Vida nova em Cristo Efésios 4.25-5.2

14.565 visualizações

Publicada em

Publicada em: Espiritual
1 comentário
2 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
14.565
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
45
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
171
Comentários
1
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Vida nova em Cristo Efésios 4.25-5.2

  1. 1. SERMÃO Vida Nova em Cristo Rev. Paulo Dias Nogueira
  2. 2. 2 Coríntios 5:17 E, assim, se alguém está em Cristo, é nova criatura; as coisas antigas já passaram; eis que se fizeram novas.
  3. 3. Efésios 6: 41-51
  4. 4. 25 Por isso, deixando a mentira, fale cada um a verdade com o seu próximo, porque somos membros uns dos outros.
  5. 5. 26 Irai-vos e não pequeis; não se ponha o sol sobre a vossa ira,
  6. 6. 27 nem deis lugar ao diabo.
  7. 7. 28 Aquele que furtava não furte mais; antes, trabalhe, fazendo com as próprias mãos o que é bom, para que tenha com que acudir ao necessitado.
  8. 8. 29 Não saia da vossa boca nenhuma palavra torpe, e sim unicamente a que for boa para edificação, conforme a necessidade, e, assim, transmita graça aos que ouvem.
  9. 9. 30 E não entristeçais o Espírito de Deus, no qual fostes selados para o dia da redenção.
  10. 10. 31 Longe de vós, toda amargura, e cólera, e ira, e gritaria, e blasfêmias, e bem assim toda malícia.
  11. 11. 32 Antes, sede uns para com os outros benignos, compassivos, perdoando-vos uns aos outros, como também Deus, em Cristo, vos perdoou.
  12. 12. 1 Sede, pois, imitadores de Deus, como filhos amados;
  13. 13. 2 e andai em amor, como também Cristo nos amou e se entregou a si mesmo por nós, como oferta e sacrifício a Deus, em aroma suave.
  14. 14. Vida Nova em Cristo SERMÃO
  15. 15. CONTEXTUALIZANDO Carta aos Efésios = Carta de cativeiro Apresenta o apóstolo escrevendo a partir da prisão.
  16. 16. CONTEXTUALIZANDO O problema da autoria: Linguagem e estilo são diferentes dos de Paulo.
  17. 17. CONTEXTUALIZANDO Segundo alguns estudiosos esta carta, bem como a de Colossenses tenha sido escrita pela mesma pessoa – um discípulo de Paulo.
  18. 18. CONTEXTUALIZANDO Provavelmente um judeu que convivia e conhecia o mundo gentílico.
  19. 19. CONTEXTUALIZANDO Provavelmente esta carta tenha sido enviada a várias igrejas da parte ocidental da Ásia Menor. Ela é uma síntese do pensamento de Paulo.
  20. 20. CONTEXTUALIZANDO Nesta carta o autor apresenta as principais exigências da nova vida que resulta do Batismo.
  21. 21. CONTEXTUALIZANDO Na seção que vai de 4:1 a 6:20, encontramos uma “exortação aos batizados”.
  22. 22. CONTEXTUALIZANDO O objetivo principal é exortar os cristãos a viverem de forma coerente com o Batismo que receberam.
  23. 23. CONTEXTUALIZANDO Nosso texto deve ser entendido como uma exortação/convite a viver de acordo com a nova vida proposta por Cristo Jesus.
  24. 24. MENSAGEM Pelo Batismo, cada cristão torna-se morada do Espírito Santo. Deve, portanto, viver de acordo com este novo estado de vida. Templo do Espírito
  25. 25. MENSAGEM “Não entristeçais o Espírito de Deus”
  26. 26. MENSAGEM Deve ser entendido como não decepcioneis o Espírito que habita em vós, continuando a viver de acordo com o velho homem.
  27. 27. Qual a implicação de ser TEMPLO DO ESPÍRITO
  28. 28. MENSAGEM Devem ser deixadas de lado as atitudes do velho homem.
  29. 29. MENSAGEM Todos estas atitudes errôneas, dizem respeito ao mundo da relação com os irmãos: o cristão deve evitar qualquer ação que se oponha ao amor.
  30. 30. MENSAGEM Como filho de Deus, o cristão é chamado a imitá-lo. Imitar sua perfeição, bondade e amor. Jesus Cristo é o maior exemplo.
  31. 31. APLICAÇÃO PASTORAL Algumas lições: Pelo Batismo, os cristãos tornam-se filhos amados de Deus e passam a integrar a comunidade de Deus.
  32. 32. APLICAÇÃO PASTORAL O batismo não é, portanto, uma tradição familiar, um rito cultural, ou uma obrigação social.
  33. 33. APLICAÇÃO PASTORAL O batismo é um momento sério de opção por Deus e de compromisso com os valores do Reino.
  34. 34. APLICAÇÃO PASTORAL Para o batizado o modelo de filho de Deus é Jesus. Ele deve ser imitado.
  35. 35. APLICAÇÃO PASTORAL Seguir a Cristo e ser um Novo Homem implica assumir uma nova atitude nas relações com os irmãos.
  36. 36. APLICAÇÃO PASTORAL Nosso texto nomeia as atitudes que devem ser superadas.
  37. 37. APLICAÇÃO PASTORAL Devemos ter em mente que ao agirmos em conformidade com o Velho Homem, nos tornamos incoerentes com o compromisso assumido no nosso batismo.
  38. 38. APLICAÇÃO PASTORAL Leiamos novamente o texto sagrado Efésios 4:25 - 5:2
  39. 39. 25 Por isso, deixando a mentira, fale cada um a verdade com o seu próximo, porque somos membros uns dos outros.
  40. 40. 26 Irai-vos e não pequeis; não se ponha o sol sobre a vossa ira,
  41. 41. 27 nem deis lugar ao diabo.
  42. 42. 28 Aquele que furtava não furte mais; antes, trabalhe, fazendo com as próprias mãos o que é bom, para que tenha com que acudir ao necessitado.
  43. 43. 29 Não saia da vossa boca nenhuma palavra torpe, e sim unicamente a que for boa para edificação, conforme a necessidade, e, assim, transmita graça aos que ouvem.
  44. 44. 30 E não entristeçais o Espírito de Deus, no qual fostes selados para o dia da redenção.
  45. 45. 31 Longe de vós, toda amargura, e cólera, e ira, e gritaria, e blasfêmias, e bem assim toda malícia.
  46. 46. 32 Antes, sede uns para com os outros benignos, compassivos, perdoando-vos uns aos outros, como também Deus, em Cristo, vos perdoou.
  47. 47. 1 Sede, pois, imitadores de Deus, como filhos amados;
  48. 48. 2 e andai em amor, como também Cristo nos amou e se entregou a si mesmo por nós, como oferta e sacrifício a Deus, em aroma suave.

×