REVOLUÇÃOREVOLUÇÃO
INDUSTRIALINDUSTRIAL
www.thiagohmlopes.blogspot.comwww.thiagohmlopes.blogspot.com
⇒ Teve início na InglaterraInglaterra, segunda metade do século XVIII,
influenciada pelas mudanças proporcionadas pela Rev...
Prédios enegrecidos pela fumaça das chaminés, símbolo das cidadesPrédios enegrecidos pela fumaça das chaminés, símbolo das...
⇒ O cotidiano social também foi alterado pela Industrialização,
especialmente em relação a alienação dos trabalhadoresalie...
Contração do Espaço-TempoContração do Espaço-Tempo
promovido pelopromovido pelo
desenvolvimento dosdesenvolvimento dos
tra...
⇒ A busca incansável pelo lucro da concorrência burguesa estimularam
o surgimento das Ideologias Sociais do Século XIX (Mo...
► ENCÍCLICA RERUM NOVARUM (DAS COISAS NOVAS):ENCÍCLICA RERUM NOVARUM (DAS COISAS NOVAS): Crítica católica
aos abusos capit...
Protesto da Praça Haymarket – Chicago – 01/05/1886Protesto da Praça Haymarket – Chicago – 01/05/1886
Julgamento dos “anarquistas de Chicago”.Julgamento dos “anarquistas de Chicago”.
Início dos protestos pelo “Dia da Mulher”Início dos protestos pelo “Dia da Mulher”
RELAÇÃO COM O FUTEBOL:RELAÇÃO COM O FUTEBOL:
⇒ Vale ressaltar que os primeiros times de “football” ingleses
surgiram como ...
• REVOLUÇÃO MEIJIREVOLUÇÃO MEIJI (Japão)(Japão)::
⇒ O Japão esteve isolado do Ocidente até a chegada das primeiras
embarca...
Imperador japonês recebendo o Almirante PerryImperador japonês recebendo o Almirante Perry
Imperador Matsuhito e o último shogum TokugawaImperador Matsuhito e o último shogum Tokugawa
Japão moderno X Japão feudalJapão moderno X Japão feudal
⇒ Após a modernização forçada, o Japão entrou no grupo das
potências industrializadas, moldando a cultura tecnocrata que
a...
Revolução industrial
Revolução industrial
Revolução industrial
Revolução industrial
Revolução industrial
Revolução industrial
Revolução industrial
Revolução industrial
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Revolução industrial

2.899 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
1 comentário
1 gostou
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.899
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.860
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
1
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Revolução industrial

