© ABB Group
February 10, 2016 | Slide 1
Inversores ABB de uso geral drives
Destaques do Hardware
Benefícios do hardware dos ACS580
© ABB Group
February 10, 2016 | Slide 3
Inversor individual montado em parede ACS580-01
Destaques do hardware
 Projeto co...
© ABB Group
February 10, 2016 | Slide 4
Conceito “tudo incluso”
Todos os opcionais e combinações necessários estão
dentro ...
Retro compatibilidade
Dimensões e faixas de potência e tensão
 Cobre a mesma faixa de
tensões da geração
anterior dos ACS...
Hardware
Condições ambientais
 Faixa de temperaturas de -15°C a
+50°C sem redução do desempenho
em corrente de saída (R0-...
Opcionais de hardware
Alterando o inversor para satisfazer necessidades
específicas
 Classe de proteção IP55 (tipo UL 12)...
Conectividade
Opcionais de Fieldbus e I/O
 Slot 1 para adaptadores Fieldbus
 Pleno acesso à configuração do
inversor e s...
© ABB Group
February 10, 2016 | Slide 9
Retro compatibilidade
Marcação dos terminais de I/O
 Excelente marcação de termin...
Painel de controle auxiliar
Portfólio
 A remessa padrão inclui o painel de
controle auxiliar cinza ACS-AP-S
 Funções ava...
Painel de controle auxiliar
Hardware
 Interface USB para conexão de
ferramentas e computadores por
padrão
 Possibilita t...
Inversores ABB de uso geral
Destaques do Software
Benefícios do software dos ACS580
Inversor simples montado em parede ACS580-01
Destaques do software
Menu principal
 Menu de configurações primárias para c...
Menu principal
Mostra os menus mais importantes
 Menu de Configurações Primárias
 Menu de I/Os
 Menu de Diagnósticos
 ...
Menu de configurações primárias
Comissionamento, configuração e rastreio de falhas
Menu simples para definir os parâmetros...
Menu de I/Os
Monitoramento e configuração facilitados
Um menu exibindo todos os I/Os e as funções
que cada um controla
 C...
Menu de Diagnósticos
Solução de problemas, mais fácil
Todas as propriedades essenciais para ajudar
com quaisquer problemas...
Menu de eficiência energética
Economias proporcionadas ao processo pelo inversor
O menu de eficiência energética permite a...
Menu de memórias reserva
Salve configurações do inversor para as falhas inesperadas
Restaure memórias reserva das configur...
Menu de Parâmetros
Todos os parâmetros em uma lista lógica
O menu Parâmetros reúne todos os
parâmetros harmonizados em um ...
Visualização inicial
Monitoramento do processo
Visualização Inicial editável
 Edite a visualização Inicial para atender
a...
Ferramentas computacionais
Drive composer
Ferramenta computacional de nível iniciante –
Drive composer
 Monitoramento e c...
Conectividade
Redes
Modbus RTU embarcado instalado por
padrão
Variedade de redes conectáveis
 Melhor suporte da indústria...
O ACS580 em ação
Funcionalidades
PID individual
 Faz do ACS580 um controlador unitário
independente e auto suficiente
PID...
O ACS580 em ação
Suporte a motores
Suporte a uma ampla gama de motores, incluindo
motores assíncronos e motores de ímã
per...
O ACS580 em ação
Melhor controle de motores
Modo de aquecimento do motor, para evitar a
condensação
 Prolonga a vida útil...
Inversores ABB de uso geral
Funções específicas do programa de
controle padrão dos ACS580
Firmware padrão do inversor
Unidade de controle
Duas unidades de controle
diferentes, conforme o tamanho de
estrutura
 Un...
Menu da configuração primária do ACS580
Comissionamento expedito
© ABB Group
10 de fevereiro de 2016 | Slide 29
Menu da co...
Menu de I/Os do ACS580
Facilidade no monitoramento, configuração e solução
rápida de problemas
Menu de I/Os
 Todos os I/O...
Parâmetros harmonizados
 Alternativa ao menu da Configuração
Primária
 Aprenda uma vez – use com todos os
inversores tot...
Menu de Diagnósticos dos ACS580
Solução de problemas clara e racional
Menu de Diagnósticos
 Falhas e alertas ativos exibi...
Controle de Motores
Modos de controle
Dois modos de controle
disponíveis:
 Escalar
 Rápido comissionamento e operação
“d...
Controle de Motores
Funções reprojetadas e melhoradas
 Modo de aquecimento do motor, para evitar a formação de condensado...
Funções de eficiência energética dos ACS580
Solução amiga do ambiente
Monitoramento da eficiência
energética
 Economias e...
Inversores ABB de uso geral
Destaques do Hardware
Detalhes técnicos do hardware dos
ACS580
Detalhes do hardware dos ACS580-0
Objetivos
Objetivos deste módulo:
Distinguir entre as unidades de controle CCU-11 e CCU...
