Empreendedorismo para publicidade

317 visualizações

Publicada em

Aula de empreendedorismo para a área de comunicação social - Publicidade. Ministrada no Senac Lapa.

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
317
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Empreendedorismo para publicidade

  1. 1. 01/05/2014 SENAC Aoki Media EMPREENDEDORISMO Fundamentals Tatiana Aoki Docente Senac Lapa tatiana.acsilva@sp.senac.br
  2. 2. Conteúdo  Empreendedorismo: conceitos fundamentais  Como surgem as ideias e os negócios  Conceitos e técnicas de criatividade e inovação.  Processo Empreendedor - Fatores de Influência - Identificar e Avaliar a Oportunidade  Introdução ao Plano de Negócios  Referência Bibliográfica
  3. 3. Como um empreendedor pode mudar, construir e criar valor para a sociedade?
  4. 4. 01/05/2014 SENAC Aoki Media Empreendedor • inicia algo novo • vê o que ninguém vê • realiza antes • sai da área do sonho e parte para a ação. “Um empreendedor é uma pessoa que imagina, desenvolve e realiza visões”
  5. 5. 01/05/2014 SENAC Aoki Media Empreendedor • um realizador que produz novas ideias • união entre criatividade e imaginação • Motivado pelos desejos de: auto-realização assumir responsabilidades ser independente
  6. 6. 01/05/2014 SENAC Aoki Media Empreendedor de sucesso? É preciso: • Imaginação • Determinação • Habilidade de organizar • Liderar pessoas •Conhecer tecnicamente etapas e processos do projeto
  7. 7. 01/05/2014 SENAC Aoki Media QUEM É EMPREENDEDOR?
  8. 8. 01/05/2014 SENAC Aoki Media Empreendedor • é um ser social • fruto da relação entre: talentos e características individuais o meio em que vive. “A profissão empreendedor não é fruto do nascimento ou de herança genética, mas resultado de trabalho, talento e reserva econômica. É própria de uma sociedade capitalista liberal e de sua ideologia de sucesso individual.” Maria Inês Felippe
  9. 9. 01/05/2014 SENAC Aoki Media O que leva alguém a ter o próprio negócio? ambição de ganhar muito dinheiro ser independentes
  10. 10. 01/05/2014 SENAC Aoki Media Ser o próprio patrão é... •estar exposto a constantes mudanças •assumir responsabilidades •sofrer pressões da sociedade, órgãos governamentais e empregados • Dedicação ao trabalho: Trabalha-se mais de 8 horas/dia Não há salário fixo Sem férias integrais
  11. 11. 01/05/2014 SENAC Aoki Media TIPOS DE EMPREENDEDORES
  12. 12. 01/05/2014 SENAC Aoki Media Oito tipos de empreendedores (José Dornelas): • Nato • Inesperado • Serial • Corporativo • Social • Necessidade • Herdeiro • Normal
  13. 13. • 01/05/2014 SENAC Aoki Media Empreendedor Nato Visionários, otimistas, estão à frente do seu tempo e comprometem-se 100% para realizar seus sonhos. Geralmente suas histórias são brilhantes, começaram do nada e criam grandes impérios.
  14. 14. • 01/05/2014 SENAC Aoki Media Empreendedor Inesperado (que aprende) Quando menos esperava, se deparou com uma oportunidade de negócio e tomou a decisão de mudar o que fazia na vida para se dedicar ao negócio próprio. Antes de se tornar empreendedor, acreditava que não gostava de assumir riscos.
  15. 15. • 01/05/2014 SENAC Aoki Media Empreendedor Serial (novos negócios) Apaixonado não apenas pelas empresas que cria, mas principalmente pelo ato de empreender. Geralmente uma pessoa dinâmica, prefere os desafios e a adrenalina envolvidos na criação de algo novo a assumir uma postura de executivo que lidera grandes equipes.
  16. 16. • 01/05/2014 SENAC Aoki Media Empreendedor Corporativo Executivos muito competentes, com capacidade gerencial e conhecimento de ferramentas administrativas. Visam o crescimento da empresa onde trabalham.
  17. 17. • 01/05/2014 SENAC Aoki Media Empreendedor Social Características similares às dos demais empreendedores. A diferença é que se realizam vendo seus projetos trazerem resultados para os outros e não para si próprios.
