O Rosário é formado por 200 Ave-Marias, o Terço por 50 Ave-Marias.<br /> <br />1. Fazer o Sinal da Cruz<br />Em nome do Pa...
A oração do terço e do rosário
A oração do terço e do rosário
A oração do terço e do rosário
A oração do terço e do rosário
A oração do terço e do rosário
A oração do terço e do rosário
A oração do terço e do rosário
A oração do terço e do rosário
A oração do terço e do rosário
A oração do terço e do rosário
A oração do terço e do rosário
A oração do terço e do rosário
A oração do terço e do rosário
A oração do terço e do rosário
A oração do terço e do rosário
A oração do terço e do rosário
A oração do terço e do rosário
A oração do terço e do rosário
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

A oração do terço e do rosário

5.698 visualizações

Publicada em

Publicada em: Espiritual
1 comentário
2 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.698
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
33
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
116
Comentários
1
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A oração do terço e do rosário

  1. 1. O Rosário é formado por 200 Ave-Marias, o Terço por 50 Ave-Marias.<br /> <br />1. Fazer o Sinal da Cruz<br />Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.<br />2. Fazer o Oferecimento do Terço<br />Uno-me a todos os santos que estão no Céu, a todos os justos que estão sobre a Terra, a todas as almas fiéis que estão neste lugar. Uno-me a Vós, meu Jesus, para louvar dignamente Vossa Santa Mãe, e louvar-Vos a Vós, nela e por Ela. Renuncio a todas as distrações que me vierem durante este Rosário, que quero recitar com modéstia, atenção e devoção, como se fosse o último da minha vida.<br />Nós Vos oferecemos, Trindade Santíssima, este Credo, para honrar os mistérios todos de nossa Fé; este Pater (Pai Nosso) e estas três Ave-Marias, para honrar a unidade de vossa essência e a trindade de vossas pessoas. Pedimo-Vos uma fé viva, uma esperança firme e uma caridade ardente. Assim seja.<br />Pausa para meditar<br /> <br />3. Rezar o Credo, segurando a cruz do terço.<br />4. Rezar 1 Pai Nosso, segurando a conta grande logo após a cruz.<br />Dizer: Louvemos a Maria, Filha bem amada do Pai Eterno.<br />Em seguida rezar 1 Ave Maria, segurando a conta pequena que se segue.<br />Dizer: Louvemos a Maria, Mãe admirável de Deus Filho.<br />Em seguida rezar 1 Ave Maria, segurando a conta pequena que se segue.<br />Dizer: Esposa fidelíssima de Deus Espírito Santo.<br />Em seguida rezar 1 Ave Maria, segurando a conta pequena que se segue.<br />5. Rezar 1 Glória ao Pai.<br />Gloria ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo, assim como era no princípio, agora e sempre e por todos os séculos dos séculos, Amém.<br />6. Em seguida, Ó Meu Jesus perdoai-nos, livrai-nos do fogo do inferno, levai as almas todas para o céu, e socorrei principalmente as que mais precisarem.<br /> <br /> <br />Mistérios Gozosos (segundas e sábados)<br /> <br />Primeiro Mistério<br />Nós vos oferecemos, Senhor Jesus, esta primeira dezena, em honra a vossa Encarnação no seio de Maria; e vos pedimos, por esse mistério, e por sua intercessão uma profunda humildade. Assim seja.<br />Pausa para meditar.<br />Rezar 1 Pai Nosso, segurando a conta maior que se segue.<br />Rezar 10 Ave Marias, segurando as 10 contas menores que se seguem.<br />Rezar 1 Glória ao Pai.<br />Ó Meu Jesus perdoai-nos, livrai-nos do fogo do inferno, levai as almas todas para o céu, e socorrei principalmente as que mais precisarem.<br />Graças ao mistério da Encarnação, descei em nossas almas. Assim seja.