FraternitasVOLUME XLVI • EDIÇÃO 198                                                                             ABRIL 2013...
Outras notícias                        Congresso sobre o diálogo com o           Em cada Entidade pôde encontrar-         ...
Marcalivro franciscanoLivros franciscanos                        eBook franciscanosKlara-Quellen, Die Schriften der       ...
Pequenas notícias                        ROMA – A Fraternidade Franciscana        ROMA – Dia 12 de março de 2013,         ...
NOTÍCIAS DA CUSTÓDIA        Boletim Informativo                                                     Fevereiro-Março 2013  ...
FREI ADRIANO É ORDENADO PRESBITERO NA CIDADE DE SERTÃOZINHO      “Que meu cansaço a outros descanse”, este é o tema escolh...
IRMÃ MORTE VISITA DONA  GUIOMARA  Foi com pesarque celebramoso falecimento de Dona Guiomar,mãe do Frei Fa-bio Rogério San-...
Notícias dos Frades Missionários : Frei AnízioJERUSALÉM, 23 DE FE-  VEREIRO DE 2013É comum as lojas comerci-ais, sempre ao...
Composta por: “um frei africano, um america-Fiz a prova. Fui aprovado. E fui para o no-      no, um irlandês, dois polones...
SA                                   VOC                                                        FRADES DO SAVOC SE REÚNEM ...
Custódia Autônoma do Sagrado                 Provincial, Frei Agostinho, querido irmão      Coração de Jesus              ...
Agradecer à Província do Sagrado Co-                                             construímos no presente. Convido e  ração...
NOTICIAS – CASAS DE FORMAÇÃO                 ASPIRANTADO:                                                          ANIVERS...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Fraternitas e fraternizar 2013

342 visualizações

Publicada em

Publicada em: Espiritual
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
342
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
31
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Fraternitas e fraternizar 2013

  1. 1. FraternitasVOLUME XLVI • EDIÇÃO 198 ABRIL 2013 Noticiário Internacional OFM Papa Francisco A FRATERNITAS Edição especial edição especial, pub- Cardeais franciscanos, com breve bi- licada há poucos dias, ografia. concentra-se sobre a Essa edição especial continua comrelação que o Papa Emérito Bento XVI a eleição do Papa Francisco e, por-teve com a Ordem Franciscana. Em tanto, apresentamos também umaprimeiro lugar, apresentamos uma bi- breve biografia, com algumas fotosografia muito breve. Em seguida, vem de sua missão pastoral na Argentina.a carta de agradecimento do Ministro Além disso, publicamos as cartas quegeral, enviada nessa ocasião, algumas o Ministro geral escreveu nessa oca- F R A T E R N I T A Sreflexões da Última Audiência, junta- sião especial, seja como Ministro ger-mente com algumas fotos das várias al, seja como Presidente da União dosvezes em que o Papa encontrou-se Superiores gerais (USG).com a Ordem Franciscana e com ela Essa edição especial é disponívelconviveu. em quatro línguas: Inglês, Espanhol, Apresentamos, também, os três Italiano e Francês. - W W W . O F M . O R G Ministro Geral Carta da Páscoa sobre a FÉ Agenda de Pode parecer estranho que eu de- fessada, vivida e celebrada, ao per- Ministro geraldique esta carta da Páscoa ao tema manecer fiel contra toda a esperançada fé. Alguns poderão pensar que a e fazendo de sua vida um hábito dofé é um pressuposto óbvio na vida mistério pascal. 02 de abril - (Madrid – Espanha)de um religioso e franciscano. Eu não Fé e vida reclamam-se mutua- Relatório do MG na Semana dacreio que seja assim. Realmente, a fé mente e sustentam-se entre si. Crer Vida Religiosa.não se pode dar como deduzida, es- supõe, antes de tudo, um dom compecialmente em nosso o qual somos agracia- 09-20 de abril - (Tapei - Taiwan)tempo em que “uma dos sem o merecer: o Visita à Província Rainha da Chi-profunda crise de fé dom da fé. A fé, po- na e à Custódia dependente deatingiu muitas pessoas” rém, é também em- Hong-Kong.(PF 2). penho pessoal para Penso de não estar conservá-la e fazê-la 23-25 de abril - (Canindé – Brasil)longe da verdade se crescer. Por isso Bento Participação no II Congressoafirmo que a crise da fé, XVI nos propõe que, Latinoamericano das Missões.que se vive dentro da durante este Ano daIgreja, como muitas ve- Fé, façamos “memória 28 de abril - (Malta)zes o Papa denunciou, do dom precioso da Participação no 50° aniversárioé palpável também em fé” (PF 8). Como Fra-nosso meio. Ao afirmá- des Menores e segui- da coroação de S. José.-lo, não penso numa dores de Francisco, éfé teórica e de noções, importante fazer uma 29-30 de abril - (Lion – França)mas numa fé celebrada, parada, mesmo breve, Participação no Capítulo davivida e confessada no quotidiano. sobre o caminho da fé e suas mani- União das Províncias francesas.Sem negar que a maioria dos irmãos festações.dá, diariamente, sem lampejos, sem Meus caros irmãos e irmãs, Felizaplausos e sem grandes asserções, Páscoa da Ressurreição! Feliz cami-um testemunho humilde de fé con- nho neste Ano da Fé 1
