Informativo dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação do ES - 21 de janeiro de 2014 - Distribuição: Garoto

Fundação...
Conquista no Sortimento: instalação de elevador
facilita atividades no almoxarifado
Os trabalhadores do Sortimento, que re...
Inscrições abertas para curso de inglês
Matrículas podem
ser feitas até o dia
31 de janeiro, no
Espaço Atitude.
Aulas come...
Sindicato exige
manutenção de
bebedouros
No verão de 2013, o Sindicato foi às ruas manifestar o absurdo
da falta de água n...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Garoto 21 01 14

1.201 visualizações

Publicada em

Publicada em: Notícias e política
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.201
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
957
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Garoto 21 01 14

  1. 1. Informativo dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação do ES - 21 de janeiro de 2014 - Distribuição: Garoto Fundação Garoto registra queda nos resultados e trabalhadores sofrem prejuízos Para alguns, as perdas giram em torno de R$ 10 mil. Sindicato vai contratar consultoria técnica para avaliar o caso. Os números são preocupantes: nos últimos balanços divulgados, a Fundação Garoto registrou uma súbita queda nos resultados. No bolso do trabalhador, essas perdas giram em torno de 10%. O Sindicato cobrou informações da Garoto. A empresa admitiu que as perdas são consequência de investimento na bolsa de valores. A extensão do problema deve ser devidamente avaliada com a publicação do balanço do mês de março. A empresa garante que, caso haja prejuízo em dois anos consecutivos, a patrocinadora do fundo de pensão será responsável por restituir as perdas. Uma nova reunião entre Sindicato e empresa deve ocorrer imediatamente após a divulgação dos resultados do mês de março. Na sexta-feira (17), o Sindialimentação se reuniu com uma empresa especializada em fundos de pensão para avaliar a possibilidade de contratação dos serviços de consultoria para dar suporte na investigação do caso. Muitas perguntas precisam ser respondidas: A fundação pode ou não investir em ações? Quem arcará com os prejuízos resultantes de aplicações? Como o trabalhador pode se proteger de possíveis perdas? Estamos preparando um encontro para planejar nossas metas para o ano que acaba de começar. Teremos duas grandes negociações: PLR e acordo coletivo. Este último começa mais cedo, em junho. Os anseios de cada trabalhador vão orientar nossas ações rumo a novas conquistas e avanços. O evento vai acontecer no dia 8 de fevereiro, no Sest Senat de Cariacica. A programação começa pela manhã, com debates e palestras. A partir do meio dia, será realizado um churrasco de integração. O Sindicato vai arcar com os custos do associado. Os acompanhantes vão pagar um valor que será divulgado posteriormente. O Sest Senat conta com piscina e campo de futebol. Participe dos debates sobre o seu Sindicato e traga sua família para uma agradável tarde de lazer.
  2. 2. Conquista no Sortimento: instalação de elevador facilita atividades no almoxarifado Os trabalhadores do Sortimento, que revezam no almoxarifado, estavam sofrendo por conta da falta de uma plataforma e de uma mesa elevatória para a execução das tarefas do setor. Os equipamentos já estavam no local, mas desmontados. O Sindialimentação demonstrou que aquelas condições agravavam os riscos de adoecimento. Com isso, a empresa reconheceu a situação e, para alivio dos trabalhadores, os equipamentos foram finalmente montados e estão funcionando. Esse caso comprova que a atuação do Sindicato vai além Mais uma vitória para a categoria! Sindicato cobrou urgência na instalação de plataforma e mesa elevatória no almoxarifado. Agora, novo maquinário facilita tarefas e diminui casos de problemas ergonômicos. das negociações salariais, e alcança importantes resultados também pela qualidade de vida no ambiente de trabalho. Precisamos que os trabalhadores ajudem nessas situações para que identifiquemos os problemas e possamos tomar as atitudes necessárias para corrigi-los. Temporários e demitidos também têm direito a PLR Trabalhadores demitidos