<br /> <br />Segundo Mistério<br />Nos vos oferecemos, Senhor Jesus, esta segunda dezena, em honra da visitação de vossa santa Mãe à sua prima santa Isabel e da santificação de São João Batista; e vos pedimos, por esse mistério e pela intercessão de vossa Mãe Santíssima, a caridade para com o nosso próximo. Assim seja.<br />Pausa para meditar.<br />Rezar 1 Pai Nosso, <br />Rezar 10 Ave Marias, <br />Rezar 1 Glória ao Pai.<br />Ó Meu Jesus perdoai-nos, livrai-nos do fogo do inferno, levai as almas todas para o céu, e socorrei principalmente as que mais precisarem.<br />Graças ao mistério da visitação, descei em nossas almas. Assim seja.<br /> <br />Terceiro Mistério<br />Nós vos oferecemos, Senhor Jesus, esta terceira dezena, em honra ao vosso nascimento no estábulo de Belém; e vos pedimos, por este mistério e pela intercessão de vossa Mãe Santíssima, o desapego dos bens terrenos e ao amor a pobreza. Assim seja.<br />Pausa para meditar.<br />Rezar 1 Pai Nosso, <br />Rezar 10 Ave Marias, <br />Rezar 1 Glória ao Pai.<br />Ó Meu Jesus perdoai-nos, livrai-nos do fogo do inferno, levai as almas todas para o céu, e socorrei principalmente as que mais precisarem.<br />Graças ao mistério do nascimento de Jesus, descei em nossas almas. Assim seja.<br /> <br />Quarto Mistério<br />Nós vos oferecemos, Senhor Jesus, esta quarta dezena, em honra a vossa apresentação ao templo, e da purificação de Maria; e vos pedimos, por este mistério e por sua intercessão, uma grande pureza de corpo de alma. Assim seja.<br />Pausa para meditar.<br />Rezar 1 Pai Nosso, <br />Rezar 10 Ave Marias, <br />Rezar 1 Glória ao Pai.<br />Ó Meu Jesus perdoai-nos, livrai-nos do fogo do inferno, levai as almas todas para o céu, e socorrei principalmente as que mais precisarem.<br />Graças ao mistério da purificação descei, descei em nossas almas. Assim seja.<br /> <br />Quinto Mistério<br />Nós vos oferecemos, Senhor Jesus, esta quinta dezena, em honra ao vosso reencontro por Maria; e vos pedimos, por este mistério; e por sua intercessão, a verdadeira sabedoria.<br />Rezar 1 Pai Nosso, <br />Rezar 10 Ave Marias, <br />Rezar 1 Glória ao Pai.<br />Ó Meu Jesus perdoai-nos, livrai-nos do fogo do inferno, levai as almas todas para o céu, e socorrei principalmente as que mais precisarem.<br />Graças ao mistério do reencontro de Jesus, descei em nossas almas. Assim seja.<br /> <br />Mistérios Dolorosos (terças e sextas-feiras)<br /> <br />Sexto Mistério<br />Nós vos oferecemos, Senhor Jesus, esta sexta dezena, em honra a vossa agonia mortal no Jardim das Oliveiras; e vos pedimos, por este mistério e pela intercessão de vossa Mãe Santíssima, a contrição de nossos pecados. Assim seja.<br />Pausa para meditar.<br />Rezar 1 Pai Nosso, <br />Rezar 10 Ave Marias, <br />Rezar 1 Glória ao Pai.<br />Ó Meu Jesus perdoai-nos, livrai-nos do fogo do inferno, levai as almas todas para o céu, e socorrei principalmente as que mais precisarem.<br />Graças ao mistério da agonia de Jesus, descei em nossas almas. Assim seja.<br /> <br />Sétimo Mistério<br />Nós vos oferecemos, Senhor Jesus, esta sétima dezena, em honra a vossa sangrenta flagelação; e vos pedimos, por este mistério e pela intercessão de vossa Mãe santíssima, a mortificação de nossos sentidos. Assim seja.<br />Pausa para meditar<br />Rezar 1 Pai Nosso, <br />Rezar 10 Ave Marias, <br />Rezar 1 Glória ao Pai.<br />Ó Meu Jesus perdoai-nos, livrai-nos do fogo do inferno, levai as almas todas para o céu, e socorrei principalmente as que mais precisarem.<br />Graças ao mistério da flagelação de Jesus, descei em nossas almas. Assim seja.<br /> <br />Oitavo Mistério<br />Nós vos oferecemos, Senhor Jesus, esta oitava dezena, em honra de vossa coroação de espinhos; e vos pedimos por este mistério e pela intercessão de vossa Mãe Santíssima, o desprezo do mundo. Assim seja.