10 Mandamentos da Liderança do Século XXI



Leadership is the art of getting someone else to do something you want done b...
2. Integridade e Confiança
 •   A integridade do líder se relaciona à honestidade, credibilidade, transparência,
     coer...
4. Visão Compartilhada com Responsabilidade Pessoal
 •   Líderes não são os únicos com visão e opinião e tampouco são prof...
encontram – e ajudam seus liderados a encontrarem – a solução mágica escondida –
     ou somente melhor solução possível e...
•   Líderes íntegros não passam mensagens, não dão recado, não estimulam o disse que
    disse. Conversam face a face com ...
7. O Trabalho em Grupo e os Diferentes
 •   Líderes não podem fazer as coisas sozinhos. Nenhum líder em toda a história
  ...
8. Humildade com Respeito
 •   Líderes corretos afastam de si o culto ao ego, ao carisma exacerbado e a imagem de
     sup...
•   Líderes justos sabem reconhecer o mérito alheio e dar crédito a cada um na medida
           do justo e do entregue. I...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

10 Mandamentos da Liderança do Século XXI

3.664 visualizações

Publicada em

Publicada em: Negócios, Tecnologia
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.664
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
165
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

10 Mandamentos da Liderança do Século XXI

  1. 1. 10 Mandamentos da Liderança do Século XXI Leadership is the art of getting someone else to do something you want done because he wants to do it. (Dwight Eisenhower - Presidente dos EUA e Comandante Supremo das Forças Aliadas durante a 2ª Guerra Mundial,) 1. Dedicação e Foco • Bons líderes estão sempre fazendo algo que contribui para o alcance dos objetivos organizacionais, ao mesmo tempo em que inspiram os demais a fazer o mesmo. • Líderes ou lideram por exemplo ou não lideram. Pense na Marcha do Sal liderada por Gandhi em 1930. • Líderes são orientados a resultados, objetivos e metas e nunca tiram folga, mesmo estando de folga. • Líderes exigentes estabelecem metas superiores, porque sabe que seus liderados podem sempre entregar mais. • Líderes sonham de noite e trabalham duro de dia. Bons líderes têm senso de propósito e finalidade. E senso de urgência quando demandado.
  2. 2. 2. Integridade e Confiança • A integridade do líder se relaciona à honestidade, credibilidade, transparência, coerência, sólidos princípios morais e à percepção de confiança inspirada nos demais. • Líderes adotam, abraçam, divulgam e praticam os Códigos de Conduta, Códigos de Responsabilidades (Civil, Trabalhista, Ambiental, etc) e de Governança Corporativa que defendem como obrigação de todos. • Líderes mantêm a palavra, respeitam contratos e acordos, seguem as regras definidas por ele – ou precedentes a ele. Líderes não traem a si próprios e aos outros. • Líderes fortes não aceitam traição ou motim. Por mais duras que sejam as medidas a serem tomadas, sempre as tomam quando necessárias, mesmo que pessoalmente não gostem disso. E o fazem com firmeza, propósito, correção e transparência. • Pessoas querem ser lideradas por líderes íntegros, nos quais sejam capazes de confiar. 3. Visão de Futuro Inspiradora + Conhecimento Profundo de Realidade Presente • As pessoas esperam que os líderes tenham um claro senso de direção e uma preocupação para o futuro da organização e de seus membros. E isso significa que o líder deve ter respostas a essas preocupações. • Por isso, o líder deve ter alta capacidade de compreender a situação atual, suas forças e fraquezas, riscos e oportunidades e os gaps a serem vencidos. • Líderes devem ser capazes de prever o futuro e antecipar as oportunidades e desafios, ao mesmo tempo em que estão dispostos a quebrar paradigmas para chegar lá. • Líderes são guardiões da Visão, Missão, dos Valores e das Marcas Corporativas. Devem, portanto, representar a simbologia tangível da cultura corporativa. E devem representá-la em um horizonte sustentável e perene. Sua visão inspiradora deve vir associada, portanto, aos caminhos e alternativas capazes de torná-la real. • Lição dos líderes: ninguém chega a algum lugar... se não sabe onde está.
  3. 3. 4. Visão Compartilhada com Responsabilidade Pessoal • Líderes não são os únicos com visão e opinião e tampouco são profetas com “revelações divinas”. • Os liderados devem poder participar do processo decisório, sem, contudo, deixarem de compreender que a decisão final será sempre do líder. • Os melhores líderes são aqueles capazes de compreender a importância de promover e Inspirar uma Visão Compartilhada, que emane de si, mas que pertença a todos. • Os líderes modernos são aqueles capazes de dar forma e sentido às aspirações e desejos de seus liderados, promovendo sendo de unidade e de unicidade. • Líderes que são líderes vencedores assumem a responsabilidade pelo momento crítico, pela decisão importante, pelo voto final... e motivam seu pessoal a darem a milha extra, se necessária. • Os líderes fortes não delegam representatividade ou responsabilidade que lhes pertença. • Para os líderes, vale a frase de Romário, antes da Copa de 1994 (em que o Brasil foi campeão com um time contestado e ele, Romário, seu principal jogador e artilheiro) “O sucesso é mérito de todos; o fracasso é meu”. 5. Criatividade, Flexibilidade e Diversidade • Líderes valorizam a criatividade, habilidade que se traduz em pensar diferente e desafiar preconceitos que se limitam às soluções existentes. Líderes inteligentes
