SpaceLAB

418 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
418
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

SpaceLAB

  1. 1. Thiago/Raydan Copiloto da Jornada Órbita, a escola de asas. Uma jornada coletiva de autoconhecimento e mão na massa, com um objetivo comum: decolar para uma vida com mais propósito. Coach Vocacional e de Carreira, certificado pela SBC (Sociedade Brasileira de Coaching) e pelo ICC (International Coaching Council). Facilitador de Conversas Significativas e Jogos Colaborativos, buscando conexões e relações mais genuínas e explorando soluções criativas através da inteligência coletiva de grupos que compartilham um propósito. Fundador da ONG Engenheiros da Alegria, que tem como propósito a construção de sonhos e sorrisos, empoderando voluntários e comunidades à voltarem a acreditar na energia da coletividade.
  2. 2. I) CONNECT OWNERSHIP
  3. 3. “SONHOS”
  4. 4. O QUE É UM SONHO?
  5. 5. HM.
  6. 6. O QUE É UM SONHO? “Sonho” é um objetivo nutrido por um propósito.
  7. 7. “PROPÓSITO”
  8. 8. HM.
  9. 9. O QUE É “PROPÓSITO”? “Propósito” é o que entregaintenção ao objetivo.
  10. 10. O QUE É “PROPÓSITO”? “Propósito” é o que entregaintenção ao objetivo. É um objetivo que é buscado com intenção.
  11. 11. O QUE É UMA BUSCACOM INTENÇÃO?
  12. 12.
  13. 13. O QUE É UMA BUSCACOM INTENÇÃO? Uma busca com intenção é uma ação que é consciente: ela é desejada e necessária.
  14. 14. SONHO:  “Sonho” é um objetivo nutrido por um propósito.  “Propósito” é o que entregaintenção ao objetivo.  “Busca com intenção” é uma ação que é consciente: ela é desejadae necessária.
  15. 15. DESEJO Vontade depossuir ou fazer algo.
  16. 16. NECESSIDADE ?
  17. 17. DESEJO Vontade depossuir ou fazer algo. NECESSIDADE  Necessidades básicas (Maslow, 1995)
  18. 18. DESEJO Vontade depossuir ou fazer algo. NECESSIDADE  Necessidades básicas  Necessidades elevadas (Maslow, 1995)
  19. 19. DESEJO Vontade depossuir ou fazer algo. NECESSIDADE Necessidades básicas: são baseadas nafalta e devem, assim, ser saciadas para evitar um estado indesejável. (Maslow,1995)
  20. 20. DESEJO Vontade depossuir ou fazer algo. NECESSIDADE Necessidades elevadas: não buscam ser saciadas para se evitar algo indesejável, mas para se alcançar algo mais desejável. (Maslow,1995)
  21. 21. “TODO ANIMAL SATISFEITODORME”
  22. 22.  O QUE É SONHO
  23. 23. MAS QUEM SÃO OS SONHADORES?
  24. 24. MAS QUEM SÃO OS SONHADORES?
  25. 25. O QUE ELESTEM EM COMUM?
  26. 26. ELESNÃO SÃO CONHECIDOS PORSEREM SONHADORES.
  27. 27. ELESNÃO SÃO CONHECIDOS PORSEREM SONHADORES. ELES SÃOCONHECIDOS POR SEREM REALIZADORES.
  28. 28. ENTÃOCHEGADE
  29. 29. VAMOS SONHAR! Pegue um papel A3, canetinhase faça um BRAINSTORMINGde seus sonhos. Regras:  Nãojulgue  Nãoanalise  Sóescreva
  30. 30. VAMOS SONHAR! Repasse os sonhos em post-its e divida-os em: Coisas que necessito fazer Coisas que desejo fazer Desejo e necessito Coisas que quero fazer Coisas que preciso fazer
  31. 31. REÚNA EM GRUPOS DE 3 Coisas que necessito fazer Coisas que desejo fazer Desejo e necessito E respondam a seguinte pergunta: Dentre as 3divisões, qual é a que possuí os sonhos mais motivadores? Coisas que quero fazer Coisas que preciso fazer
  32. 32. ESCOLHA ATÉ 2 SONHOS
  33. 33. MAPA DE UM SONHO NA PRÁTICA Porquê? Como? O quê? Desejo Propósito Necessidade Planejamento/Organização Objetivo Essência/Motivação Serendipidade/Acaso
  34. 34. II)CONSTRUCT BUILDING,PLANNING,ACTION
  35. 35. COMECE PELOPORQUÊ!
  36. 36. ESCREVAO SEU PROPÓSITO Qual é a essência por trás desses sonhos? Qual é a sua missão? Por quê ela te motiva? Por quê eleé importante para você? Como você crescerá serealizar esses sonhos?