<br />Pausa para meditar.<br />Rezar 1 Pai Nosso, <br />Rezar 10 Ave Marias, <br />Rezar 1 Glória ao Pai.<br />Ó Meu Jesus perdoai-nos, livrai-nos do fogo do inferno, levai as almas todas para o céu, e socorrei principalmente as que mais precisarem.<br />Graças ao mistério da coroação de espinhos, descei em nossas almas. Assim seja.<br /> <br />Nono Mistério<br />Nós vos oferecemos, Senhor Jesus, esta nona dezena, em honra do carregamento da Cruz; e vos pedimos, por este mistério e pela intercessão de vossa Mãe Santíssima, a paciência em todas as nossas cruzes. Assim seja.<br />Pausa para meditar.<br />Rezar 1 Pai Nosso, <br />Rezar 10 Ave Marias, <br />Rezar 1 Glória ao Pai.<br />Ó Meu Jesus perdoai-nos, livrai-nos do fogo do inferno, levai as almas todas para o céu, e socorrei principalmente as que mais precisarem.<br />Graças ao mistério do carregamento da cruz, descei em nossas almas. Assim seja.<br /> <br />Décimo Mistério<br />Nós vos oferecemos, Senhor Jesus, esta décima dezena, em honra a vossa crucificação e morte ignominiosa sobre o calvário; e vos pedimos por este mistério e pela intercessão de vossa Mãe Santíssima, a conversão dos pecadores, a perseverança dos justos e o alívio das almas do purgatório. Assim seja.<br />Pausa para meditar.<br />Rezar 1 Pai Nosso, <br />Rezar 10 Ave Marias, <br />Rezar 1 Glória ao Pai.<br />Ó Meu Jesus perdoai-nos, livrai-nos do fogo do inferno, levai as almas todas para o céu, e socorrei principalmente as que mais precisarem.<br />Graças ao mistério da crucificação de Jesus descei em nossas almas. Assim seja.<br /> <br /> <br />Mistérios Gloriosos (Quartas e domingos)<br /> <br />Décimo-Primeiro Mistério<br />Nós vos oferecemos, Senhor Jesus, esta undécima dezena, em honra a vossa ressurreição gloriosa; e vos pedimos, por este mistério e pela intercessão de vossa Mãe Santíssima, o amor a Deus e o fervor ao vosso serviço. Assim seja.<br />Pausa para meditar.<br />Rezar 1 Pai Nosso, <br />Rezar 10 Ave Marias, <br />Rezar 1 Glória ao Pai.<br />Ó Meu Jesus perdoai-nos, livrai-nos do fogo do inferno, levai as almas todas para o céu, e socorrei principalmente as que mais precisarem.<br />Graças ao mistério da ressurreição, descei em nossas almas. Assim seja.<br /> <br />Décimo-Segundo Mistério<br />Nós vos oferecemos, Senhor Jesus, esta duodécima dezena, em honra a vossa triunfante ascensão; e vos pedimos, por este mistério e pela intercessão de vossa Mãe Santíssima, um ardente desejo do céu, nossa cara pátria. Assim seja.<br />Pausa para meditar.<br />Rezar 1 Pai Nosso, <br />Rezar 10 Ave Marias, <br />Rezar 1 Glória ao Pai.<br />Ó Meu Jesus perdoai-nos, livrai-nos do fogo do inferno, levai as almas todas para o céu, e socorrei principalmente as que mais precisarem.<br />Graças ao mistério da ascensão descei, em nossas almas. Assim seja.<br /> <br />Décimo-Terceiro Mistério<br />Nós vos oferecemos, Senhor Jesus, esta décima terceira dezena, em honra do mistério de Pentecostes; e vos pedimos, por este mistério e pela intercessão de vossa Mãe Santíssima, a descida do Espírito Santo em nossas almas. Assim seja.<br />Pausa para meditar.<br />Rezar 1 Pai Nosso, <br />Rezar 10 Ave Marias, <br />Rezar 1 Glória ao Pai.<br />Ó Meu Jesus perdoai-nos, livrai-nos do fogo do inferno, levai as almas todas para o céu, e socorrei principalmente as que mais precisarem.<br />Graças ao mistério de Pentecostes, descei em nossas almas. Assim seja.<br /> <br />Décimo-Quarto Mistério<br />Nós vos oferecemos, Senhor Jesus, esta décima quarta dezena, em honra da ressurreição e triunfal assunção de vossa Mãe ao céu; e vos pedimos, por este mistério e por sua intercessão, uma terna devoção a tão boa mãe. Assim seja.<br />Pausa para meditar.