  2. 2. Outras notícias Congresso sobre o diálogo com o Em cada Entidade pôde encontrar- sença também os Formadores e os Islã, na África se com todos os confrades, os jovens Ministros provinciais da Conferência. em formação e seus formadores, O número dos participantes foi de, bem como com o Povo de Deus e, mais ou menos, 170 Frades. mais particularmente, com a Família franciscana. No último dia, o Ministro Seminário sobre as Novas Formas encontrou-se também com as Irmãs de Evangelização na Europa Clarissas dos cinco Mosteiros da Se- gunda Ordem. ROMA – Em Gréccio - Itália, de 04 a 08 de março de 2013, realizou-se o Reunião da Comissão para a Con- Seminário sobre as novas formas de templação Evangelização na Europa. Esse Se- KENYA – Organizado pelo Serviço minário foi patrocinado pela Ordem, OFM para o Diálogo, o Congresso através do Secretariado geral para as realizou-se, de 18 a 22 de fevereiro Missões e Evangelização de Roma. O de 2013, em Nairóbi. Além dos mem- tema, sobre o qual se refletiu, foi “No- bros do Serviço para o Diálogo, mar- vas Formas e Nova Evangelização, caram presença os Secretários das em perspetiva franciscana.” Missões da Conferência OFM Africa-W W W . O F M . O R G na. O Congresso resulta do mandato Formar para a Missão 28 do Capítulo geral-2009, cujo obje- tivo era o de indicar as linhas mestras ROMA – Na quarta-feira, dia 06 de para a Formação e Missão no Diálo- ROMA – De 25 a 28 de fevereiro de março de 2013, aconteceu o encon- go dos Frades Menores com o Islã. 2013, os Frades OFM, membros da tro de formação na Fraternidade Comissão para a Contemplação, reu- Franciscana Internacional “Padre Ga- O Presidente da Irlanda visita o niram-se na Cúria geral. São mem- briele M. Allegra, OFM”, sobre o tema “Collegio S. Isidoro” bros da Comissão: Fr. Júlio César “Formar para a missão”, dirigido por Bunader, Definidor geral, Fr. Bien- Fr. Mássimo Tedóldi, OFM, Secretário- ROMA – Na sexta-feira, 08 de feve- venido Baisas, Fr. Eugênio Barelli, geral para a Missão e Evangelização,F R A T E R N I T A S reiro pp., o Presidente da Irlanda, Fr. André Cirino e Fr. Mihael S. Vovk. e Fr. Vidal Rodríguez López, OFM, Se- Michael D. Higgins, em sua visita ofi- Encontraram-se, em espírito de ora- cretário geral para a Formação e os cial na Itália, visitou brevemente o ção e fraternidade, a fim de estudar Estudos. “Collegio S. Isidoro”, Fraternidade in- as respostas recebidas, motivo desse O trabalho conjunto entre Formação ternacional, dependente do Ministro encontro, “Sentar-se juntos” (Fioretti e Missão quer desenvolver o manda- geral. XV) dos Frades e das Clarissas. Além to n. 01 do Capítulo geral OFM-2009, disso, está em preparação uma bi- em Assis, que pediu a articulação das Visita do Ministro geral à Índia bliografia sobre oração, a ser ofereci- Prioridades na perspetiva da Evange- da no site da Ordem, a fim de enfren- lização. tar os desafios de que fala o Mandato 9 do Documento final do Capítulo Formação na Quaresma geral-2009. OFM.ORG - Durante a Quaresma, Encontro com os Frades com pro- oferecemos um pequeno material à fissão temporária da Conferência Fraternidade, no Ano da Fé. Isso nos Sul-Eslava dá nova oportunidade para refletir sobre a relação entre Fé e Caridade e CROÁCIA - De 28 de fevereiro a 03 de entre crer em Deus, o Deus de Jesus ÍNDIA - De 16 a 26 de fevereiro de março de 2013, em Samobor – Za- Cristo, e o amor, que é o resultado da 2013, o Ministro geral, Fr. José Rodrí- greb, realizou-se uma reunião entre ação do Espírito Santo. Oferecere- guez Carballo, OFM, acompanhado o Ministro geral, Fr. José Rodríguez mos também material para o Tempo por Fr. Paskalis Syukur, OFM, Defini- Carballo, OFM, e os Frades com pro- pascal. dor geral, visitou as três Entidades da fissão temporária da Conferência Ordem na Índia: a Província de São Sul-Eslava (a saber, Croácia, Bósnia- Dispões de informações e Tomé Apóstolo, a Custódia depen- -Herzegovina e Eslovênia). Acompa- eventos que dizem respeito à dente da Mãe de Deus e a Fundação nharam o Ministro geral: Fr. Ernest tua Província que desejas par- missionária S. Francisco de Assis. Nas Siekierka, OFM, Definidor geral; Fr. Vi- tilhar? Envia-nos todas as infor- três Entidades, o Ministro foi acolhi- dal Rodríguez López, OFM, Secretário mações por e-mail: comgen@ do com ritos típicos das diferentes geral para a Formação e os Estudos; ofm.org na categoria: Fraterni- culturas da Índia, ritos com os quais e seu Vice, Fr. Sergiusz Baldyga, OFM. tas. se dá as boas-vindas aos hóspedes. Com os jovens Frades marcaram pre- 2