ACS580-01
Unidades de controle CCU-11 e CCU-12
Duas unidades de controle
distintas, conforme o
tamanho de estrutura
 Unid...
ACS580-01
Unidades de controle CCU-11 e CCU-12 – similaridades
Ambas as unidades de controle
têm:
 2 entradas analógicas
...
ACS580-01
Unidade de controle CCU-12 – características adicionais
A CCU-12 tem conectores adicionais:
2 conexões externas...
CMOD-01
 Extensão de I/O com
 2 saídas de relé e 1 saída 1 digital
 Entrada externa de 24V CA/CC
CMOD-02
 Extensão de ...
Conectividade dos ACS580
Alimentação externa de 24V via CCU-11
Configura parâmetros do inversor e mantém a
unidade de cont...
Conectividade dos ACS580
Alimentação externa de 24V via CCU-12
Configura parâmetros do inversor e
mantém a unidade de cont...
Visão geral do hardware
Circuito principal
Ventilador principal com
ajuste de velocidade
- Maior vida útil
- Fácil substit...
Identificação de tipo dos ACS580
Risco elétrico
© ABB Group
10 de fevereiro de 2016 | Slide 45
Espere cinco minutos depo...
Instalação dos ACS580
Desconexão do filtro de EMC para R0–R3
Para conectar o inversor a um
sistema de TI (não aterrado) ou...
Instalação dos ACS580
Desconexão do filtro de EMC para R5–R9
Nos tamanhos R5–R9 o filtro de EMC
é desconectado por um para...
Opcionais de hardware
Dissipador de frenagem
Motor
gira
Freios do
motor
Dissipador
aplicado
Energia se
converte em
calor
E...
Saídas analógicas
Conversão de sinal de corrente a sinal de tensão
OU
500Ω
9 AGND
8 AO2
transmiss
or ou
unidade
lógica
1kΩ...
Transmissores de instrumentação
Instalação
Transmissor a dois fios
 O transmissor é alimentado
por sua saída de corrente ...
Transmissores de instrumentação
Instalação
Transmissor a três fios
 Mesmas regras e instalações
da instalação a dois fios...
Transmissores de instrumentação
Instalação
Sensores de temperatura Pt100 e
Pt1000
Configure o tipo de entrada para tensão...
Redução de desempenho
Exemplo
Primeiro – redução de desempenho a partir da frequência de
chaveamento:
 O fator de redução...
Inversores ABB de uso geral
ACS580-01
Instalação
Instalação
Instruções de segurança
 Certifique-se de que o inversor está desconectado
 Espere 5 minutos
 Certifique-se, por mediçã...
Inspeção de recebimento
 Confira se a remessa contém todos os componentes
pedidos
 Confira a etiqueta de identificação d...
Tipos de cabo recomendados
Para os cabos de motor e entrada são recomendados cabos simétricos blindados.
A blindagem ou co...
Tipos de cabo de uso limitado
© ABB Group
10 de fevereiro de 2016 | Slide 58
Três condutores de fase
Condutor de PE em con...
Cabos proibidos
Não é permitido o uso de cabo de blindagem simétrica com blindagem individual para cada
condutor, não impo...
Cabeamento de I/Os
 Recomenda-se que todos os cabos de controle sejam blindados
 Sinais analógicos (par trançado de blin...
Medida da isolação do motor
 Certifique-se de que o cabo do motor esteja desconectado dos
terminais T1/U, T2/V e T3/W da ...
Regras gerais para a escolha de cabos
 Sempre consulte os regulamentos locais
 Use cabo de motor simétrico blindado para...
Tipos de cabos recomendados
Cabos simétricos blindados são recomendados para os cabos de motor e entrada.
A blindagem ou c...
Apresentação ACS-580 - Inversor de Freqüência - Eficiência Energetica
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Apresentação ACS-580 - Inversor de Freqüência - Eficiência Energetica

492 visualizações

Publicada em

Apresentação do Inversor de Freqüência com Eficiência Enérgica fabricado pela ABB e distribuído pela Safety Control no Estado do Paraná.

Publicada em: Engenharia
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
492
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
130
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Bem-vindo ao módulo de treinamento sobre benefícios do hardware dos ACS580.
  • O ACS580-01 tem um projeto compacto com funcionalidades embutidas por padrão, como a patenteada bobina de oscilação de 2ª geração e filtros de EMC. Foi concebido para instalação flexível economizando espaço e maior confiabilidade.
    As faixas nominais de potência e corrente do inversor se aplicam à maioria dos motores de indução em conformidade com as normas IEC e NEMA, o que faz do ACS580 um produto realmente global, cujo uso é possível em qualquer país.
