Fluxo magnético

1.469 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.469
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
218
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
18
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Fluxo magnético

  1. 1. Fluxo magnético - indução eletromagnética - sentido da corrente elétrica induzida Considere uma espira circular, quadrada ou retangular de ares S no interior de um campo magnético uniforme de indução B. Considere n o vetor normal ao plano que contém a espira e α o ângulo que o vetor indução magnética B forma n com.
  2. 2. Indução eletromagnética
  3. 3. Para que você entenda o fenômeno da indução eletromagnética, considere uma única espira e um imã permanente. Quando você aproxima o imã da espira, o número de linhas de indução do imã que penetram na espira (fluxo magnético) aumenta, fazendo surgir na espira uma corrente elétrica induzida num determinado sentido. Quando você afasta o imã da espira, o número de linhas de indução do imã (fluxo magnético) que penetram na espira diminui, fazendo surgir na espira uma corrente elétrica induzida com sentido oposto ao anterior.
  4. 4. Leis qualitativas sobre a indução eletromagnética: -Toda corrente elétrica induzida é originada devido a uma variação do fluxo magnético de indução. -Não há corrente induzida se não houver variação do fluxo magnético de indução Lei de Lenz A lei de Lenz se refere ao sentido da corrente elétrica induzida afirmando que a corrente elétrica induzida, sempre tem sentido oposto as linhas do campo magnético indutor: “ O sentido da corrente elétrica induzida é tal que, por seus efeitos, opõe-se à causa que lhe deu origem”
  5. 5. O pólo norte do imã se aproxima da espira ou do solenóide
  6. 6. O pólo norte do imã se afasta da espira ou do solenóide
  7. 7. 01-(FATEC-SP) Em qualquer tempo da história da Física, cientistas buscaram unificar algumas teorias e áreas de atuação. Hans Christian Oersted, físico dinamarquês, conseguiu prever a existência de ligação entre duas áreas da física, ao formular a tese de que quando duas cargas elétricas estão em movimento, manifesta-se entre elas, além da força eletrostática, uma outra força, denominada força magnética. Este feito levou a física a uma nova área de conhecimento denominada: a) eletricidade. b) magnetostática. c) eletroeletrônica. d) eletromagnetismo. e) indução eletromagnética.
  8. 8. 02- (FUVEST- SP) Um imã preso a um carrinho desloca-se com velocidade constante ao longo de um trilho horizontal. Envolvendo o trilho há uma espira metálica, como mostra a figura. Pode-se afirmar que, na espira, a corrente elétrica: a) é sempre nula; b) existe somente quando o imã se aproxima da esfera; c) existe somente quando o imã está dentro da espira; d) existe somente quando imã se afasta da espira; e) existe quando o imã se aproxima ou se afasta da espira.
  9. 9. 05-(CFT-MG) Um aluno desenhou as figuras 1, 2, 3 e 4, indicando a velocidade do ímã em relação ao anel de alumínio e o sentido da corrente nele induzida, para representar um fenômeno de indução eletromagnética. A alternativa que representa uma situação fisicamente correta é a) 1 b) 2 c) 3 d) 4

×