  3. 3. Marcalivro franciscanoLivros franciscanos eBook franciscanosKlara-Quellen, Die Schriften der Crônica dos 24 Gerais da Ordem dos Frades MenoresHeiligen Klara, Zeugnisse zu Ihrem Noel Muscat, OFM.Leben und ihrer Wirkungsge-schichte. Disponível, gratuitamente, no iPhone, iPad ou iPod touch.Ed. Johannes Schneider OFM yPaul Zahner OFM, A Crônica dos 24 Ministros gerais apresenta a História da(Verlag und Butzon Bercker) Keve- Ordem dos Frades Menores, desde sua fundação por S.laer 2013 (ISBN-10: 3766616226). Francisco de Assis (1182-1226) até o Geral Leonardo de Giffoni e o início do cisma do ocidente (1378). Essa tra-(Fontes clarianas. Os escritos de Santa dução é fruto de três anos de trabalho, e se baseia naClara, testemunhos mais importantes edição crítica latina.sobre sua vida e sobre a História desuas ações), A Crônica foi publicada em Latim pelos estudiosos franciscanos e pelos edito- res Quaracchi, em 1897, no volume III da Analecta Franciscana, com 575 pág- Todas as principais inas de texto, além de 134 páginas de apêndices. Por causa de seu volume, a fontes de Clara de Crônica inteira foi traduzida em cinco partes, que cobrem, respetivamente, os F R A T E R N I T A S Assis e a história seguintes períodos históricos: (1) S. Francisco e a primeira Fraternidade fran- de como foram ciscana; (2) Os Gerais, desde Frei Elias, como Vigário, (1227) até S. Boaventura acolhidas, foram (1274); (3) Os Gerais desde Girolamo de Áscoli (1274) até Michele de Cesena recolhidas, pela (1328); (4) os Gerais desde Gerard Eudes (1329) até Leonardo de Giffoni (1378); primeira vez, (5) Apêndices à Crônica. A tradução foi enriquecida por notas e explicações de num volume vários eventos históricos, nela referidos, e sobre personagens da crônica único, em - alemão. Com W W W . O F M . O R G exceção dos escritos deClara e os testemunhos mais impor- Carta da Páscoa em formato ebooktantes de sua vida, o livro contém umgrande número de diferentes fontes, A Carta da Páscoa do Ministro geral a toda a Ordem,de crônicas, textos litúrgicos ou de além da tradução impressa e versão on line (pdf ), é di-caráter político-religioso e espiritual. sponível também em formato digital, em onze línguas.A seleção cobre o período que vai do Disponível, gratuitamente, no iPhone, iPad ou iPod touch.século XIII ao século XV e considera,principalmente, - além da literaturalatina – as tradições em vernáculo(dialeto), seja na língua romana quealemã. Desse modo, os últimos re- O Ícone de Santa Clarasultados da pesquisa sobre Clara e o Sergiusz Marek Bałdyga, OFMmovimento das mulheres religiosasna Idade Média foram mais uma vez Disponível em dois idiomas, grátis no iPad.retomados. E, por isso, é instrumen-to essencial e indispensável para os O livro é um convite para conhecer a figura extraordináriaestudos sobre Santa Clara de Assis. de Santa Clara de Assis. Em oito cenas, vem narrada a hi- stória da vocação da jovem. E em quatro delas mostra-se o carisma do rosto feminino do Franciscanismo. A “Plan- tinha” de S. Francisco é uma senhora jovem – Madre, Abadessa, legisladora. A leitura do ícone possibilita aproximar-se da pessoa Santa Clara e beber de Algum confrade de tua Provincia seu excepcional dom da contemplação. Clara ensina-nos como descobrir, no publicou livro ou ebook? Envia- Espírito do Senhor, a vontade de Deus. O exemplo da Pobre Irmã Clara é ainda nos todas as informações pelo fascinante e capaz de suscitar admiração, e ensinar, com humildade e simpli- e-mail: comgen@ofm.org, cate- cidade, a amar Jesus – o esposo, além de cada pessoa humana. goria: Fraternitas. 3
  4. 4. Pequenas notícias ROMA – A Fraternidade Franciscana ROMA – Dia 12 de março de 2013, Olhando pra frente Internacional “Beato Fr. Gabriele M. Jornada de Estudos: “Da Terra Santa Uma palavra de agradecimento: Allegra OFM”, celebrou diversas ati- à Terra da China. Balanço e perspec- Queremos agradecer a Fr. Robert vidades espirituais, formativas e fra- tivas de pesquisa”, organizada pela Bahčič, OFM, pelo serviço prestado ternas: COMMISSIO SINICA, Escola Superior como Editor de Fraternitas. Somos No dia 13 de fevereiro, Santa Missa de Estudos Medievais e Franciscanos gratos por sua dedicação em cada da Quarta-Feira das Cinzas, presidida da Pontifícia Universidade Antonia- número publicado e lhe promete- pelo Ministro geral, Fr. José Rodrí- num. mos nossa oração para que tenha um guez Carballo, OFM; bom início seu novo serviço em sua ROMA - Na Pontifícia Universidade Província. No dia 16 de fevereiro, retiro qua- Antonianum, no dia 20 de março de resmal orientado por Fr. Mássimo 2013, foi apresentado o volume de Prosseguindo: Tedóldi, OFM, Secretário geral para a Ângela Ales Bello e Shahid Mabeen: De outra parte, queremos que Fra- Missão e Evangelização; Orientações de antropologia filo- ternitas continue sendo instrumento, sófica: Fenomenologia da religião e claro, ao lado de nosso site web da No dia 06 de março, encontro “For- experiência mística islâmica, publi- Ordem (ofm.org) e continue a refor- mar para a Missão”, apresentado cado pela Editrice Apes. O encontro çar os laços entre as Fraternidades da por Fr. Vidal Rodríguez López, OFM, foi organizado pela Faculdade de Ordem, no respeito à liberdade e àsW W W . O F M . O R G Secretário geral para a Formação e Filosofia da Pontifícia Universidade diferenças com que Deus