Ambiente sustentabilidade e cidade

272 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
272
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ambiente sustentabilidade e cidade

  1. 1. Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação (FABICO) CURSO DE MUSEOLOGIA BIB03234 – Cultura e Cidadania e Ambiente Período Letivo: 2014/1 Prof.: Valdir Morigi Alunos: João Máximo Simoni Rogerio C P Almeida 1
  2. 2. AMBIENTE, SUSTENTABILIDADE E CIDADE Maria Eugénia Rodrigues Maria Eugénia Rodrigues Socióloga, docente do Departamento de Sociologia Instituto de Ciências Sociais da Universidade do Minho, investigadora do Centro de Investigação em Ciências Sociais (CICS). Tem desenvolvido pesquisa sobre o “Modos de Monitoração Leiga de Ambiente”. Trabalha em área que articulam os Estados Sociais da Ciência e da Tecnologia e Sociologia do Ambiente. Publicação: Monitorização da qualidade ambiental e dinâmica de participação públicas potencialidades e práticas da monetarização leiga. Participou da 9ª conferência Nacional do Ambiente em 2007. 2
  3. 3. AMBIENTE, SUSTENTABILIDADE E CIDADE Maria Eugénia Rodrigues Comentários introdutórios: Visão de ambiente no século XX está voltada a natureza e a vida rural; Proteção as paisagens; Os habitats; As espécies; Ao estado natural do ecosistema. 3
  4. 4. AMBIENTE, SUSTENTABILIDADE E CIDADE Maria Eugénia Rodrigues Exclusão da cidade que fica limitada em seu perímetro urbano. Hoje é consciente que as cidades estão na natureza e sofrem as consequências da natureza e se inserem nas questões ambientais. Reflexão: Metade da população existente hoje vive em cidades; Em 2030 81 % da população vivera em cidades As cidades consomem 75% dos recursos naturais, são imensos consumidores energéticos, responsáveis por 75% da emissões de gases (CO2). Milhões de toneladas de resíduo. 4
  5. 5. AMBIENTE, SUSTENTABILIDADE E CIDADE Maria Eugénia Rodrigues Repensar o espaço urbano; Redefinir a sua associação com o ambiente; Implicações para forma como esse espaço é organizado vivido; Se apresenta sob o tema sustentabilidade urbana ou das cidades sustentáveis; Passa a ser um recurso discursivo familiar, político, urbanista, cidadãos, de organizações internacionais. A cidade é parte central da solução para o desenvolvimento sustentável. 5
  6. 6. AMBIENTE, SUSTENTABILIDADE E CIDADE Maria Eugénia Rodrigues Problemas comuns à cidade diante da concentração populacional: Poluição; Planejamento; Transportes; energia. O crescimento desordenado, pelo movimento migratório de zonas rurais, denuncia a falta de estrutura das cidades, provocando um contínuo de problemas. As cidades não são imunes a natureza. Mas respondem aos problemas. Desde 1987 (ONU) a cidade é vista como um meio indispensável para alcançar o desenvolvimento sustentável. 6
  7. 7. AMBIENTE, SUSTENTABILIDADE E CIDADE Maria Eugénia Rodrigues Desafios que as cidades devem enfrentar para sanar seus problemas se resume no âmbito de três dimensões: da sustentabilidade urbana; Dimensão da participação e governação; de reafirmação; 7 Atitudes
  8. 8. AMBIENTE, SUSTENTABILIDADE E CIDADE Maria Eugénia Rodrigues SUSTENTABILIDADE E CIDADES SUSTENTÁVEIS Princípios da sustentabilidade* urbana ou transformação das cidades em cidades sustentáveis. Uma noção de sustentabilidade e a ideia de desenvolvimento sustentável. Aspecto essencial: o desenvolvimento sustentável não é tanto um programa de ação político-econômico, mas um projeto civilizacional, que advoga a reformulação de condições estruturais centrais das sociedades modernas sem facultar meios para sua concretização. (p.268) 8 * Consumir recursos naturais sem comprometer o futuro, permitir que a natureza tenha tempo de repor.
  9. 9. AMBIENTE, SUSTENTABILIDADE E CIDADE Maria Eugénia Rodrigues PEGADA ECOLÓGICA (PE) Um medidor que faculta a medida a cerca do desempenho ambiental de uma unidade física tendo em conta os recursos necessários para a manutenção dos padrões de consumo e a capacidade da Terra para sustentar tais padrões. 9 Obs. Indicador desenvolvido por William Rees e Matias Wackernagel, 1996.