    O inversor vem, por padrão, com placas de circuito revestidas, o que o torna mais resistente a ambientes agressivos.
    O ACS580 oferece a maior gama de Fieldbus do mercado, aumentando ainda mais sua versatilidade.
  • A série ACS580 foi projetada para embarcar todos os opcionais e combinações necessárias no inversor, tornando mais simples sua encomenda, comissionamento, manutenção e uso, levando assim a menores custos de instalação.
    A patenteada bobina de oscilação de 2ª geração reduz a emissão de harmônicos e está em conformidade com a norma EN61000-3-12. Não é preciso superdimensionar a fiação do circuito paralelo, seccionadora e proteção para obter conformidade com as normas sobre harmônicos.
    O inversor conta com filtro de EMC embarcado apropriado para a categoria C2, que possibilita seu uso em qualquer ambiente, por exemplo, em locais comerciais ou residenciais em rede pública de baixa tensão.
    O IGBT de frenagem é embutido nos tamanhos de estrutura R0–R3 e opcional para os tamanhos de estrutura R4–R9, facilitando a seleção quando os tipos especificados demandam frenagem dinâmica.
    O ACS580 tem a função de Desligamento Seguro do Torque (STO) como funcionalidade padrão, o que permite ao inversor parar de gerar torque com o motor. O STO também pode ser usado como parte das funções de segurança da máquina, junto com lógica de segurança externa ou relés.
    O painel de controle auxiliar está incluso na entrega padrão, facilitando e acelerando o comissionamento, configuração e rastreio de falhas.
  • A faixa de potências dos ACS580 vai de 0,75kW a 250kW e a de tensões de 200V a 600V. As correntes e tensões nominais são retro compatíveis com as dos ACS400 e ACS550.
    O inversor vem em dez tamanhos de estrutura, todos iguais a ou menores que os da geração anterior, aumentando a densidade de potência do inversor de forma especialmente benéfica para gabinetes e instalações de repotenciação em espaços reduzidos.
  • Os tamanhos de estrutura de R0 a R3 dos ACS580 têm uma faixa de temperaturas de -15°C a +50°C sem redução de desempenho de corrente de saída. Os tamanhos de estrutura de R4 a R9 têm uma faixa de temperaturas de ­15°C a +40°C sem redução de desempenho. A faixa de temperaturas pode se estender a +50°C com uma redução de desempenho de 1% por 1°C. Não há necessidade de refrigeração adicional ou demanda essencial por salas de equipamentos elétricos dotadas de ar condicionado.
    O ventilador de refrigeração principal fica sob a unidade, em um ambiente mais frio. A velocidade do ventilador é controlada para atender à necessidade de refrigeração, reduzindo o ruído particularmente nos casos de carga parcial, que é a condição em que o inversor opera na maior parte do tempo.
    Maior proteção térmica e contra fugas permite instalação em altitudes de até 4000m.
  • O ACS580 tem carcaça padrão de classe de proteção IP21.
    A carcaça opcional de classe de proteção IP55 é muito compacta, apenas com um aumento da profundidade em relação à classe IP21.
    A remessa padrão inclui o painel de controle auxiliar cinza ACS-AP-S. Além desse há três outras opções de painel de controle dentre as quais escolher (trataremos destas mais adiante). Isso permite escolher o melhor produto para satisfazer os requisitos de cada aplicação.
    Extensões de I/Os e diferentes módulos Fieldbus estendem a conectividade do inversor. O maior leque de Fieldbus do mercado dá pleno acesso à configuração do inversor e seu controle remoto.
  • O inversor tem três slots para opcionais de Fieldbus e I/O.
    O slot 1 é voltado aos adaptadores Fieldbus. O ACS580 traz a maior gama de adaptadores Fieldbus do mercado.
    O slot 2 é destinado às extensões de I/O. Os opcionais CMOD-01 e CMOD-02 equipam o inversor com uma fonte externa de alimentação de 24V para manter a comunicação ativa em caso de desconexão da alimentação principal. O CMOD-02 oferece ainda entrada PTC isolada com certificação ATEX com alimentação de sensor e capacidade de STO. Já o CMOD-01 proporciona duas saídas de relé e uma saída digital adicionais.
    O slot 3 destina-se aos Fielbus embarcados. A remessa padrão inclui uma interface Modbus RTU.
  • As conexões de I/O e a rotulagem e numeração dos terminais são retro compatíveis com os ACS550, simplificando a substituição.
  • Como mencionado antes, o painel de controle auxiliar vem por padrão. Este painel de controle intuitivo facilitam o comissionamento e uso do inversor.
    O portfólio de painéis inclui ainda uma tampa lisa (CDUM-01), um painel de controle básico branco (ACS-BP-S) e um painel de controle auxiliar preto (ACS-AP-I).