<br />Rezar 1 Pai Nosso, <br />Rezar 10 Ave Marias, <br />Rezar 1 Glória ao Pai.<br />Ó Meu Jesus perdoai-nos, livrai-nos do fogo do inferno, levai as almas todas para o céu, e socorrei principalmente as que mais precisarem.<br />Graças ao mistério da assunção descei em nossas almas. Assim seja.<br /> <br />Décimo-Quinto Mistério<br />Nós vos oferecemos, Senhor Jesus esta décima quinta dezena, em honra da coroação gloriosa de vossa Mãe Santíssima no céu; e vos pedimos, por este mistério e por sua intercessão, a perseverança na graça e a coroa da glória. Assim seja.<br />Pausa para meditar.<br />Rezar 1 Pai Nosso, <br />Rezar 10 Ave Marias, <br />Rezar 1 Glória ao Pai.<br />Ó Meu Jesus perdoai-nos, livrai-nos do fogo do inferno, levai as almas todas para o céu, e socorrei principalmente as que mais precisarem.<br />Graças aos mistérios da coroação gloriosa de Maria, descei em nossas almas. Assim seja.<br /> <br /> <br />MISTÉRIOS DA LUZ (quintas-feiras):<br />Primeiro Mistério<br />Neste mistério contemplamos o Batismo de Jesus, feito por João Batista, no Rio Jordão. Enquanto Cristo desce à água do rio Jordão, como inocente que se faz pecado por nós (cf 2Cor 5,21), o céu se abre e a voz do Pai proclama-o Filho amado (cf Mt 3,17), ao mesmo tempo em que o Espírito o investe na missão que o esperava.<br />Pausa para meditar.<br />Rezar 1 Pai Nosso, <br />Rezar 10 Ave Marias, <br />Rezar 1 Glória ao Pai.<br />Ó Meu Jesus perdoai-nos, livrai-nos do fogo do inferno, levai as almas todas para o céu, e socorrei principalmente as que mais precisarem.<br />Jesus, manso e humilde de coração, fazei o nosso coração semelhante ao Vosso.<br />Segundo Mistério<br />Neste mistério contemplamos Jesus, nas Bodas de Caná, transformando a água em vinho a pedido de Maria. Mistério de luz é o inicio dos sinais em Caná (cf Jo 2, 1-12), quando Cristo, transformando a água em vinho, abre à fé o coração dos discípulos graças à intervenção de Maria, a primeira entre os que crêem.<br />Pausa para meditar.<br />Rezar 1 Pai Nosso, <br />Rezar 10 Ave Marias, <br />Rezar 1 Glória ao Pai.<br />Ó Meu Jesus perdoai-nos, livrai-nos do fogo do inferno, levai as almas todas para o céu, e socorrei principalmente as que mais precisarem.<br />Jesus, manso e humilde de coração, fazei o nosso coração semelhante ao Vosso.<br />Terceiro Mistério<br />Neste mistério contemplamos Jesus anunciando o Advento do Reino e o convite à conversão. Mistério de luz é a pregação com a qual Jesus anuncia o advento do Reino de Deus e convida à conversão (cf Mc 1,15), perdoando os pecados de quem a ele se dirige com humilde confiança (cf Mc 2,3-1; Lc 7,47s), início do mistério de misericórdia que ele prosseguirá exercendo até o fim do mundo, especialmente da reconciliação confiado à sua Igreja (cf Jo 20,22s)<br />Pausa para meditar.<br />Rezar 1 Pai Nosso, <br />Rezar 10 Ave Marias, <br />Rezar 1 Glória ao Pai.<br />Ó Meu Jesus perdoai-nos, livrai-nos do fogo do inferno, levai as almas todas para o céu, e socorrei principalmente as que mais precisarem.<br />Jesus, manso e humilde de coração, fazei o nosso coração semelhante ao Vosso.<br />Quarto Mistério<br />Neste mistério contemplamos a Transfiguração de Jesus no monte Tabor. Mistério da luz por excelência é a transfiguração que, segundo a tradição, se deu no monte Tabor. A glória da divindade reluz no rosto de Cristo, enquanto o Pai o apresenta aos apóstolos extasiados para que o "escutem" (cf Lc 9,35) e se disponham a viver com ele o momento doloroso da paixão, a fim de chegarem com ele à glória da ressurreição e a uma vida transfigurada pelo Espírito Santo.<br />Pausa para meditar.<br />Rezar 1 Pai Nosso, <br />Rezar 10 Ave Marias, <br />Rezar 1 Glória ao Pai.