criou todos os Estudos, e Fr. Mássimo Tedóldi, Antonianum, em colaboração com o e cada um de nós. Cada Província OFM, Secretário geral para a Missão Instituto de Estudos Políticos “S. Pio continue a enviar informações que e Evangelização; V” e o Centro Italiano de Pesquisas possam ser de interesse internacio- Fenomenológicas. nal e que possam ser inseridas em No dia 20 de março, encontro fra- Fraternitas. Desejamos recordar que terno do Ministro geral com os Fra- VENEZIA – Dia 22 março de 2013: A os artigos devem ser breves e estarão des estudantes, pela proximidade da Igreja do Vaticano II: releitura da Lu- sujeitos a mudanças. Páscoa. men gentium, da Ecclesiarum orien-- Queremos que Fraternitas con- talium e da Unitatis Redintegratio, OF R A T E R N I T A S tinue a ser a voz daqueles que não JERUSALÉM - Convento S. Salvatore, congresso foi organizado pelo Insti- têm fácil acesso à Internet para infor- no dia 28 de fevereiro de 2013, foi tuto de Estudos Ecumênicos “S. Ber- má-los o que acontece na vida e na inaugurada a nova sede da Bibliote- nardino”, incorporado à Faculdade de missão da Ordem e nas Províncias. ca Geral e do Arquivo da Custódia da Teologia da Pontifícia Universidade Fazemos votos de poder continuar Terra Santa. Antonianum. oferecendo esse serviço, cada mês. Portanto, quem dentre vós possui MÚRCIA (Espanha), de 03 a 08 de ROMA – O livro da Família da Cúria informações, notícias, novos livros março de 2013, XXVI Jornada de Teo- geral foi publicado pelo segundo ou ebooks publicados por Frades ou logia: “A 50 anos do Concílio Vaticano ano consecutivo. Para mais informa- tenha alguma sugestão, não hesite II”, no Instituto Teológico de Múrcia, ções, baixar em nosso site: (Curia Se- a enviar um e-mail a: comgen@ofm. OFM, afiliado à Faculdade de Teolo- zioni - Curia generale) gia da Pontifícia Universidade Anto- org, categoria ‘Fraternitas’. Obrigado nianum. a todos pela colaboração! Inscrição para Master em For- Fraternitas mação. No ano acadêmico 2013- Noticiário Internacional OFM 2014, o Instituto Franciscano de Espiritualidade da Pontifícia editor: Fr. Joseph Magro OFM Universidade Antonianum ofe- rece a oitava edição do Máster eMail: comgen@ofm.org em Formação. Para participar tel: +39 0668491 339 na seleção dos vinte estudantes, que frequentarão o Máster, é ne- http://www.ofm.org/fraternitas Feliz Páscoa cessário apresentar o pedido de a todos os inscrição até o dia 30 de abril de www.fb.com/ofm.org 2013. www.twitter.com/ofmdotorg nossos leitores! 4
  5. 5. NOTÍCIAS DA CUSTÓDIA Boletim Informativo Fevereiro-Março 2013 esteve o Frei Nestor que é o atual defini- dor dos frades menores para a América Latina. Frei José Rodriguez Carballo em sua homilia de celebração da autonomia disse que este momento era o mais impor- tante de todo o seu ministério, pois, diante desta celebração, se coroava a busca por um caminho novo diante da Ordem Fran- ciscana, tal como, a concretização de um sonho diante de toda a Ordem Francisca- na. A celebração de autonomia da Custo- dia Franciscana do Sagrado Coração de Jesus significava alegria para o futuro deCUSTÓDIA CELEBRA AUTONOMIA E SE PREPARA PARA OS 100 toda nossa Ordem. ANOS DE FREI BERARDO PAOLINONo último dia 30 de Novembro do ano de 2012 a Custó- Durante a celebração se realizou uma ho- dia Franciscana do Sagrado Coração de Jesus esteve menagem ao Frei Berardo Paolino, o úni-reunida nas dependências do Convento de Santa Maria co frade missionário dos primeiros vindos dos Anjos na cidade de Franca. O motivo de nosso en- ao Brasil. Frei Berardo com seu jeito jovi- contro foi à concretização de um sonho, de uma buscagradativa que se deu durante todos os anos de caminha- al e alegre emociona a todos que dele seda, nestes mais de 60 anos de fundação de nossa Custo- aproximam já com seus 99 anos de idade. dia, até então, dependente da Província Napolitana do Durante este ano a Custódia celebrará Sagrado Coração de Jesus de Napoli na Itália com exatidão a sua grande festa, ondeDepois de mais de 60 anos de lutas, trabalhos e conquis- Frei Berardo no dia 11 de junho celebrará tas, os frades de nossa entidade Custodial após cresci- seu centenário natalício. Ao decorrer do mento continuo da espiritualidade franciscana e dos va- semestre em todas as nossas paróquiaslores evangélicos, tal como, de profundo amadurecimen- missas e festejos estão sendo preparados to e reflexão mediante a ideia de buscar uma autonomia optaram para que este processo se iniciasse. Sem dúvi- para a celebração do dom da vida desteda, foi uma celebração belíssima, onde pudemos receber nosso confrade, irmão, que com seu em nosso meio nosso Pai Espiritual, o sucessor de São exemplo de luta e trabalho, tal como deFrancisco de Assis, nosso fundador; acolhendo, portanto oração e espiritualidade, consegue ainda em nosso meio o Frei José Rodriguez Cabalo, atual mi- nistro geral da Ordem dos Frades Menores, junto dele, nos dias atuais promover a paz e o bem a todos que dele se aproximam.
