Epidemiol.. (1)

1.140 visualizações

Publicada em

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.140
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
156
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
21
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Epidemiol.. (1)

  1. 1. IFPE- CAMPUS PESQUEIRA BACHARELADO EM ENFERMAGEM 2012.1 PROCESSOS INFECCIOSOS E PARASITÁRIOS Epidemiologia e Saúde pública( cap. 11) ResumoEpidemiologia é o estudo de doenças , fatores que indicam a frequência, distribuição edeterminantes das doenças na população humana.Doenças transmissíveis e contagiosas – A doença infecciosa é causada por patógeno. Casoseja transmissível de pessoa para pessoa, é chamada de doença transmissível.Doença Contagiosa é definida como a doença transmissível que é facilmente transmitida deuma pessoa para outra.Doenças zoonóticas –são as doenças infecciosas que o ser humano adquire de fontes animais.As zoonoses são adquiridas por contato direto com o animal, por inalação ou ingestão dopatógeno ou por inoculação do patógeno por um artrópodo. As medidas de controle dasdoenças zoonóticas incluem uso pessoal de equipamentos de proteção durante a manipulaçãode animais, vacinação dos animais, uso apropriado de pesticidas, isolamento ou eliminaçãoapropriada das carcaças de animais e resíduos de esgoto.Incidência a taxa de morbidade – A incidência de determinada doença é definida como onúmero de novos casos desta doença, numa população definida num dado período de tempo.A incidência é semelhante ataxa de morbidade para esta doença, que é, normalmenteexpressa como o número de novos casos de uma doença em particular que tenha ocorridodurante um período específico numa população definida.PrevalênciaPrevalência de tempo de determinada doença é o número de casos da doença existente numadada população, durante um período específico.Prevalência Pontual de determinada de determinada doença é o número de casos da doençanuma dada população em um momento específico do tempo.Taxa de mortalidade é a razão do número de pessoas que morreram, com determinadadoença, durante dado período numa população específica.Doenças esporádicas é aquela que ocorre apenas ocasionalmente (esporadicamente) numapopulação de determinada área geográfica.Doenças endêmicas são aquelas que estão sempre presentes numa população emdeterminada área geográfica.
  2. 2. Doenças Epidêmicas - uma epidemia (ou surto) é definida como o número de casos maior queo normal de uma doença, numa região específica, ocorrendo normalmente num período detempo relativamente curto.Doenças Pandêmicas é a que ocorre em proporções epidêmicas em vários paísessimultaneamente – ás vezes mundialmente.Interações entre patógenos , hospedeiros e o meio ambienteA ocorrência de uma doença infecciosa depende de muitos fatores, alguns dos quais estãolistados abaixo: 1. Fatores relacionados aos patógenos A virulência do patógeno Existênciade uma via para o patógeno penetrar no organismo Quantidade de organismos que penetrano corpo 2. Fatores relacionados aos hospedeiros Estado de saúde Estado nutricional Outros fatores relacionados a susceptibilidade do hospedeiro 3. Fatores relacionados ao meio ambiente Fatores físicos como localização geográfica, clima, calor, frio, umidade e estação do ano. Disponibilidade de reservatórios apropriados, hospedeiros intermediários e vetores. Condições sanitárias e de moradia, eliminação adequada de objetos Disponibilidade de água potável.Ciclo de infecçãoExistem seis componentes no processo das doenças infecciosas: 1. Primeiro é necessário uma fonte do patógeno 2. É necessário uma fonte do patógeno (isto é, um reservatório) 3. É necessário uma porta de saída (isto é, um meio pelo qual o Patógeno escapa do reservatório) 4. É necessário um modo de transmissão 5. É necessário uma porta de entrada 6. É necessário um hospedeiro susceptívelReservatório de infecçãoÉ qualquer lugar onde o patógeno pode se multiplicar ou meramente sobreviver, até que sejatransferido para um hospedeiro.Reservatórios vivosO ser humano, animais domésticos, animais de fazenda, etc.
