3 funcionamento de uma central

389 visualizações

Publicada em

funcionamento, central monitoramento, rotina, programas,dicas, demonstração, operadores

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
389
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

3 funcionamento de uma central

  1. 1. Guia ComomontarumaCentraldeMonitoramento Conheçamaissobreessemercadotãopromissor
  2. 2. Agradecimentos Agradecemos a toda equipe KTRACK sempre empenhada em prestar o melhor atendimento a nossos clientes e parceiros. Agradecemos também aos parceiros que, graças às suas diversas dúvidas, foi possível a criação deste guia. Obrigado a todos!
  3. 3. Pela falta de informações na literatura técnica brasileira a respeito do tema "central de monitoramento veicular" de forma inédita, a KTRACK decidiu criar esta cartilha que ajudará interessados, investidores, empreendedores e estudiosos no assunto a conhecer melhor este mercado e a decidirem a escolher uma parceria vantajosa , concreta e segura. A Equipe KTRACK lhe deseja uma ótima leitura!
  4. 4. Conteúdo  Porquê? 5  Público alvo 6  Perfil do cliente pessoa jurídica 7  Perfil do cliente pessoa física(cliente final) 10  Aplicações 11  Clientes em potencial 12  O mercado atual 14  Índices importantes 17  Como agem as quadrilhas de roubos a veículos? 18  Formas de comercialização 19  Pré requisitos 21  Funcionamento do sistema 22  O equipamento certo 25  Osoftware 37  Estruturas de servidores e computadores 38  O distribuidor 40  Ofabricante 41  A parceria certa 42  Operadoras GSM 44  Contratos da parceria 45  Contratos com cliente final 45  Suporte técnico 46  Garantia 47  Assistência técnica 47  Treinamentos 47
  5. 5. frota, valor este que muitas vezes já cobre o custo de Por quê? Atualmente a procura cada vez maior de segurança, pelo público em geral, pessoa física ou jurídica, já não é mais novidade, todos querem ter um controle sobre seu patrimônio, sem correr riscos, em casos de roubos ou furtos, ter uma forma de reaver o seu bem. Hoje de cada 10 carros roubados, apenas 3 são recuperados naturalmente através dos órgão públicos, mas quando falamos de veículos equipados com equipamentos de rastreio via satélite, esse número salta para 9 veículos recuperados de cada 10 roubados. Como se não bastasse a preocupação com o seu patrimônio, está crescente também a preocupação dos empresários com relação a como seus bens estão sendo utilizado pelos funcionários. Graças ao uso de rastreadores empresas conseguiram descobrir que funcionários usavam o carro da empresa para tratar de assuntos pessoais ou até mesmo para prestar serviços particulares. Em um estudo rápido observou-se que a maioria das empresas passam a ter uma economia de 15 a 25% com relação a gastos com combustíveis e manutenção da investimento com os rastreadores. Com os recursos disponíveis hoje nos rastreadores da KTRACK, como escuta interna, chama-se a atenção de detetives e investigadores que têm uma maior facilidade para saber por onde o investigado passou, onde está, os horários em que se deslocou e ainda consegue ouvir em tempo real o que se passa no interior do veículo. Isso mostra que em diversas situações podemos empregar o uso de rastreadores, desde motivos de logística, segurança patrimonial e segurança pessoal. Basta verificar os índices divulgados pelas secretarias de segurança pública, onde vemos que a cada dia aumenta mais o número de seqüestros relâmpagos, furtos etc. è interessante ressaltar que cada vez mais casos criminais são resolvidos graças ao histórico armazenado provenientes de rastreadores veiculares. Por conta de todo esse cenário consideramos que é o melhor momento para investir em rastreadores, pois a população em geral está preocupada com as situações expostas acima. Acreditamos que neste guia você encontre conhecimento suficiente para investir e entrar neste seguimento tão promissor.
  6. 6. Mercado alvo Podemos começar a ter noção da grandiosidade do segmento, imaginando que todos os carros que vimos até hoje nas ruas, poderia e deveria ter instalado um rastreador veicular. Some a isso todas as outras aplicações como rastreamento de máquinas pesadas (máquinas amarelas) como tratores e retro-escavadeiras, cargas e pacotes, entre outras que iremos abordar nesta cartilha.
  7. 7. Perfil do cliente pessoa jurídica É de suma importância ter conhecimento do mercado na qual deseja-se investir. Para tal vamos começar a entender o que o mercado procura: 1) Aumento da produtividade 2) Aumento da vida útil dos veículos 3) Diminuição de custos de manutenção de frota 4) Diminuição de consumo de combustível 5) Diminuição de acidentes 6) Redução de roubos 7) Redução de desvios de cargas 8) Localização de toda a frota em tempo real 9) Gerenciar e planejar o uso da frota