  • O painel de controle tem uma interface USB para conexão de computadores.
    A navegação de quatro teclas facilita o uso e aprendizado do painel de controle e do inversor.
    Apertando o botão de ajuda você obtém informações sobre diferentes visualizações em tela, por exemplo, menus e parâmetros.
    A tela é brilhante e de alta resolução. O retorno táctil e os grandes botões trazem uma melhor experiência para o usuário do ACS580 e do painel de controle.
  • Apresentação ACS-580 - Inversor de Freqüência - Eficiência Energetica

    1. 1. © ABB Group February 10, 2016 | Slide 1
    2. 2. Inversores ABB de uso geral drives Destaques do Hardware Benefícios do hardware dos ACS580
    3. 3. © ABB Group February 10, 2016 | Slide 3 Inversor individual montado em parede ACS580-01 Destaques do hardware  Projeto compacto, com tudo embarcado  Fácil de instalar, comissionar e usar  Faixas nominais de potência e corrente aplicáveis à maioria dos motores de indução  Uma série de inversores útil para todos os países  Placas revestidas por padrão  Maior confiabilidade em ambientes agressivos  Maior leque de opções de Fieldbus do mercado  Pleno acesso a todas as configurações do inversor e controle remoto
    4. 4. © ABB Group February 10, 2016 | Slide 4 Conceito “tudo incluso” Todos os opcionais e combinações necessários estão dentro do inversor  Bobina de oscilação de 2ª geração  Filtro de EMC embarcado  IGBT de frenagem embarcado nos tamanhos de estrutura R0–R3 e como opcional externo para R4–R9  Função Desligamento Seguro do Torque embarcada  O painel de controle auxiliar vem por padrão
    5. 5. Retro compatibilidade Dimensões e faixas de potência e tensão  Cobre a mesma faixa de tensões da geração anterior dos ACS550 e a estende para até 250kW  Fácil substituição das instalações anteriores de ACS400 e ACS550  Dez tamanhos de estrutura iguais ou menores que os dos ACS550  Maior densidade de potência
    6. 6. Hardware Condições ambientais  Faixa de temperaturas de -15°C a +50°C sem redução do desempenho em corrente de saída (R0-R3)  Não requer sobredimensionamento adicional  Sem demanda essencial por ar condicionado nas salas de sistemas elétricos  Ventilador de refrigeração principal de velocidade controlada sob a unidade em todos os tamanhos  Menor ruído, particularmente nos casos de carga parcial  Maior vida útil do ventilador  Instalação permitida a até 4000m
    7. 7. Opcionais de hardware Alterando o inversor para satisfazer necessidades específicas  Classe de proteção IP55 (tipo UL 12)  Tamanho compacto, pequeno aumento de profundidade em comparação com o IP 21  Três outras opções de painel de controle além do painel de controle auxiliar  Liberdade para selecionar o produto que melhor atenda às necessidades  Módulos Fieldbus e de extensão de I/O  Amplo suporte a redes  Comunicação com todos os principais protocolos Fieldbus
    8. 8. Conectividade Opcionais de Fieldbus e I/O  Slot 1 para adaptadores Fieldbus  Pleno acesso à configuração do inversor e seu controle remoto  Slot 2 para extensões de I/O  Fonte de alimentação externa de 24V em CMOD-01 e CMOD-02 para manter a comunicação ativa enquanto a fonte de alimentação principal está desconectada  Entrada PTC isolada em CMOD-02  Saída digital e relés adicionais em CMOD-01  Slot 3 para Fieldbus embarcado  Interface Modbus econômica como padrão
    9. 9. © ABB Group February 10, 2016 | Slide 9 Retro compatibilidade Marcação dos terminais de I/O  Excelente marcação de terminais  Mesmo número de conexões de I/O, rotulagem e numeração de terminais idênticas  Fácil uso do novo produto com os diagramas e instalações já existentes
    10. 10. Painel de controle auxiliar Portfólio  A remessa padrão inclui o painel de controle auxiliar cinza ACS-AP-S  Funções avançadas proporcionam fácil comissionamento e uso  O portfólio de painéis de controle oferece diferentes alternativas:  tampa lisa CDUM-01  painel básico ACS-BP-S (branco)  painel de controle auxiliar ACS-AP-I (preto)  Escolha o produto que melhor atenda as necessidades
    11. 11. Painel de controle auxiliar Hardware  Interface USB para conexão de ferramentas e computadores por padrão  Possibilita transferir informações entre PC e inversor sem hardware adicional  Navegação quadri direcional intuitiva por menus e assistentes  Simples de usar, fácil de aprender  Botão de ajuda para solução de problemas  Menos demanda pela Assistência Técnica  Tela brilhante de alta resolução  Melhor experiência para o usuário