  3. 3. Portadores humanosPortadores passivos transportam o patógeno sem jamais terem desenvolvido a doença.Portador incubador é a pessoa capaz de transmitir o patógeno durante o período deincubação de determinada doença infecciosa.Portadores covalescentesabrigam e podem transmitir determinado patógeno enquanto serecuperam de doença infecciosa.Portadores ativos se recuperaram completamente da doença, mas continuam abrigando opatógeno indefinitivamente.ArtrópodosSão os insetos como mosquitos, moscas, varejeiras, piolhos e pulgas, aracnídeos como ácaros ecarrapatos. Quando envolvidos na transmissão de doenças infecciosas, estes artropódos sãoreferidos como vetores.Reservatórios não-vivosIncluem. o ar, solo, poeira, alimento, leite, água e fômites.Formas de transmissãoAs cinco principais formas pelas quais ocorre a transmissão dos patógenos são o contato(direto ou indireto), ar, perdigotos, veicular e por vetores.As doenças transmissíveis – doenças infecciosas que uma pessoa passa para outra – sãonormalmente transferidas das seguintes formas: Contato direto pela pele Contato direto entre as mucosas através de beijos ou relação sexual Indiretamente através do ar por gotículas de secreções respiratórias, geralmente produzidas como resultado de espirro ou tosse Indiretamente através da contaminação de alimento e água por material fecal Indiretamente por vetores artrópodos Indiretamente por fômites que se tornam contaminados por secreções respiratórias, sangue, urina, fezes, vômitos, ou exsudatos de pacientes hospitalizados. Indiretamente por transfusão de sangue e/ou seus derivados contaminados de uma pessoa doente ou por injeção parenteral (injeção direta na corrente sanguínea), usando-se seringas e agulhas não esterelizadas.Agências de saúde públicaAs agências de saúde pública de todos os níveis tentam, constantemente, evitar epidemias eidentificar e eliminar qualquer uma que possa vir a ocorrer. Uma forma pela qual osprofissionais de saúde participam deste amplo programa é através da notificação de casos dedoenças transmissíveis às agências apropriadas.
  4. 4. Organização Mundial de Saúde (OMS)Sua missão é promover cooperação técnica para a saúde entre as nações, realizar programasde controle e erradicação de doenças, melhorando a qualidade de vida humana.Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC)Assiste o estado e os departamentos locais de saúde na aplicação de todos os aspectosepidemiológicos.A prevenção e controle de epidemias são um objetivo comunitário que nunca termina. Paraserem efetivos, devem incluir medidas para: Aumentar a resistência do hospedeiro através do desenvolvimento e administração de vacinas que induzam imunidade ativa e a manutenção desta em pessoas susceptíveis. Assegurar que pessoas que tenham sido expostas a um patógeno estejam protegidas contra a doença. Segregar, isolar e tratar que aqueles que tenham contraído uma infecção contagiosa, para evitar a disseminação dos patógenos a outras pessoas. Identificar e controlar potenciais reservatórios e vetores de doenças infecciosas.Definições de termos epidemiológicos relacionados as doenças infecciosasControle– campanhas ou programas que visam reduzir a incidência e/ou a prevalência de taldoença.Eliminação– a redução da transmissão de casos a um nível predeterminado muito baixo.Erradicação– o fato de não ocorrer mais nenhum outro caso da doença, em qualquer lugar eonde as medidas de controle contínuo são desnecessários.Bioterrorismo e agente de ataque biológicoMicroorganismos patogênicos chegam as vezes nas mãos de pessoas mentalmentedesorientadas, que querem usá-los para provocar danos aos outros. Em tempos de guerra ,essa utilização de microrganismos é chamada de armas biológicas e os microrganismos sãoreferidos comoagentes de ataque biológico.Existe a possibilidade de que membros de gruposterroristas ou radicais usem patógenos para provocar medo, caos, doença e morte. Estes sãoreferidos como comoagentes de bioterrorismo.Abastecimento de água e despejo de esgotoDois tipos de poulição de água estão presentes em nossa sociedade:A química ocorre quando instalações industriais despejam produtos residuais em águas locais,sem pré-tratamento adequado, quando os pesticidas são usados indiscriminadamente equando os produtos químicos são expelidos no ar e transportados para o solo através da chuva(chuva ácida).