  6. 6. FREI ADRIANO É ORDENADO PRESBITERO NA CIDADE DE SERTÃOZINHO “Que meu cansaço a outros descanse”, este é o tema escolhido pelo neo presbítero. No último dia 25 de Janeiro de 2013 a Custodia Franciscana do Sagrado Coração de Jesus, daOrdem dos Frades Menores celebrou com jubilo a Ordenação Presbiteral de Frei Adriano Apare-cido Claudio,OFM que diante da imposição das mãos do bispo diocesano de Lages Dom Frei Iri- neu Andreassa, OFM foi ordenado para o serviço de Deus, da igreja e dos homens como sacer- doteA igreja ficou pequena para tantos fiéis, provindos de vários lugares onde nossa Custódia se faz presença, recebemos ainda a presença de companheiros de caminhada de noviciado do neopresbítero, tal como todo o povo de Deus Sertanezino que se uniu em orações e não mediu es-forços para que esta festa fosse única na vida de nosso confrade e também de nossa Custodia.Frei Adriano escolheu como tema de sua ordenação: “Que meu cansaço, a outros descanse”, em cima desta dimensão Dom Frei Irineu partiu de sua reflexão emocionando a todos os presbíte- ros presentes na ordenação: “Frei Adriano, a igreja não precisa de padres descansados, a igrejade precisa de padres cansados. Cristo quer que sejamos cansados para que o nosso povo, confi-ado por Ele possa descansara”, disse o bispo em sua homilia. Afirmando ainda disse: “Hoje você será ordenado padre sob a imposição das mãos e de minha oração, há tempos eu rezo por ti, para que se ministério seja fecundo e para que todo o povo encontre em você um sinal que os leve até Cristo, concluiu o bispo franciscano. Um dos momentos mais emocionantes da celebração foi a vestimenta da estola e da casula noneo presbítero, e o momento onde seus pais em sinal de humildade desamarram suas mãos un- gidas e o entregam simbolicamente para o serviço do altar.Ao término da celebração, Frei Adriano emocionado agradeceu e pediu para todos: “Rezem por mim, cobrem de mim, pois a tentação não mede esforços para nos tentar, rezem para que euseja sinal de Deus na vida de cada um”, disse emocionado o novo padre. Após os agradecimen-tos Frei Adriano concedeu sua primeira benção e celebrou junto com os confrades, amigos e fa- miliares sua ordenação com um jantar servido nos espaços da APAE de Sertãozinho.Por tudo louvamos a Deus pelo ministério sacerdotal que Frei Adriano abraçou, pedindo que elenunca perca seus ideais franciscanos e que deles muitas pessoas encontrem a verdade que é Je- sus.
  7. 7. IRMÃ MORTE VISITA DONA GUIOMARA Foi com pesarque celebramoso falecimento de Dona Guiomar,mãe do Frei Fa-bio Rogério San-ches. O sepulta-mento aconteceu no dia 24 as17hs. Estiverampresentes muitosconfrades na ci- dade de Lins, SANTUÁRIO NOSSA SENHORA DE LOURDES CELEBRA FESTA onde aconteceu DA PADROEIRAno velório muni- No último dia 11 de fevereiro a Fraternidade de Nossa Senhora de Lourdes em Garça – SP celebrou a festa da padroeira com muita fé ecipal uma a mis- devoção. Esteve presente nosso Ministro Custodia Frei Flaerdi Silvestre Valvassori, e alguns confrades estudantes da fraternidade de Maríliasa de corpo pre- que auxiliaram na celebração, além de toda a fraternidade de Garça. sente celebrada Frei Gilmar Vasques Carreira (pároco) fez a presidência da celebração e frei Flaerdi prosseguiu com a homilia, destacando a presença forte dos pelo Ministro frades franciscanos naquela cidade, em especial a presença marcante Custodial Frei de Frei Aurélio, destacou ainda a experiência forte da fé do povo de Deus que deve ser partilhada e experienciada a cada dia na constância Flaerdi e con- e no encontro intimo com Ele. A celebração foi bonita e ao término to- do o povo de Deus bem representando e deixando a igreja lotada, foi frades que ali convidado a se dirigir na gruta onde fora feito a benção da mesma. A estiveram. novidade é que na gruta durante todo o dia terá a água abençoada que pode ser usada pelos fieis como sinal para exercitar a fé em Cristo, por intercessão de Nossa Senhora de Lourdes. Ao término da celebração os frades se reuniram para um jantar festivo em comemoração a festa tão significativa celebrada em nossa paróquia e santuário Garcense.
  8. 8. Notícias dos Frades Missionários : Frei AnízioJERUSALÉM, 23 DE FE- VEREIRO DE 2013É comum as lojas comerci-ais, sempre ao início de um novo ano, fazerem um ba- lanço do ano que findou.No dia 18 de março estareicompletando 1 ano de Terra Santa, e 9 de maio farei 1 ano de Santo Sepulcro; portanto, seja o momentode também eu fazer um ba- Lembro-me do meu ano de postulando em lanço da minha experiência nestas terras. Franca. Naquela época fizemos o postulanta- do com o primeiro de filosofia. Foi neste pri-Às vezes paro e me pergunto: “Como você se en- meiro ano de filosofia que se deu o meu en- contra Frei Anízio?” contro com o latim.Vamos colocar na balança toda a minha vida, meu Quem estudando na Capelinha vai se lem-trabalho, minha missão, meu dia-a-dia, minha fra- brar do Frei Agostinho, que batia com a mão ternidade, minha casa, etc. na barriga e dizia: “Ai, minha úlcera!” FaziaComecemos fazendo este balanço falando das difi- isso sempre que tinha que verificar com ia culdades, por primeiro. nossos conhecimentos da latim.Começo me perguntando: pode haver dificuldades Pois bem, naquele primeiro ano de filosofiavivendo num lugar SANTO? Talvez este seja o lu- fiquei de recuperação em latim. Para desgos-gar o mais SANTO que possa existir sob a terra!!! to do Frei Irineu, nosso formador na época! Eu estaria enganando a mim mesmo e a vocês se Lembro-me como se fosse hoje, o Frei Irineu dissesse que não existem dificuldades. enviando-me uma carta quando já me encon- trava em Borborema, acreditando estar deSim!!! Elas existem!!! Porém, por graça de DEUS, férias e esperando para ir para o noviciado. elas são poucas e pequenas. Na carta estava escrito mais ou menos as- Vou citar apenas uma, por exemplo, a maior difi- sim: “Parabéns! Conseguistes ficar de recu- culdade que venho enfrentando no momento é peração de latim. Ou você retorna à Franca ecom o latim: “orações do breviário, missas, cantos faz a prova de recuperação... ou, não irás pa- e demais orações, são todas feitas em latim.” ra o noviciado!” Infelizmente, “O latim nunca foi o forte!” Na mesma hora fiz minhas malas e retornei à Franca. Confesso-lhes: “o que não havia aprendido em um ano, vim aprender em uma semana!”
