Logística e Cadeia de Suprimentos                            Módulo 12                   Tendências no setor automotivoSuz...
Logística e Cadeia de SuprimentosPrincipais produtoresSuzana Maia Nery                                                    ...
Logística e Cadeia de SuprimentosPrincipais produtores• Importantes mudanças ocorreram no setor automobilístico nos último...
Logística e Cadeia de SuprimentosQuadro Internacional – CapacidadeSuzana Maia Nery                                        ...
Logística e Cadeia de SuprimentosO CRESCIMENTO              DOS      BRICS         E     DA      ÁSIA         NO       MER...
Logística e Cadeia de SuprimentosNos últimos anos, vários autores têm destacado a diminuição dos diferenciais competitivos...
Logística e Cadeia de SuprimentosBRIC – Mercado de Veículos Suzana Maia Nery                                              ...
Logística e Cadeia de SuprimentosSuzana Maia Nery                                                                         ...
Logística e Cadeia de SuprimentosQuadro Nacional – CapacidadeSuzana Maia Nery                                             ...
Logística e Cadeia de SuprimentosSuzana Maia Nery                                                                         ...
Logística e Cadeia de SuprimentosTecnologia e custos (1)                                                                  ...
Logística e Cadeia de SuprimentosTecnologia e custos (2)                                                                  ...
Logística e Cadeia de SuprimentosTendências no setor automotivo 1. Relocalização mundial da produção; 2. Internacionalizaç...
Logística e Cadeia de SuprimentosTendências no setor automotivo 10. Arranjos de suprimentos em parques de fornecedores; 11...
Logística e Cadeia de SuprimentosResumo• As funções na cadeia de suprimentos da indústria automobilística tem sofridogrand...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Módulo+12..Logistica

296 visualizações

Publicada em

Publicada em: Indústria automotiva
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
296
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Módulo+12..Logistica

