Portfolioinformatica

1.669 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.669
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
24
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Portfolioinformatica

  1. 1. Informática Educacional
  2. 2. Itanhaém
  3. 3. NTEM – Informática Educacional “ O cidadão incluído digitalmente é aquele que utiliza desse suporte para melhorar sua condição de vida”. Sumário  Apresentaçã o  A introdução da Informática “Inclusão Digital” no ambiente escolar no município de Itanhaém  Históricos da Inclusão Digital no Município  Evolução da inclusão digital no Município  Objetivos da Inclusão Digital  Objetivos da formação  Formação  Acompanhamento Pedagógico  Papel dos monitores  Softwares utilizados  Mapa das Escolas  Créditos
  4. 4. <ul><li>Há cinco anos a Secretaria de </li></ul><ul><li>Educação, Cultura e Esportes deu </li></ul><ul><li>início ao programa Itanhaém </li></ul><ul><li>Multimídias, cujo objetivo, é instalar </li></ul><ul><li>e colocar em uso salas de informática </li></ul><ul><li>nas escolas municipais. </li></ul><ul><li>Durante esses anos, além da </li></ul><ul><li>montagem das salas, vimos </li></ul><ul><li>desenvolvendo diversas ações de </li></ul><ul><li>capacitação de professores. Tivemos </li></ul><ul><li>ações diretas nas escolas e no </li></ul><ul><li>Centro Tecnológico, atualmente </li></ul><ul><li>denominado “Núcleo de Tecnologia </li></ul><ul><li>Educacional Municipal”, através do </li></ul><ul><li>Programa de Formação </li></ul><ul><li>Continuada, oferecemos capacitações </li></ul><ul><li>sobre informática básica e informática </li></ul><ul><li>pedagógica. </li></ul><ul><li>O programa favorece a Inclusão Digital </li></ul><ul><li>que já é realidade em 27 escolas, que </li></ul><ul><li>atendem 82 % dos alunos da Rede </li></ul><ul><li>Municipal. Ao todo estudam em </li></ul><ul><li>Unidades que já tem sala de </li></ul><ul><li>informática 13.970 crianças, jovens e </li></ul><ul><li>adultos. </li></ul><ul><li>Equipe de Informática Educacional </li></ul><ul><li>2010 </li></ul>Apresentação
  5. 5. A “Inclusão Digital ” no ambiente escolar no município de Itanhaém Os avanços tecnológicos e científicos que observamos nos últimos anos promoveram transformações sociais e econômicas e revolucionaram as formas como nos comunicamos, como nos relacionamos com as pessoas, com os objetivos e com o mundo ao redor. Encurtaram-se as distâncias, expandiram-se as fronteiras e o mundo ficou globalizado As novas mídias e tecnologias estão relacionadas com todas essas transformações. A Informática vem adquirindo cada vez mais relevância no cenário educacional. Sua utilização como instrumento de aprendizagem e sua ação no meio social vem aumentando de forma rápida entre nós. Nesse sentido, a educação vem passando por mudanças estruturais e funcionais frente a essa nova tecnologia. Houve época em que era necessário justificarmos a introdução da Informática “ Inclusão Digital” nas escola. Hoje já existe consenso quanto à sua importância. Entretanto o que vem ocorrendo atualmente é um progresso em nosso município com grandes avanços e conquistas em relação a esta nova tecnologia. Mostraremos através deste documento essa evolução que iniciou em 2005 e continua até o ano corrente de 2010 e perdurará nos próximos anos .
