5 equipamentos de proteção 39-42

8.983 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
8.983
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
7.682
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
75
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

5 equipamentos de proteção 39-42

  1. 2. Equipamentos de Proteção Individual <ul><li>Equipamentos de Proteção Individual – uma preocupação especial em saúde e segurança do trabalhador – aspectos legais, técnicos e organizacionais </li></ul>
  2. 3. EPI <ul><li>Considera-se Equipamento de Proteção Individual (E.P.I) todo dispositivo ou produto, de uso individual, utilizado pelo trabalhador(a), destinado à proteção contra perigos capazes de ameaçar a segurança e a saúde no trabalho. </li></ul>
  3. 4. Aspectos legais <ul><li>De acordo com o que estabelece o artigo 166, da seção IV, do capítulo V, do título II da Lei 6.514 / 77 (CLT) o EPI deverá ser adotado “...sempre que as medidas de ordem geral não ofereçam completa proteção contra os riscos de acidentes do trabalho ou de doenças profissionais e do trabalho ”. </li></ul>
  4. 5. Aspectos técnicos <ul><li>Do ponto de vista técnico, o E P I não evita acidentes. O seu objetivo é evitar a lesão ou atenuar sua gravidade, além de proteger o corpo e o organismo contra os efeitos da exposição a perigos ambientais que possam causar doenças ocupacionais . </li></ul><ul><li>Portanto, EPIs evitam ou atenuam a exposição a perigos ou danos provenientes de acidentes. </li></ul>
  5. 6. Conceito - O E.P.I. deve ser usado como medida de proteção quando <ul><li>não for possível eliminar ou reduzir o perigo através da utilização de equipamentos de proteção coletiva; </li></ul><ul><li>até que a proteção coletiva, ou as medidas administrativas, estejam implantadas e consideradas eficazes; </li></ul><ul><li>em trabalhos eventuais e em exposições de curto período, que não justifiquem medidas coletivas </li></ul>
  6. 7. Hora de pensar <ul><li>Você usa E.P.I. na execução de suas atividades? </li></ul><ul><li>Houve algum estudo prévio sobre a necessidade, seleção de modelos e sobre o uso do EPI? </li></ul><ul><li>Como foi o treinamento para o uso do EPI? </li></ul><ul><li>Você sabe como conservar, manter e quando substituir o EPI? </li></ul><ul><li>Quais os EPIs necessários para a sua função? </li></ul>
  7. 8. Importante saber <ul><li>A empresa é obrigada a adquirir o tipo de EPI apropriado à atividade do empregado e realizar o treinamento para seu uso adequado, tornando-o obrigatório, bem como responsabilizar-se pela guarda, conservação e substituição quando danificado ou extraviado. </li></ul><ul><li>O empregado é obrigado a utilizar o E.P.I. para a finalidade a que se destina, responsabilizando-se por sua guarda e conservação e ainda, comunicar ao empregador qualquer irregularidade que o torne impróprio para o uso. </li></ul>
  8. 9. Sistemática de implementação de EPIs <ul><li>Seleção correta </li></ul><ul><li>Programa de treinamento </li></ul><ul><li>Estabelecimento de normas e procedimentos (ordens de serviço) </li></ul><ul><li>Caracterização dos EPIs por função </li></ul>

×