    12. 12. Inversores ABB de uso geral Destaques do Software Benefícios do software dos ACS580
    13. 13. Inversor simples montado em parede ACS580-01 Destaques do software Menu principal  Menu de configurações primárias para comissionamento  Menu de I/Os para configurações e monitoramento  Menu de Diagnósticos para a solução rápida de problemas Ferramenta computacional  Diagnóstico mais detalhado e monitoramento remoto de sinais Redes e conectividade  Maior leque de Fieldbus do mercado  Configuração rápida dos 5 protocolos de uso mais comum Suporte a motores  Suporte a uma ampla gama de motores, incluindo motores assíncronos e motores síncronos de ímã permanente
    14. 14. Menu principal Mostra os menus mais importantes  Menu de Configurações Primárias  Menu de I/Os  Menu de Diagnósticos  Menu de eficiência energética  Menu de memórias reserva  Menu Parâmetros
    15. 15. Menu de configurações primárias Comissionamento, configuração e rastreio de falhas Menu simples para definir os parâmetros do motor e sua faixa de operação  Comissionamento, configuração e rastreio de falhas mais fáceis e rápidos  Defina todas as configurações essenciais sem acessar diretamente a lista de parâmetros
    16. 16. Menu de I/Os Monitoramento e configuração facilitados Um menu exibindo todos os I/Os e as funções que cada um controla  Configuração rápida e simples dos I/Os  Mostra os status reais dos I/Os e o significado lógico de cada terminal para o inversor  Eficiente mapeamento de I/Os, detecta o uso de um mesmo terminal para múltiplas funções
    17. 17. Menu de Diagnósticos Solução de problemas, mais fácil Todas as propriedades essenciais para ajudar com quaisquer problemas que possam ocorrer com um ACS580  Falhas e alertas ativos exibidos com dados adicionais em um mesmo lugar para ajudar na solução de problemas  Registradores de amplitudes e eventos mantém um histórico da ocorrência de problemas e comportamentos irregulares
    18. 18. Menu de eficiência energética Economias proporcionadas ao processo pelo inversor O menu de eficiência energética permite ao usuário acompanhar as economias de energia e dinheiro proporcionadas pelo inversor  Facilita a estimativa do retorno do investimento  Estima a redução de emissões de CO2
    19. 19. Menu de memórias reserva Salve configurações do inversor para as falhas inesperadas Restaure memórias reserva das configurações do inversor para garantia do processo em caso de uma falha repentina  Copie as configurações do inversor a outro inversor operando no mesmo sistema trocando o painel de controle de inversor em inversor  Menor tempo de recuperação após uma falha  A função de cópia reserva automática cria automaticamente uma memória reserva na sequência de uma mudança de configuração
    20. 20. Menu de Parâmetros Todos os parâmetros em uma lista lógica O menu Parâmetros reúne todos os parâmetros harmonizados em um mesmo lugar, segundo uma ordem lógica  Lista de parâmetros idêntica ao longo do portfólio de inversores totalmente compatíveis. Aprenda a usar uma vez, use com todos Lista de Favoritos  Cria uma lista dos parâmetros que demandam alteração mais frequente Lista dos parâmetros alterados  Facilita a solução rápida de problemas
    21. 21. Visualização inicial Monitoramento do processo Visualização Inicial editável  Edite a visualização Inicial para atender as necessidades do usuário  Monitore até três sinais distintos simultaneamente na mesma tela  Adicione até 18 telas e navegue entre elas de forma simples com as teclas direcionais  Diferentes estilos de tela: numérica, medidor/barra e gráfico
    22. 22. Ferramentas computacionais Drive composer Ferramenta computacional de nível iniciante – Drive composer  Monitoramento e configuração de parâmetros simples disponíveis sem custos adicionais  Pode ser usado para criar um “pacote de suporte” que permita rastreio remoto de falhas  Disponível na página Web www.abb.com  Drive composer pro comercializado pela ABB, conta com funcionalidades adicionais
    23. 23. Conectividade Redes Modbus RTU embarcado instalado por padrão Variedade de redes conectáveis  Melhor suporte da indústria para um amplo leque de adaptadores Fieldbus Fácil configuração Fieldbus  Configuração rápida dos 5 protocolos de uso mais comum Suporta o perfil DCU, compatível com os ACS550, e o perfil “inversores ABB”  Efetivamente retro compatível
