REVISÃO DE LITERATURA 
• PROFESSORA :Mª Rosinete dos Santos Bif
Textos literários e textos não literários 
Textos não literários: Denotativo – 
exemplos as notícias, os artigos jornalíst...
• No texto literário, o vocabulário bem selecionado 
transmite sensibilidade ao leitor. 
• O texto é rico de simbologia e ...
• gêneros literários Todos os gêneros, porém, 
partem de uma classificação padrão, adotada 
desde a Antiguidade: narrativo...
• Épico – compreende as composições de feitos 
heroicos de caráter lendário ou histórico de 
um povo. 
• Lírico – há expre...
• gênero dramático apreende a obra literária 
em verso ou prosa, mais conhecida como peça 
teatral. É feita para ser encen...
• Cantigas Trovadorescas 
As cantigas Trovadorescas (relativas ao 
período do Trovadorismo) podem ser 
divididas em quatro...
• CANTIGAS DE AMOR; 
• A cantiga é marcada pelo eu lírico masculino. 
O amor aqui baseia-se na relação vassalo/ 
(escravo ...
Cantigas de Amigo: 
São compostas por uma mulher 
apaixonada (às vezes, por um homem, 
mas com linguagem feminina). Foram ...
Cantigas de escárnio 
• Fazem uma crítica ou uma sátira indireta a 
alguém. Na maioria das vezes, eram 
compostas por trov...
Cantigas de Maldizer: 
• Possuem o mesmo objetivo das cantigas de 
Escárnio, contudo eram diretas, identificando 
o critic...
• Estes são os quatro tipos de cantigas 
Trovadorescas, que fizeram do Trovadorismo 
o principal marco da Língua Portugues...
• Humanismo é o nome da produção literária 
do período situado entre o final da Idade 
Média e o início da Idade Moderna. ...
• Além da produção historiográfica de Fernão 
Lopes (aproximadamente 1380-1460), esse 
período compreende a Poesia Palacia...
• Crônica histórica 
• Fernão Lopes, considerado o introdutor da 
historiografia em Portugal, é o principal 
representante...
• Essa poesia trata de assuntos da vida 
palaciana e reproduz a visão de mundo dos 
nobres e fidalgos que a produziam. O a...
• Teatro popular 
• Pai do teatro português, Gil Vicente também foi 
músico, ator e encenador. Sua obra trata de 
muitos t...
• Com o que ficar atento? 
• Humanismo produziu manifestação literária 
de vários gêneros: prosa, poesia e teatro.
• Classicismo - literatura produzida durante a vigência do 
Renascimento (século XVI). 
As obras literárias produzidas dur...
• O homem do século XVI se volta para a 
realidade concreta e acredita em sua 
capacidade de transformar e dominar o 
mund...
Mundo em conflito 
Homem dividido 
• Antropocentrismo Teocentrismo contrarreforma 
• (Renascimento) 
• Razão x Fé 
• Homem...
• Cultismo 
• linguagem rebuscada 
• jogo de palavras 
• Luís de Gôngora Brasil Gregório de 
Mattos – ‘boca do inferno” 
•...
Representantes e Obras : 
• Gregório de Matos: (maior poeta satírico: “boca do 
inferno”) 
Obras: Poesia lírica, satírica,...
Século das luzes 
• Arcadismo – Setecentismo – 
Neoclassicismo 
• a) poético: retorno à tradição clássica com a 
utilizaçã...
• Termos em latim 
• O uso de expressões em latim era comum no 
neoclacisssimo. Elas estavam associados ao 
estilo de vida...
• Inutilia truncat: "cortar o inútil", referência aos 
excessos cometidos pelas obras do barroco. No 
arcadismo, os poetas...
• Seus principais autores são Cláudio Manoel da 
Costa, Tomás Antônio Gonzaga, Basílio da 
Gama e Santa Rita Durão. No Bra...
• Principais características 
• - inspiração nos modelos clássicos greco-latinos 
e renascentistas, como por exemplo, 
em ...
• “Minha bela, Marília, tudo passa; 
A sorte desse mundo é mal segura; 
• “Minha bela, Marília, tudo passa; 
A sorte desse...
Poesia Romântica: 
• A poesia romântica está dividida em três 
gerações. 
• Primeira Geração – Nacionalista ou Indianista....
Segunda Geração: Ultra-Romântica, Mal-do- 
Século, Byroniana. 
• Tédio; 
• Morte; 
• Amor Idealizado 
• Álvares de Azevedo...
• Casimiro de Abreu – Meus Oito Anos, Primaveras. 
Caract.: Inquietações amorosas adolescentes, amor 
negaceado, infância...
Terceira Geração: Condoreira: poesia 
político-social. 
• Castro Alves – O Navio Negreiro, Espumas 
Flutuantes. 
 Caract....
A Prosa Romântica 
• A Moreninha, de 
Joaquim Manuel de 
Macedo, publicado 
em 1844 é 
considerado o 
primeiro romance 
ro...
• ROMANCES URBANOS – retratam a vida dos 
centros urbanos da época. 