  6. 6. Histórico da Inclusão Digital no Município
  7. 7. 2005 Início do Projeto de Informática Educacional <ul><li>Instalação de cinco laboratórios nas Unidades Escolares, E. M. Ana Cândida, E. M. Eugênia Pitta, E. M. Maria das Graças, E. M. Noêmia Salles e E. M. Walter Arduini; </li></ul><ul><li> 1ª Formação Continuada dos Supervisores, Gestores, Coordenadores e Professores oferecida pela Equipe da Positivo Informática; </li></ul>
  8. 8. Inclusão Digital para a Comunidade <ul><li>Instalação de novos laboratórios nas Unidades Escolares: E. M. Bernardino de Souza Pereira, E. M. Célia Marina Del Pozzo Borges; E. M. Dalva Dati Ruivo, E. M. Maria Aparecida Soares Amêndola e E. M. Vicente Caetano; </li></ul><ul><li>Formação Continuada dos Professores (Softwares Positivo), realizada pela Coordenadora Adriana Moraes Braga através da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes; </li></ul><ul><li>Projeto Inclusão Digital: oferecido para a comunidade escolar através do CETPI (Centro de Treinamento Profissionalizante de Itanhaém); </li></ul><ul><li>Acompanhamento e Suporte Pedagógico oferecido pela Equipe da Informática Educacional e pela Equipe Positivo Informática; </li></ul><ul><li> I Encontro de Informática Educacional: palestra do Eduardo O. C. Chaves – ex-professor da UNICAMP, membro da MICROSOFT e Consultor do Instituto Airton Senna - oferecida para 350 professores da Rede Municipal. </li></ul>2006
  9. 9. 2007 Parceria do Instituto Nova <ul><li>Instalação de novos laboratórios nas Unidades Escolares, E. M. Diva do Carmo Alves de Lima, E. M. Maria do Carmo; E. M. Leonor Mendes de Barros; E. M. Filomena Dias Apelian , E. M. Ignez Martins e E. M. Harry Forssell; </li></ul><ul><li>Parceria Projeto Instituto Nova: Formação Continuada oferecida para a Educação Infantil e Ensino Fundamental, juntamente com a instalação de novos softwares educacionais e distribuição de apostilas; </li></ul><ul><li>Formação Continuada dos Professores, realizada pela Coordenadora Adriana Moraes Braga através da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes e pela Equipe Positivo. </li></ul><ul><li>Participação na Mostra de trabalhos Escolares com exposições dos projetos realizados nos laboratórios de Informática; </li></ul><ul><li> Acompanhamento e Suporte Pedagógico oferecido pela Equipe de Informática Educacional – SECE; </li></ul>
  10. 10. Internet nas escolas e PROINFO <ul><li>Internet nas escolas (criação de blogs escolares); </li></ul><ul><li>II Encontro de Informática Educacional (Exposição de trabalhos, palestras e relatos de experiência); </li></ul><ul><li>Inauguração do Centro Tecnológico na CMTECE; </li></ul><ul><li>Palestra “Da Pedagogia à Tecnologia” oferecida para toda a Rede Municipal, professor Marcos Rogério e Célia Fátima Paffetti; </li></ul><ul><li>Formação Continuada e acompanhamento pedagógico (Positivo, Instituto Nova e SECE); </li></ul><ul><li>Laboratórios PROINFO para professores nas Escolas E. M. Bernardino de Souza e E.M. Célia Marina; </li></ul><ul><li>Curso de Inclusão Digital – 40 horas – PROINFO </li></ul><ul><li>Instalação de Laboratórios nas Unidades Escolares: E. M. Maria Conceição Luz, E. M. Maria Cristina Macedo Gomes , E. M. Lions Clube, E. M. Pedrina Pompeu Bastos; </li></ul><ul><li> Acompanhamento e Suporte Pedagógico oferecido pela Equipe de Informática Educacional – SECE e Equipe Positivo; </li></ul>2008