<br />Ó Meu Jesus perdoai-nos, livrai-nos do fogo do inferno, levai as almas todas para o céu, e socorrei principalmente as que mais precisarem.<br />Jesus, manso e humilde de coração, fazei o nosso coração semelhante ao Vosso.<br />Quinto Mistério<br />Neste mistério contemplamos a Instituição da Eucaristia, onde Jesus faz alimento com seu corpo e o seu sangue. Mistério da luz é, enfim, a instituição da Eucaristia, na qual Cristo se faz alimento com o seu corpo e o seu sangue sob os sinais do pão e do vinho, testemunhando "até o extremo" o seu amor pela humanidade (Jo 13,1), por cuja salvação se oferecerá em sacrifício.<br />Pausa para meditar.<br />Rezar 1 Pai Nosso, <br />Rezar 10 Ave Marias, <br />Rezar 1 Glória ao Pai.<br />Ó Meu Jesus perdoai-nos, livrai-nos do fogo do inferno, levai as almas todas para o céu, e socorrei principalmente as que mais precisarem.<br />Jesus, manso e humilde de coração, fazei o nosso coração semelhante ao Vosso.<br />Fazer o Agradecimento ao final do terço ou do santo rosário.<br />Agradecimento do Terço<br />Infinitas graças vos damos, Soberana Rainha, pelos benefícios que todos os dias recebemos de vossas mãos liberais. Dignai-vos agora e para sempre tomar-nos debaixo de vosso poderoso amparo e para mais nos obrigar vos saudamos com uma Salve Rainha....<br /> <br />Rezar uma Salve Rainha:<br />Salve Rainha, Mãe de misericórdia, vida, doçura e esperança nossa, Salve!A vós bradamos os degredados filhos de Eva.A vós suspiramos, gemendo e chorando neste vale de lágrimas.Eia pois, advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei.E depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto de vosso ventre.Ó clemente ! Ó piedosa ! Ó doce sempre Virgem Maria! <br />V. Rogai por nós Santa Mãe de Deus.<br />R. Para que sejamos dignos das promessas de Cristo<br />Rezar a Ladainha de Nossa Senhora.<br />Senhor, tende piedade de nós.Jesus Cristo, tende piedade de nós.Senhor, tende piedade de nós.<br />Jesus Cristo, ouvi-nos.Jesus Cristo, atendei-nos. <br />Pai celeste que sois Deus, tende piedade de nós.Filho, Redentor do mundo, que sois Deus, tende piedade de nós.Espírito Santo, que sois Deus, tende piedade de nós.Santíssima Trindade, que sois um só Deus, tende piedade de nós. <br />Santa Maria, rogai por nós.Santa Mãe de Deus,Santa Virgem das Virgens,Mãe de Jesus Cristo,Mãe da divina graça, Mãe puríssima, Mãe castíssima, Mãe imaculada, Mãe intacta, Mãe amável, Mãe admirável,Mãe do bom conselho,Mãe do Criador, Mãe do Salvador, Virgem prudentíssima,Virgem venerável, Virgem louvável, Virgem poderosa, Virgem clemente, Virgem fiel, Espelho de justiça, Sede de sabedoria, Causa da nossa alegria, Vaso espiritual, Vaso honorífico, Vaso insígne de devoção, Rosa mística, Torre de David, Torre de marfim, Casa de ouro, Arca da aliança, Porta do céu, Estrela da manhã, Saúde dos enfermos, Refúgio dos pecadores,Consoladora dos aflitos, Auxílio dos cristãos, Rainha dos anjos, Rainha dos patriarcas, Rainha dos profetas, Rainha dos apóstolos, Rainha dos mártires, Rainha dos confessores, Rainha das virgens, Rainha de todos os santos, Rainha concebida sem pecado original,Rainha elevada ao céu, Rainha do sacratíssimo Rosário, Rainha da paz, <br />Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo,perdoai-nos Senhor.Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo,ouvi-nos Senhor.Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo,tende piedade de nós. <br />V. Rogai por nós, Santa Mãe de Deus,<br />R. Para que sejamos dignos das promessas de Cristo. <br />Oremos.Senhor Deus, nós Vos suplicamos que concedais aos vossos servos perpétua saúde de alma e de corpo; e que, pela gloriosa intercessão da bem-aventurada sempre Virgem Maria, sejamos livres da presente tristeza e gozemos da eterna alegria.