CONFIDENCIAL
QUEM SOMOS 
A cEYE é uma empresa totalmente brasileira, fundada 
no inicio de 2014 no interior de São Paulo. Desde sua fun...
TENDÊNCIA 
Os Principais fatores que estão levando as empresas a aumentarem os investimentos em segurança: 
 Ataques a pe...
TENDÊNCIA 
Notícias sobre o mercado de Segurança da Informação: 
'Antivírus está morto', diz executivo da fabricante do an...
O DLP DE NOSSOS CONCORRENTES 
- Tempo de aquisição e implementação elevado; 
- Alto valor de investimento; 
- Necessidade ...
NOSSO DIFERENCIAL 
 Fácil aquisição; 
 Fácil instalação; 
 Interface de uso totalmente intuitiva; 
 Evidências na nuve...
cEYE INFORMATION SECURITY SUITE 
www.ceye.com.br – contato@ceye.com.br – Todos os Direitos Reservados 
Disponível nas segu...
PROTEÇÃO EM TEMPO REAL 
www.ceye.com.br – contato@ceye.com.br – Todos os Direitos Reservados 
CONFIDENCIAL
DLP cEYE 
NO COMPUTADOR NA NUVEM 
www.ceye.com.br – contato@ceye.com.br – Todos os Direitos Reservados 
CONFIDENCIAL
REGISTRO DE EVIDENCIAS 
www.ceye.com.br – contato@ceye.com.br – Todos os Direitos Reservados 
CONFIDENCIAL
O QUE COMPROMETE A SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO? 
www.ceye.com.br – contato@ceye.com.br – Todos os Direitos Reservados 
CONFIDE...
COMO PODEMOS LHE AJUDAR? 
 Tecnologia 100% nacional; 
 Tenha eficácia na segurança interna; 
 Controle de dados; 
 Evi...
VALOR DE VENDA DO PRODUTO 
www.ceye.com.br – contato@ceye.com.br – Todos os Direitos Reservados 
CONFIDENCIAL
SEGMENTOS DE ATUAÇÃO 
 Agroindústria; 
 Atacadistas 
 Cartórios; 
 Consultorias; 
 Escritórios de Advocacia; 
 Escri...
PARCERIAS 
CONFIDENCIAL
CONFIDENCIAL
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

cEYE | Apresentação do Produto

466 visualizações

Publicada em

Solução contra vazamento de informações.

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
466
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
260
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

