aumenta. Diminui. Não se altera. Dos seguintes factores assinale aquele de que depende mais a distância de reacção: Da ingestão de bebidas alcoólicas. Do perfil da via. Do sistema de travagem do veículo. Dos seguintes factores, assinale aquele que é agravado pela condução nocturna: A audição. A fadiga. A taxa de álcool no sangue. Durante uma viagem longa é aconselhável ao condutor: Fazer a viagem o mais rapidamente possível. Ir bebendo bebidas energéticas, enquanto puder. Parar e descansar de 2 em 2 horas.
  21. 21. Durante uma viagem longa, como pode um condutor evitar a fadiga? Beber café. Fazer paragens para relaxar o corpo e desentorpecer as pernas. Ingerir uma pequena quantidade de uma substância excitante. É considerada uma contra-ordenação muito grave, a condução com uma taxa de álcool no sangue de: 0,6 g/l. 0,7 g/l. 0,9 g/l. É considerado crime a condução com uma taxa de álcool no sangue, igual a: 0,9 g/l. 1,1 g/l. 1,2 g/l. É considerado crime se o condutor apresentar uma taxa de álcool, de: 0,8 g/l. 0,9 g/l. 1,2 g/l.
  22. 22. É proibido conduzir veículos na via pública com taxa de alcoolemia: Igual ou superior a 0,5g/l sangue. Inferior a 0,5g/l no sangue. Em auto-estrada, a condução sob efeito de álcool e/ou drogas pode ser particularmente perigosa devido ao facto de provocarem: Aumento do tempo de reacção e da distância de paragem. Diminuição do tempo de reacção e aumento da distância de paragem. Diminuição do tempo de reacção e da distância de paragem. Em qual das fases da tarefa da condução se revela fundamental o papel desempenhado pela audição? Na execução da resposta. Na recolha de informação. No tratamento da informação. Em que se traduz a influência do álcool no exercício da condução? Na diminuição da capacidade de reacção do condutor. Na diminuição do tempo de fixação dos olhos nos objectos. No aumento da capacidade de percepção das velocidades e distâncias.
  23. 23. Em viagens muito longas a fadiga pode manifestar-se a nível muscular, nervoso e visual. A afirmação é falsa. A afirmação é verdadeira. Enquanto condutores devemos evitar situações que nos afastem da atenção que a tarefa da condução exige. Certo. Errado. Este sinal de obrigação indica: Obrigação de contornar a placa pela direita. Sentido obrigatório. Trânsito de sentido único. Este sinal determina que: É obrigatório voltar à direita. É proibido voltar para a direita. O trânsito se faz num único sentido. Tenho que contornar a placa dando-lhe a minha esquerda.
  24. 24. Este sinal indica que: A via é de sentido único. Posso passar em primeiro lugar. Tenho de ceder a passagem. Este sinal vertical indica-me: Que só podem circular veículos que tenham colocadas as correntes de neve. Que só podem transitar veículos com pneus especiais para este tipo de via. Que sou aconselhado a utilizar correntes de neve. Este sinal vertical significa que: Deixo de estar obrigado a circular à velocidade mínima de 30 Km/h. Estou obrigado a circular à velocidade máxima de 30 Km/h. Estou obrigado a circular à velocidade mínima de 30Km/h. Este sinal vertical significa: Fim da obrigação de utilizar correntes de neve. Fim da recomendação da utilização de correntes de neve. Que estou obrigado a utilizar correntes de neve.
  25. 25. Estou correctamente posicionado nesta via de trânsito para mudar de direcção à direita? Não. Estou correctamente posicionado somente para seguir em frente. Sim e a sinalização permite-me realizar a manobra. Existem medicamentos capazes de prejudicar o desempenho do indivíduo ao volante? Não, desde que tenham sido receitados por um médico. Sim, mas apenas se forem ingeridos juntamente com bebidas alcoólicas. Sim. Existem medicamentos cuja ingestão pode influenciar a condução da mesma forma que o álcool. A afirmação é falsa. A afirmação é verdadeira. Há medicamentos cuja ingestão é incompatível com o exercício da condução. A afirmação é falsa. A afirmação é verdadeira.
