Ergonomia e Segurança do Trabalho - Aula 3

986 visualizações

Publicada em

Aula ministrada pela docente Teresa Maté da disciplina de Ergonomia e Segurança do Trabalho ministrada na Multivix 2013_2.

Publicada em: Engenharia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
986
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
59
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ergonomia e Segurança do Trabalho - Aula 3

  1. 1. ERGONOMIA E SEGURANÇA DO TRABALHO INTERVENÇÕES ERGONÔMICAS E CONDIÇÕES AMBIENTAIS Profª Teresa Maté teresa_mate@yahoo.com.br
  2. 2. INTERVENÇÃO ERGONÔMICA  Trabalho fisicamente pesado;  Trabalho em ambientes de altas e baixas temperaturas, barulhento e com iluminação inadequada;  Biomecânicas:posturas cadeiras, uso da coluna, uso dos membros superiores e membros inferiores, organização ergonômica do posto de trabalho,  Prevenção da Fadiga
  3. 3. ANÁLISE ERGONÔMICA DOS POSTOS DE TRABALHO Referências bibliográficas sobre o homem em atividades de trabalho Análise Ergonômica do Trabalho Análise da demanda: definição do problema Dados Hipóteses Análise da tarefa: análise das condições de trabalho Dados Hipóteses Análise das atividades: análise dos comportamentos do homem no trabalho Dados Hipóteses Síntese Ergonômica do Trabalho Caderno de encargos de recomendações ergonômicas Diagnóstico: modelo operativo da situação de trabalho Situação de Trabalho
  4. 4. ANÁLISE DA TAREFA  Abordagem tradicional + abordagem ergonômica.  Conceito de Tarefa:  conjunto de ações humanas, que torna possível um sistema atingir o seu objetivo.  A análise da tarefa realiza-se em dois níveis:  Descrição da tarefa – global  Descrições das ações – detalhado
  5. 5. DESCRIÇÃO DA TAREFA – GLOBAL  Objetivo – Para que serve a tarefa  Características Técnicas – Quais são as máquinas e materiais  Operador – Que tipo de pessoa trabalha  Aplicações – Localização do posto no sistema produtivo. Condições Operacionais – Como trabalha o operador; Condições Ambientais – Temperatura, umidade, iluminação, ventilação, ruídos, vibrações, gases e vapores; Condições organizacionais – Qual a forma de organização do trabalho.
  6. 6. PRINCÍPIOS DE ECONOMIA DE MOVIMENTOS  Princípios desenvolvidos no início da engenharia de métodos (tempos e movimentos)  A maioria deles ainda hoje é utilizada  Classificação:  Relacionados à Utilização do Corpo Humano.  Relacionados com o arranjo físico do local de Trabalho.  Relacionado com o projeto das ferramentas e equipamentos.
  7. 7. UTILIZAÇÃO DO CORPO HUMANO.  Simultaneidade dos Movimentos das Mãos e dos Braços;  Dispêndio Mínimo de Energia;  Classificação mais baixa de movimento; Movimentos suaves, curvos e contínuos das mãos; Movimentos parabólicos.  Ritmo
  8. 8. DISPOSIÇÃO DO POSTO DE TRABALHO  Ordem na Área de Trabalho  Materiais e Ferramentas: deve existir lugar definitivo e fixo para todas as ferramentas e materiais; se localizar perto do local de uso e de forma a permitir a melhor sequencia de movimentos.
  9. 9. DISPOSIÇÃO DO POSTO DE TRABALHO Utilização da Gravidade Deverão ser usados depósitos e caixas alimentadoras por gravidade, para distribuição de material o mais perto do local de uso e a distribuição da peça processada.
  10. 10. DISPOSIÇÃO DO POSTO DE TRABALHO  Conforto e Iluminação do Posto de Trabalho  Deve-se proporcionar as melhores condições de iluminação para o seu trabalho.  A altura do local de trabalho e da banqueta que lhe corresponda devem ser tais, que possibilitem ao operário trabalhar em pé ou sentado, tão facilmente quanto possível.
  11. 11. DISPOSIÇÃO DO POSTO DE TRABALHO Deve-se fornecer a cada trabalhador uma cadeira do tipo e altura, tais que permitam boa postura para os trabalhos.
  12. 12. PROJETO DAS FERRAMENTAS E EQUIPAMENTOS Liberdade das Mãos As mãos devem ser aliviadas de todo o trabalho que possa ser executado mais convenientemente por um dispositivo, um gabarito, ou um mecanismo acionado a pedal. Combinar e Pré-posicionar Quando possível devem-se combinar duas ou mais ferramentas. As ferramentas e os materiais devem ser preposicionados sempre que possível.
  13. 13. PROJETO DAS FERRAMENTAS E EQUIPAMENTOS Localização dos Controles Devem-se localizar alavancas e volantes em posições tais que o operador possa manipulá-los com alteração mínima da posição do corpo
  14. 14. EXERCÍCIO EM DUPLA  Entrevista  Com os dados coletados, proponha uma adequação ergonômica do posto de trabalho do entrevistado.

×