  9. 9. Composta por: “um frei africano, um america-Fiz a prova. Fui aprovado. E fui para o no- no, um irlandês, dois poloneses, um croato, um viciado. libanês, um italiano, um austríaco e eu, é claro.”Estou falando dos idos anos de 1991. De lá Aliás, esta é a beleza da Custódia da Terra San-para cá, nunca mais usei o latim; até chegar ta; ou seja, este seu caráter universal, uma vezaos dias de hoje, onde tenho que incorporar que encontramos e convivemos com pessoas eesta língua na minha rotina de Santo Sepul- freis do mundo todo. cro. Deu para vocês perceberem que a mi- nha maior dificuldade hoje, portanto, está Aqui me refiro também aos peregrinos do mun- sendo o latim. do todo. Se fosse só ler vai lá; o pior é que tenho Para terminar não posso me esquecer de falar daque cantar em latim; aí as coisas se tornam minha casa. Quem não gostaria de morar neste mais complicadas. santo lugar: “O SANTO SEPULCRO?”Após um ano, posso afirmar que o latim já Pois bem, a porta do meu quarto dá com as pa-não se apresenta mais aquele bicho papão redes de pedra deste santo lugar, que, aliás, têmde início. A cada dia que passa vou apren- muita história para contar.dendo a domesticá-lo. Com um pouco de fatiga, é claro! São milênios de história vividos por este santo lugar. Não posso me esquecer de falar do italia-no, língua oficial da Custódia da Terra San- Não nos esquecendo de dizer que foi aqui que ta. Neste quesito tenho muito que agrade- tudo começou...cer a Deus por um dia ter-me proporcionou morar na Itália; e lá ter podido aprender Foi daqui que a boa-nova começou a ser anun- um pouco do Italiano. ciada.Com a língua italiana, portanto, não encon- Começou com um anjo, passou por Madalena tro dificuldades. que foi até os apóstolos e repousa em cada um de nós hoje. “DIXIT ANGELUS HIC MULIÉ- Falando de línguas, não podemos nos es- RIBUS: NOLÍTE EXPAVÉSCERE. IESUM quecer do Hebraico e do Árabe, línguas QUÁERITIS NAZARÉNUM, CRUCIFÍXUM: que deverei aprender um dia; isto é, caso SURRÉXIT, NON EST HIC; ECCE LOCUSqueira um dia poder travar um diálogo com UBI POSUÉRUNT EUM.” um hebreu ou um muçulmano. “SURRÉXIT DÓMINUS DE HOC SE- Ou ainda, trato de aprender o inglês. Para PÚLCRO!” Traduzindo: “Foi deste sepulcro vocês terem um ideia, nossa cozinheira é que o Senhor ressuscitou!” muçulmana e fala inglês. Foi daqui que tudo começou!Esta aí outro desafio; devo também apren-der o inglês. Deu para perceber as dificul- Posso então concluir dizendo, que está sendo da-dades os desafios que venho enfrentando qui, que tudo está recomeçando comigo. com a língua. Jerusalém está me permitindo refazer a experiên- Agora vamos falar da minha fraternida- cia do meu “primeiro amor!” de. Como já escrevi em outras oportuni- dades, eu a defino como sendo uma fra- FREI ANIZIO, OFM ternidade pra lá de internacional.