  26. 26. Há medicamentos que, ingeridos ao mesmo tempo que bebidas alcoólicas, reduzem a aptidão para a condução? Não. Sim. Somente quando o condutor os tomar em estado de fraqueza. Somente se ingerir uma quantidade excessiva de bebida alcoólica. Legalmente, considera-se condução sob influência do álcool, quando o condutor apresenta uma taxa: De 0,3 g/l. Igual a 0,5 g/l. Inferior a 0,5 g/l. Na condução automóvel há situações em que a audição se pode sobrepor à visão permitindo ao indivíduo evitar a ocorrência de um acidente. A afirmação é falsa. A afirmação é verdadeira. Na condução, um estado emocional mais agressivo: Aumenta a atenção do condutor. Pode aumentar o tempo de reacção do condutor. Pode diminuir o tempo de reacção do condutor.
  27. 27. Na via onde se encontra colocado o sinal vertical, pode circular um motociclo? Não pode. Só pode se o motociclo não tiver carro lateral. Só pode se transitar a menos de 30 Km/h. Nesta situação o condutor deve: Parar de conduzir até acalmar. Reduzir a velocidade. Nesta situação, o condutor fica diminuido na sua: Capacidade de reacção e atenção. Visão e atenção. Visão e capacidade de reacção. Nesta via pública só podem circular veículos com correntes de neve colocadas: Em duas rodas motoras. Em todas as rodas.
  28. 28. Num condutor, a taxa de álcool no sangue é 0,4 g/l. Isto significa que: Num litro de bebida alcoólica existem 0,4 gramas de álcool. Num litro de sangue do condutor existem 0,4 gramas de álcool puro. Um litro de bebida alcoólica origina 0,4 gramas de álcool puro no sangue. Numa viagem longa é aconselhável o condutor descansar: Apenas de 4 em 4 horas. De 2 em 2 horas. Só depois de ter percorrido os primeiros 400 km. Numa viagem longa, para evitar a fadiga, o melhor é: Aumentar a velocidade. Fumar e ouvir música muito alto. Parar, sair do veículo e descansar. O álcool influencia, de forma negativa, o desempenho da tarefa da condução? Não, porque o álcool é um estimulante para a condução. Sim, mas apenas quando a taxa de álcool no sangue é muito elevada. Sim, sempre.
  29. 29. O álcool ingerido pelo condutor: Aumenta a sua percepção visual. Diminui a percepção visual. Diminui o risco de acidente. O campo visual de um condutor é prejudicado pela: Diminuição dos reflexos. Ingestão de bebidas alcoólicas. Redução do tempo de reacção. O condutor bebendo a mesma quantidade de uma bebida alcoólica apresenta maior taxa de álcool no sangue: Quando a bebida é ingerida durante uma refeição. Quando a bebida é ingerida em jejum. O condutor detectado a conduzir sob a influência do álcool e não tendo sido submetido a novos exames, só poderá retomar a condução ao fim de: 12 horas. 6 horas. 8 horas.
  30. 30. O condutor pode ser inibido de conduzir: Se cometer qualquer infracção ao Código da Estrada. Se estacionar o seu automóvel em cima do passeio. Se for detectado com uma taxa de álcool igual ou superior a 0,5g/l O condutor que ao ser fiscalizado, apresente uma taxa de álcool igual ou superior a 0,5 g/l e não for submetido a novos exames, fica impedido de conduzir: Nas 12 horas seguintes. Nas 18 horas seguintes. Nas 24 horas seguintes. O condutor que ingeriu bebidas alcoólicas: Reage mais lentamente, aumentando o tempo de paragem. Reage rapidamente por aumento dos reflexos. Se bebeu em pouca quantidade, não se verificam alterações. O condutor sob o efeito de álcool tem tendência para: Conduzir com velocidade excessiva e instável. Reagir rapidamente por aumento de reflexos. Ser mais respeitador das regras de trânsito.
  31. 31. O consumo de uma pequena quantidade de bebida alcoólica pode influenciar a condução? Não, após um passeio o efeito da bebida alcoólica desaparece. Não, o efeito da bebida alcoólica desaparece se o condutor tomar um café. Sim, pode. O estado emocional deste condutor pode: Aumentar o tempo de reacção. Diminuir o tempo de reacção. O estado emocional do condutor influencia a forma como desempenha a tarefa da condução. Certo. Errado. O estado emocional do condutor influencia o seu desempenho na tarefa da condução. Certo. Errado.