  18. 18. • 01/05/2014 SENAC Aoki Media Empreendedor por Necessidade Cria o próprio negócio porque não tem alternativa. Geralmente não tem acesso ao mercado de trabalho ou foi demitido. Suas iniciativas empreendedoras são simples, pouco inovadoras, geralmente não contribuem com impostos e outras taxas.
  19. 19. • 01/05/2014 SENAC Aoki Media Empreendedor Herdeiro Tem a missão de levar à frente o legado de sua família. Seu desafio é multiplicar o patrimônio recebido. Aprende a arte de empreender com exemplos da família, e geralmente segue seus passos.
  20. 20. • 01/05/2014 SENAC Aoki Media Empreendedor Normal ( planejado) Estudou sobre empreendedorismo, busca minimizar riscos, se preocupa com os próximos passos do negócio, tem uma visão de futuro clara e trabalha em função de metas.
  21. 21. 01/05/2014 SENAC Aoki Media INOVAÇÃO
  22. 22. Toda inovação começa com uma solução criativa, mas nem todas soluções criativas se tornam inovações. Toda invenção é uma inovação, mas nem todas as inovações são invenções.
  23. 23. Conceito • Criatividade – A criatividade existe no universo das ideias é um processo mental que gera novas ideias, através de processos cognitivos. • Invenção – combinação de ideias, no universo das tecnologias, em que resulta no surgimento de um processo, protótipo ou produto. • Inovação – é a transformação de ideias e/ou utilização das invenções que resultam em melhorias, aplicação prática e mercadológica.
  24. 24. • Uma ideia só se transforma numa invenção se surgir algo que funcione, uma invenção só se torna uma inovação se puder ser apresentada com objeto de consumo para a sociedade.
  25. 25. Conceito • Inovação – associada à introdução, com êxito, de um produto (ou serviço) no mercado ou de um processo, método ou sistema na organização. • Essa implementação pode ser de algo que até então não existia ou que contém alguma característica nova e diferente do padrão em vigor (FINEP, 2011). Assim, para ser considerada inovação, é preciso sua implementação e obtenção de vantagem em relação aos demais competidores do mercado.
  26. 26. Conceito • NÃO CARACTERIZA INOVAÇÃO: • Customização, mesmo que o produto tenha ficado diferente do anterior. Por exemplo, apenas a colocação de um adorno em uma vestimenta não resulta inovação. • Lançamento de versões com poucas modificações se caracterizam mais como mudança. Mas, nesse caso, a questão principal a ser considerada deve ser quanto a modificação implementada agregou valor. • Alteração do visual de uma loja pode ser considerada apenas novidade.
  27. 27. Fonte: CARVALHO, Hélio Gomes de; REIS, Dálcio Roberto dos; CAVALCANTE, Márcia Beatriz. Gestão da inovação. Curitiba: Aymará, 2011. (UTFinova)
  28. 28. INVENÇÃO OU INOVAÇÃO?
  29. 29. Processo Empreendedor - O processo empreendedor envolve todas as funções, ações e atividades associadas com a percepção de oportunidades e a criação de meios para persegui-las.