  11. 11. NTEM <ul><li>Ensinando e Aprendendo com as TICs – 100h – PROINFO; </li></ul><ul><li>Criação do Núcleo de Tecnologia Educacional Municipal – NTEM; </li></ul><ul><li>Laboratório PROINFO na Unidade Escolar: E. M. R. José Teixeira Rosas; </li></ul><ul><li>Instalação do laboratório na Unidade Escolar E. M. Professora Maria Graciette Dias; </li></ul><ul><li>Formação PROINFO 40h – Oferecido aos diretores e professores das escolas municipais; </li></ul><ul><li>Formação continuada do Instituto Nova e dos softwares Positivo; </li></ul><ul><li> Acompanhamento e Suporte Pedagógico oferecido pela Equipe de Informática Educacional – SEC </li></ul>2009
  12. 12. 2010 III Encontro de Informática Educacional Formação continuada Proinfo 100h Laboratórios do Proinfo nas escolas: E. M. Olga Lopes, E. M. Maria da Penha e E. M. Maranata. Laboratório de Informática na E. M. Divani Maria Cardoso. III ENCONTRO DE INFORMÁTICA EDUCACIONAL
  13. 13. Evolução da Inclusão Digital no Município
  14. 14. 2005 2 664 Total 370 E. M. WALTER ARDUINI 5 439 E. M. NOÊMIA SALLES PADOVAN 4 391 E. M. MARIA DAS GRAÇAS A. SANTOS 3 630 E. M. EUGÊNIA PITTA RANGEL VELOSO 2 834 E. M. ANA CÂNDIDA E. DE OLIVEIRA 1 Alunos atendidos Escolas atendidas
  15. 15. 2006 6 393 TOTAL 294 E. M. WALTER ARDUINI 10 1191 E. M. VICENTE CAETANO 9 399 E. M. NOÊMIA SALLES PADOVAN 8 553 E. M. MARIA DAS GRAÇAS A. SANTOS 7 356 E. M. MARIA APARECIDA SOARES AMÊNDOLA 6 579 E. M. EUGÊNIA PITTA RANGEL VELOSO 5 583 E. M. DALVA DATI RUIVO 4 1161 E. M. CÉLIA MARINA DAL P. BORGES 3 509 E. M. BERNARDINO DE SOUZA 2 768 E. M. ANA CÂNDIDA E. DE OLIVEIRA 1 Alunos atendidos Escolas atendidas
  16. 16. 2007 9 646 TOTAL 358 E. M. WALTER ARDUINI 15 488 E. M. NOÊMIA SALLES PADOVAN 14 617 E. M. MARIA DO CARMO DE A. SODRÉ 13 580 E. M. MARIA DAS GRAÇAS A. SANTOS 12 395 E. M. MARIA APARECIDA SOARES AMÊNDOLA 11 685 E. M. LEONOR MENDES DE BARROS 10 410 E. M. IGNEZ MARTINS 9 1203 E. M. HARRY FORSSELL 8 489 E. M. FILOMENA DIAS APELIAN 7 694 E. M. EUGÊNIA PITTA RANGEL VELOSO 6 463 E. M. DIVA DO CARMO A. DE LIMA 5 572 E. M. DALVA DATI RUIVO 4 1380 E. M. CÉLIA MARINA DAL P. BORGES 3 528 E. M. BERNARDINO DE SOUZA 2 784 E. M. ANA CÂNDIDA E. DE OLIVEIRA 1 Alunos atendidos Escolas atendidas
  17. 17. 2008 12 839 TOTAL 432 E. M. WALTER ARDUINI 20 303 E. M. PEDRINA POMPEU BASTOS 19 525 E. M. NOÊMIA SALLES PADOVAN 18 601 E. M. MARIA DO CARMO DE A. SODRÉ 17 625 E. M. MARIA DAS GRAÇAS A. SANTOS 16 363 E. M. MARIA DA CONCEIÇÃO LUZ 15 800 E. M. MARIA CRISTINA DE M. GOMES 14 399 E. M. MARIA APARECIDA SOARES AMÊNDOLA 13 441 E. M. LIONS CLUBE 12 646 E. M. LEONOR MENDES DE BARROS 11 463 E. M. IGNEZ MARTINS 10 1170 E. M. HARRY FORSSELL 9 562 E. M. FILOMENA DIAS APELIAN 8 964 E. M. EUGÊNIA PITTA RANGEL VELOSO 7 375 E. M. ELGA REIS 6 515 E. M. DIVA DO CARMO A. DE LIMA 5 582 E. M. DALVA DATI RUIVO 4 1161 E. M. CÉLIA MARINA DAL P. BORGES 3 540 E. M. BERNARDINO DE SOUZA 2 781 E. M. ANA CÂNDIDA E. DE OLIVEIRA 1 Alunos atendidos Escolas atendidas