não estão conseguindo receber a PLR proporcional, mas direito sobre os lucros é de todos, e Sindicato exige liberação do pagamento. Ultimamente, tem sido constante a reclamação de trabalhadores que foram demitidos e não receberam sua parte na Participação nos Lucros e Resultados (PLR). As denúncias são de que esses trabalhadores não receberam informações da empresa sobre a data de pagamento e, quando procuraram a fábrica, foram informados de que o prazo já passou e que a empresa não tem obrigação de pagar. O Sindicato cobrou da Garoto uma posição sobre o assunto. A empresa negou que isso esteja ocorrendo e afirmou que avisa todos os trabalhadores sobre a data. Segundo o RH da Garoto, para receber, basta procurar o departamento pessoal. Assim, orientamos a todos os demitidos que não receberam sua PLR que procurem o departamento pessoal da empresa. Caso tenham alguma dificuldade, procurem o Sindialimentação. Os trabalhadores da ativa também podem ajudar repassando essa informação aos que foram demitidos. Resultado de luta da categoria O pagamento proporcional da PLR aos trabalhadores temporários e demitidos é um direito conquistado pelo Sindicato. O cálculo é feito de acordo com os meses trabalhados dentro do período de vigência da PLR. Essa luta foi motivada pelo reconhecimento merecido de quem contribuiu igualmente para os resultados de produção e lucro da empresa. Uma vez fechada a PLR, a Garoto tem a obrigação de informar a data de pagamento para todos os demitidos ou temporários que trabalharam na fábrica durante o ano em negociação.
  3. 3. Inscrições abertas para curso de inglês Matrículas podem ser feitas até o dia 31 de janeiro, no Espaço Atitude. Aulas começam já em fevereiro. Aproveite essa oportunidade de dominar o idioma para estudar, trabalhar, viajar e se divertir. Continuam abertas as inscrições para as aulas de inglês voltadas para trabalhadores sindicalizados e seus familiares. O curso é resultado de uma parceria entre o Sindialimentação e a Cooperativa de Professores de Línguas do Espírito Santo (Cooperling), que conta com professores formados pela Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes). A parceria traz uma série de vantagens: preço promocional de R$ 349,90 o semestre, pagamento em até três vezes sem juros nos cartões ou boleto, aulas no Espaço Atitude (bem pertinho do trabalho), e turnos especialmente definidos de acordo com os horários de saída e entrada na fábrica. Tudo isso com a competência de professores especializados e a metodologia testada e aprovada por mais de 15 mil alunos que já passaram pelo curso. Se você precisar de mais informações, entre em contato com o Sindialimentação pelo 3339-5027, ou tire suas dúvidas diretamente com o representante da Cooperling, das 13h às 16h, no Espaço Atitude. Prova de nivelamento Muitos trabalhadores têm perguntado sobre a possibilidade da criação de novas turmas para quem já fez cursos em outros lugares e quer iniciar as aulas em níveis mais avançados de inglês. O Sindicato vai analisar esses casos junto com a Cooperling para definir a data das provas de nivelamento e a abertura de novas turmas. Entre em contato com o Sindialimentação e inscreva-se. Turmas: escolha uma das seis opções, de acordo com a sua rotina • Segunda e quarta-feira Turma 1: 12h20 às 13h40 Período: 03/02 a 11/06 Turma 2: 14h20 às 15h40 Período: 03/02 a 11/06 • Terça e quinta-feira Turma 3: 12h20 às 13h40 Período: 04/02 a 12/06 Turma 4: 14h20 às 15h40 Período: 04/02 a 12/06 • Sexta-feira Turma 5: 9h ao meio dia Período: 07/02 a 06/06 Turma 6: 14h30 às 17h30 Período: 07/02 a 06/06 A IMPORTÂNCIA DA LÍNGUA INGLESA NO DIA A DIA A língua inglesa é IMPRESCINDÍVEL nos dias atuais. A globalização faz com que o idioma se torne algo FUNDAMENTAL. O Inglês é a língua internacional, a língua dos estudos, das viagens, dos negócios, enfim, a língua da COMUNICAÇÃO com todo o MUNDO. Todos os dias nós convivemos com uma série de palavras em inglês, daí percebemos a IMPORTÂNCIA e a INFLUÊNCIA que exerce sobre a nossa cultura... jeans, shopping, pet shop, lan house, pen drive, notebook, internet, web site, download, big, delivery, baby, stress, fast