  30. 30. Fatores de Influência inovação evento inicial implementação crescimento Ambiente oportunidade criatividade Modelos (pessoas) de sucesso Ambiente competição recursos incubadoras políticas públicas Ambiente competidores clientes fornecedores investidores bancos advogados recursos políticas públicas Fatores Pessoais realização pessoal assumir riscos valores pessoais educação experiência Fatores Pessoais assumir riscos insatisfação com o trabalho ser demitido educação idade Fatores Sociológicos networking equipes influência dos pais família Modelos (pessoas) de sucesso Fatores Pessoais empreendedor líder gerente visão Fatores Organizacionais equipe estratégia estrutura cultura produtos
  31. 31. Gerenciar o negócio • estilo de gestão • fatores críticos de sucesso • identificar problemas atuais e potenciais • implementar um sistema de controle • profissionalizar a gestão • entrar em novos mercados Processo Empreendedor Identificar e avaliar a oportunidade • criação e abrangência da oportunidade • valores percebidos e reais da oportunidade • riscos e retornos da oportunidade • oportunidade versus habilidades e metas pessoais • situação dos competidores Determinar e Captar os recursos necessários • recursos pessoais • recursos de amigos e parentes • angels • capitalistas de risco • bancos • governo • incubadoras Desenvolver o Plano de Negócios 1. Sumário Executivo 2. O Conceito do Negócio 3. Equipe de Gestão 4. Mercado e Competidores 5. Marketing e Vendas 6. Estrutura e Operação 7. Análise Estratégica 8. Plano Financeiro Anexos Fonte: DORNELAS, J. C. A. Empreendedorismo Transformando Ideias em Negócios, São Paulo, Campus, 2005
  32. 32. Sites e Links • http://www.indt.org • http://www.3minovacao.com.br
  33. 33. Referência Bibliográfica CARVALHO, H.; REIS, D.; CAVALCANTE, M.. Gestão da inovação. Curitiba: Aymará, 2011. (UTFinova) CHIAVENATO, I.; Empreendedorismo : dando asas ao espírito empreendedor : empreendedorismo e viabilidade de novas empresas : um guia eficiente para iniciar e tocar seu próprio negócio. São Paulo. 2.ed., Saraiva, 2007. DORNELAS, J. C. A. Empreendedorismo Transformando Ideias em Negócios, São Paulo. Campus, 2005 DRUCKER, P. F. Inovação e Espírito Empreendedor. São Paulo. Pioneira, 1986. ROSA, C. A. Como elaborar um plano de negócio. Brasília. SEBRAE, 2007.
  34. 34. 01/05/2014 SENAC Aoki Media EMPREENDEDORES DE SUCESSO: CARACTERÍSTICAS Aula 3
  35. 35. 01/05/2014 SENAC Aoki Media Empreendedores • motivado pelo desejo de realizar • corre riscos viáveis, possíveis • tem capacidade de análise • precisa de liberdade para agir e para definir suas metas e os caminhos para atingi-las • sabe onde quer chegar Perfil de sucesso
  36. 36. 01/05/2014 SENAC Aoki Media Empreendedores • confia em si mesmo • não depende dos outros para agir porém, sabe agir em conjunto • tenaz, firme e resistente ao enfrentar dificuldades • otimista, sem perder o contato com a realidade Perfil de sucesso
  37. 37. 01/05/2014 SENAC Aoki Media Empreendedores • flexível sempre que preciso • administra suas necessidades e frustrações, sem por elas se deixar dominar • corajoso; porém, não é temerário • sabe postergar a satisfação de suas necessidades • mantém a automotivação mesmo em situações difíceis Perfil de sucesso
  38. 38. 01/05/2014 SENAC Aoki Media Empreendedores • aceita e aprende com seus erros e com os erros dos outros • capaz de recomeçar, se necessário • capaz de administrar bem o tempo • acredita no trabalho com participação e contribuição • mantém a autoestima, mesmo em situações de fracasso; Perfil de sucesso
  39. 39. 01/05/2014 SENAC Aoki Media Empreendedores • facilidade e habilidade para as relações interpessoais • capaz de exercer liderança, de motivar e de orientar outras pessoas com relação ao trabalho • criativo na solução de problemas • capaz de delegar • capaz de dirigir sua agressividade para a conquista de metas e o enfrentamento de dificuldades Perfil de sucesso
  40. 40. 01/05/2014 SENAC Aoki Media Empreendedores • procura sempre qualidade • Fracasso é o caminho do sucesso • usa a própria intuição e a de outras pessoas para escolher os melhores caminhos, corrigir a sua atuação, descobrir lacunas a serem preenchidas no mercado, avaliar a tendência e a variação dos negócios, e para escolher pessoas • prazer em realizar o trabalho e em observar o seu próprio crescimento empresarial; Perfil de sucesso
  41. 41. 01/05/2014 SENAC Aoki Media Empreendedores • não busca, exclusivamente, posição ou reconhecimento social • independente, seguro e confiante na execução de sua atividade profissional • capaz de desenvolver os recursos de que necessita e de conseguir as informações de que precisa • tem desejo de poder, consciente ou inconscientemente. Perfil de sucesso
