Pitágoras e as rampas de Acessibilidade

2.216 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.216
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
17
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Pitágoras e as rampas de Acessibilidade

  1. 1. Objeto de aprendizagem desenvolvido pelaprofessora THAIS Reigadas Salvador , (estudante de pósgraduação em Novas Tecnologias no Ensino daMatemática pela Universidade Federal Fluminense –UFF – Disciplina: Informática Educativa II, ) de acordocom o projeto inicial do grupo PROWEB : AntonioBarbosa Santos; Maria Alice Martins; Néder Soares Felipee Renata Rodrigues Gomes.
  2. 2. Você já ouviu falar emrampas de acessibilidade?
  3. 3. Observe em sua escola e no trajeto da sua casa até a escola Você já reparou se há rampas de acesso para deficientes? Você sabia que as rampasprecisam ser bem planejadas para oferecer SEGURANÇA aos seus usuários?
  4. 4. Para oferecer segurança, asrampas não devem ser dematerial escorregadio eterem uma inclinaçãoadequada.
  5. 5. "Qual o grau de inclinaçãopara que a rampa paradeficientes seja adequada?
  6. 6. Você já deve ter pensado porque em alguns lugares asrampas de acesso são divididas em duas, e porque não foiconstruído apenas uma rampa “mais inclinada” ?
  7. 7. A resposta é que as rampas devem obedecer um padrãode segurança que é de até 8,33% de inclinação segundo aNBR 9050/04 * para ser acessível Inclinação da rampa * NBR é a Norma Brasileira para Acessibilidade a edificações, mobiliário, espaços e equipamentos urbanos
  8. 8. Elas formam um triangulo, mas não qualquertriangulo, pois deve obedecer algumas medidas paraser construída. altura Inclinação da rampa
  9. 9. As rampas devem ter inclinação de no máximo, 8%, ou seja,8 cm de altura para cada um metro caminhado narampa. Altura: 8 cm 8 cm =8% 100 cm
  10. 10. Podemos perceber que a rampa tem o formato de um triânguloretângulo, ou seja, seu lados tem nomes próprios altura Comprimento horizontal da rampa cateto Cateto
  11. 11. E em todos os triângulosretângulos podemos aplicar oTeorema de Pitágoras,caso seja necessário saberalgumas de suas medidas. ?
  12. 12. Outro Exemplo: Vamos analisar se a rampa abaixo está ou não adequada para ser acessível. 70 cm 5m Aplicando o Teorema de Pitágoras : Hipotenusa: x x2 = 702 + 5002 Cateto: 70 cm x2 = 4.900 + 250.000 Cateto: 5 m = 500 cm x = 254900 x = 504,8 cmAchando a razão entre a altura e o metro caminhado na rampa obtemos a seguinte: Altura : 70 cm M. Percorrido : 504,8 cm = 0,13 ou seja 13 % Como a inclinação deve ser de 8%, consideramos que esta rampa não está dentro dos padrões de acessibilidade.
  13. 13. Por esse motivo é que algumas rampas apresentam “divisões” que sãochamados de patamares
  14. 14. Agora meça as rampas de sua escola e faça oscálculos para descobrir qual (quais)rampa(s) estão de acordo com o padrãode acessibilidade
  15. 15. Referencias Bibliográficas Como projetar rampas, Disponível em <http://www.arquitetonico.ufsc.br/como-projetar-rampas> Acesso em 13 maio 2012 Como saber a inclinação da rampa, Disponível em <http://elisaprado.com.br/blog/2009/05/como-saber-a-inclinacao-da- rampa/> Acesso em 13 maio 2012 ABNT NBR 9050, Acessibilidade a edificações, mobiliário, espaços e equipamentos urbanos , 2004

×