  1. 1. Logística e Cadeia de Suprimentos Módulo 12 Tendências no setor automotivoSuzana Maia Nery 1 Módulo 12 – Tendências
  2. 2. Logística e Cadeia de SuprimentosPrincipais produtoresSuzana Maia Nery 2 Módulo 12 – Tendências
  3. 3. Logística e Cadeia de SuprimentosPrincipais produtores• Importantes mudanças ocorreram no setor automobilístico nos últimostrinta anos. Os EUA tiveram seu predomínio tecnológico e comercial,consolidado em meados do século XX, ameaçado por montadoraseuropéias e especialmente japonesas, a partir da década de 1980. Noentanto, verificou-se um deslocamento do eixo de produção da Américado Norte e Europa Ocidental para a Ásia, tendo esse último continentepassado a investir em plantas industriais no exterior, bem como obtidoincremento na exportação de automóveis e peças a partir de plataformasde exportação. O hemisfério norte ainda é predominante em termos deprodução e consumo de automóveis e peças, embora o hemisfério sulvenha ganhando destaque.Suzana Maia Nery 3 Módulo 12 – Tendências
  4. 4. Logística e Cadeia de SuprimentosQuadro Internacional – CapacidadeSuzana Maia Nery 4 Módulo 12 – Tendências
  5. 5. Logística e Cadeia de SuprimentosO CRESCIMENTO DOS BRICS E DA ÁSIA NO MERCADOINTERNACIONAL• Uma das principais tendências do setor automotivo mundial nos últimos anos: o aumento daimportância dos países emergentes – especialmente China, Brasil e Índia – na produçãomundial.• Os BRICs representavam cerca de 9% da produção mundial de veículos em 1999 e, em2007, já alcançaram uma participação de 23%. Em termos absolutos, o crescimento daparticipação dos BRICs na produção mundial de automóveis se deve, preponderantemente, aocrescimento da participação chinesa no mercado mundial, que passou de 3,2% em 1999 para12% em 2007. Obviamente, o tamanho absoluto do mercado chinês desempenha um papeldecisivo nesse processo.• Essa perda de participação norte-americana no setor automotivo se reflete no desempenhodas duas maiores montadoras do país. Tanto a GM quanto a Ford perderam market share nomercado mundial nos últimos anos. Em 1998, as montadoras norte-americanas ainda eram asduas primeiras no ranking da produção mundial de automóveis. Em 2007, a Toyota assumiu aprimeira posição e a Honda entrou na lista das 5 maiores.• As montadoras japonesas começaram a ganhar market share no mercado mundial de formasignificativa já durante os anos 80. Nesse período, introduziram uma série de novas técnicasna produção de automóveis (produção flexível, just in time etc..) e mostraram-se muito maisprodutivas do que as montadoras norte-americanas e européias.Suzana Maia Nery 5 Módulo 12 – Tendências
  6. 6. Logística e Cadeia de SuprimentosNos últimos anos, vários autores têm destacado a diminuição dos diferenciais competitivosentre as montadoras mais importantes, especialmente a redução dos gaps de produtividade equalidade entre as montadoras japonesas e as ocidentais. A despeito disso, os indicadoresapresentados mostram que as montadoras japonesas continuam ganhando mercado dasocidentais, especialmente das norte-americanas. Outra tendência revelada nesta tabela é queo mercado mundial vem se tornando menos concentrado. Em 1998, as cinco maioresmontadoras detinham 54% da produção mundial de veículos e, em 2007, a fatia de mercadodas cinco maiores caiu para 48,7%. Suzana Maia Nery 6 Módulo 12 – Tendências
  7. 7. Logística e Cadeia de SuprimentosBRIC – Mercado de Veículos Suzana Maia Nery 7 Módulo 12 – Tendências
  8. 8. Logística e Cadeia de SuprimentosSuzana Maia Nery 8 Módulo 12 – Tendências
  9. 9. Logística e Cadeia de SuprimentosQuadro Nacional – CapacidadeSuzana Maia Nery 9 Módulo 12 – Tendências
  10. 10. Logística e Cadeia de SuprimentosSuzana Maia Nery 10 Módulo 12 – Tendências
  11. 11. Logística e Cadeia de SuprimentosTecnologia e custos (1) Fonte: McKinsey & Co.Suzana Maia Nery 11 Módulo 12 – Tendências
  12. 12. Logística e Cadeia de SuprimentosTecnologia e custos (2) Fonte: McKinsey & Co.Suzana Maia Nery 12 Módulo 12 – Tendências
  13. 13. Logística e Cadeia de SuprimentosTendências no setor automotivo 1. Relocalização mundial da produção; 2. Internacionalização das companhias; 3. Diferentes configurações para a inserção internacional dos países produtores; 4. Aceleração do ritmo de introdução de novos modelos por montadoras líderes; 5. Organização e focalização operacional em termos de plataformas de produtos; 6. Crescimento do conteúdo tecnológico agregado dos veículos; 7. Pressão crescente por menores preços; 8. Fabricação modular;Suzana Maia Nery 13 Módulo 12 – Tendências
  14. 14. Logística e Cadeia de SuprimentosTendências no setor automotivo 10. Arranjos de suprimentos em parques de fornecedores; 11. Globalização do fornecimento como estratégia; 12. Repasse de atividades de projeto para fornecedores (portanto, requerendo desses capacitações mais aprimoradas); 13. Integração da cadeia de suprimentos através da web; 14. Coexistência de modelos distintos de fornecimento.Suzana Maia Nery 14 Módulo 12 – Tendências
  15. 15. Logística e Cadeia de SuprimentosResumo• As funções na cadeia de suprimentos da indústria automobilística tem sofridograndes modificações na última década. Mais especificamente, verifica-se que osfornecedores têm assumido cada vez mais funções de agregar valor, enquanto asmontadoras têm assumido uma função de coordenação e gerenciamento destacadeia.• Os relacionamentos de parceria na indústria automobilística têm tido como pontode partida a seleção criteriosa de uma pequena e seleta base de fornecedores. Apartir da seleção destes parceiros viabilizam-se políticas envolvendoinvestimentos em capacitação, ativos específicos e o desenvolvimentocolaborativo de produtos.• Existem evidências de uma preocupação crescente com os relacionamentos emoutros níveis na cadeia – por exemplo: certificações e treinamentos em qualidadeestão sendo cada vez mais exigidos dos fornecedores de segundo e terceironível; negociações comerciais estão sendo, muitas vezes, realizadas diretamenteentre montadora e sub-fornecedores.Fonte: GERENCIAMENTO DA CADEIA DE SUPRIMENTOS: TENDÊNCIAS DA INDÚSTRIA AUTOMOBILÍSTICA BRASILEIRA - Francisco PiresSuzana Maia Nery 15 Módulo 12 – Tendências

×