  18. 18. 2009 13 970 TOTAL 442 E. M. WALTER ARDUINI 23 181 E. M. R. JOSÉ TEIXEIRA ROSAS 22 308 E. M. PEDRINA POMPEU BASTOS 21 546 E. M. NOÊMIA SALLES PADOVAN 20 427 E. M. MARIA GRACIETTE DIAS 19 650 E. M. MARIA DO CARMO DE A. SODRÉ 18 648 E. M. MARIA DAS GRAÇAS A. SANTOS 17 395 E. M. MARIA DA CONCEIÇÃO LUZ 16 810 E. M. MARIA CRISTINA DE M. GOMES 15 446 E. M. MARIA APARECIDA SOARES AMÊNDOLA 14 449 E. M. LIONS CLUBE 13 384 E. M. LÍDIA MARTHA F. GIANOTTI 12 647 E. M. LEONOR MENDES DE BARROS 11 465 E. M. IGNEZ MARTINS 10 1252 E. M. HARRY FORSSELL 9 658 E. M. FILOMENA DIAS APELIAN 8 1044 E. M. EUGÊNIA PITTA RANGEL VELOSO 7 470 E. M. ELGA REIS 6 546 E. M. DIVA DO CARMO A. DE LIMA 5 579 E. M. DALVA DATI RUIVO 4 1048 E. M. CÉLIA MARINA DAL P. BORGES 3 725 E. M. BERNARDINO DE SOUZA 2 850 E. M. ANA CÂNDIDA E. DE OLIVEIRA 1 Alunos atendidos Escolas atendidas
  19. 19. 2010
  20. 20. Objetivos da Inclusão Digital <ul><li>Utilizar a tecnologia como instrumento na construção do conhecimento, no desenvolvimento da criatividade, do raciocínio e de habilidades fundamentais no processo de formação de alunos e educadores; </li></ul><ul><li>Planejar estratégias de ensino e aprendizagem integrando recursos tecnológicos disponíveis e criando situações de aprendizagem que levem os alunos à construção de conhecimento, à criatividade, ao trabalho colaborativo e resultem efetivamente na construção dos conhecimentos e habilidades esperados em cada série; </li></ul><ul><li>Desenvolver habilidades necessárias ao manejo do computador e de programas que possibilitam a elaboração e edição de textos e de apresentações multimídia, a comunicação interpessoal, interatividade , navegação e pesquisa de informação , produção , cooperação e publicação de textos na internet; </li></ul><ul><li>Buscar soluções aos desafios provocados pelas múltiplas possibilidades de trajetos de estudo e pesquisa, leitura, navegação, elaboração, socialização, produção, publicação de idéias, reflexões ; </li></ul>
  21. 21. Objetivos da Formação <ul><li>Conhecer e utilizar o sistema operacional Linux Educacional e outros softwares livres, que possam contribuir para a solução de necessidades , problemas e propostas pedagógicas mediadas por tecnologias; </li></ul><ul><li>Refletir sobre propostas para dinamizar sua prática pedagógica e a vivência de seus alunos, com o uso de softwares utilizados no Curso; </li></ul><ul><li>Participar de atividades , de experiências comunicativas e cooperativas de aprendizagem, de dinâmicas , com o uso de softwares livres utilizados no Curso; </li></ul>
  22. 22. Formação
  23. 23. SOFTWARES POSITIVO O papel de educador é de fundamental importância no processo de ensino e aprendizagem. No ambiente diferenciado, criado através da implementação de Solução de tecnologia educacional, este papel permanece fundamental, porém sua função deixa de ser a de “transmissor do conhecimento”, passando à função de “mediador da aprendizagem”, tendo como objetivo conduzir o aluno no processo de construção do conhecimento nas diversas áreas de ensino. Dentro deste novo conceito, é essencial que os educadores envolvidos no Projeto adquiram não somente o domínio dos recursos tecnológicos, mas, principalmente, tenham condição de utilizar eficientemente estas ferramentas, articulando seu uso a pratica pedagógica, atingindo, assim, plenamente os objetivos educacionais proposto.
