Um beijo (do latim basium) é otoque dos lábios com qualquercoisa, normalmente umapessoa. Na cultura ocidental éconsiderado...
Bejinho
Beijo Antes de CristoOs mais antigos relatos sobre o beijoremontam a 2500 a.C., nas paredesdos templos de Khajuraho, na Ín...
Beijos, beijos...Na Escócia, era costume o padre beijar os lábios da noiva ao final da cerimônia. AcreditavNa Escócia, era...
Beijos para os pedidosMas é também um sinal dereverência, ao se beijar, porexemplo, o anel do Papa ou demembros da alta hi...
Beijos para os pedidosMas é também um sinal dereverência, ao se beijar, porexemplo, o anel do Papa ou demembros da alta hi...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Solange o beijo sequencia didática

161 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
161
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
19
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Solange o beijo sequencia didática

  1. 1. Um beijo (do latim basium) é otoque dos lábios com qualquercoisa, normalmente umapessoa. Na cultura ocidental éconsiderado um gesto deafeição. Entre amigos, éutilizado como cumprimento oudespedida. O beijo nos lábiosde outra pessoa é um símbolode afeição românticaO beijo
  2. 2. Bejinho
  3. 3. Beijo Antes de CristoOs mais antigos relatos sobre o beijoremontam a 2500 a.C., nas paredesdos templos de Khajuraho, na Índia.Diz-se que na Suméria, antigaMesopotâmia, as pessoascostumavam enviar beijos aos deuses. Na Antiguidade também era comum,para gregos e romanos, o beijo entreguerreiros no retorno dos combates.Era uma espécie de prova dereconhecimento. Aliás, os gregosadoravam beijar. Mas foram osromanos que difundiram a prática. Osimperadores permitiam que os nobresmais influentes beijassem seus lábios,e os menos importantes as mãos. Ossúditos podiam beijar apenas os pés.Eles tinham três tipos de beijos:o basium, entre conhecidos;o osculum, entre amigos; e o suavium,ou beijo dos amantes.
  4. 4. Beijos, beijos...Na Escócia, era costume o padre beijar os lábios da noiva ao final da cerimônia. AcreditavNa Escócia, era costume o padre beijar os lábios da noiva ao final da cerimônia. Acreditava-se que a felicidade conjugal dependia dessa benção. Já na festa, a noiva deveria beijar todos os homens na boca, em troca de dinheiro. Na Rússia, uma das mais altas formas de reconhecimento oficial era o beijo do czar.No século XV, os nobres franceses podiam beijar qualquer mulher. Na Itália, entretanto, se um homem beijasse uma donzela em público, era obrigado a casar imediatamente. No latim, beijo significa toque dos lábios. Na cultura ocidental, ele é considerado gesto de afeição. Entre amigos, é utilizado como cumprimento ou despedida; entre amantes e apaixonados, como prova da paixão.
  5. 5. Beijos para os pedidosMas é também um sinal dereverência, ao se beijar, porexemplo, o anel do Papa ou demembros da alta hierarquia da Igreja. No Brasil, D. JoãoVI introduziu a cerimôniado beija-mão: emdeterminados dias o acessoao Paço Imperial era liberado atodos que desejassemapresentar algumareivindicação ao monarca. Emsinal de respeito, tanto osnobres, como as pessoas maissimples, até mesmo os escravos,beijavam-lhe a mão direitaantes de fazer seu pedido. Essehábito foi mantido por D. PedroI e por D. Pedro II.
  6. 6. Beijos para os pedidosMas é também um sinal dereverência, ao se beijar, porexemplo, o anel do Papa ou demembros da alta hierarquia da Igreja. No Brasil, D. JoãoVI introduziu a cerimôniado beija-mão: emdeterminados dias o acessoao Paço Imperial era liberado atodos que desejassemapresentar algumareivindicação ao monarca. Emsinal de respeito, tanto osnobres, como as pessoas maissimples, até mesmo os escravos,beijavam-lhe a mão direitaantes de fazer seu pedido. Essehábito foi mantido por D. PedroI e por D. Pedro II.

×