  1. 1. REVOLUÇÃOREVOLUÇÃO INDUSTRIALINDUSTRIAL www.thiagohmlopes.blogspot.comwww.thiagohmlopes.blogspot.com
  2. 2. ⇒ Teve início na InglaterraInglaterra, segunda metade do século XVIII, influenciada pelas mudanças proporcionadas pela RevoluçãoRevolução GloriosaGloriosa, a ascensão da burguesia, a privatização dos, a ascensão da burguesia, a privatização dos Open FieldsOpen Fields (surgindo as(surgindo as EnclosuresEnclosures) e o) e o liberalismoliberalismo. Tais fatores permitiram aos ingleses grande expansão econômica em mercados regionais, influenciando questões locais. ⇒ O pioneirismo inglês ficou restrito à indústria têxtil, ao ferro, aos motores a vapor e ao carvão. Os avanços técnicos ingleses compreendem a chamada Primeira Revolução IndustrialPrimeira Revolução Industrial, a primeira fase da substituição da manufatura pela maquinofaturasubstituição da manufatura pela maquinofatura. ⇒ Em meados de 1830, a industrialização foi adotada por outras nações, como França, Bélgica, Prússia, Itália, EUA e JapãoFrança, Bélgica, Prússia, Itália, EUA e Japão. ⇒ Essas nações ampliaram as técnicas industriais, utilizando combustíveis fósseis (combustíveis fósseis (petroquímicapetroquímica),), energia elétricaenergia elétrica e criando a indústria de transformação (indústria de transformação (açoaço, por exemplo), por exemplo). Essas inovações caracterizam a Segunda Revolução Industrial.
  3. 3. Prédios enegrecidos pela fumaça das chaminés, símbolo das cidadesPrédios enegrecidos pela fumaça das chaminés, símbolo das cidades industriais britânicas (na foto, Manchester do século XIX).industriais britânicas (na foto, Manchester do século XIX).
  4. 4. ⇒ O cotidiano social também foi alterado pela Industrialização, especialmente em relação a alienação dos trabalhadoresalienação dos trabalhadores e a logística dos produtoslogística dos produtos: ► Ausência de Leis Trabalhistas:Ausência de Leis Trabalhistas: Carga horária abusiva (cerca de 17h/dia); mais-valia; salário com valor indefinido; sem férias; sem indenizações; carência de segurança no trabalho; proibição ao sindicalismo, etc. ► Exploração da mão-de-obra feminina e infantil:Exploração da mão-de-obra feminina e infantil: Salários mais baixos; sem proteção em caso de maternidade; sem idade mínima; sem incentivo a educação. ► Desenvolvimento dos transportes e comunicações:Desenvolvimento dos transportes e comunicações: Êxodo rural; ferrovias; navios a vapor; telégrafo; telefone.
  5. 5. Contração do Espaço-TempoContração do Espaço-Tempo promovido pelopromovido pelo desenvolvimento dosdesenvolvimento dos transportes:transportes:
  6. 6. ⇒ A busca incansável pelo lucro da concorrência burguesa estimularam o surgimento das Ideologias Sociais do Século XIX (Movimento Operário)Ideologias Sociais do Século XIX (Movimento Operário), que visavam melhorias aos trabalhadores, ou superar o capitalismo: ► LUDISMO:LUDISMO: Promover quebra-quebra de máquinas para a conquista de melhorias. Ned LuddNed Ludd como principal líder. ► CARTISMO:CARTISMO: Conjunto de reivindicações divulgadas em panfletos e documentos (como a Carta do Povo – 1848) para a participação dos trabalhadores na política e criação de leis trabalhistas. Feargus O’ConnorFeargus O’Connor e William Lovette William Lovett como principais lideres. ► SINDICALISMO:SINDICALISMO: Os sindicatos surgiram das antigas corporações de ofício e ajuda mútua do século XVIII. Viraram associações de negociação (pressão) para melhorias aos trabalhadores. ► SOCIALISMO/COMUNISMO:SOCIALISMO/COMUNISMO: Ideologia que propôs a destruição do capitalismo através da luta de classes e a construção de uma sociedade igualitária, sem propriedade privada, governada pelo proletariado. KarlKarl Marx e Friedrich EngelsMarx e Friedrich Engels como líderes. ► ANARQUISMO:ANARQUISMO: Ideologia que propôs a destruição de todas as estruturas repressoras do capitalismo para a criação de uma nova sociedade a partir do zero (Niilismo). Mikhail BakhuninMikhail Bakhunin como líder.
  7. 7. ► ENCÍCLICA RERUM NOVARUM (DAS COISAS NOVAS):ENCÍCLICA RERUM NOVARUM (DAS COISAS NOVAS): Crítica católica aos abusos capitalistas, mas também uma reação aos ideais radicais comunistas e anarquistas. Defende o sindicalismo e a propriedade privada. Base da Doutrina Social da Igreja. Assinada pelo papa Leão XIIIpapa Leão XIII.
  8. 8. Protesto da Praça Haymarket – Chicago – 01/05/1886Protesto da Praça Haymarket – Chicago – 01/05/1886
  9. 9. Julgamento dos “anarquistas de Chicago”.Julgamento dos “anarquistas de Chicago”.
  10. 10. Início dos protestos pelo “Dia da Mulher”Início dos protestos pelo “Dia da Mulher”
  11. 11. RELAÇÃO COM O FUTEBOL:RELAÇÃO COM O FUTEBOL: ⇒ Vale ressaltar que os primeiros times de “football” ingleses surgiram como clubes recreativos dos operários das maiores fábricas, depósitos industriais e empresas relacionadas ao movimento de industrialização do século XIX, para seus raros momentos de lazer. ⇒ Não é a toa que os nomes da maioria dos times mais conhecidos da atual “UEFA” (União das Federações Europeias de Futebol) estão relacionados às antigas empresas dos funcionários- jogadores, fundadores dos times, ou às cidades-pólo das indústrias europeias, como Sheffield, Manchester United e Manchester City, Arsenal, Liverpool, Bayern de Munique, entre outros
  12. 12. • REVOLUÇÃO MEIJIREVOLUÇÃO MEIJI (Japão)(Japão):: ⇒ O Japão esteve isolado do Ocidente até a chegada das primeiras embarcações mercantilistas portuguesas, em 1542. Esse primeiro contato não teve efeitos positivos, principalmente por causa dos interesses lusitanos em propagar o cristianismo entre os japoneses pela ação dos jesuítas. ⇒ A partir de 1850, as nações ocidentais pressionavam a abertura política e econômica japonesa. Em 1854, sob o comando do Almirante PerryAlmirante Perry, uma esquadra norte-americana impôs a abertura dos portos nipônicos ao mercado mundial. Por meio de sérias ameaças militares, os japoneses foram obrigados a assinar tratados comerciais com diferentes países. ⇒ Buscando reagir ao processo de dominação e dependência, os japoneses enviaram jovens à Europa e aos EUA para estudarem em universidades voltadas para ciência e tecnologia. Com o passar do tempo, a população japonesa começou a dominar o conhecimento necessário para a criação de suas primeiras indústrias. Além de substituir a cultura feudal pela ocidentalsubstituir a cultura feudal pela ocidental. ⇒ Manifestações de cunho nacionalista passaram a se opor ao domínio absoluto do xogum (shogum)xogum (shogum) (líder latifundiário, conservador, samurai). Dessa forma, com o apoio do Exército e da Marinha, MatsuhitoMatsuhito, o imperador, o imperador Meiji (das luzes)Meiji (das luzes), empreendeu uma série de reformas. O antigo poder político dos donos de terra foi substituído por um sistema de prefeituras locais subordinadas ao poder central.
  13. 13. Imperador japonês recebendo o Almirante PerryImperador japonês recebendo o Almirante Perry
  14. 14. Imperador Matsuhito e o último shogum TokugawaImperador Matsuhito e o último shogum Tokugawa
  15. 15. Japão moderno X Japão feudalJapão moderno X Japão feudal
  16. 16. ⇒ Após a modernização forçada, o Japão entrou no grupo das potências industrializadas, moldando a cultura tecnocrata que ainda hoje é marcante entre os japoneses, famoso mundialmente pela tecnologia de ponta, fazendo frente ao desenvolvimento norte-americano ou europeu. ⇒ Também foi atraído pela maior consequência da Revolução Industrial: O Imperialismo ou Neocolonialismo do século XIXO Imperialismo ou Neocolonialismo do século XIX, invadindo e monopolizando mercados de várias nações asiáticas, como a China (Manchúria), Rússia (Vladvostok) ou Coréia, tratando nativos de forma racista (“macacos”) e violenta (decapitações).

×