  32. 32. O estado emocional do condutor pode influenciar a sua atenção na condução? Não. Sim. O estado emocional do condutor pode influenciar, de forma negativa, o desempenho da tarefa da condução? Não, porque o estado emocional apenas influencia a distância de travagem. Sim, mas apenas se o condutor circular fora de localidades. Sim, pode. O estado emocional é um factor de ordem interna que influencia: A distância de travagem. O tempo de reacção e a distância de travagem. O tempo de reacção. O estado físico do condutor é um factor muito importante para a condução. A ingestão de bebidas alcoólicas: É muito negativa para o desempenho da tarefa de condução. Não influencia a tarefa de condução. Só é negativa, se as bebidas forem ingeridas em grandes quantidades.
  33. 33. O estado físico do condutor influencia a forma como desempenha a tarefa da condução? Não, o estado físico não tem influência. A condução é influenciada apenas, pelo estado psicológico. Sim, mas unicamente se estiver sob a influência do álcool com taxa superior a 0,8 g/l. Sim, sempre. O impedimento de conduzir após o teste de álcool, quando o condutor apresentar uma taxa superior a 0,5 g/l, deve manter-se por: 12 horas. 24 horas. 48 horas. O que caracteriza o desempenho de um condutor que se encontra em bom estado físico e psicológico? Maior nível de atenção e reflexos mais lentos. Maior nível de atenção e reflexos mais rápidos. Menor nível de atenção e reflexos mais lentos. O que deve fazer o condutor quando se sente sonolento? Continuar a viagem. É importante não perder tempo. Moderar a velocidade, evitando parar o veículo. Parar e descansar.
  34. 34. O que é a visão cromática? Capacidade de distinguir as cores. Capacidade de ver durante a noite. Capacidade de ver lateralmente. O que é o campo visual? É a área total que o indivíduo vê olhando em frente, sem mover a cabeça. É a capacidade do indivíduo para distinguir os objectos ao longe. É a capacidade do indivíduo para ver os objectos a três dimensões. O que é que pode levar ao aumento da distância de paragem? A fadiga do condutor. A largura da faixa de rodagem. A subida de inclinação acentuada. O que significa uma taxa de álcool de 0,5 gramas por litro de sangue? Cada litro da bebida alcoólica conduz à presença de 0,5 gramas de álcool no sangue. Num litro da bebida alcoólica existem 0,5 gramas de álcool. Num litro de sangue existem 0,5 gramas de álcool.
  35. 35. O sinal circular de fundo azul indica-me a velocidade: Máxima permitida. Máxima recomendada. Mínima obrigatória. O sinal de fundo azul à minha direita indica-me: Os sentidos obrigatórios possíveis. Que apenas estou autorizado a mudar de direcção à esquerda. Que apenas estou autorizado a seguir em frente. O sinal de fundo azul indica-me: Os sentidos obrigatórios possíveis. Que nas vias da direita e da esquerda o trânsito se faz nos dois sentidos. Que tenho prioridade de passagem no próximo entroncamento. O sinal de obrigação de contornar placa ou obstáculo permite-me contornar a placa: Apenas pelo lado direito. Apenas pelo lado esquerdo. Por qualquer um dos lados.
  36. 36. O sinal de obrigação de contornar placa ou obstáculo: Aconselha-me a contornar a placa ou obstáculo pelo lado indicado pela seta. Obriga-me a contornar a placa ou obstáculo pelo lado indicado pela seta. Permite-me contornar a placa por qualquer dos lados. O sinal de obrigação indica-me que a velocidade nele mencionada não pode ser excedida. A afirmação é falsa. A afirmação é verdadeira. O sinal de obrigação indica-me que: A mudança de direcção à esquerda ou à direita não me é permitida. Posso tomar um de dois sentidos obrigatórios possíveis. Vou entrar numa via com dupla faixa de rodagem. O sinal de obrigação indica-me que: Sou obrigado a reduzir a velocidade, mudando de direcção. Sou obrigado a seguir em frente. Vou entrar numa via de sentido único.
  37. 37. O sinal de obrigação indica-me: Curva perigosa à esquerda e à direita. Que o trânsito passa de uma para duas vias. Sentidos obrigatórios possíveis. O sinal indica: Aproximação de local frequentado por cavaleiros. Circulação proibida a cavaleiros. Pista obrigatória para cavaleiros. O sinal informa-me que: A via à direita é destinada à circulação de peões e motociclos. A via à direita é destinada à circulação de peões e velocípedes. Não devem circular peões nem motociclos na via à direita. O sinal vertical de fundo azul indica-me que: Não posso mudar de direcção. Não tenho que ceder a passagem. Vou encontrar uma subida acentuada.