<br />Por Cristo Nosso Senhor.<br />Amém.<br />(no mês de outubro)<br />V. Rogai por nós, Rainha do Sacratíssimo Rosário,R. Para que sejamos dignos das promessas de Cristo.<br /> <br />Fazer a Saudação Final<br />Eu vos saúdo, Maria, Filha bem-amada do eterno Pai, Mãe admirável do Filho, Esposa mui fiel do Espírito Santo, templo augusto da santíssima trindade; eu vos saúdo soberana Princesa, a quem tudo está submisso no céu e na terra; eu vos saúdo, seguro refúgio dos pecadores, nossa Senhora da Misericórdia, que jamais repeliste pessoa alguma. Pecador que sou, me prostro aos vossos pés, e vos peço de me obter de Jesus, vosso amado filho, a contrição e o perdão de todos os meus pecados, e a divina sabedoria. Eu me consagro todo a vós, com tudo o que possuo. Eu vos tomo, hoje, por minha Mãe e Senhora. Tratai-me, pois, como o ultimo de vossos filhos e o mais obediente de vossos escravos. Atendei, minha Princesa, atendei aos suspiros de um coração que seja amar-vos e servi-vos fielmente. Que ninguém diga que, entre todos que a vós recorreram, seja eu o primeiro desamparado. Ó minha esperança, Ó minha vida, Ó minha fiel e imaculada Virgem Maria defendei-me, nutri-me, escutai-me, instruí-me, salvai-me. Assim seja. Em Nome do Pai, (+) do Filho e do Espírito Santo. Amém.<br />Indulgências do Rosário <br />a) Os fiéis quando recitarem a terça parte do Rosário com devoção podem lucrar:<br />         Uma indulgência de 5 anos (Bula "Ea quae ex fidelium", Sixto IV, 12 de maio 1479 ; S. C. Ind., 29 de agosto 1899 ; S. P. Ap., 18 de março 1932).<br />         Uma indulgência plenária  nas condições usuais, se eles rezarem [o terço] durante o mês inteiro(Pio XII ,22 de janeiro1952.)<br />b) Se rezarem a terça parte do Rosário em companhia de outros         Uma indulgência de 10 anos, uma vez ao dia;<br />         Uma indulgência plenária no ultimo Domingo de cada mês, juntamente com confissão, Comunhão e visita a uma igreja ou oratório público, se realizarem tal recitação ao mês três vezes em alguma das semanas precedentes, seja em público ou privado, podem lucrar:<br />Se, de qualquer forma, rezarem juntos em família, além da indulgência parcial de 10 anos, lhes é concedido:<br />Uma indulgência plenária duas vezes ao mês, se realizarem a recitação diariamente durante um mês, forem à confissão, receberem a Santa Comunhão e visitarem alguma igreja ou oratório. (S. C. Ind., 12 de maio de 1851 e 29 agosto de 1899; S. P. Ap., 18 de março de 1932 e 26 de julho de 1946).<br />Os fiéis que diariamente recitam a terça parte do Rosário com devoção em um grupo familiar além das indulgências concedidas em b) também lhes é concedida uma Indulgência Plenária sob condição de Confissão, Comunhão a cada Sábado, em dois outros dias da semana  e em cada uma das Festas da Beatíssima Virgem Maria no Calendário Universal, nomeadamente – A Imaculada Conceição, a Purificação, a Aparição da Beata Senhora em Lourdes, a Anunciação, as Sete Dores (sexta-feira da semana da paixão), a Visitação, Nossa Senhora do Carmo; Nossa Senhora das Neves, a Assunção, o Imaculado Coração de Maria, a Natividade da Santíssima Virgem, as Sete Dores (15 de setembro), Nossa Senhora do Sacratíssimo Rosário, a Maternidade da Beata Virgem Maria, a Apresentação da Beata Virgem Maria (S.P. Ap. 11 de outubro d e 1959)<br />c) Aqueles que piamente recitarem a terça parte do Rosário na presença do Santíssimo Sacramento Uma indulgência plenária, sob condição de confissão e Comunhão (B. Apostólico, 4 de setembro de 1927), publicamente exposto ou mesmo reservado no tabernáculo, nas vezes que o fizerem, poderão lucrar:<br />Notas:<br />1.     