Lutas

29.340 visualizações

Publicada em

Lutas,artes marciais, cultura do movimento

Publicada em: Educação, Esportes, Tecnologia
3 comentários
7 gostaram
Estatísticas
Notas
  • muito bom vou usar nas minhas aulas!
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • Olá Silvia Arrelaro.

    Calorosas saudações.
    Seu material pedagógico sobre lutas e de suma importância e está muito bem organizado.
    Gostaria de ressaltar que os conceitos e fundamentação histórica a respeito das lutas e artes matrciais estão pertinentes ao tema.
    Parabéns !!

    Merci

    att,
    Narciso Mauricio dos Santos
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • Muito bom seu material.
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
29.340
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
533
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1.090
Comentários
3
Gostaram
7
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Lutas

  1. 1. LUTAS SILVIA ARRELARO
  2. 2. ARTE MARCIAL OU LUTA <ul><li>Os termos ARTES MARCIAIS e LUTAS fazem parte da cultura do movimento humano. </li></ul><ul><li>Podemos reconhecê-los tanto nas culturas milenares, quanto nos movimentos de proteção e defesa encontrados desde a pré-história. </li></ul>
  3. 3. <ul><li>O termo “artes marciais” antigamente era utilizado para referir-se às artes de guerra e as luta de origem militar. </li></ul><ul><li>Podiam definir as técnicas de combate de origem milenar utilizadas para ataque e defesa. </li></ul><ul><li>Eram usados também para definir as lutas de origem oriental. </li></ul>
  4. 4. <ul><li>Ao chegarem no ocidente, as lutas orientais perderam a conotação filosófica fundamentada em crenças e religiões que preparavam o praticante física e espiritualmente, sendo enfatizados os aspectos competitivos e o de defesa pessoal. </li></ul>
  5. 5. <ul><li>As lutas foram adaptadas para serem desenvolvidas na forma de competições sendo viabilizadas para serem praticadas por pessoas alheias aos preceitos filosóficos e aos significados culturais relacionados. A maioria das modalidades dos esportes de luta que conhecemos hoje estão elevadas a um estado esportivo que descaracteriza o próprio conceito de arte marcial. </li></ul>
  6. 6. ARTES MARCIAIS <ul><li>Hoje em dia o termo é utilizado generalizadamente tanto para todos os sistemas de combate de origem oriental como ocidental, com ou sem o uso de armas tradicionais. </li></ul><ul><li>Entende-se como sistema de combate o conjunto de regras, regulamentos e preceitos filosóficos. </li></ul>
  7. 7. <ul><li>Atualmente, as artes marciais são praticadas visando diferentes finalidades como desporto, lazer, participação de um grupo social, defesa pessoal, disciplina da mente, condicionamento físico. </li></ul>
  8. 8. LUTAS <ul><li>O substantivo luta, do Latim lucta, significa “combate, com ou sem armas, entre pessoas ou grupos; disputa”. </li></ul><ul><li>Já a expressão artes marciais é uma composição do Latim arte, (“conjunto de preceitos ou regras para bem dizer ou fazer qualquer coisa”), e martiale (“referente à guerra; bélico”, “relativo a militares ou a guerreiros”). </li></ul>
  9. 9. <ul><li>Portanto é importante distinguir estes dois termos, de significado e emprego muito próximos, mas que nem sempre devem ser usados para a mesma finalidade. </li></ul>
  10. 10. <ul><li>Entende-se que “luta” é um termo que pode ser empregado de forma geral a todo combate entre dois ou mais indivíduos, dotados estes de treinamento especial para luta ou não. </li></ul>
  11. 11. <ul><li>É provável que a luta tenha surgido nos primórdios da civilização humana, junto com a necessidade do homem de defender-se de inimigos ou animais, ou ainda, de atacar ou caçar com mais eficácia. </li></ul>
  12. 12. <ul><li>Na pré-história os filhotes dos homens primitivos “brincavam” de lutar como fazem os filhotes dos felinos, por exemplo. </li></ul><ul><li>Podemos afirmar que: “Além do componente lúdico, existia também um aprendizado imprescindível à sobrevivência”. </li></ul>
  13. 13. <ul><li>Arte marcial é um termo mais abrangente, utilizado para definir um conjunto de conhecimentos com finalidade de combate entre guerreiros ou militares. É uma forma de lutar que foi aprimorada visando melhor desempenho contra um adversário. </li></ul>
  14. 14. <ul><li>As artes marciais não compreendem somente um apanhado de técnicas (golpes com as mãos, pés, etc), mas também um conjunto de filosofias e tradições de combate. </li></ul><ul><li>Outra característica é que as artes marciais foram praticadas de forma restrita entre familiares ou ensinada para poucos discípulos. </li></ul>
