Secretaria de estado de educação do df

95 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
95
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Secretaria de estado de educação do df

  1. 1. SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO DO DF – CREC CENTRO DE ENSINO MÉDIO 03-EJA DISCIPLINA : HISTÓRIA_ SEGMENTO:_2º SEMESTRE: 6º TURMA:_C_ PROFESSORa: Rosimeiry Aluno: (A):_____________________________________________________ Data: ___ / /2015 Avaliação final- 6ª C Observações: Responder com caneta azul ou preta. Questão rasurada será anulada. Há apenas uma resposta correta para cada questão. Marque com um (X) a resposta correta. 1º) O Brasil foi colônia de Portugal por mais de três séculos (1500-1822). Durante esse período, o poder sempre foi exercido por um monarca que governava de maneira absoluta, ou seja, centralizava todos os poderes e intervinha diretamente na economia. Nesse período, o Brasil foi submetido a diversas obrigações em relação a Portugal: a principal delas era o pacto colonial, que previa uma série de restrições comerciais da metrópole sobre a colônia. a) ( ) No período colonial, o Brasil foi submetido a várias obrigações em relação a Portugal devido ao fato de ser colônia deste, o pacto colonial era a principal obrigação
  2. 2. comercial na qual previa uma série de restrições comerciais da metrópole sobre a colônia. b) ( ) Por mais de três séculos o Brasil foi governado por um monarca que representava o governo português de forma absoluta, só que tinha a liberdade de comercializar com outros países. c) ( ) O governo português exercia seu governo de forma democrática em suas colônias e o Brasil estava incluído nesse modo de administrar o poder . 2º) Em fins do século XVIII, 1789, grupos da elite econômica e intelectual passaram a reunir-se em Vila Rica (atual Ouro Preto), na região das Minas Gerais, para conspirar contra o domínio colonial. Esse movimento ficou conhecido como Conjuração Mineira. Tinham o objetivo de promover o desenvolvimento econômico da região e conquistar o perdão de todas as dívidas com a Coroa. Contudo, o principal objetivo era tornar Minas Gerais uma república independente. a) ( ) A Conjuração Mineira teve a participação da população mais pobre da sociedade mineira. b) ( ) O movimento emancipacionista conhecido como Conjuração Mineira foi formado por grupos da elite econômica e intelectual, principalmente de Minas Gerais e tinham como principal objetivo tornar Minas Gerais uma república independente . c) ( ) A Conjuração Mineira pretendia manter o Brasil e a região de Minas Gerais dependente da metrópole que era Portugal. 3º) A Conjuração Baiana ou Revolta dos Alfaiates foi um movimento de caráter popular que aconteceu em Salvador, na Bahia, em 1798. Entre seus líderes e adeptos havia pequenos comerciantes, artesãos, soldados, mulatos, negros libertos e escravizados, além de alguns brancos mais abastados. Motivos da participação popular: A carestia e a escassez de alimentos, associadas às más condições de vida de grande parte da
  3. 3. população, criaram em Salvador um ambiente propício para a revolta. a) ( ) A Conjuração Baiana foi um movimento emancipacionista que teve a participação de uma parte da população e dos donos de engenhos, produtores de açúcar. b) ( ) A Conjuração Baiana ocorreu em Salvador, Bahia (1798) e defendia o emprego da mão de obra escrava no cultivo da cana de açúcar. c) ( ) Diferente da Conjuração Mineira (Minas Gerais-1789), a Conjuração Baiana (Salvador-Bahia-1798), foi um movimento emancipacionista que teve um caráter popular, pois teve como participantes e líderes: comerciantes, artesãos, soldados, mulatos, negros libertos e escravizados, além de alguns brancos mais abastados.

×