As dezenas podem ser separadas se o terço todo for completado no mesmo dia (S. C. Iml.., 8 de julho de 1908.)<br />2.     Se, como é o costume durante a recitação do Rosário, os fiéis fizeram uso do terço, eles podem lucrar outras indulgências em adição àquelas enumeradas acima, se o terço for abençoado por um religioso da Ordem dos Pregadores ou outro padre tendo faculdades especiais. (S. C. Ind., 13 de abril de 1726. 22 de Janeiro de 1858 e 29 de Agosto de 1899). Raccolta 395. <br />  <br />Exercícios de Devoção <br />Os fiéis que a qualquer tempo do ano devotamente oferecerem suas orações em honra a Nossa Senhora do Rosário, com a intenção de continuar as mesmas por nove dias consecutivos, podem lucrar:  <br />Uma indulgência de 5 anos uma vez a qualquer dia da novena;  <br />Uma indulgência plenária sob as condições usuais no encerramento da novena.  (Pio IX, Audiência de  3 de Janeiro de 1849; S. C. dos Bispos e Religiosos, 28 de Janeiro de 1850; S. C. Ind., 26 de novembro de 1876; S. P. Ap., 29 de junho de 1932) V Raccolta 396<br /> <br />Os fiéis que resolverem realizar um exercício de devoção em honra a Nossa Senhora do Rosário por quinze ininterruptos Sábados (ou sendo impedidos, por quantos respectivos Domingos imediatamente seguintes), se devotamente recitarem no mínimo a terça parte do Rosário ou meditarem seus mistérios em alguma outra maneira, podem lucrar:  <br />Uma indulgência plenária sob as condições usuais, em qualquer destes quinze Sábados ou Domingos correspondentes (S. C. Ind., 21 de setembro de 1889 e 17 de setembro de 1892; S. P. Ap.. 3 de agosto de 1936). Raccolta 397<br />Os fiéis que durante o mês de Outubro recitarem no mínimo a terça parte do Rosário, publica ou privadamente, podem lucrar:  <br />Uma indulgência de 7 anos por dia;<br />Uma indulgência plenária, se realizarem este devoto exercício na Festa do Rosário e em sua Oitava, e além disso, forem à confissão, receberem a Santa Comunhão e visitarem uma igreja ou oratório público;  <br />Uma indulgência plenária, juntamente com confissão, Santa Comunhão e visita a uma igreja ou oratório público, se realizarem a mesma recitação do Santo Rosário por no mínimo dez dias depois da Oitava da supracitada Festa ((S. C. Ind.,  23 de Julho de 1898 e 29 de Agosto de 1899; S. P. Ap., 18 de Março de 1932). Raccolta 398<br />Uma indulgência de 500 dias pode ser lucrada uma vez ao dia pelos fiéis que, beijando o Santo Rosário que carregam consigo, ao mesmo tempo recitarem a primeira parte da Ave Maria até “Jesus”, inclusive. (Sagrada Congregação da Penitenciária Apostólica. 30 de março de 1953)<br />Palavras de São Luís Maria Grignion de Montfort sobre o Santo Rosário<br />"Não é possível expressar quanto a Santíssima Virgem estima o Rosário sobre todas as demais devoções, e quão magnânimo é ao recompensar os que trabalham para pregá-lo, estabelecê-lo e cultivá-lo. Recitado enquanto são meditados os mistérios sagrados, o Rosário é manancial de maravilhosos frutos e depósito de toda espécie de bens. Através dele, os pecadores obtêm o perdão; as almas sedentas se saciam; os que choram acham alegria; os que são tentados, a tranqüilidade; os pobres são socorridos; os religiosos, reformados; os ignorantes, instruídos; os vivos triunfam da vaidade, e as almas do purgatório (por meio de sufrágios) encontram alívio. Perseverai, portanto, nessa santa devoção, e tereis a coroa admirável preparada no Céu para a vossa fidelidade”.<br /> <br />MONTFORT, São Luís Maria Grignion de, Tratado Da Verdadeira Devoção à Santíssima Virgem, Rio De Janeiro: Vozes, 28º edição.<br />Fonte: MONTFORT Associação Cultural http://www.montfort.org.br<br /> NPD Brasil <br /> http://www.npdbrasil.com.br<br />

×