  38. 38. O sinal vertical de fundo azul indica-me que: Não posso seguir em frente. Sou obrigado a seguir em frente. Vou entrar numa via de sentido único. O sinal vertical de fundo azul indica: Obrigação de seguir em frente. Trânsito de sentido único. O sinal vertical de fundo azul indica: Sentido obrigatório. Subida perigosa. Via de sentido único. O sinal vertical de fundo azul: Indica a aproximação de troço de via com neve. Obriga a utilizar correntes de neve. Recomenda a utilização de correntes de neve.
  39. 39. O sinal vertical indica-me a proximidade de uma pista obrigatória para peões. Concorda com esta afirmação? Não. O sinal indica obrigação de seguir pelo sentido indicado pela seta. Não. O sinal indica que circulo ao lado de uma pista obrigatória para velocípedes. Sim e devo moderar a velocidade. O sinal vertical proíbe-me de realizar a manobra de mudança de direcção. A afirmação é falsa. A afirmação é verdadeira. O sinal vertical que se encontra nesta via pública indica-me: Que devo utilizar os máximos apenas no cruzamento com outros veículos. Que estou obrigado a transitar com as luzes de cruzamento acesas. Que já não estou obrigado a transitar com as luzes de cruzamento acesas. Os condutores devem sempre informar-se acerca da possível influência de alguns medicamentos na condução. Certo. Errado.
  40. 40. Os condutores podem recusar submeter-se às provas para detecção do estado de influenciado pelo álcool? Não. Sim, porque apenas são submetidos ao teste, os condutores intervenientes em acidente. Sim, se não tiverem ingerido bebidas alcoólicas. Os condutores tem obrigação de sujeitar-se às provas estabelecidas para a detecção de álcool. Certo. Errado. Os efeitos do álcool na condução podem ser aumentados pela ingestão simultânea de certos medicamentos? Não, os efeitos do álcool não interferem com os dos medicamentos. Sim, embora os efeitos dos medicamentos não possam ser aumentados pelo álcool. Sim, os efeitos do álcool podem ser aumentados pelos medicamentos e vice-versa. Os medicamentos, ingeridos com bebidas alcoólicas, podem prejudicar o desempenho do condutor ao volante? Não, salvo se os medicamentos forem tomados em jejum. Não, tal só acontece com os anti-depressivos. Sim, mas apenas se a quantidade de álcool ingerida for significativa. Sim.
  41. 41. Os peões devem ser submetidos a exame de pesquisa de álcool no ar expirado? Não, nunca. Sim, quando intervenham em acidente. Sim, sempre. Os tranquilizantes e os estimulantes podem afectar as capacidades do indivíduo para o exercício da condução? Não, desde que sejam receitados pelo médico. Sim, mas apenas ingeridos com bebidas alcoólicas. Sim, podem afectar as suas capacidades. Os tranquilizantes e os estimulantes são as únicas categorias de medicamentos que podem exercer efeitos negativos a nível do comportamento do indivíduo ao volante. A afirmação é falsa. A afirmação é verdadeira. Perante a sinalização existente nesta via de trânsito devo: Respeitar apenas o sinal de obrigação e mudar de direcção à direita. Respeitar o sinal de STOP e mudar de direcção à direita. Respeitar o sinal de STOP mas apenas se pretender virar à direita.
  42. 42. Perante a sinalização existente, no próximo cruzamento, devo: Mudar de direcção, visto não poder seguir em frente. Seguir em frente, logo que a sinalização luminosa mo permita. Perante esta situação, devo: Ceder a passagem. Não devo ceder a passagem. Perante este sinal vertical sei que: É proibido o transporte de pneus. É proibido usar correntes de neve. Terminou a obrigação de circular com correntes de neve. Perante este sinal, sou obrigado: A seguir em frente ou virar à direita. A virar à esquerda. Sempre a seguir em frente.
  43. 43. Perante este sinal: Não posso circular no sentido das setas. Sou obrigado a circular no sentido das setas. Tenho prioridade, se circular no sentido das setas. Perante o sinal de obrigação devo: Ceder passagem aos veículos que venham da direita. Contornar a placa ou obstáculo. Mudar de direcção à direita. Perante o sinal de obrigação devo: Contornar a placa ou obstáculo pela esquerda. Virar à esquerda ou fazer inversão de sentido de marcha. Virar à esquerda. Perante o sinal de obrigação devo: Seguir em frente ou virar à direita. Virar à esquerda ou inverter o sentido de marcha. Virar à esquerda.