  24. 24. <ul><li>Estimular o interesse e sensibilidade dos educadores envolvidos para os benefícios que a introdução da tecnologia no ensino pode proporcionar; </li></ul><ul><li>Estimular a troca de experiências através da participação em projetos interdisciplinares, promovendo a interação entre os educadores; </li></ul><ul><li>Propiciar a adaptação dos educadores com a tecnologia, através de cursos de introdução ao uso dos recursos tecnológicos; </li></ul><ul><li>Habilitar os educadores para a correta operação dos recursos tecnológicos; </li></ul><ul><li>Preparar os educadores e demais envolvidos no projeto para planejar e executar as aulas no laboratório de Informática. </li></ul>Objetivos
  25. 25. Proinfo Integrado 40h <ul><li>Refletir sobre impacto da tecnologia e suas contribuições na vida cotidiana e na atuação profissional. </li></ul><ul><li>Conhecer e utilizar o sistema operacional Linux Educacional e outros softwares livres, distribuídos em conjunto com os computadores Proinfo, que possam contribuir para a solução de problemas e propostas pedagógicas mediadas por tecnologias. </li></ul><ul><li>Desenvolver habilidades necessárias ao manejo do computador e de programas que possibilitem a elaboração e edição de textos e de apresentações multimídia, a comunicação interpessoal, interatividade, navegação e pesquisa de informações, produção, cooperação e publicação de textos na Internet. </li></ul><ul><li>Refletir sobre propostas de dinamização da prática pedagógica com os recursos tecnológicos disponibilizados no computador e Internet. </li></ul>
  26. 26. Proinfo Integrado 100h Na perspectiva dos objetivos gerais e específicos do Proinfo Integrado, o curso Tecnologias na Educação: ensinando e aprendendo com as TIC, visa oferecer subsídios teórico-metodológico-práticos para que os professores e gestores escolares possam: <ul><li>Compreender o potencial pedagógico de recursos das TIC no ensino e na aprendizagem em suas escolas; </li></ul><ul><li>Planejar estratégias de ensino e aprendizagem integrando recursos tecnológicos disponíveis e criando situações de aprendizagem que levem os alunos à construção de conhecimento, à criatividade, ao trabalho colaborativo e resultem efetivamente na construção dos conhecimentos e habilidades esperados em cada série; </li></ul><ul><li>Utilizar as TIC na prática pedagógica, promovendo situações de ensino que aprimorem a aprendizagem dos alunos. </li></ul>
  27. 28. Acompanhamento pedagógico
  28. 29. <ul><li>Orientação dos educadores e da equipe pedagógica na elaboração de planejamentos para a utilização das ferramentas da solução de tecnologia educacional adquirida para a escola; </li></ul><ul><li>Acompanhar e avaliar o desenvolvimento das Soluções de Tecnologia Educacional implantadas; </li></ul><ul><li>Incentivar os educadores para utilização das TIC no desenvolvimento de atividades pedagógicas com alunos; </li></ul><ul><li>Viabilizar, estimular e acompanhar o desenvolvimento de projetos colaborativos interdisciplinares envolvendo as escolas contempladas pelo Projeto. </li></ul><ul><li>Gerenciar o trabalho de monitores pedagógicos destacados para atendimento às escolas. </li></ul><ul><li> Agendar e acompanhar o desenvolvimento do Programa de Formação de Educadores. </li></ul>
  29. 30. O papel do monitor de Informática <ul><li>Garantir a conservação e manutenção dos computadores, zelando pelo bom uso dos softwares e demais equipamentos; </li></ul><ul><li>Orientar os educadores e a equipe pedagógica na elaboração de planejamentos para a utilização eficiente dos Recursos de Tecnologia de Informação e Comunicação; </li></ul><ul><li>Articular os Recursos de Tecnologia Educacional à prática pedagógica, de acordo com o currículo de cada escola; </li></ul><ul><li>Promover a interação e a troca de experiências entre educadores; </li></ul><ul><li>Acompanhar as aulas ministradas pelos professores e sugerir atividades e estratégias de ação; </li></ul><ul><li> Apresentar relatórios a Equipe de Informática Educacional sobre o desenvolvimento das atividades com alunos e educadores. </li></ul>
  30. 31. Softwares Utilizados
  31. 32. Instituto Nova Os softwares do Instituto Nova são destinados para as séries iniciais e finais do ensino fundamental. Atende nosso município desde a Educação infantil, Ensino fundamental e EJA . Divididos em Educação Infantil, Ensino Fundamental I e II e Ensino Médio. Conteúdos Educativos
  32. 33. Educação Fundamental II Educação Infantil

×