  42. 42. Estudo de Caso • Após cuidar da mãe que teve câncer, Fábio Coelho Pires resolveu deixar o seu trabalho na área administrativa hospitalar para abrir o seu próprio negócio em Ribeirão Preto, São Paulo. • Em junho do ano passado, investiu 25 mil reais na Home Angels, rede especializada em oferecer assistência domiciliar. “Sempre tive um espírito empreendedor e queria trabalhar com a minha família”, explica. A esposa de Pires é enfermeira e o seu sogro é médico. • Em agosto, decidiu abrir outra unidade devido à alta demanda. Entretanto, ele afirma que para ter sucesso não basta ter apenas o capital. “Você tem que trabalhar muito e o trabalho tem que ser feito com bastante planejamento”, explica. O custo para abrir uma franquia da marca é de 30 mil reais e o prazo de retorno é de seis a 12 meses. • http://www.homeangels.com.br/
  43. 43. Identificar e Avaliar a Oportunidade • Atender a uma necessidade real com respeito à funcionalidade, à qualidade, à durabilidade e ao preço. • Convencer os clientes (o mercado) dos benefícios e valor do produto/serviço. • O investidores e o mercado determinam se a ideia tem potencial para tornar-se uma oportunidade de investimento;
  44. 44. Identificar e Avaliar a Oportunidade • Formule a ideia a partir de uma oportunidade percebida. • Invista em pesquisa e determine a viabilidade da oportunidade, diminuirá as incertezas da ideia. • Contrariamente aos modismos, as tendências, por acompanharem movimentos culturais amplos, são mais estáveis.
  45. 45. Estudo de Caso • Bagnews é uma franquia home-based e especializada em publicidade em embalagens, como sacolas. O investimento inicial para abrir uma unidade da marca é de 25 mil reais, sendo que o prazo de retorno é de 12 meses e a taxa de franquia é de 12 mil reais. • http://www.bagnews.com.br/
  46. 46. “Todo negócio envolve necessariamente algum produto/serviço e, consequentemente, algum fornecedor e algum cliente; uma cadeia de entradas, processos e saídas; alguma produção e algum mercado; uma forma de satisfazer alguma necessidade do cliente ou responder a alguma oportunidade de mercado”. (Chiavenato, 2007, p. 25)
  47. 47. O Brasil é o segundo mercado de pipocas no mundo, com um consumo de 70 mil toneladas por ano. O País perde apenas para os Estados Unidos, onde são consumidas 400 mil toneladas anuais.
  48. 48. Como expandir e estruturar a empresa (negócio)?
  49. 49. Plano de Negócio “O plano de negócio — business plan — descreve a ideia de um novo empreendimento e projeta os aspectos mercadológicos, operacionais e financeiros dos negócios propostos (...) seu preparo permite a análise da proposta e ajuda o futuro empreendedor a evitar uma trajetória decadente que o levará do entusiasmo à desilusão e ao fracasso”. (Chiavenato, 2007, p. 132)
  50. 50. 01/05/2014 SENAC Aoki Media DICAS PARA SE TORNAR UM EMPREENDEDOR DE SUCESSO Aula 3
  51. 51. 01/05/2014 SENAC Aoki Media Empreendedores • Boas ideias são comuns a muitas pessoas. A diferença está naqueles que conseguem fazer ideias transformarem-se em realidade, isto é, implementá-las. • A maioria das pessoas fica apenas na "boa ideia" e não passa para a ação. O empreendedor passa do pensamento à ação e faz as coisas acontecerem. • Todo empreendedor tem uma verdadeira paixão por aquilo que faz. Entusiasmo e Paixão são as principais características de um empreendedor! • O empreendedor é aquele que consegue escolher entre várias alternativas e não fica pensando no que deixou para trás. Sabe ter foco e fica focado no que quer! Dicas de sucesso
  52. 52. 01/05/2014 SENAC Aoki Media Empreendedores • O empreendedor tem profundo conhecimento daquilo que quer e daquilo que faz e se esforça continuadamente para aumentar esse conhecimento sob todas as formas possíveis; • O empreendedor tem tenacidade e não desiste! • O empreendedor acredita na sua própria capacidade. Tem alto grau de autoconfiança. • O empreendedor vê os "fracassos" como oportunidades de aprendizagem e segue em frente. Dicas de sucesso
  53. 53. 01/05/2014 SENAC Aoki Media Empreendedores • O empreendedor faz uso de sua imaginação. Ele imagina-se sempre vencedor. • O empreendedor tem sempre uma visão de vários cenários pela frente. Tem, na cabeça, várias alternativas para vencer. • O empreendedor nunca se acha uma "vítima". Ele não fica parado, reclamando das coisas e dos acontecimentos. Ele age para modificar a realidade! Dicas de sucesso
  54. 54. 01/05/2014 SENAC Aoki Media CARACTERÍSTICAS DO EMPREENDEDOR Aula 4
  55. 55. 01/05/2014 SENAC Aoki Media Empreendedor • Envolve a ação e o reconhecimento de uma oportunidade. • Empreende porque quer. “Há mais empreendimentos novos que fracassam do que os que alcançam sucesso. É necessário mais do que apenas muito trabalho e sorte para ser um dos poucos empreendedores bem-sucedidos. É preciso raciocinar em um ambiente de alta incerteza, ser flexível e aprender com as derrotas”
  56. 56. 01/05/2014 SENAC Aoki Media Oportunidade empreendedora • Situações nas quais novos bens, serviços, matérias-primas e métodos organizacionais podem ser introduzidos e vendidos por um valor maior do que seu custo de produção. Ação empreendedora Criação de novos produtos/processos e/ou a entrada em novos mercados, que pode ocorrer por meio de uma organização recém criada ou dentro de uma organização estabelecida.
