Evolução Da Bandeira De Portugal Tiago Pereira 6 A

5.201 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação, Turismo
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.201
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
60
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Evolução Da Bandeira De Portugal Tiago Pereira 6 A

  1. 1. Evolução das Bandeiras Nacionais<br />A bandeira Nacional Actual<br />Optei por este tema, A bandeira da República, porque achei interessante saber como surge a actual bandeira de Portugal e o seu significado.<br />Interessou-me também saber quais as bandeiras dos diversos reis portugueses. <br />O significado da actual bandeira nacional<br />1091565457835Em 1910, a comissão, nomeada pelo Governo para a definição da bandeira, apresentou um relatório onde explicou o significado da actual bandeira nacional:<br />As 5 quinas simbolizam os 5 reis mouros que D. Afonso Henriques venceu na batalha de Ourique.<br />Os pontos dentro das quinas representam as 5 chagas de Cristo. Diz-se que na batalha de Ourique, Jesus Cristo crucificado apareceu a D. Afonso Henriques, e disse: " Com este sinal, vencerás!''. Contando as chagas e duplicando por dois as chagas da quina do meio, perfaz-se a soma de 30, representando os 30 dinheiros que Judas recebeu por ter traído Cristo.<br />Os 7 castelos simbolizam as localidades fortificadas que D. Afonso Henriques conquistou aos Mouros.<br />A esfera armilar simboliza o mundo que os navegadores portugueses descobriram nos séculos XV e XVI e os povos com quem trocaram ideias e comércio.<br />O verde simboliza a esperança.<br />O vermelho simboliza a coragem e o sangue dos Portugueses mortos em combate.<br />Outras bandeiras oficiais da República<br />A República ainda tem mais bandeiras identificadas, das quais se destacam:<br /> Presidência da República<br />294322596520<br />É usual vê-la no Palácio de Belém e na viatura oficial do Presidente.<br />Região autónoma da Madeira Região Autónoma dos Açores<br />41529004699040957518415 <br />Aprovada em Julho de 1978. Aprovada a 10 de Abril de 1979. <br />As bandeiras de Portugal Monárquico<br /> As bandeiras de Portugal iam sendo feitas e modificadas, reinado após reinado. Mas, apesar de todas <br /> alterações, houve símbolos que se mantiveram ao longo dos séculos.<br /> As principais mudanças das bandeiras de Portugal, reinado após reinado, foram:<br />1139-1143 - D. Afonso I -47625-116205Com D. Afonso Henriques, à cruz azul juntou-se os besantes ou dinheiros, em sinal da autonomia. -45720590551185 a 1245/1248 - D. Sancho I Com D. Sancho deu-se a substituição da cruz pelas 5 quinas. -47625654051245/1248 a 1385 - D. Afonso III Ao ocupar o trono do irmão, há alterações da moldura vermelha dos castelos. -45720660401385 a 1485 - D. JoãoCom a dinastia de Avis aparece as pontas da flor-de-lis verde, símbolo da ordem de Avis.-47625539751485 a 1495 - D. João II Surge o escudo actual: quinas todas de pé, 7 castelos, sem flor-de-lis, 5 besantes por quina. -45720533401495 a 1521- D. Manuel Há novas alterações: 11 castelos, coroa real aberta, escudo em cunha formato quadrado.-48895495301521 a 1578 - D. João III Há poucas mudanças: o escudo fica arredondado e os sete castelos em definitivo. -46990495301578 a 1580 - D. SebastiãoA coroa fica fechada (mais poder ao rei) e há o retorno ao escudo cunha. Surge o rectângulo.-48895571501580 a 1640 - Filipe I Representações, de origem incerta, mostram a bandeira com 16 ramos de oliveira. -46990571501640 a 1667 - D. João IV Com a independência, altera-se para redondo o formato do escudo português.-39370546101667 a 1707 - D. Pedro Regente Há a alteração da coroa para cinco arcos (maior autoridade do rei). -46990546101707 a 1816 - D. João VMudança no formato do escudo, com inclusão de barrete púrpura (cor imperial).-393701568451816 a 1826 - D. João VI Regente Em representação do Brasil, surge por detrás do escudo e da coroa uma esfera armilar de fundo azul.1826 a 1830/1834 - D. Pedro IV Com a independência do Brasil retira-se a simbologia do país e regressa a bandeira de D. João V.-46990-544195198755285751139-1143 - D. Maria IIPela rainha, o Conselho Regente emite o decreto que faria vigorar a última bandeira monárquica. <br />Outras bandeiras oficiais da Monarquia<br />A “ Cruz de Cristo ” surge como símbolo das embarcações portuguesas.<br />2552065762005076825132715361950132715<br /> <br /> Século XV Séculos XV e XVI Século XVI<br />Pavilhão Naval Portuguesa Usada pelos navegadores portugueses Bandeira pessoal de D. Manuel I<br /> <br />476250076200255270004191000 <br /> Século XVII Século XVIII Século XVIII <br />Bandeira pessoal de D. João IV Bandeira pessoal de D. Maria II Bandeira pessoal de D. Pedro V<br />Textos retirados de:<br /> Jornal Diário de Notícias, de 12 de Janeiro de 2006<br />Livros da colecção do Jornal O Público<br /> Imagens pesquisadas em: <br />www.google.images.pt<br /> Tiago Pereira, 6º A<br /> <br /> <br /> <br />

×