food, fashion, e-mail, messenger, outdoor, hot dog, milkshake, light, hamburger, drink, happy hour, diet, light, fitness, show e design são apenas alguns exemplos. No MERCADO DE TRABALHO, o Inglês virou atributo ESSENCIAL para a conquista da maioria das vagas. Quantas vezes você já ouviu alguém dizer: “Perdi a oportunidade, pois não sei Inglês”. Pois é, mesmo que o candidato não vá utilizar o Inglês ou vá utilizar muito pouco em seu novo emprego, somente o fato de saber Inglês já é um diferencial. Pesquisas revelam que o salário de uma pessoa que tem um segundo idioma é 30% mais alto em relação ao salário de outra que tenha apenas um idioma. Não existem métodos milagrosos nem escolas excepcionais que vão lhe fazer um “expert” em Inglês em pouco tempo. Na realidade. é um estudo longo que dependerá apenas de seu esforço e vontade de querer aprender cada vez mais.
  4. 4. Sindicato exige manutenção de bebedouros No verão de 2013, o Sindicato foi às ruas manifestar o absurdo da falta de água nos bebedouros da Garoto. Com isso, a empresa criou um calendário preventivo de manutenção dos equipamentos que resolveu e muito a situação para os trabalhadores. Mas o assunto voltou à mesa de negociação na reunião no dia 8 de janeiro deste ano. Identificamos que o reparo nas máquinas quebradas está demorando muito. E a maioria dos equipamentos que continuam funcionando está com uma vazão muito baixa, saindo ape- Desvio de função no Cobom nas um pequeno filete de água, o que indica que muito provavelmente também darão defeito. A empresa alega que faltam peças para manutenção e máquinas reservas. Mas, desta vez, a Garoto não tem justificativa para deixar que o caos por falta de água se repita. Tanto o Sindicato quanto os trabalhadores estão solicitando a manutenção com antecedência. A empresa só não vai evitar o problema se não quiser. Em resposta, a empresa informou que vai analisar os fatos e tomar as providências cabíveis. Sindicato exige abono das faltas dos dias de enchentes A prática não é nova: a empresa coloca trabalhadores de níveis mais baixos para exercer cargos superiores sem pagar a diferença por isso. Desta vez, essa situação está acontecendo no Cobom. Auxiliares e Operadores 1 estão substituindo Operadores 2, Operadores 2 estão trabalhando no lugar de Operadores 3, e sem nenhuma remuneração adicional por isso. O Sindialimentação em reunião com a Nestlé cobrou uma resposta sobre as faltas por conta dos alagamentos que acometeram a região da Grande Vitória no mês de dezembro de 2013. A empresa respondeu que as faltas serão apenas justificadas e não abonadas. Além disso, afirmou que vai analisar cada caso, e aqueles trabalhadores que tiveram danos materiais terão ‘’algum tipo de ajuda”. O acordo coletivo protege os trabalhadores dessa prática abusiva. E o Sindicato mais uma vez interviu junto à Garoto para que nenhum trabalhador seja prejudicado. O Sindicato não concorda com o fato da empresa não abonar os dias. Entendemos que muitas pessoas ficaram impossibilitadas de se locomover e expostas ao risco de doenças típicas das épocas de chuva, como leptospirose, hepatite e pneumonia. Por isso, esses trabalhadores merecem ter o dia abonado. A direção da empresa se comprometeu a ir até o local avaliar as irregularidades e apresentará os resultados numa reunião nesta quarta-feira (22). Protesto Gota D’água foi para as ruas distribuir copinhos de água para quem entrava e saía da fábrica. Não queremos que isso se repita desta vez! Banheiros precisam de manutenção Os banheiros do parque fabril estão numa situação vergonhosa. Alguns sanitários estão com as tampas quebradas, outros nem têm tampa. O Sindialimentação já exigiu a manutenção desses espaços diversas vezes, e vamos continuar cobrando da empresa. A conservação dos banheiros é uma questão de higiene e segurança. INFORMATIVO DOS TRABALHADORES NAS INDÚSTRIAS DE ALIMENTAÇÃO DO ES Estrada Jerônimo Monteiro, 1732 - Vila Velha - ES Telefone: 3339-5027 E-mail: comunica.sindi@terra.com.br COORDENADORA GERAL DO SINDICATO Linda Morais COORDENADOR DA SECRETARIA DE COMUNICAÇÃO Elifas Medeiros EQUIPE DE JORNALISMO Marina Denadai Sylvia Ruth

×