• ROMANCES INDIANISTAS – refletem o 
nacionalismo. 
•...
Bernardo de Guimarães – A escrava Isaura. 
Estrutura de folhetim, temática abolicionista é 
pretexto para típica história ...
Revisão
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Revisão

260 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
260
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Revisão

  1. 1. REVISÃO DE LITERATURA • PROFESSORA :Mª Rosinete dos Santos Bif
  2. 2. Textos literários e textos não literários Textos não literários: Denotativo – exemplos as notícias, os artigos jornalísticos, os textos didáticos, os verbetes de dicionários e enciclopédias, as propagandas publicitárias, os textos científicos, as receitas culinárias, os manuais, etc.
  3. 3. • No texto literário, o vocabulário bem selecionado transmite sensibilidade ao leitor. • O texto é rico de simbologia e de beleza artística. • CONOTATIVO • exemplos de textos literários o conto, o poema, o romance, peças de teatro, novelas e crônicas.
  4. 4. • gêneros literários Todos os gêneros, porém, partem de uma classificação padrão, adotada desde a Antiguidade: narrativo ou épico; lírico e dramático. Deste tronco principal partem as ramificações menores, ou seja, os subgêneros
  5. 5. • Épico – compreende as composições de feitos heroicos de caráter lendário ou histórico de um povo. • Lírico – há expressões de sentimento, emoções, estados de alma. Fala-se na primeira pessoa (Eu). O autor fala dele, do amor que lhe invade o espírito.
  6. 6. • gênero dramático apreende a obra literária em verso ou prosa, mais conhecida como peça teatral. É feita para ser encenada por atores e construída de diálogos, seja eles para cinema, teatro ou televisão.
  7. 7. • Cantigas Trovadorescas As cantigas Trovadorescas (relativas ao período do Trovadorismo) podem ser divididas em quatro subgrupos: líricas – amor , amigo satíricas –escárnio, mal dizer
  8. 8. • CANTIGAS DE AMOR; • A cantiga é marcada pelo eu lírico masculino. O amor aqui baseia-se na relação vassalo/ (escravo de sua amada) • Cenário palaciano.
  9. 9. Cantigas de Amigo: São compostas por uma mulher apaixonada (às vezes, por um homem, mas com linguagem feminina). Foram o primeiro gênero literário a apresentar paralelismo entre os versos (rimas). Possuem tema relacionado ao amor, que é revelado de modo "ameno", quando comparado às cantigas de amor.
  10. 10. Cantigas de escárnio • Fazem uma crítica ou uma sátira indireta a alguém. Na maioria das vezes, eram compostas por trovadores que "perderam" suas amadas, portanto, escreviam criticando-as.
  11. 11. Cantigas de Maldizer: • Possuem o mesmo objetivo das cantigas de Escárnio, contudo eram diretas, identificando o criticado. Eram compostas por palavras e expressões de baixo calão, satirizando e criticando diretamente a pessoa.
  12. 12. • Estes são os quatro tipos de cantigas Trovadorescas, que fizeram do Trovadorismo o principal marco da Língua Portuguesa.
  13. 13. • Humanismo é o nome da produção literária do período situado entre o final da Idade Média e o início da Idade Moderna. Ou seja, entre o século 15 e o início do 16.
  14. 14. • Além da produção historiográfica de Fernão Lopes (aproximadamente 1380-1460), esse período compreende a Poesia Palaciana e a produção teatral de Gil Vicente (aproximadamente 1465-1536).
  15. 15. • Crônica histórica • Fernão Lopes, considerado o introdutor da historiografia em Portugal, é o principal representante do gênero. Sua obra contém ironia e crítica à sociedade portuguesa.
  16. 16. • Essa poesia trata de assuntos da vida palaciana e reproduz a visão de mundo dos nobres e fidalgos que a produziam. O amor é tratado de forma mais sensual e a mulher já não é tão idealizada quanto no trovadorismo.
  17. 17. • Teatro popular • Pai do teatro português, Gil Vicente também foi músico, ator e encenador. Sua obra trata de muitos temas, sempre com uma abordagem caracterizada pela transição entre a Idade Média e o Renascimento. Ou seja: do pensamento teocêntrico (marcado por elementos de religião, como céu e inferno) ao humanista (marcado pelo antropocentrismo e racionalismo).
  18. 18. • Com o que ficar atento? • Humanismo produziu manifestação literária de vários gêneros: prosa, poesia e teatro.
  19. 19. • Classicismo - literatura produzida durante a vigência do Renascimento (século XVI). As obras literárias produzidas durante o Renascimento privilegiam as seguintes características: - Recuperação de temas da Antiguidade Clássica; - Perspectiva humanista; - Universalidade; - Racionalismo.