  5. 5. A biológica é constituída por produtos residuais de origem humana – material fecal e lixo – quepossuem grande quantidade de patógenos INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE PERNAMBUCOCURSO: BACHARELADO EM ENFERMAGEM 2012.1ALUNO:........................................... PROF. ............................DISCIPLINA: PROCESSOS INFECCIOSOS E PARASITÁRIOS.1- Tanto patologia quanto epidemiologia podem ser vagamente definidas como o estudo das doenças. O epidemiologista estuda os fatores que indicam: a) Funcionamento da doença b) Fatores socioeconômicos da população c) Fatores q indicam a frequência,distribuição e determinantes das doenças nas populações humanas d) Agravos de doenças infecciosas e) Nenhuma das alternativas acima 2-Os componentes no processo do ciclo de infecção são:a)reservatório,patógeno e ser humano.b)patógeno,reservatório,porta de saída,modo de transmissão,porta de entrada,hospedeiro. c) vírus,reservatório,patógeno,hospedeiro e)fatores físicos,reservatório,patógeno. f) todas as alternativas acima3-incidência e prevalência são respectivamente :a)numero de casos novos de uma doença num dado período de tempo e numero de casosexistentes de uma doenças em um período de tempo.b)numero de casos existentes de uma doenças em um período de tempo. e numero de casosnovos de uma doença num dado período de tempo.c)casos de doenças que mais acometem a população e doenças mais reincidentes napopulação.
  6. 6. d)doença que so incide mas é erradicada naturalmente e doença que prevalece em umapessoa (crônica)e) nenhuma das alternativas acima.4-sobre doenças esporádicas, endêmicas, epidêmicas e pandêmicas é incorreto afirmar que :a)doença esporádica é aquela eu ocorre ocasionalmente numa população de determinadaregião.b)casos de doenças maior que o normal em uma determinada população recebe o nome dedoenças epidêmicas ou epidemia.c)doenças endêmicas são aquelas que estão sempre presentes em uma determinadapopulação.d) doenças endêmicas nunca poderão de tornar doenças epidêmicas, são grupos distintos quenão evoluem nem regridem.e) todas as alternativas estão incorretas.5- Marque a alternativa correta sobre os reservatórios de infecção:a)reservatórios vivos, artrópodos, animais e vírus.b)vírus, animais, portadores humanos e alimentos.c)plantas, vírus, animas e portadores humanos.d)reservatórios vivos, portadores humanos, animais e artrópodos.e)nenhuma das alternativas acima.6- São respectivamente, doenças patógenas e reservatórios animais:a)febre amarela, macacos e vírus da febre amarela.b)brucelose, brucellaspp, gado suíno e cabras.c)lepitospiraspp, lepitospirose, gatos, roedores e cães.d)peste bubônica, roedores e yersínia pestis.e)nenhuma das alternativas.
  7. 7. 7- Qual das seguintes expressões melhor descreve a infecção genital por clamídia:a)doença transmitida por artrópodos,b)doença epidêmica.c)doença contagiosa.d)doença pandêmica.e)doença esporádica.8- Doenças zoonóticas são:a)doenças infecciosas passadas de ser humano para ser humano.b)doenças infecciosas passadas de humanos para animais.c)doenças infecciosas passadas na relação sexual.d)doenças infecciosas passadas de animais para seres humanos.e) nenhuma das alternativas .9-Quais das doenças abaixo relacionadas não é uma doença contagiosa?a)sarampob)diabetesc)rubéolad)gripee)todas as alternativas acima10- Todas as seguintes opções são etapas importantes no tratamento de água potável para apopulação, exceto:a)fervura.b)cloração.c)filtração.d)floculação.e)sedimentação.Gabarito:c,b,a,d,d,b,c,d,b,a.

×