Apresentação de Resultados 2T09

266 visualizações

Publicada em

Publicada em: Turismo, Diversão e humor
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
266
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
41
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação de Resultados 2T09

  1. 1. Resultados 2T09 R lt d 07 de Agosto de 2009
  2. 2. Agenda • Destaques • Resultados 2T09 • Perspectivas 2
  3. 3. Destaques Operacionais/Administrativos Aproveitamento d b A it t de benefício governamental, que estancou significativamente o fí i t l t i ifi ti t aumento de nossos créditos fiscais, em grande parte gerados na aquisição de matéria- p prima para produtos destinados à exportação. p p p ç Recuperação de R$ 9,9 milhões em créditos fiscais federais gerados em exercícios anteriores. anteriores Conclusão da instalação e montagem das novas laminadoras e impressoras, que já estão em operação e poderão atingir a plena capacidade, de 500 toneladas/mês, até o 4T09. / ê é Obtivemos em 22/7/2009 a re-certificação na Norma NBR ISO 90001-2008, com validade de 03 anos, que representa o ápice de nosso sistema de gestão integrado de qualidade, com excelência e melhoria contínua em nossos produtos e serviços. 3
  4. 4. Agenda • Destaques • Resultados 2T09 • Perspectivas 4
  5. 5. Caixa e Aplicações Financeiras O Caixa da Companhia aumentou R$ 92 8 milhões 92,8 milhões, 268,3 equivalente a 52,9%, na 246,5 comparação com o 2T08, e 8,8% 175,5 em relação ao 1T09; Esses aumentos deveram-se principalmente à maior geração de caixa operacional da Companhia, Companhia que chegou a R$ 67,8 milhões, um 2T08 1T09 2T09 aumento de 70,2% na comparação com o 1S08. Em ilhõ d R i E milhões de Reais 5
  6. 6. Dívida Líquida A Dívida Líquida da Companhia recuou 13 0% na comparação com 13,0% o 2T08, e 28,2% em relação ao 253,3 1T09; 208,9 181,8 Essas reduções deveram-se à maior geração de caixa operacional, à diminuição da Dívida Total em R$ 49 8 milhões 49,8 devido ao pagamento de juros 2T08 1T09 2T09 semestrais e principal, e um dólar de final de junho menor em 15,7% em relação ao de final de março . Em ilhõ d R i E milhões de Reais 6
  7. 7. Endividamento/ Caixa Dívida Líquida Consolidada (R$ MM) 31/03/09 30/06/09 Dívida total Financiamento Curto Prazo 41,4 56,9 Financimento Longo Prazo 458,4 393,1 Total 499,8 450,0 Caixa 246,5 268,3 Dívida líquida 253,3 181,8 181 8 Dívida líquida / EBITDA 2,1 1,5 7
  8. 8. Volume de Vendas Total 24,1 As vendas de Nãotecidos 0,5 05 cresceram, 4,1% cresceram 4 1% no 2T09 em 5,7 Total Total relação ao registrado no 1T09, com 15,9 16,5 recuperação gradativa de volumes 1,2 1,0 ao longo do 1S09; - Comparativamente ao 2T08, a 17,9 redução foi de 14,0%, devido 14,8 15,4 basicamente aos efeitos de retração econômica mundial. 2T08 1T09 2T09 Outros Tubos e Conexões Não Tecidos Em milhares de toneladas 8
  9. 9. Receita Líquida q Divisão Nãotecidos A Receita Líquida de Nãotecidos 103,7 , 98,2 apresentou recuo de , 5 4% no 2T09 5,4% 92,9 em relação ao registrado no 1T09, em função da valorização do Real frente ao dólar ocorrida ao longo do 2T09 que afetou diretamente nossas exportações; Comparativamente ao 2T08 a 2T08, redução foi de 10,4%, devido basicamente aos efeitos de retração econômica mundial e à redução nos 2T08 1T09 2T09 preços de nossa principal matéria- prima em parte repassados aos clientes. Em ilhõ d R i E milhões de Reais 9