  15. 15. <ul><li>Atualmente entre nós, as artes marciais são praticadas principalmente como esporte, método de auto-defesa, exercício de condicionamento físico e, até mesmo, mecanismo de desenvolvimento espiritual. </li></ul>
  16. 16. CULTURA DO MOVIMENTO <ul><li>Um iniciante tem a oportunidade de aprender algumas informações e desenvolver habilidades, típicas da modalidade escolhida. Esses conhecimentos variam, mas existem conceitos que são são iguais em todas elas, como os conceitos de esquiva, ataque, defesa, rounds , entre outros. </li></ul>
  17. 17. ORIGEM E HISTÓRIA <ul><li>Cada luta possui uma época e um local onde se originou, bem como uma evolução histórica própria. </li></ul><ul><li>No entanto, o desenvolvimento de algumas modalidades cruza no tempo e espaço com outras. </li></ul><ul><li>Em algumas a origem é difícil de ser precisada. </li></ul>
  18. 18. <ul><li>Também se sabe pelos relatos de algumas artes marciais, que o seu surgimento está associado ao contexto social do país, na época. </li></ul><ul><li>Portanto, conhecer a origem e a evolução histórica de uma arte marcial proporciona também conhecer o seu povo. </li></ul>
  19. 19. CULTURA E PRINCÍPIOS FILOSÓFICOS <ul><li>Junto com treinamentos técnicos, os praticantes acabam por conhecer alguns detalhes da cultura do povo de origem da arte marcial ou da luta, como a língua, o modo de pensar, as saudações, vestimentas, armas, conflitos históricos, história do país. </li></ul>
  20. 20. <ul><li>Nas artes marciais orientais são comuns preceitos filosóficos dando sentido aos movimentos técnicos e a conduta dos lutadores: </li></ul><ul><li>No “ Taekwondo ”, são utilizados alguns conceitos norteadores para a arte marcial: cortesia, integridade, perseverança e autocontrole e espírito indomável. </li></ul>
  21. 21. <ul><li>No AIKIDO , o princípio é o de lutar sem lutar. </li></ul><ul><li>No JUDÔ , usar a força do oponente contra ele mesmo. </li></ul>
  22. 22. MOVIMENTOS DE LUTA E DE COMBATE <ul><li>As modalidades de lutas e artes marciais são diferenciadas pelo seu conjunto de movimentos de luta. </li></ul><ul><li>O Judô utiliza movimentos de agarrar, torcer, desequilibrar e imobilizar o oponente. </li></ul><ul><li>O Karatê os lutadores usam golpes com as mãos ou os pés para contundir o corpo do adversário. </li></ul>
  23. 23. <ul><li>O Muay thai , também conhecida como a Arte das Oito Armas , pois se caracteriza pelo uso combinado dos dois punhos + dois cotovelos + dois joelhos + dois 'canelas e pés‘. </li></ul><ul><li>Basicamente seriam os movimentos do boxe acrescidos de joelhadas, cotoveladas e caneladas. </li></ul>
  24. 24. <ul><li>A Esgrima é considerada uma arte marcial de origem militar com utilização de arma, que poder ser o florete, a espada e o sabre. </li></ul><ul><li>O Krav Magá é um sistema decombate, utilizado basicamente para defesa pessoal </li></ul>
  25. 25. MATERIAIS E EQUIPAMENTOS <ul><li>Cada luta adota um tipo de uniforme adequado ao treinamento dos movimentos característicos da modalidade: </li></ul><ul><li>As artes marciais japonesas utilizam o conhecido Kimono; </li></ul><ul><li>o Taekwondo usa uma vestimenta semelhante: o Do-Bok , com diferença na parte de cima, que se assemelha a uma túnica. </li></ul>
  26. 26. <ul><li>no Muai Thay os lutadores vestem apenas um calção ou short . </li></ul><ul><li>Na Capoeira utiliza-se o Abadá. </li></ul>
  27. 28. <ul><li>Na maioria das modalidades são utilizadas também faixas ou cordas. </li></ul><ul><li>Na verdade, a finalidade prática do cinturão é segurar o kimono para evitar a sua folga excessiva. </li></ul><ul><li>Além disso servem também para identificar o nível de aprendizagem que o praticante se encontra. </li></ul>
  28. 29. <ul><li>O que conta realmente não é a cor da faixa do aluno, mas o seu nível de aprendizagem. </li></ul><ul><li>As cores da faixa podem variar muito dentro de uma mesma modalidade, conforme o país, a região, a academia, ou o estilo da arte. </li></ul>
  29. 30. <ul><li>No Karatê, Judô, Taekwondô, são utilizadas faixas </li></ul><ul><li>No Muai Thay , são usadas fitas coloridas no braço. </li></ul><ul><li>Na Capoeira são utilizadas cordas. </li></ul>
  30. 31. MODALIDADES OLÍMPICAS <ul><li>Nos Jogos Olímpicos participam apenas algumas modalidades: </li></ul><ul><li>Judô, </li></ul><ul><li>Karatê, </li></ul><ul><li>Boxe, </li></ul><ul><li>Taekwondo, </li></ul><ul><li>Esgrima . </li></ul>
  31. 32. REFERÊNCIAS <ul><li>http://lutasescolar.vilabol.uol.com.br/cap_um.html </li></ul><ul><li>http://www.efdeportes.com/efd130/lutas-como-conteudo-das-aulas-de-educacao-fisica.htm </li></ul>

×