  4. 4. encontram – e ajudam seus liderados a encontrarem – a solução mágica escondida – ou somente melhor solução possível existente. • Para os líderes, a criatividade os permite enxergar coisas onde os demais não enxergam. • A pergunta mais importante que o líder deve fazer é: “E se...?”. E a segunda mais importante é “Por que não? “ • Entretanto, o bom líder sabe que deve aceitar a diversidade para encontrar a criatividade numa cesta maior de opções e alternativas. • O líder moderno entende que deve dar aos colaboradores espaço e flexibilidade para os “comos”, sem, contudo, abrir mão dos “o quês” - e isso inclui prazos, metas, acordos, contratos, etc. 6. Comunicação Clara e Intermitente • Grandes líderes são hábeis em comunicar – em diversas mídias e formatos - de forma clara e intermitente suas visões, objetivos, intenções e expectativas. O uso de metáforas é um grande instrumento para tal. Mas a presença física é insubstituível.
  5. 5. • Líderes íntegros não passam mensagens, não dão recado, não estimulam o disse que disse. Conversam face a face com seus liderados e assim garantem 100% de correção na mensagem passada. • Além disso, possuem uma grande capacidade de ouvir e interpretar o que os demais estão comunicando, tanto de forma consciente, como inconsciente. • Grandes líderes também são capazes de ouvir opiniões contraditórias e privam-se de realizar pré-julgamentos. Na verdade, líderes maduros evitam de se expor dando respostas apressadas, tergiversando sobre o que não sabem. Líderes firmes preservam sua imagem e de seu cargo. Sabem lidar com a diversidade, com o paradoxo, com o estranho. Gostam de desafios. Crescem com eles.... com responsabilidade e ousadia na medida certa. • A boa comunicação constrói o respeito e confiança mútuas e também mantém a equipe provida de novas idéias que possam melhorar a visão. • Líderes que se comunicam estimulam a equipe a se comunicarem intermitentemente entre si, porque sabem que é da troca que vêm as soluções. • Grandes líderes sabem que, na ausência de informações claras, seus comandados preencherão os gaps com informações “inventadas” ou “inverídicas”, próprias ou dadas por terceiros. Grandes líderes matam gaps nos seu nascedouro.
  6. 6. 7. O Trabalho em Grupo e os Diferentes • Líderes não podem fazer as coisas sozinhos. Nenhum líder em toda a história realizou algo sozinho. • Quando se trata de alcançar desempenho superior, o líder compreende que a colaboração é fundamental. • Líderes delegam responsabilidades, missões e tarefas... mas também meios, recursos e autoridade. • Líderes justos cobram de forma justa as entregas de seus liderados. Premiam e punem de acordo com o combinado e consensado. Líderes justos consideram uma tarefa delegada somente após o consenso do liderado sobre prazos, condições, dificuldades e expectativas. • Líderes do Século XXI privilegiam o trabalho em grupo, mas sabem valorizar as estrelas solitárias. E combinam modelos capazes de tratar diferentemente os diferentes.
  7. 7. 8. Humildade com Respeito • Líderes corretos afastam de si o culto ao ego, ao carisma exacerbado e a imagem de super-homem. • Líderes inteligentes não acreditam em todos os elogios que recebem. E sabem que quanto mais poder têm, mais “amigos” terão. Líderes equilibrados entendem que isto é parte de sua condição e não se deixam enganar ou ludibriar. • A profissão da liderança relaciona-se, essencialmente, a servir aos outros. E a respeitar os outros e se fazer respeitar. • Grandes Líderes levam sua profissão a sério; não a si mesmos. 9. Motivação, Proteção & Promoção do Desempenho Superior • Líderes devem ser capazes de proteger e promover aqueles membros da equipe com desempenho superior e/ou que são capazes de encontrar as melhores soluções. Estes são aqueles que mantêm a organização prosperando. • Aqueles com desempenho inferior e que se preocupam somente com eles mesmos devem ser confrontados. Um bom indicador disso são aqueles membros com a mentalidade de “mas isso não é a minha função”. • Entretanto, líderes eficazes não suportam liderados que se comportem de forma inversa aos valores cultuados no grupo e na organização. Esses são limados imediatamente, independente de sua capacidade de entrega e performance. • Líderes sensatos substituem a mentalidade das jornadas de trabalho de 8 horas pela mentalidade de: “Grandes Objetivos a serem Alcançados”. • Líderes justos avaliam o progresso, realizam feedback e não hesitam em realizar ajustes quando necessário. 10. Cuidar & Se Importar Genuinamente • Líderes de alto desempenho são abertos, justos, solidários e se importam de forma verdadeira com sua equipe.
  8. 8. • Líderes justos sabem reconhecer o mérito alheio e dar crédito a cada um na medida do justo e do entregue. Igualmente, líderes justos punem, independentemente de quem seja, àqueles que não entregam Valores Corporativos e/ou resultados esperados. • Líderes são passionais pelo que fazem e se importam com o que estão fazendo; mas são frios e profissionais em sua condução, planejamento, gestão e correção de rotas. Líderes eficazes gostam de planejar e planejam, mas gostam ainda mais de executar e seguir seu planejamento. • Se o Líder não ama o que faz, tampouco sua equipe amará. Igualmente, se o líder não entrega o que se compromete – e não cobras as entregas pactuadas com seus liderados -, tampouco sua equipe entregará. Thiago de Assis Silva ............................................................ Contacte-me Linkedin Slideshare Twitter

×