cEYE | Apresentação do Produto

  1. 1. CONFIDENCIAL
  2. 2. QUEM SOMOS A cEYE é uma empresa totalmente brasileira, fundada no inicio de 2014 no interior de São Paulo. Desde sua fundação, a empresa está focada no desenvolvimento de um único produto que tem como objetivo aumentar a segurança da sua empresa evitando a saída de informações confidenciais sem as devidas permissões. Nossa missão é estabelecer a segurança da informação na vida de nossos clientes. Entendemos que não apenas empresas podem se beneficiar da segurança da informação, mas os benefícios podem se estender a qualquer usuário que deseja ter sua privacidade respeitada. Por isso queremos fazer parte da vida cotidiana de cada pessoa, queremos ajudá-las a manter a sua privacidade, ao passo que ajudamos empresas a manter a confidencialidade de seus arquivos. Nos orgulhamos do privilégio de tornar acessível a qualquer pessoa e empresa o cEYE, uma solução única e inovadora. A satisfação de nossos clientes é o que nos move. www.ceye.com.br – contato@ceye.com.br – Todos os Direitos Reservados CONFIDENCIAL
  3. 3. TENDÊNCIA Os Principais fatores que estão levando as empresas a aumentarem os investimentos em segurança:  Ataques a pequenas e médias empresas cresceram 31% no ultimo ano;  Conscientização dos executivos sobre a necessidade da segurança;  Conscientização que o ser humano é o elo mais frágil;  As condições econômicas;  Continuidade do negócio;  Reputação da empresa;  Exposição de informações sensíveis;  Perdas irrecuperáveis; Pesquisa Global de Segurança da Informação 2013 No Brasil, os resultados da pesquisa mostram que os investimentos em segurança da informação têm alcançado volumes significativos: 16% dos respondentes afirmam contar com orçamentos entre 1 e 9 milhões de dólares, enquanto 28,2% revelam que os gastos com segurança da informação sofreram elevação de até 10%. Uma parcela muito pequena dos participantes (4,4%) espera uma redução acima de 11%.No país, o cenário é de otimismo. Mais de 70% dos respondentes pretendem ampliar os investimentos em segurança da informação, principalmente em áreas emergentes, como dispositivos móveis (77%), redes sociais (74%) e proteção de dados (80%). Em contrapartida, para as práticas já consolidadas, como análise de vulnerabilidades e monitoramento das atividades de terceiros, o percentual de respondentes que aponta a elevação nos investimentos é inferior (60%). FONTE do Texto e do Gráfico ao lado: PwC www.ceye.com.br – contato@ceye.com.br – Todos os Direitos Reservados CONFIDENCIAL
  4. 4. TENDÊNCIA Notícias sobre o mercado de Segurança da Informação: 'Antivírus está morto', diz executivo da fabricante do antivírus Norton O antivírus, como solução de segurança para computadores, "está morto". Essa afirmação é de Brian Dye, vice-presidente de segurança de informação da Symantec, fabricante do antivírus Norton. Dye concedeu uma entrevista ao "Wall Street Journal", na qual explicou que a Symantec está se reinventando para ser uma prestadora de serviços de consultoria, auxiliando empresas a adotar as medidas necessárias quando forem vítimas de um ataque, por exemplo. De acordo com o executivo, os antivírus só detectam 45% das ameaças quando estas chegam aos computadores das vítimas. Isso se deve ao constante esforço de hackers para usar ferramentas de ataques novas ou modificadas para escapar das proteções dos antivírus, que em grande parte ainda dependem de conhecimento prévio sobre o código do vírus. Dye diz que a Symantec não vê mais o antivírus como um produto para "se fazer dinheiro", apesar de 40% das receitas da Symantec hoje estarem relacionadas com a venda de produtos e serviços de antivírus. A reportagem do "Wall Street Journal" observa que diversas empresas, como a Juniper Networks, a FireEye e a Shape Security estão desenvolvido tecnologias cujo objetivo não é mais a prevenção. Em vez disso, a ideia é detectar os ataques o mais rápido possível para minimizar o dano. A Symantec deverá oferecer serviços parecidos dentro de seis meses, entre os quais um relatório de inteligência que detalhará como e por que as empresas são atacadas por hackers. O objetivo é reverter o quadro de queda nas receitas da companhia, que também demitiu dois presidentes-executivos (CEOs) nos últimos dois anos. FONTE: G1 - http://g1.globo.com/tecnologia/noticia/2014/05/antivirus-esta-morto-diz-executivo-da-fabricante-do-antivirus-norton.html A Crise e o Furto de Dados por Funcionários Em cenários de mudança e de crise, é comum as empresas dispensarem funcionários. Assim como também, neste mesmo período, aumentam os incidentes de furto de informações praticados pelos próprios colaboradores. Afinal, o que pode ou não levar o empregado quando o mesmo é demitido? Tudo o