  20. 20. • O homem do século XVI se volta para a realidade concreta e acredita em sua capacidade de transformar e dominar o mundo. • O poema épico Os Lusíadas, de Luís de Camões (1525 – 1580)
  21. 21. Mundo em conflito Homem dividido • Antropocentrismo Teocentrismo contrarreforma • (Renascimento) • Razão x Fé • Homem x Deus • Terra x Céu
  22. 22. • Cultismo • linguagem rebuscada • jogo de palavras • Luís de Gôngora Brasil Gregório de Mattos – ‘boca do inferno” • Conceptismo – Padre Antonio Vieira • jogo de ideias • raciocínio lógico • Francisco de Quevedo
  23. 23. Representantes e Obras : • Gregório de Matos: (maior poeta satírico: “boca do inferno”) Obras: Poesia lírica, satírica, filosófica e religiosa • Padre Antônio Vieira (sermões ) Obras: Sermão pelo bom sucesso das armas de Portugal contra as de Holanda (Bahia – 1640) Sermão da primeira dominga da Quaresma (Maranhão – 1653)
  24. 24. Século das luzes • Arcadismo – Setecentismo – Neoclassicismo • a) poético: retorno à tradição clássica com a utilização dos seus modelos, e valorização da natureza e da mitologia. • b) ideológico: influenciados pela filosofia presente no Iluminismo, que traduz a crítica da burguesia culta aos abusos da nobreza e do clero.
  25. 25. • Termos em latim • O uso de expressões em latim era comum no neoclacisssimo. Elas estavam associados ao estilo de vida simples e bucólico. Conheça algumas delas:
  26. 26. • Inutilia truncat: "cortar o inútil", referência aos excessos cometidos pelas obras do barroco. No arcadismo, os poetas primavam pela simplicidade. • Fugere urbem: "fugir da cidade", do escritor clássico Horácio; • Locus amoenus: "lugar ameno", um refúgio ameno em detrimento dos centros urbanos monárquicos; • Carpe diem: "aproveitar a vida", o pastor, ciente da efemeridade do tempo, convida sua amada a aproveitar o momento presente. •
  27. 27. • Seus principais autores são Cláudio Manoel da Costa, Tomás Antônio Gonzaga, Basílio da Gama e Santa Rita Durão. No Brasil, o ano convencionado para o início do Arcadismo é 1768, quando houve a publicação de Obras, do poeta Claudio Manoel da Costa
  28. 28. • Principais características • - inspiração nos modelos clássicos greco-latinos e renascentistas, como por exemplo, em O Uraguai (gênero épico), em Marília de Dirceu (gênero lírico) e em Cartas Chilenas (gênero satírico);
  29. 29. • “Minha bela, Marília, tudo passa; A sorte desse mundo é mal segura; • “Minha bela, Marília, tudo passa; A sorte desse mundo é mal segura; • [...] • Prendamo-nos, Marília, em laço estreito, Gozemos do prazer de são amores.” • [...] • Prendamo-nos, Marília, em laço estreito, Gozemos do prazer de são amores.”
  30. 30. Poesia Romântica: • A poesia romântica está dividida em três gerações. • Primeira Geração – Nacionalista ou Indianista. • Gonçalves de Magalhães – Suspiros Poéticos e Saudades. Introduz o Romantismo no Brasil. • Gonçalves Dias – I – Juca Pirama, Canção do Exílio (patriótico).
  31. 31. Segunda Geração: Ultra-Romântica, Mal-do- Século, Byroniana. • Tédio; • Morte; • Amor Idealizado • Álvares de Azevedo – Lira dos Vinte Anos; Noite na Taverna.  Caract.: Medo do amor, pessimismo, dúvida, tédio.
  32. 32. • Casimiro de Abreu – Meus Oito Anos, Primaveras. Caract.: Inquietações amorosas adolescentes, amor negaceado, infância e pátria vistas com saudosismo. Fagundes Varela – Cântico do Calvário. Caract.: Oscilação entre o mal-do-século e a temática social. Junqueira Freire – Inspirações do Claustro. (Valor autobiográfico – inadaptação á vida sacerdotal)
  33. 33. Terceira Geração: Condoreira: poesia político-social. • Castro Alves – O Navio Negreiro, Espumas Flutuantes.  Caract.: Poesia condoreira, humanitária, defesa de causas sociais e abolicionistas, amor erótico, realizado.
  34. 34. A Prosa Romântica • A Moreninha, de Joaquim Manuel de Macedo, publicado em 1844 é considerado o primeiro romance romântico brasileiro.
  35. 35. • ROMANCES URBANOS – retratam a vida dos centros urbanos da época. • ROMANCES INDIANISTAS – refletem o nacionalismo. • ROMANCES REGIONALISTAS – mostram peculiaridades do todo que era constituído o Brasil. • ROMANCES HISTÓRICOS – retratam fatos históricos importantes na formação do nosso país
  36. 36. Bernardo de Guimarães – A escrava Isaura. Estrutura de folhetim, temática abolicionista é pretexto para típica história romântica. Visconde de Taunay – A retirada de Laguna, Inocência. Descritivismo de detalhes e paisagens, romance sertanista com “acessórios” realistas. Manuel Antônio de Almeida – Memória de um sargento de milícias. Narrativa de costumes, obra pré-realista, humor, enfoque às camadas populares.

×