  57. 57. 01/05/2014 SENAC Aoki Media Mentalidade empreendedora? Capacidade de: • detectar, agir e se movimentar rapidamente, mesmo sob condições incertas.
  58. 58. 01/05/2014 SENAC Aoki Media Ser paranoico: bom ou ruim? Ser um pouco paranoico é positivo porque consiste em “não descansar sobre as vitórias passadas”. (Business News)
  59. 59. 01/05/2014 SENAC Aoki Media EMPREENDEDOR: O QUE IMPORTA
  60. 60. 01/05/2014 SENAC Aoki Media Empreendedor • Educação • Idade: maioria inicia entre 22-45 anos. • Histórico profissional: benchmarking • Mentor: formal ou informal • Rede de apoio moral • Rede de apoio profissional O que importa
  61. 61. 01/05/2014 SENAC Aoki Media Empreendedor • Descubra quem te inspira e por quê • Leituras: leia o que vale a pena! • Compartilhe suas dificuldades • Seja humilde • Ache pessoas que estavam em sua posição alguns anos atrás • Seja acelerado, mas tenha paciência. O que importa
  62. 62. 01/05/2014 SENAC Aoki Media Empreendedor • Networking é tudo! • Esqueça o glamour • Pequenas coisas que fazem a diferença em sua vida! • O não você já tem. Tente o SIM. • Saia da zona de conforto • Surpreenda-se com seu talento O que importa
  63. 63. 01/05/2014 SENAC Aoki Media Ética • Os líderes dão o exemplo. • Valor fundamental: conduzir-se de modo íntegro é tão importante quanto obter lucros. • Sua equipe deve se conscientizar de sua própria conduta – aumentando a possibilidade de a coisa dar certo. • Os funcionários sentem confiança ao contar seus problemas. “É mais do que apenas um documento formal descrevendo as políticas correspondentes: ele versa sobre a integração dos valores positivos em toda a organização”
  64. 64. 01/05/2014 SENAC Aoki Media BUSINESS MODEL CANVAS Aula 5
  65. 65. 01/05/2014 SENAC Aoki Media
  66. 66. 01/05/2014 SENAC Aoki Media SC Segmento de clientes
  67. 67. 01/05/2014 SENAC Aoki Media PV Proposta de valor
  68. 68. 01/05/2014 SENAC Aoki Media CN Canais de clientes
  69. 69. 01/05/2014 SENAC Aoki Media RC Relacionamento com clientes
  70. 70. 01/05/2014 SENAC Aoki Media FC Fontes de Receita
  71. 71. 01/05/2014 SENAC Aoki Media RC Recursos principais
  72. 72. 01/05/2014 SENAC Aoki Media AC Atividades-chave
  73. 73. 01/05/2014 SENAC Aoki Media PP Parcerias Principais
  74. 74. 01/05/2014 SENAC Aoki Media C$ Estrutura de Custo
  75. 75. 01/05/2014 SENAC Aoki Media
  76. 76. 01/05/2014 SENAC Aoki Media

×