(Re)inventando a leitura parte i

179 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
179
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
19
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

(Re)inventando a leitura parte i

  1. 1. (RE)IMAGINANDO A LEITURA
  2. 2. “Para que uma história realmente prenda a atenção dacriança, essa história deve de fato entretê-la e despertarsua curiosidade. Mas, para enriquecer sua vida, deveestimular-lhe a imaginação: ajudá-la a desenvolver seuintelecto e a tornar claras suas aspirações”. (BETTELHEIN, 1980, p. 94).
  3. 3. OBJETIVO GERALFORTALECER A AÇÃO DOPROFESSOR NO PROCESSODE ENSINO E APRENDIZAGEM
  4. 4. OBJETIVO ESPECÍFICOFAZER COM QUE O ALUNO(RE)DESCUBRA
  5. 5. Público-alvo: turmas do 1º ao 9º anoDuração: 1 ano
  6. 6. O Sócio Construtivismo, hoje, traz em sua essência,uma convergência das ideias piagetianas evigotskyanas, enfatizando a construção doconhecimento numa visão social, histórica e cultural
  7. 7. ● Reformulou em bases funcionais as questões sobre pensamento e linguagem.JEAN PIAGET ● Constata através de pesquisa que o conhecimento é construído através da interação do sujeito com o objeto.
  8. 8. ● A criança se apodera de um conhecimento se “agir” sobre ele, pois aprender é modificar, descobrir, inventar.VIGOSTKY ● Função do professor é propiciar situações para que a criança construa seu sistema de significação, o qual uma vez organizado na mente, será estruturado através da escrita ou oralmente.
  9. 9. JUSTIFICATIVA
  10. 10. ALUNOS DESMOTIVADO S FORMA TICS NACIDADÃOS EDUCAÇÃO CRÍTICOS LEITURA FERRAMENTAINCENTIVO À DE LEITURA MOTIVAÇÃO
  11. 11. O PROJETO “REIMAGINANDO A LEITURA”ENTENDE QUE A CRIANÇA DEVE COMPREENDERO LIVRO COMO UM BRINQUEDO E A LEITURA
  12. 12. GRANDE PARTE DAS CRIANÇAS UTILIZA O ESPAÇOVIRTUAL DE MANEIRA LÚDICA E TUDO É MUITO ÁGIL,PORTANTO O SEU PROCESSO DE APRENDIZAGEM TORNA-SE MAIS INTERESSANTE, INCLUINDO-AS NA ERA DIGITAL.
  13. 13. UNINDO ESSES DOIS FATORES LEITURA EDIVERSÃO FOI PENSADO UMPROJETO QUE MOTIVASSE ASCRIANÇAS A CRIAR O HÁBITO DE LEITURA ASSOCIADO AIMAGEM, MOVIMENTO E ARTE.
  14. 14. LEITURA DEP A R L E N D A
  15. 15. A DONA ARANHASUBIU PELAPAREDE
  16. 16. VEIO ACHUVA FORTE E ADERRUBOU
  17. 17. JÁ PASSOUA CHUVA E O SOL JÁ VEM SURGINDO
  18. 18. E ADONA ARANHACONTINUA SUBINDO
  19. 19. POEMA
  20. 20. LEILÃO DE JARDIM CECÍLIA MEIRELLES
  21. 21. QUEM ME COMPRA UM JARDIM COM FLORES?BORBOLETAS DE MUITAS CORES,LAVADEIRAS E PASSARINHOS,OVOS VERDES E AZUIS NOS NINHOS?
  22. 22. QUEM ME COMPRA ESTE CARACOL?QUEM ME COMPRA UM RAIO DE SOL?UM LAGARTO ENTRE O MURO E A HERA,UMA ESTÁTUA DA PRIMAVERA?
  23. 23. QUEM ME COMPRA ESTE FORMIGUEIRO?E ESTE SAPO, QUE É JARDINEIRO? E A CIGARRA E A SUA CANÇÃO?E O GRILINHO DENTRO DO CHÃO?(ESTE É O MEU LEILÃO.)
  24. 24. Trabalho elaborado por Mônica B. Sterza Nicoletta Inha Bastos (Brasil,1949) Menina lendo, 2008
  25. 25. FONTES BIBLIOGRÁFICASBETHELHEIM, B. A psicanálise dos contos de fadas. 7. ed. Rio de Janeiro: Paz eTerra, 1980.VYGOTSKY, L. S. A formação social da mente. São Paulo: Martins Fontes, 1989.PIAGET, J. A formação do símbolo na criança: imitação, jogo e sonho, imagem erepresentação. Rio de Janeiro: Zahar,1978.

×