  37. 37. INVESTIGAÇÃOAPRECIATIVA: COMPARTILHE SUA HISTÓRIA Reúnaem um grupode 3pessoas. Quem estiver falando: conte em 10minutos um pouco sobre quem é você. Quem estiver escutando: deacordo com a história do outro, anoteas qualidades que for percebendo em sua fala e fisionomia: talentos, virtudes e aprendizados. Quando a pessoa terminar,presentei-a com o seu olhar sobre as suas qualidades. Acordos:  Escute com atenção e com ocoração.  Fale com intenção e com o coração.  Seja empático, deixe osjulgamentos delado.
  38. 38. ESCREVAOS SEUSTALENTOS Oque você sabe fazer? O que dizem que você sabe fazer bem feito? Quais são as suas especialidades? Oque te diferencia?
  39. 39. DE VOLTA AOSSONHOS Posicione os seus sonhos no final da linha. Escreva tudo o que você precisa fazer para chegarlá – não precisa ser naordem cronológica, só esgote todos os passos, ferramentas e ajuda que você precisa para chegarlá.  O que preciso fazer?  Como euposso fazer?  Quais são os passos cruciais?  Dequem preciso deajuda?  Quais recursos são necessários?  Como posso captá-los?
  40. 40. ROADMAP Primeira fase: o que posso fazer em 15dias. Segunda fase: quais os próximos passos. Estipule um prazo real para cada umdos passos.
  41. 41. QUAL ÉO MEU SONHO? Deacordo com o Mapa do Sonho,defina com clareza o que é o seu sonho, seguindo os passos: Por quê?, Como?e O quê? Apresente em 3 minutos para o grupo.
  42. 42. QUAL ÉO MEU SONHO? Deacordo com o Mapa do Sonho,defina com clareza o que é o seu sonho, seguindo os passos: Por quê?, Como?e O quê? Apresente em 3 minutos para o grupo. Porquê? Como? O quê?
  43. 43. Deacordo com o Mapa do Sonho,defina com clareza o que é o seu sonho, seguindo os passos: Por quê?, Como?e O quê? Apresente em 3 minutos para o grupo.
  44. 44. SHARE Oque você precisa? //O que posso oferecer?
  45. 45. III)CONTEMPLATE + CHECKING
  46. 46. CELEBRAR Por quê valeu a pena até agora?
  47. 47. CHECKING!
  48. 48. IV) CONTINUE IMPROVE+ NEWCONNECTIONS
  49. 49. O EQUILÍBRIOENTRE SERENDIPIDADE X PLANEJAMENTO
  50. 50. “Em tudo quanto se empreende, há que atribuir dois terços à razão e o outro terço ao acaso. Se aumentardes a primeira fracção, sereis pusilânime. Aumentai a segunda, sereis temerário.” - Napoleão Bonaparte *Pusilânime: sem coragem de se impor; covarde; omisso. Temerário: imprudente; impulsivo; insipiente.
  51. 51. PLANEJAMENTO A arte de criar estratégias para fazer acontecer o que você busca.
  52. 52. PLANEJAMENTO Receita: • Sempre conhecer o seu momento • Deixar claro o que você busca e o que precisa • Checking A arte de criar estratégias para fazer acontecer o que você busca.
  53. 53. PLANEJAMENTO Receita: • Sempre conhecer o seu momento: sempre ter consciência de como você está, em que passo você está e quais são os próximos.
  54. 54. PLANEJAMENTO Receita: • Deixar claro o que você busca e o que precisa: assumir a responsabilidade por o que depende só de você; e pedir ajuda para o que depende do outro.
  55. 55. PLANEJAMENTO Receita: • Checking: reestruturar as estratégias periodicamente.
  56. 56. SONHOS COM METASE PRAZOSSÃOUM TESTE DEFIDELIDADE: DE VOCÊ,CONSIGOMESMO.
  57. 57. SERENDIPIDADE A arte de encontrar o que não se está procurando, por acaso.
  58. 58. SERENDIPIDADE A arte de encontrar o que não se está procurando, por acaso. Receita: • Iniciativa • Perseverança • Senso de observação • Desapegar da expectativa
  59. 59. SERENDIPIDADE Receita: • Iniciativa: para descobrir rotas por acaso, é preciso estar caminhando. Caminhar é estar em movimento.
  60. 60. SERENDIPIDADE Receita: • Perseverança: acreditar no processo. Esteja sempre consciente do quão desejado e necessário é o seu sonho.
  61. 61. SERENDIPIDADE Receita: • Senso de observação: entender o processo. Reconhecer o que deu certo e o que deu errado, e tirar aprendizados de ambos.
  62. 62. SERENDIPIDADE Receita: • Desapegar da expectativa: deixar de viver com o foco no que poderia ter sido, para viver o que é.
  63. 63. “O ACASOSÓ FAVORECE ÀMENTE PREPARADA.” - LouisPasteur
  64. 64. TO BE CONTINUED...

×