    24. 24. O ACS580 em ação Funcionalidades PID individual  Faz do ACS580 um controlador unitário independente e auto suficiente PID com função de reforço para espera  Permite ainda mais economia ao estender a duração do modo de repouso do PID Funções temporizadas para automatizar tarefas  Chaveie entre diferentes pontos de ajuste segundo um cronograma, eliminando a necessidade de operar o inversor manualmente à noite Curva de carga, para detecção de situações de carga anormais  E.g., detecção de pás de ventilador quebradas e outros problemas que não disparariam falhas nem alertas
    25. 25. O ACS580 em ação Suporte a motores Suporte a uma ampla gama de motores, incluindo motores assíncronos e motores de ímã permanente  Produto efetivamente global, com uso em várias aplicações O ACS580 suporta dois tipos de controle de motores  Modo escalar, para operação direto da caixa, quando não se precisa do máximo desempenho  Modo vetorial, para maior acurácia nos controles de torque e velocidade Motores CA IEC Motores CA NEMA
    26. 26. O ACS580 em ação Melhor controle de motores Modo de aquecimento do motor, para evitar a condensação  Prolonga a vida útil do motor Partida em movimento para ambos os modos de controle de motores  Alcance um ventilador girando livre sem precisar pará-lo antes Dois níveis selecionáveis de frenagem por fluxo  Controle quão agressivamente o motor aquecerá durante a frenagem Faixa ajustável de frequências de chaveamento  Menor ruído audível do motor
    27. 27. Inversores ABB de uso geral Funções específicas do programa de controle padrão dos ACS580
    28. 28. Firmware padrão do inversor Unidade de controle Duas unidades de controle diferentes, conforme o tamanho de estrutura  Unidade de controle para os tamanhos de R3 para baixo – CCU-11  Para os tamanhos de R5 para cima – CCU-12 CCU-11 CCU-12 © ABB Group 10 de fevereiro de 2016 | Slide 28
    29. 29. Menu da configuração primária do ACS580 Comissionamento expedito © ABB Group 10 de fevereiro de 2016 | Slide 29 Menu da configuração primária  Claro e consistente  Facilidade de uso Fácil e acessível  Guia o usuário ao longo do comissionamento
    30. 30. Menu de I/Os do ACS580 Facilidade no monitoramento, configuração e solução rápida de problemas Menu de I/Os  Todos os I/Os são exibidos em uma lista visualizável simples  O controle do inversor pode ser facilmente determinado © ABB Group 10 de fevereiro de 2016 | Slide 30
    31. 31. Parâmetros harmonizados  Alternativa ao menu da Configuração Primária  Aprenda uma vez – use com todos os inversores totalmente compatíveis Parâmetros harmonizados dos ACS580 Estrutura comum totalmente compatível © ABB Group 10 de fevereiro de 2016 | Slide 31
    32. 32. Menu de Diagnósticos dos ACS580 Solução de problemas clara e racional Menu de Diagnósticos  Falhas e alertas ativos exibidos com dados adicionais  Registradores de eventos e amplitudes mantém um registro dos problemas ocorridos e comportamentos irregulares © ABB Group 10 de fevereiro de 2016 | Slide 32
    33. 33. Controle de Motores Modos de controle Dois modos de controle disponíveis:  Escalar  Rápido comissionamento e operação “direto da caixa”  Vetorial  Controle preciso de velocidade e torque © ABB Group 10 de fevereiro de 2016 | Slide 33
    34. 34. Controle de Motores Funções reprojetadas e melhoradas  Modo de aquecimento do motor, para evitar a formação de condensado  Partida em movimento em ambos os modos de controle de motor, para “alcançar” motores em rotação  Dois níveis selecionáveis de frenagem por fluxo permitem parada em rampa sem resistores mediante uso eficaz do motor  Controle de sustentação CC para os modos vetorial e escalar, mantendo o eixo travado enquanto o inversor estiver parado  Menor ruído do motor, com a faixa de frequências de chaveamento ajustável © ABB Group 10 de fevereiro de 2016 | Slide 34
    35. 35. Funções de eficiência energética dos ACS580 Solução amiga do ambiente Monitoramento da eficiência energética  Economias em kW, CO2 ou dinheiro, na comparação com o motor conectado diretamente à rede elétrica  Tarifas e potência do motor definidas pelo usuário Otimizador de consumos energéticos  Funciona tanto no modo de controle escalar quanto no vetorial  Otimiza a magnetização do motor, entregando máximo torque com mínima corrente © ABB Group 10 de fevereiro de 2016 | Slide 35
    36. 36. Inversores ABB de uso geral Destaques do Hardware Detalhes técnicos do hardware dos ACS580