  10. 10. SA VOC FRADES DO SAVOC SE REÚNEM PARA PLANEJAMENTO DO SERVIÇO VOCA- CIONAL NO ANO DE 2013Foi realizado na cidade de Sertãozinho nas depen- Nos dias 28,29 e 30 de Janeiro os frades quedências da Paróquia São Paulo Apóstolo as Santas compõe o SAVOC – Serviço de Animação Vo- Missões Franciscanas, tendo em vista a Ordena- cacional de nossa Custodia do Sagrado Cora-ção de Frei Adriano Aparecido Claudio que se or- ção de Jesus, estiveram reunidos nas dependên- denou presbítero no dia 25 de Janeiro com o en- cias do Convento de São Boaventura na cidade cerramento das missões populares. A mesma de Olímpia – SP. Na ocasião foi celebrado oaconteceu e contou com a participação de todas as primeiro planejamento das atividades referen-fraternidades formativas de nossa entidade Custo- tes ao Serviço de Animação Vocacional de nos- dial, tal como, de demais frades e tantos leigos e sa entidade. Estiveram presentes: freis Lucas leigas, assim como vocacionados a vida francis- Lisi Rodrigues e João Antônio Veiga Bizerracana. Tudo correu bem, os frades foram bem aco- do Regional de Marília e Garça e também freislhidos pela paróquia administrada pelo Padre Ce- Valdemir Nelo Rufino (coordenador do Serviço sar. Vocacional) e Frei José Luiz da Costa (animador vocacional para o regional de Olím- Tudo aconteceu com o intuito de movimentar a pia). O tempo de estudos foi propicio para par-paróquia e motivar os participantes e fiéis da mes- tilha da caminhada vocacional de nossa Custo- ma para a ordenação de Frei Adriano que é filho dia, tal como, para a busca constante de umadaquela comunidade. Os meios de rádio, televisão participação ativa de todos os frades no proces-foram usados para a divulgação. Destaca-se as vi- so de acompanhamento vocacional dos rapazes sitas a várias famílias durantes estes dias, tal co- que chegam até nós. O planejamento contou mo as bênçãos nas residências, programas de rá- com a revisão de todos os vocacionados que dio, pedalada franciscana, lual na praça prepara- atualmente são acompanhados em nossa Custo- dos pelos jovens, assim como, vários momentos dia, tal como, a preparação dos encontros voca- formativos, em especial as missas celebradas to- cionais e dos demais planejamentos do serviço dos os dias com uma temática diferenciada, vocacional que acontecerão ainda em nossa re- abrangendo: família, jovens, missa da luz, etc. alidade de Custodia. Por tudo damos graças a Deus e pedimos que todos os frades se sintam Ao término das missões foi deixada a placa cons- protagonistas deste serviço que é de todos,tando a realização da mesma, e também o levanta- pois, se busca formar, além do presente, tam- mento da cruz missionária que foi colocada em bém o futuro de nossa Ordem, na pequena por- terras onde será construída uma capela naquelas ção de nossa Custodia Franciscana. dependências.
  11. 11. Custódia Autônoma do Sagrado Provincial, Frei Agostinho, querido irmão Coração de Jesus Custódio, Frei Flaerdi, queridos irmãos desta amada Custódia, queridos irmãos e irmãs, amigos todos em São Francisco e Santa Clara, paz e bem! Teremos a oportunidade de em nossasfraternidades celebrar o dom de uma vi- “Este é o dia que o Senhor fez para nós! Ale- da doada em missão e marcada de fran- gremo-nos e exultemos todos juntos”.ciscanismo original comemorando a for-te presença do frei Berardo. Da sua vida, Sim, queridos irmãos e irmãs, este é um dia 65 anos se fizeram a história de nossa para alegrar-nos, para agradecer e para pro- Custódia. jetar-nos para o futuro olhando o que nos pe- de hoje o Espírito Santo. No dia 30 de Novembro de 2012, a Or-dem dos Frades Menores fez nascer uma Alegrar-nos porque a Custódia Franciscana nova entidade ao declarar a autonomia do Sagrado Coração de Jesus alcançou a ma- da Custodia Franciscana do Sagrado turidade e deixa de ser uma Custódia depen- Coração de Jesus. dente da Província do Sagrado Coração de Je- sus de Nápoles para converter-se em Custódia Com uma história de 65 anos, desde a autônoma. Enquanto Ministro Geral da Or-chegada no Brasil dos dez frades missio- dem dos Frades Menores, este é um dos mo- nários da Província Napolitana do SS. mentos mais bonitos do meu Ministério. Por Cuore de Gesù, no dia 17 de Abril d este motivo o meu coração transborda de ale- 1947, reassumimos a nossa vocação de, gria, uma alegria que eu tenho certeza é com-mais e mais, dar bons frutos a partir do partilhada por todos aqui presentes.Dom fecundo do Evangelho que recebe- mos. Este é também um dia para agradecer. Agra- decer, antes de tudo, a Deus, pois Ele fez esteChamados pelo Senhor a viver os conse- dia para nós. Ele foi quem inspirou os primei- lhos evangélicos da obediência, do viver ros dez irmãos que chegaram da Itália no dia sem nada de próprio e da castidade, e 17 de abril de 1947 a deixar a sua terra e cul-formados nos divinos ensinamentos, ten- tura napolitanas para colaborar com a Igrejacionemos as fibras da nossa vida religio- local e trabalhar na “implantatio ordinis” nes- sa para lançarmos brotos de vida e pro- ta região do norte e centro oeste do Estado deduzirmos os frutos da perseverança e do São Paulo. Entre eles, temos ainda entre nós otestemunho, da espiritualidade e da san- Frei Berardo Paolino com 99 anos. Foi Deusta devoção, da missionariedade e da mi- quem fez frutificar a semente do carisma fran- noridade, da economia solidária e do ciscano semeada nesta terra fértil do interior cuidado fraterno, da animação vocacio- do Estado de São Paulo. Ele foi quem moveu nal e da fraternidade acolhedora. os primeiros irmãos, Frei Francisco de Medei- ros, Frei David Précaro, Frei Mário Ramos deEis para a nossa boa memória e profecia, Oliveira, a abraçar a forma de vida. Depois a transcrição da homilia proferida na seguiram outros muitos irmãos até chegar a 43celebração do dia 30 de Novembro, pelo irmãos que formam hoje a Custódia. Ele é, en- Ministro geral da Ordem, frei José Ro- fim, o que sustenta todos estes irmãos no cami- driguez Carballo: nho iniciado.Querido Dom Frei Irineu, querido irmão