  10. 10. Custo do Produto Vendido – Divisão de Nãotecidos Os custos com produtos vendidos (CPV) totalizaram R$ 60,7 milhões no 2T09, uma 70,4 redução de 13,8% se comparado com os R$ 70,4 milhões registrados no 2T08; 59,1 60,7 Na N comparação com o 1T09 h ã houve ligeiro incremento de 2,7% no CPV; 3,83 3,71 Redução de 4,2% no CPV unitário em 3,67 comparação com o 2T08; Na comparação com o 1T09 a redução unitária f i d 1 1% itá i foi de 1,1%. 2T08 1T09 2T09 CPV Unitário 10
  11. 11. EBITDA (R$ milhões) e Margem EBITDA (%) O Ebitda da Divisão de 31,5 Nãotecidos fechou Nã t id f h o 2T09 em R$ 27,9 27,1 27,1 milhões, com margem de 29,2%, resultando em um acréscimo de 2,3 p.p. em relação , pp ç ao 2T08. 32,1% 29,2% Em relação ao 1T09 houve 26,9% redução d 14 0% em t d ã de 14,0% termos absolutos, e de 2,9 p.p. na margem. 2T08 1T09 2T09 Margem Ebitda Ajustado 11
  12. 12. Lucro Líquido (R$ milhões) q e Margem Líquida (%) 13,8 O lucro líquido no 2T09 atingiu R$ 11,1 milhões 10,9 11,1 (margem de 11,8%), contra lucro de R$ 13,8 milhões no 2T08 e de R$ 10,9 milhões no 1T09. 10,8% 10,9% 11,8% 2T08 1T09 2T09 Margem Líquida 12
  13. 13. Agenda • Destaques • Resultados 2T09 • Perspectivas 13
  14. 14. Perspectivas Estamos otimistas em relação às perspectivas de mercado para os próximos meses. Nossos volumes vem aumentando num crescente, crescente e ao longo do 2S09 esperamos que nossas máquinas atinjam plena capacidade de produção. Atribuímos a essa recuperação - que está acontecendo de forma gradual e contínua desde o início do 2T09 – o fato do nãotecido ser matéria prima matéria-prima também de bens de consumo não-duráveis, como fraldas descartáveis, e cuja comercialização está diretamente relacionada à renda mensal d f íli d l das famílias; Incremento da capacidade instalada de nãotecidos descartáveis higiênicos laminados e impressos, que aumentará a produção em 500 toneladas/mês até o 4T09. 14
  15. 15. CEO:Hermínio S. de Freitas CFO:Eduardo Feldmann Costa Gerente de RI: Gabriela Las Casas Gizele Rigoni Tel: (41) 3381-8673 Fax: (41) 3283-5909 São José dos Pinhais – PR www.providencia.com.br/ri As palavras “acredita”, “antecipa”, “espera”, “estima”, “irá”, “planeja”, “pode”, “poderá”, “pretende”, “prevê”, “projeta”, entre outras palavras com s g cado se e a te, tê po objet o de t ca est at as significado semelhante, têm por objetivo identificar estimativas e projeções. Estimativas e projeções futuras envolvem incertezas, riscos e p ojeções projeções. st at as p ojeções utu as e o e ce te as, scos premissas, pois incluem informações relativas aos nossos resultados operacionais futuros possíveis ou presumidos, estratégia de negócios, planos de financiamento, posição competitiva no mercado, ambiente setorial, oportunidades de crescimento potenciais, efeitos de regulamentação futura e efeitos da competição. Devido aos riscos e incertezas descritos acima, os eventos estimados e futuros discutidos nesta apresentação competição. podem não ocorrer e não são garantia de acontecimento futuro. A Providência não se obriga a atualizar essa apresentação mediante novas futuro. informações e/ou acontecimentos futuros. futuros.

×