  44. 44. Perante o sinal vertical de fundo azul fico a saber que: Se aproxima um troço de via em que o pavimento se encontra escorregadio devido à possibilidade de neve. Sou obrigado a transitar com correntes de neve em duas rodas motoras do meu veículo. Sou obrigado a transitar com correntes de neve em todas as rodas do meu veículo. Perante o sinal vertical devo saber que: Circulo numa pista obrigatória para automóveis ligeiros. Circulo numa via de trânsito de sentido único. Estou obrigado a seguir pelo sentido indicado no sinal. Posso transitar na via onde se encontra colocado o sinal vertical. Certo. Errado. Qual a indicação que este sinal vertical dá aos condutores? Fim da obrigação de transitar com as luzes de cruzamento acesas. Obrigação de transitar com as luzes de estrada acesas. Proibição de transitar com as luzes de cruzamento acesas.
  45. 45. Qual a influência da ingestão de bebidas alcoólicas na condução? Aumenta a capacidade de reacção. Aumenta os reflexos e acalma o condutor. Diminui a resistência física do condutor. Qual a principal consequência da visão em túnel, resultante da ingestão de bebidas alcoólicas? Diminuição da capacidade de distinguir as cores. Diminuição da capacidade de ver lateralmente. Redução da capacidade de ver ao longe. Qual dos seguintes factores pode afectar mais o campo visual do condutor? A ingestão de bebidas alcoólicas. A largura da via. O estado emocional. Qual o principal efeito da fadiga no exercício da condução automóvel? Aumento do grau de vigilância e atenção. Diminuição do número de erros ao volante. Rapidez e precisão na execução de manobras. Tensão muscular, rigidez e falta de flexibilidade nos membros.
  46. 46. Qual o principal efeito do sono na condução automóvel? Aumenta a capacidade de análise das situações. Aumenta a capacidade receptiva dos órgãos dos sentidos. Diminui a capacidade de reacção, a exactidão e rapidez dos movimentos. Diminui o tempo de reacção. Qual o tipo de visão mais importante para a realização de uma ultrapassagem em condições de segurança? Visão cromática. Visão em profundidade. Visão periférica. Qual o tipo de visão mais prejudicada pela prática de velocidades elevadas? Visão cromática. Visão frontal. Visão periférica. Que efeitos exerce a fadiga no desempenho do indivíduo ao volante? Aumenta a sua capacidade para avaliar as distâncias. Aumenta a sua capacidade para avaliar as velocidades. Reduz a sua capacidade de reacção.
  47. 47. Que efeitos exerce o álcool no condutor? Aumenta a concentração do condutor e o sentimento de bem- estar. Aumenta o tempo de recuperação da visão após encandeamento. Diminui o tempo e a distância de reacção. Que indicação me é dada pelo sinal vertical? Obrigação de parar nas passagens estreitas. Obrigação de seguir em frente. Via com trânsito num só sentido. Quem conduzir com uma taxa de álcool no sangue igual a 0,7 g/l, será punido: Com coima de 250€ a 1250€ e inibição de conduzir de 1 mês a 1 ano . Com coima de 360€ a 1800€ e inibição de conduzir de 2 mês a 2 ano. Quem conduzir com uma taxa de álcool no sangue igual ou superior a 1,1 g/l comete uma contra- ordenação: Grave. Muito grave.
  48. 48. Regra geral, um condutor distraído tem: O mesmo tempo de reacção que qualquer outro condutor. Um tempo de reacção mais longo. Um tempo de reacção mais reduzido. Se ao condutor fiscalizado for detectada presença de álcool no sangue, é considerado: Contra-ordenação muito grave se a taxa de álcool no sangue for inferior a 0,8g/l. Contra-ordenação, independentemente da TAS. Crime, se a taxa de álcool no sangue for igual a 1,2g/l. Se na próxima intersecção pretender mudar de direcção para a esquerda, devo: Ceder passagem apenas aos veículos que se apresentem pela direita. Contornar a placa pela direita. Parar e ceder passagem a todos os veículos. Parar e ceder passagem apenas aos veículos que se apresentem pela direita. Sendo difícil saber qual a taxa de alcoolémia que resulta da ingestão de bebidas alcoólicas, os condutores devem: Evitar ingerir mais de 33 cl, de qualquer bebida alcoólica. Evitar ingerir qualquer quantidade de álcool. Só iniciar a condução 30 minutos após a ingestão de bebidas alcoólicas.