  12. 12. Agradecer à Província do Sagrado Co- construímos no presente. Convido e ração de Jesus de Nápoles, hoje repre- peço aos irmãos da nova Custódia au- sentada aqui pelo Ministro Provincial, tônoma a refletir sobre a identidade Frei Agostinho Espósito, e outros três franciscana recordando que esta exi-irmãos que vieram com ele. Desde a fun- ge uma vida conforme o Evangelho, dação da presença franciscana nestas em fraternidade e minoridade comoterras pelo então Provincial Frei Jácomo portadores do Dom do Evangelho pa- Ióvine, até hoje, e seguramente também ra o homem e a mulher de hoje. Sin- no futuro, eles ajudaram muito o desen- tam-se chamados a pregar o Evange- volvimento desta presença até chegar o lho nestas terras abrindo-se sempre dia de hoje como Custódia autônoma. para espalhar o mesmo Evangelho Pelos Ministros provinciais que morre- nos confins do universo lá onde a Or-ram elevamos nossa oração. Pelos Minis- dem Franciscana mantém seus proje- tros Provinciais vivos, Frei Rufino di tos missionários. Somma, Frei Luís Ortaglio e Frei Agos- tinho Espósito, damos graças a Deus e a A todo momento, seja uma prioridade eles agradecemos pelo cuidado materno absoluta dar significação evangélica à por esta Custódia filha da Província de vida e missão de vocês de modo que Nápoles. Que Deus recompense em fru- possam responder adequadamentetos de santidade e novas vocações à Pro- aos desafios que nos vêm da Igreja, víncia mãe que hoje entrega esta Custó- da Ordem e da própria sociedade. Em dia. tudo isso, é fundamental empenhar- mo-nos na Formação Permanente co- Agradecer a todos os superiores desta mo caminho de conversão e húmus dapresença franciscana no Brasil, particu- Formação Inicial. No trabalho de larmente os custódios, Frei Aurélio di evangelização, dêem prioridade tam-Falco, Frei David Précaro, Frei Eduardo bém ao trabalho com os jovens como Chagas Nithack, Dom Frei Irineu An- nos pede o último Sínodo dos Bispos, dreassa, Frei Valmir Ramos e Frei Fla- propondo-lhes, a partir de uma vida erdi Silvestri Valvasori. Obrigado ir- coerente, o caminho franciscano comomãos pelo serviço de vocês em favor dos possibilidade também para eles. Jesusirmãos. Depois de Deus, o fruto que hoje continua chamando hoje, como o fezrecolhemos é devido particularmente ao com Simão Pedro e André, Tiago e abnegado serviço de vocês e a tantos sa- João, a tantos jovens para o seu segui-crifícios no seu ministério de animação e mento, mas se serve de nós para dizer governo. Deus os acompanhe sempre e -lhes: “segue-me”. os abençoe com todas as bênçãos. Finalmente, enquanto felicito todos os Uma recordação e um agradecimento irmãos da Custódia por este passo tão especial aos benfeitores da Itália e do importante, peço a Deus que abençoeBrasil que ajudaram a fazer crescer esta esta realidade e faça-a crescer segun- pequena e bonita plantinha na terra do o espírito e o carisma franciscano. brasileira. Também aos bispos que nosacolheram nas várias Dioceses onde es- Frei Flaerdi Silvestre Valvasori ofm tamos trabalhando. Ministro CustodialEste também é o dia para projetar o fu-turo a partir de um presente vivido com paixão. Sim, irmãos, depois de olhar opassado com gratidão, somos chamados a pensar o futuro sem esquecer que o
  13. 13. NOTICIAS – CASAS DE FORMAÇÃO ASPIRANTADO: ANIVERSARIANTES No dia 13 de Janeiro iniciaram o processo formativoem nossa Custodia os seguintes Aspirantes: Anderson e Luís de Garça – SP, Wilker e Alexandre de Franca FELIZES PELO DOM e Kelvin de São Carlos. Todos os aspirantes foram DA VIDA QUE SE acolhidos pela fraternidade formadora que deu boas- RENOVA, CELE-vindas, assim como todo o povo de Deus presente na cidade Olímpia. Por tudo demos graças ao Deus da BRAMOS O ANI- vida que continua a nos enviar operários VERSÁRIO NATÁLI- CIO DE: POSTULANTADO: MARÇO No dia 20 de Janeiro iniciaram o tempo de postulan- tado em nossa Custodia os seguintes jovens: Alef, Ampélio e Breno. Motivados pela inspiração divina 03 – Frei Flaerdi responderam sim ao chamado de Deus, dando umpasso a mais na caminhada religiosa como postulante 06 – Frei Lucas franciscano. Os mesmos foram bem acolhidos pelafraternidade formadora do Convento Santa Maria dos 13 – Frei Gabriel Anjos, assim como por toda a comunidade local. 20 – Frei Claudio NOVICIADO: A fraternidade de Rodeio acolheu os Frei Everton e 20 – Frei Miro Gabriel provenientes de nossa Custodia para inicia-rem o Noviciado Franciscano, uma experiência única 20 – Frei José An-de beber verdadeiramente da fonte do carisma e espi- tônio ritualidade Franciscana. Os noviços foram acompa- nhados por Frei Joaquim e Frei João. Estavam pre- sentes ainda outros confrades de nossa entidade, re-presentando-a neste momento tão significativo na vi- da de nossa ordem. ABRIL PÓS NOVICIADO: 07 – Frei Fernan- do Foi com alegria que a fraternidade de pós noviciado acolheu com alegria a chegada dos confrades: Freis 10 – Frei FábioFernando, Murilo, João Antônio, Reinaldo e José An-tônio para compor a fraternidade de pós noviciado emMarília. Os mesmos fizeram os respectivos vestibula- res e iniciarem os cursos acadêmicos no ano de 2013 na FAJOPA – Faculdade João Paulo II. EGRESSOS: Frei Elton Morais Rissati, OFM – Estudante do 2º Ano de Filosofia Breno Bernardes – Postulante Luiz Guerino - Aspirante. www.ofmsp.org

×