    37. 37. Detalhes do hardware dos ACS580-0 Objetivos Objetivos deste módulo: Distinguir entre as unidades de controle CCU-11 e CCU-12 Escolher extensões de I/O e conectar fontes externas de 24V Conhecer a estrutura do inversor Ler a plaqueta de identificação de tipo e os adesivos Desconectar o filtro de EMC Dimensionar o resistor de frenagem Aterrar e configurar I/Os Converter a saída analógica AO2 em um sinal de tensão Conectar transmissores de instrumentação Reduzir o desempenho do inversor em corrente de saída conforme as frequências de chaveamento
    38. 38. ACS580-01 Unidades de controle CCU-11 e CCU-12 Duas unidades de controle distintas, conforme o tamanho de estrutura  Unidade de controle para estruturas R3 e menores – CCU-11  Para estruturas R5 e maiores: – CCU-12 CCU-11 CCU-12
    39. 39. ACS580-01 Unidades de controle CCU-11 e CCU-12 – similaridades Ambas as unidades de controle têm:  2 entradas analógicas  2 saídas analógicas  6 entradas digitais  3 saídas de relé  STO  Slots para Fieldbus e extensões  Porta para configuração a frio* CCU-11 CCU-12 *nos inversores equipados com CCU-12, em suporte de painel separado
    40. 40. ACS580-01 Unidade de controle CCU-12 – características adicionais A CCU-12 tem conectores adicionais: 2 conexões externas a ventiladores Entrada externa de 24V Conexão para sensor de temperatura do ar na alimentação Suporte de painel externo com:  LEDs de alimentação e falha  Porta de conexão para configuração a frio CCU-12
    41. 41. CMOD-01  Extensão de I/O com  2 saídas de relé e 1 saída 1 digital  Entrada externa de 24V CA/CC CMOD-02  Extensão de I/O com  Entrada externa de 24V CA/CC  Interface PTC isolada  Conexão de relé para medição de temperatura do motor para o STO Conectividade dos ACS580 Extensões de I/O CMOD-01 e CMOD-02
    42. 42. Conectividade dos ACS580 Alimentação externa de 24V via CCU-11 Configura parâmetros do inversor e mantém a unidade de controle ativa sem uma unidade de alimentação  Conecta uma tensão externa de 24V CA/CC ao terminal de entrada CMOD-01/-02  A unidade de controle é energizada, de modo que você pode usar o Fieldbus e o software do inversor mesmo na ausência da alimentação principal  Não haverá falhas e alertas, uma vez que o inversor não é desligado24 V *O CMOD-01 não é uma fonte de alimentação!
    43. 43. Conectividade dos ACS580 Alimentação externa de 24V via CCU-12 Configura parâmetros do inversor e mantém a unidade de controle ativa sem uma unidade de alimentação  Conecta uma tensão externa de 24V CA/CC a CC no terminal de entrada da unidade de controle  A unidade de controle é energizada, de modo que você pode usar o Fieldbus e o software do inversor mesmo na ausência da alimentação principal  Quaisquer falhas e alertas relacionados à desenergização são ignorados 24 V
    44. 44. Visão geral do hardware Circuito principal Ventilador principal com ajuste de velocidade - Maior vida útil - Fácil substituição Filtro de RFI / EMI Atende as normas EN 61800-3 na Classe C2 Apropriado para redes públicas de baixa tensão Espaço para cabeamento integrado nos tamanhos R0–R3 Menos peças – manejo mais fácil Bobina de oscilação de 2ª geração Redução dos harmônicos, permitindo um projeto menor e mais leve Chapa de reforço embutida Montagem em escada ou suporte Chapa de fechamento de conduíte opcional para cabos especiais (e.g., cabos com SWA*) Caixa de conduítes/gaxetas (R5→) - Para cabos e conduítes *SWA = armadura em fio de aço
    45. 45. Identificação de tipo dos ACS580 Risco elétrico © ABB Group 10 de fevereiro de 2016 | Slide 45 Espere cinco minutos depois de desconectar a alimentação antes de trabalhar na parte elétrica ! Atenção! Grande corrente de fuga O inversor deve ser aterrado
    46. 46. Instalação dos ACS580 Desconexão do filtro de EMC para R0–R3 Para conectar o inversor a um sistema de TI (não aterrado) ou um TN aterrado ao canto, confira antes se o filtro de EMC interno está desconectado. Levante a chave para desconectar o filtro de EMC. Atenção! Não desconecte a chave do varistor. © ABB Group 10 de fevereiro de 2016 | Slide 16
    47. 47. Instalação dos ACS580 Desconexão do filtro de EMC para R5–R9 Nos tamanhos R5–R9 o filtro de EMC é desconectado por um parafuso Não é preciso inserir um parafuso de plástico As áreas de CA e CC têm conectores de EMC separados Ao contrário da chave de plástico nos tamanhos menores é preciso desconectar totalmente o parafuso © ABB Group 10 de fevereiro de 2016 | Slide 17
    48. 48. Opcionais de hardware Dissipador de frenagem Motor gira Freios do motor Dissipador aplicado Energia se converte em calor Energia flui ao resistor toff ton toff Um ciclo completo Resistor de frenagem
