A ordem economica geografia

842 visualizações

Publicada em

Nova e velha ordem mundial

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
842
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
11
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A ordem economica geografia

  1. 1. A ORDEM ECONOMICA Organização mundial do comercio ( OMC 1995) Acordo de Bretton Woods 1944 Acordo de Geral de tarifas e comercio GATT -1947
  2. 2. Conferência monetária e financeira das Nações Unidas Acordo de Bretton Woods As conferências de Bretton Woods, definindo o gerenciamento econômico internacional, estabeleceram em Julho de 1944 as regras para as relações comerciais e financeiras entre os países mais industrializados do mundo. Conferência de Bretton Woods criou o FMI e o Banco Mundial
  3. 3. Instituições financeiras gêmeas, o Fundo Monetário Internacional (FMI) e o Banco Mundial surgiram em 22 de julho de 1944. Foram criadas por 45 países (Brasil entre eles), já nos estertores da 2.ª Grande Guerra, que se reuniram de 1.º a 22 de julho de 1944, na cidadezinha de Bretton Woods, Estado de New Hampshire, Estados Unidos.
  4. 4. DO G-07 AO G-20 A sigla G-8 corresponde ao grupo dos 8 países mais ricos e influentes do mundo, fazem parte os Estados Unidos, Japão, Alemanha, Canadá, França, Itália, Reino Unido e Rússia. Antes chamada de G-7, a sigla alterou- se com a inserção da Rússia, que ingressou no grupo em 1998. Explicitamente, a função do G-8 é a de decidir qual ou quais caminhos o mundo deve seguir, pois esses países possuem economias consolidadas e suas forças políticas exercem grande influência nas instituições e organizações mundiais, como ONU, FMI, OMC. A discussão gira em torno do processo de globalização, abertura de mercados, problemas ambientais, ajudas financeiras para economias em crise, entre outros.
  5. 5. BRICS • Junto com a Rússia, esses países inspiraram a criação do termo BRICs, no início da década atual, por analistas financeiros. Os BRICs respondem por cerca de 15% do PIB mundial atualmente. • A agência Goldman Sachs projeta que os BRICs serão os únicos responsáveis pelo crescimento da demanda interna mundial e que por três anos seguidos, liderarão o crescimento mundial. Ao final da década, podem responder por cerca de 20% do PIB mundial e, em 2035, podem se tornar, coletivamente, maiores que o G7.
  6. 6. G7 e BRICS • G7 responde (final de 2007) por cerca de 40% da economia mundial. Abrigam cerca de 11% da população mundial. • BRICS – Abrigam quase metade da população mundial, 20% da superfície terrestre, recursos naturais abundantes.
  7. 7. G20 • O G20 inclui o G7, mais os BRICS e também Argentina, Austrália, Indonésia, Coréia do Sul, Turquia, México, Arábia Saudita e África do Sul, além da União Européia. Responde por cerca de 90% do PIB mundial. • Esse grupo foi criado no final da década de 1990, em resposta às crises financeiras ocorridas nesse período bem como às pressões dos países em desenvolvimento por maior participação no processo de tomada de decisões no plano internacional. • tornar o sistema internacional mais representativo e multilateral, abrindo mais espaço para os países em desenvolvimento e expressando a nova geopolítica e geografia econômica mundial no mundo atual.
  8. 8. G20 • Em geral, trata-se de um fórum de Ministros de Finanças e presidentes de bancos centrais, o que, de certa forma, limita a importância das decisões aí tomadas para as políticas dos países membros. No entanto, no contexto da crise mundial, alguns analistas ressaltam que pode ter ocorrido uma mudança importante: o G20 pode se tornar um fórum de chefes de Estado.
  9. 9. Em 9 de novembro de 1989, com a crise do sistema socialista no leste da Europa e o fim deste sistema na Alemanha Oriental, ocorreu a queda do muro. Cidadãos da Alemanha foram para as ruas comemorar o momento histórico e ajudaram a derrubar o muro. O ato simbólico representou também o fim da Guerra Fria e o primeiro passo na reintegração da Alemanha.
  10. 10. DA ORDEM BIPOLAR A ORDEM MULTIPOLAR • Hoje, no mundo multipolar pós-guerra fria, o poder é medido pela capacidade econômica do país, que envolve disponibilidade de capitais, avanço tecnológico, mão de obra qualificada e nível de produtividade. Isso explica a emergência do Japão e da Alemanha como potências, e, ao mesmo tempo, a decadência da Rússia. Embora a Rússia seja dona de um poderoso arsenal nuclear, o setor industrial é obsoleto e pouco produtivo, e o país se encontra em crise social, política e econômica. • A China possui a economia que mais cresce no planeta, isso porque: possui a maior população do mundo, e, portanto, um grande mercado consumidor (6);
  11. 11. A Nova Ordem Multipolar
  12. 12. ATIVIDADE 1. O que foi a Guerra Fria? 02. A Guerra fria liderada por dois grupos de países que adotavam sistemas político-econômicos opostos: quais são essas sistemas e quais eram esses dois países protagonistas da Guerra Fria são? 03 A guerra Fria é atribuído alguns termos. Explique o significado de cada um: a) Paz Armada b) Equilíbrio do Terror 04. Defina e explique a ordem bipolar citando sua influência sobre as fronteiras e o exercício da territorialidade no mundo do pós-Segunda Guerra Mundial. 05 Quais as principais características da Guerra Fria?
  13. 13. 07. Indique os objetivos dos ou ações abaixo: a) Plano Marshall b) Doutrina Truman c) COMECON 08. Explique o significado dos termos: efeito dominó ou cordão sanitário. 09. Quais os principais acontecimento durante a Guerra fria? 10. O que foi a conferencia de Bretton woods? Quais as organizações criadas a partir dessa conferencia. 11. Indique os países e papel dos grupos a) G – 08 b) BRICS c) G – 20 12. Quais as características da nova Ordem multipolar?

×