Meu primeiro beijo

252 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
252
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Meu primeiro beijo

  1. 1. Situação de aprendizagem para a ampliação dacompetência leitora e escritoraPúblico-alvo: 9º ano
  2. 2.  Oralidade: O título do texto que iremos ler é “Meu primeirobeijo” Que assunto será tratado nele? Que tipos de beijos existem? Qual será o do texto? Quem já beijou na boca? Qual a definição de beijo? Quais são seus sinônimos? Agora vamos ao texto:
  3. 3. Meu Primeiro BeijoAntonio BarretoÉ difícil acreditar, mas meu primeiro beijo foi num ônibus, na volta da escola.E sabem com quem? Com o Cultura Inútil! Pode? Até que foi legal. Nem eunem ele sabíamos exatamente o que era "o beijo". Só de filme. Estávamosvirgens nesse assunto, e morrendo de medo. Mas aprendemos. E foiassim...Não sei se numa aula de Biologia ou de Química, o Culta tinha me mandadoum dos seus milhares de bilhetinhos:"Você é a glicose do meu metabolismo.Te amo muito!Paracelso"E assinou com uma letrinha miúda: Paracelso. Paracelso era outro apelidodele. Assinou com letrinha tão minúscula que quase tive dó, tive pena,instinto maternal, coisas de mulher... E também não sei por que: resolvi daruma chance pra ele, mesmo sem saberque tipo de lance ia rolar.No dia seguinte, depois do inglês, pediu pra me acompanhar até em casa. Noônibus, veio com o seguinte papo:- Um beijo pode deixar a gente exausto, sabia? - Fiz cara de desentendida.Mas ele continuou:- Dependendo do beijo, a gente põe em ação 29 músculos, consome cerca de12 calorias e acelera o coração de 70 para 150 batidas por minuto. - Aí eletomou coragem e pegou na minha mão. Mas continuou salivando seusperdigotos:
  4. 4. - A gente também gasta, na saliva, nada menos que 9 mg de água; 0,7 mg dealbumina; 0,18 g de substâncias orgânica; 0,711 mg de matérias graxas;0,45 mg de sais e pelo menos 250 bactérias...Aí o bactéria falante aproximou o rosto do meu e, tremendo, tirou seus óculos,tirou os meus, e ficamos nos olhando, de pertinho. O bastante para que eudescobrisse que, sem os óculos, seus olhos eram bonitos e expressivos,azuis e brilhantes. E achei gostoso aquele calorzinho que envolvia o corpoda gente. Ele beijou a pontinha do meu nariz, fechei os olhos e senti suarespiração ofegante. Seus lábios tocaram os meus. Primeiro de leve,depois com mais força, e então nos abraçamos de bocas coladas, poralguns Segundos.E de repente o ônibus já havia chegado no ponto final ejá tínhamos transposto , juntos, o abismo do primeiro beijo.Desci, chegueiem casa, nos beijamos de novo no portão do prédio, e aí ficamosapaixonados por várias semanas. Até que o mundo rolou, as luas vieram evoltaram, o tempo se esqueceu do tempo, as contas de telefoneaumentaram, depois diminuíram...e foi ficando nisso. Normal. Que nemmeu primeiro beijo. Mas foi inesquecível!BARRETO, Antonio. Meu primeiro beijo. Balada do primeiro amor. São Paulo:FTD,1977. p. 134-6.
  5. 5.  A quem se dirige o texto? Explique. Elementos da narrativa : quem narra essahistória? Qual o espaço? Quais os personagensdo texto? Indique elementos que mostrem apassagem do tempo?
  6. 6.  No texto quais palavras ou expressões substituemo nome do garoto? O que é Paracelso? O que é perdigoto?
  7. 7.  http://cariricaturas.blogspot.com.br/2010/11/meu-primeiro-amor-por-rosa-guerrera.html
  8. 8.  Eu estava numa vida de horrorCom a cabeça baixa sem ninguém me dá valorAndava atrás da minha paz Agora que mudou a situaçãoChoveu na minha horta vai sobra na plantaçãoDeixei pra traz, pois tanto fazEu quero mais é beijar na bocaEu quero mais é beijar na boca (eu quero mais)Eu quero mais é beijar na bocaE ser feliz daqui pra frente... Pra sempreJá me livrei daquela vida tão vulgarMe vacinei de tudo que podia me pegarCorri atrásQuem tenta fazEu ando muito a fim de experimentarMeter o pé na jaca sem ter que me preocuparEu quero mais mais mais mais...(Refrão)Eu estava numa vida de horrorA cabeça doida sem ninguém me dá valorAndava atrás da minha pazAgora que mudou a situaçãoChoveu na minha horta vai sobra na plantaçãoDeixei pra trás, pois tanto faz(Refrão)
  9. 9.  De que forma os quatro textos dialogam: emrelação ao foco narrativo, personagens, enredo,tipo de linguagem? São de mesmo gênero?
  10. 10.  A respeito do tema “beijo na boca”, crie um textoescolhendo um dos gêneros abaixo: Poema História em quadrinhos Paródia Relato de experiência pessoal Narrativa de ficção

×