    49. 49. Saídas analógicas Conversão de sinal de corrente a sinal de tensão OU 500Ω 9 AGND 8 AO2 transmiss or ou unidade lógica 1kΩ 1kΩ 9 AGND 8 AO2 transmisso r ou unidade lógica Obtendo uma saída de 0–10 V a partir da saída analógica 2:  Conecte um resistor de 500Ω entre AO2 e o terra analógico  Ou dois resistores de 1kΩ em paralelo
    50. 50. Transmissores de instrumentação Instalação Transmissor a dois fios  O transmissor é alimentado por sua saída de corrente e o inversor supre a tensão de alimentação  O sinal de saída deve estar na faixa de 4–20 mA e não de 0– 20 mA  Nunca exceda a capacidade máxima de 250 mA AO AGND DGND 24 V
    51. 51. Transmissores de instrumentação Instalação Transmissor a três fios  Mesmas regras e instalações da instalação a dois fios  O transmissor também é conectado ao aterramento da CCU AO AGND DGND 24 V
    52. 52. Transmissores de instrumentação Instalação Sensores de temperatura Pt100 e Pt1000 Configure o tipo de entrada para tensão via chave J1 para a entrada analógica AI1 ou J2 para a entrada analógica AI2 Configure a unidade da entrada analógica apropriada para V (Volt) no grupo de parâmetros 12, “Standard AI” Selecione o modo de excitação no grupo de parâmetros 13, “Standard AO” AI1 AGND A01 AGND
    53. 53. Redução de desempenho Exemplo Primeiro – redução de desempenho a partir da frequência de chaveamento:  O fator de redução k está no manual do usuário  15A / 0,66 = 22,72A Segundo – redução de desempenho em função da altitude  Da fórmula no manual do usuário resulta 0,95  22,72A / 0,95 = 23,92A Terceiro – redução do desempenho em função da temperatura  Os tamanhos de estrutura R0–R3 não demandam redução de desempenho até 50ºC  Os tamanhos R5–R9 não demandam redução de desempenho até 40ºC, requerendo redução de 1% para cada 1ºC acima disso até os 50ºC Corrente de 15A, frequência mínima de chaveamento de 8kHz e altitude de 1500m
    54. 54. Inversores ABB de uso geral ACS580-01 Instalação Instalação
    55. 55. Instruções de segurança  Certifique-se de que o inversor está desconectado  Espere 5 minutos  Certifique-se, por medição, de que não há tensões residuais  Meça a tensão nos relés  Meça as tensões no lado do motor  Certifique-se de que motores de ímã permanente não girem durante a instalação do inversor
    56. 56. Inspeção de recebimento  Confira se a remessa contém todos os componentes pedidos  Confira a etiqueta de identificação de tipo  Confira se há sinais de dano
    57. 57. Tipos de cabo recomendados Para os cabos de motor e entrada são recomendados cabos simétricos blindados. A blindagem ou condutor PE deve atender aos requisitos da norma IEC-61439-1.
    58. 58. Tipos de cabo de uso limitado © ABB Group 10 de fevereiro de 2016 | Slide 58 Três condutores de fase Condutor de PE em conduíte de PVC. (Uso proibido nos EUA) Três condutores de fase Condutor de proteção em bandeja de cabos Cabo corrugado ou EMT Três condutores de fase e um de proteção
    59. 59. Cabos proibidos Não é permitido o uso de cabo de blindagem simétrica com blindagem individual para cada condutor, não importa qual seja o tamanho do cabo de motor ou entrada.
    60. 60. Cabeamento de I/Os  Recomenda-se que todos os cabos de controle sejam blindados  Sinais analógicos (par trançado de blindagem dupla)  Sinais digitais (par trançado de blindagem simples ou dupla)  Sinais controlados por relé (par trançado)  Não misture sinais de 24V CA/CC e de 115/240 VCA no mesmo cabo  Não use retorno comum para diferentes sinais analógicos
    61. 61. Medida da isolação do motor  Certifique-se de que o cabo do motor esteja desconectado dos terminais T1/U, T2/V e T3/W da saída do inversor.  Meça a resistência de isolação entre cada condutore de fase e o Aterramento de Proteção usando uma tensão de medição de 1000V CC.
    62. 62. Regras gerais para a escolha de cabos  Sempre consulte os regulamentos locais  Use cabo de motor simétrico blindado para os tamanhos de estrutura de R5 para cima e motores acima de 30kW.  Para motores até 30kW pode ser usado sistema de quatro condutores, mas sempre recomendamos o uso de cabo simétrico blindado.  O sistema a quatro condutores é permitido para cabeamento de entrada, mas o cabo simétrico blindado é recomendado.  Aplique o torque correto à conexão de cada cabo.
    63. 63. Tipos de cabos recomendados Cabos simétricos blindados são recomendados para os cabos de motor e entrada. A blindagem ou condutor de PE devem satisfazer os requisitos da norma IEC-61439-1. Outros tipos de cabo de uso permitido mas limitado:

    ×