que ele produziu é da empresa, está protegido por sigilo profissional, ou não? Vivemos a terceira grande revolução da humanidade, que impacta mudança de modelo socioeconômico. A riqueza social atual está baseada em conhecimento, o mesmo está em informações, que são dados, cada vez mais portáveis, com maior mobilidade. Além disso, devemos acrescentar que o próprio formato de trabalho mudou, não sendo mais apenas o modelo tradicional baseado no registro em carteira previsto pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). Desse modo, do lado de quem está a Lei em situações em que as informações são levadas por funcionários que foram demitidos? Qual o limite ético e de bom senso? O furto de informação é tipificável pelo artigo 155 do Código Penal, bem como pode também ser enquadrado em situação de quebra de sigilo profissional. No entanto, há uma situação que dificulta a análise, que envolve a própria evolução da tecnologia. Em princípio, para configurar furto, deveria ser deixado o bem indisponível para seu legítimo proprietário. Seria o caso de levar a informação embora, e não deixar nada. Mas e as situações de “copiar e colar”, em que se leva uma cópia apenas, mas a informação originária continua acessível a empresa? Além disso, como fica a questão do direito autoral, em que em sua faceta de proteção moral do autor abrange o direito de portfólio. Qual direito irá se sobrepor, o baseado na relação contratual e empregatícia ou o direito autoral? A análise desta questão não é simples. Em resumo, em dúvida, a interpretação mais favorável será sempre em favor do autor e/ou do empregado. Sendo assim, na verdade, cabe a empresa se proteger, através de documentação, de normas internas, de bons contratos com cláusulas de maior blindagem legal, prevendo a cessão de direitos autorais e a obrigatoriedade da manutenção do sigilo profissional claramente. FONTE: UOL - http://portalcallcenter.consumidormoderno.uol.com.br/seu-espaco/colunistas/patricia-peck/a-crise-e-o-furto-de-dados-por-funcionario CONFIDENCIAL www.ceye.com.br – contato@ceye.com.br – Todos os Direitos Reservados
  5. 5. O DLP DE NOSSOS CONCORRENTES - Tempo de aquisição e implementação elevado; - Alto valor de investimento; - Necessidade de especialista certificado; - Necessidade de servidor dedicado; www.ceye.com.br – contato@ceye.com.br – Todos os Direitos Reservados CONFIDENCIAL
  6. 6. NOSSO DIFERENCIAL  Fácil aquisição;  Fácil instalação;  Interface de uso totalmente intuitiva;  Evidências na nuvem invioláveis;  Solução única para todos (pode ser utilizado em casa ou em grandes corporações);  Baixo consumo de recursos do seu dispositivo;  Preço apresentado de forma direta e com valor acessível;  Monitoramento simplificado, apresentação de dados relevantes;  Beneficios imediatos após instalação;  Dispensa a necessidade de servidor no cliente;  Roadmap com novas features já estabelecido até o final de 2014; www.ceye.com.br – contato@ceye.com.br – Todos os Direitos Reservados CONFIDENCIAL
  7. 7. cEYE INFORMATION SECURITY SUITE www.ceye.com.br – contato@ceye.com.br – Todos os Direitos Reservados Disponível nas seguintes línguas: CONFIDENCIAL
  8. 8. PROTEÇÃO EM TEMPO REAL www.ceye.com.br – contato@ceye.com.br – Todos os Direitos Reservados CONFIDENCIAL
  9. 9. DLP cEYE NO COMPUTADOR NA NUVEM www.ceye.com.br – contato@ceye.com.br – Todos os Direitos Reservados CONFIDENCIAL
  10. 10. REGISTRO DE EVIDENCIAS www.ceye.com.br – contato@ceye.com.br – Todos os Direitos Reservados CONFIDENCIAL
  11. 11. O QUE COMPROMETE A SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO? www.ceye.com.br – contato@ceye.com.br – Todos os Direitos Reservados CONFIDENCIAL
  12. 12. COMO PODEMOS LHE AJUDAR?  Tecnologia 100% nacional;  Tenha eficácia na segurança interna;  Controle de dados;  Evidência das informações;  Comprovação e responsabilização;  Informações diretas ao decisor;  Dados incorruptíveis;  Exposição de fraudes e ameaças internas/externas. www.ceye.com.br – contato@ceye.com.br – Todos os Direitos Reservados CONFIDENCIAL
  13. 13. VALOR DE VENDA DO PRODUTO www.ceye.com.br – contato@ceye.com.br – Todos os Direitos Reservados CONFIDENCIAL
  14. 14. SEGMENTOS DE ATUAÇÃO  Agroindústria;  Atacadistas  Cartórios;  Consultorias;  Escritórios de Advocacia;  Escritórios de Contabilidade;  Escritórios de Engenharia e Projetos;  Farmacêuticas;  Governo;  Indústrias de Base;  Instituições de Ensino;  Instituições Financeiras;  Partidos políticos;  Pessoas físicas;  Prefeituras e Câmaras Municipais;  Saúde (Clinicas, Hospitais, Laboratórios)  Software House;  Varejistas  E outros... www.ceye.com.br – contato@ceye.com.br – Todos os Direitos Reservados CONFIDENCIAL
  15. 15. PARCERIAS CONFIDENCIAL
  16. 16. CONFIDENCIAL

×