  49. 49. Sob a influência do álcool, o condutor: Reage mais lentamente ao meio envolvente. Reage mais rapidamente ao meio envolvente. Reage normalmente ao meio envolvente. TAS é uma sigla referente: À taxa de álcool no sangue. À taxa de álcool superior a 0,8 g/l. À taxa de álcool unicamente quando for superior a 0,5 g/l. Um condutor é obrigado a efectuar um exame de pesquisa de álcool, mesmo sem estar implicado num acidente? Não, esse teste só é efectuado a condutores implicados em acidentes. Sim, mas só se o condutor tiver sintomas de ter ingerido bebidas alcoólicas. Sim, se for solicitado pelo agente da autoridade. Um condutor fiscalizado a conduzir com uma taxa de álcool, superior a 0,5 g/l, fica impedido de conduzir? Não, se o valor não for superior a 0,8 g/l. Sim, nas 24 horas seguintes. Sim.
  50. 50. Um condutor ingeriu em excesso bebidas alcoólicas. Pode conduzir sem problemas? Não. Não é possível restabelecer-se rapidamente para fazer uma condução segura. Sim, após dormir uma hora, desaparece o efeito da bebida alcoólica. Sim, bebendo café forte passa o efeito da bebida alcoólica. Um condutor perturbado emocionalmente reage: Mais lentamente. Mais rapidamente. Um condutor pode ser solicitado pelo agente da autoridade a submeter-se a um exame de pesquisa de álcool? Apenas quando for implicado num acidente. Sim, mas só quando apresentar sintomas evidentes de ter ingerido álcool. Sim, pode. Um condutor que apresente uma taxa de álcool no sangue igual ou superior a 0,5 g/l, fica impedido de conduzir durante: 10 horas. 12 horas. 8 horas.
  51. 51. Um condutor, detectado a conduzir com uma taxa de alcoolémia igual ou superior a 0,9 g/l incorre numa contra-ordenação? Não. Sim, grave. Sim, muito grave. Um dos efeitos da fadiga na condução é: A redução do tempo de reacção. O aumento da capacidade de atenção. O aumento do tempo de reacção. Um dos efeitos da fadiga na condução traduz-se na diminuição: Da distância de paragem. Da rapidez dos reflexos. Do tempo de reacção. Um dos efeitos da ingestão de bebidas alcoólicas é a redução: Da capacidade de avaliação das distâncias. Da fadiga. Do tempo de reacção.
  52. 52. Um dos efeitos do álcool na condução é: O aumento da capacidade de previsão. Uma capacidade de decisão mais eficaz. Uma menor recolha de informação. Um dos efeitos do cansaço na condução, é: A diminuição do tempo de reacção. O aumento da capacidade de reacção. O aumento do tempo de reacção. Um dos factores que influencia a TAS é a quantidade de álcool ingerido. Certo. Errado. Um dos primeiros efeitos após a ingestão de álcool traduz-se num estado: Adaptado a todas as necessidades de condução. Eufórico. Fatigado.
  53. 53. Uma das consequências da condução sob influência de álcool é: O aumento do campo visual. O estreitamento do campo visual. Uma das consequências da fadiga é: A diminuição do tempo de reacção. A sonolência. O aumento da atenção do condutor. Uma das consequências na condução automóvel motivada pela ingestão de medicamentos poderá ser a significativa redução: Da capacidade de vigilância. Da distância de paragem. Do tempo de reacção. Uma taxa de 0,3 g/l de álcool no sangue quer dizer que: Há uma percentagem de 0,3 gramas de álcool por cada 10 litros de sangue. Num litro de sangue existem 0,3 gramas de álcool puro. Um litro de bebida alcoólica origina 0,3 gramas de álcool no sangue.
  54. 54. Uma taxa de álcool de 0,5 g/l de sangue significa que: Num litro de bebida alcoólica existem 0,5 gramas de álcool. Num litro de sangue existem 0,5 gramas de álcool puro. Um litro de bebida alcoólica origina 0,5 gramas de álcool no sangue. Uma taxa de álcool de 0,8 g/l de sangue, significa que: Existem 0,8 gramas de bebida alcoólica em cada litro de sangue. Num litro de sangue existem 0,8 gramas de álcool puro. Um litro de bebida alcoólica contém 0,8 gramas de álcool puro.

×