  10. 10. AMBIENTE, SUSTENTABILIDADE E CIDADE Maria Eugénia Rodrigues PEGADA ECOLÓGICA (PE) É um instrumento central para a compreensão de como diferentes dimensões da urbanização aparentemente sem relação entre si e entre estas e o ambiente se articulam agindo decisivamente sobre o ambiente geral. 10
  11. 11. AMBIENTE, SUSTENTABILIDADE E CIDADE Maria Eugénia Rodrigues Revelando problemas ambientais. Alterações climáticas; Baixo desempenho na redução de emissões ; Concentração nas cidades as esperanças de resultados; A geração de resíduos. O processo civilizatório se preocupa em primeiro lugar a ocultar o que lhe ofende estética e moralmente. 11
  12. 12. AMBIENTE, SUSTENTABILIDADE E CIDADE Maria Eugénia Rodrigues A resposta para os resíduos está: Na criação de sistemas integrados de gestão de resíduos urbanos; na co-responsabilidade dos cidadãos (campanhas de redução de impactos – reduzir, reutilizar, reciclar). 12
  13. 13. AMBIENTE, SUSTENTABILIDADE E CIDADE Maria Eugénia Rodrigues Atuação de grupos e forçar os sistemas de produção e comércio a reduzir embalagens. Surge os cidadãos ambiental e eticamente corretos. Se concretizará as ações somente se suportada por políticas de caráter institucionais. E se houver debate socialmente que venha atender grande parte da população. 13
  14. 14. AMBIENTE, SUSTENTABILIDADE E CIDADE Maria Eugénia Rodrigues GOVERNAÇÃO PARA SUSTENTABILIDADE. Cidade sustentável .... deve ser acessível a seus cidadãos. As práticas administrativas e processos administrativos devem ser participado e partilhados para assegurar uma vivência equilibrada. A governação é dialogante e estabelece uma relação de colaboração advindo em políticas mais inclusivas facilitando a sustentabilidade, e a ideia de horizontalidade das decisões serve a vontade reguladora de fiscalização e controle por parte dos interessados. 14 Governação: ato ou efeito ou modo de governar.
  15. 15. AMBIENTE, SUSTENTABILIDADE E CIDADE Maria Eugénia Rodrigues O planejamento é condição primeira da sustentabilidade urbana e envolve diversos fatores; a mobilidade urbana A convivência com diversos meios de transportes; Justiça social; a pobreza urbana e os problemas ambientais; a exclusão baseada na etnicidade. A inclusão social é uma medida de sustentabilidade. 15
  16. 16. AMBIENTE, SUSTENTABILIDADE E CIDADE Maria Eugénia Rodrigues 16 A REVALORIZAÇAO DOS CONHECIMENTOS LOCAIS E LEIGOS Revitalização que decorre das pressões, do papel do conhecimento dos leigos e locais, a que foram sujeitos na fase mais agressiva dos processos de globalização; Afirmação que o saber resulta das práticas e exercícios de participação pública Conceito de sustentabilidade inerentemente sustenta estes tipos de saberes, sem se descuidar do conhecimento científico-formal.
  17. 17. AMBIENTE, SUSTENTABILIDADE E CIDADE Maria Eugénia Rodrigues 17 O problema é destacar saberes que se encontram deslocados e fora de épocas. Problemas que podem, ser fundamentados nos princípios de articulação de saberes (colaborativos, saber técnico). Que podem ser alcançados por via de processos tradicionais recuperados de acordo com aconselhamentos técnicos e uso de tecnologia. A compreensão pública da ciência procura analisar os processos e condições através dos quais os públicos poderão mais facilmente entender e apoiar os desenvolvimentos científicos e tecnológicos e sua aplicação.
  18. 18. AMBIENTE, SUSTENTABILIDADE E CIDADE Maria Eugénia Rodrigues 18 CONCLUSÕES Sustentabilidade urbana constitui um desafio; A realização de um futuro sustentável oferece mais perguntas do que respostas; As cidades são entidades que têm tanto de potencial como de proplemático; Será aos que nelas habitam que caberá dar respostas.
  19. 19. AMBIENTE, SUSTENTABILIDADE E CIDADE Maria Eugénia Rodrigues 19 CONCLUSÕES As cidades apresentam-se como a forma de organização mais eficiente e racional do ponto de vista da preservação dos recursos naturais e da defesa ambiental. Um futuro ambiental deve ser pensado não por oposição à natureza mas pensado como natureza.
  20. 20. AMBIENTE, SUSTENTABILIDADE E CIDADE Maria Eugénia Rodrigues 20 REFERÊNCIA RODRIGES, Maria Eugénia. Ambiente, sustentabilidade e cidade. In: FORTUNA, Carlos; PROENÇA, Rogerio (Org.). Plural de Cidade: léxicos e culturas urbana. Coimbra: Almedina, 2009. p. 266-279.

×