  8. 8. Perfil do cliente pessoa jurídica 1)AumentaraProdutividade É interessante citarmos que temos vários exemplos de empresas que ao simples fato de informar aos funcionários que a frota da empresa tem rastreadores via-satélite instalados nos veículos, o comportamento geral já muda e a empresa vê quase que instantaneamente um crescimento de produtividade em cerca de 30%. Isso se deve também ao fato de ter o controle de cada operação através do rastreamento em tempo real que também permite verificar se um determinado veículo seguiu uma rota pré- estabelecida ou não. 2)Aumentodevidaútildosveículos Como a conduta dos motoristas muda somente pelo fato de saberem que estão o tempo todo sendo monitorados a distancia, desvios de rotas, descansos e paradas não programadas, trabalho a terceiros e excessos de velocidade já não são mais freqüentes nestas empresas. Temos um exemplo de uma empresa de guinchos que o simples fato de terem instalados rastreadores em toda a frota, trouxe nos primeiros meses, uma diminuição de manutenção como menor desgaste de pneus e menor consumo de combustíveis e um aumento no faturamento de três vezes! Com a utilização de sensores, o controle sobre pontos críticos de toda a frota como temperatura, pressão, óleo entre outros trás também informações importantíssimas para a manutenção preventiva da frota diminuindo ainda mais as chances de desgastes e quebras inesperadas. 3)Reduçãoderoubosedesviosdecargas Divulgando a informação que uma frota ou uma carga em específico é monitorada, já se inibe as tentativas de desvios de cargas ou roubo propriamente dito.
  9. 9. Perfil do cliente pessoa jurídica 4)Localizaçãoemtemporeal Isto trás a possibilidade para a empresa tomar decisões instantâneas a fim de atender uma necessidade própria ou de um cliente a partir da localização da frota toda ou de um veículo que se encontra próximo a um local de interesse. 5)Reduçãodeacidentes O controle da velocidade em tempo real e também o histórico trazem uma forte diminuição nos casos de acidentes. Veremos ao longo desta cartilha que todas as necessidades apontadas poderão ser atendidas de acordo com a necessidade de cada empresa com as funcionalidades que os rastreadores podem oferecer. Isso aliado a toda a funcionalidade de logística e telemetria.
  10. 10. Perfil do cliente pessoa física Até um tempo atrás as pessoas que procuravam por rastreadores veiculares estavam interessadas basicamente em proteger seu bem, contra roubos e furtos, ou de ter uma chance de recuperar o bem perdido. Esse mercado tinha como potencial cliente aquele que não podia contratar um serviço de seguro para seu veículo por conta dos custos ou por outro motivo qualquer como veículos que não compensa hoje fazer seguro pelo valor elevado da apólice como carros antigos de exposição ou carros tunados. Porém nos últimos anos temos visto uma mudança expressiva no motivo que leva a se comprar um rastreador veicular, além obviamente da questão de segurança do bem. Hoje um termo que está em uso hoje no mercado que expressa bem isso é a "gestão familiar" onde a preocupação é saber por onde anda os filhos ou cônjuge, além de saber quem possivelmente está com eles. Temos vários exemplos de pais preocupados com filhos que chegam tarde retornando da faculdade, de uma festa ou balada, ou mesmo a preocupação com o filho que acabou de tirar a habilitação de motorista e possivelmente estará empolgado com o carro novo e queira ultrapassar os limites de velocidade das vias. Além obviamente dos detetives que tem um ótimo aliado a questões de relacionamentos. É claro que não podemos descartar a questão da proteção contra roubos e furtos que é potencializada com o uso da função anti furto que trás uma segurança muito maior principalmente para quem não alternativa em deixar o veículo estacionado em vias públicas.
  11. 11. Aplicações Segue abaixo uma lista de aplicações já existentes dos rastreadores, porém não podemos somente tomar esta como base, pois praticamente todo dia tem empresas procurando por soluções que o rastreador se enquadra seja como solução principal ou como parte dela. •Automóveis particulares •Cargas •Frotas de empresas •Transporte coletivo •Táxis •Serviços de moto frete •Transporte escolar •Transporte executivo •Máquinas Agrícolas •Máquinas industriais •Máquinas pesadas •Serviços de reboque •Empresas de escolta e segurança •Frotas de distribuição e entregas
  12. 12. Clientes em potencial Segue abaixo o que consideramos clientes em potencial, pois geralmente são os que possuem grande quantidade de veículos em suas frotas. Obviamente que não são as mais fáceis de fechar negócio, mas são as que trazem um maior retorno financeiro para as centrais de monitoramento: •Associações e cooperativas em geral •Associações relacionadas a frotas •Locadoras de veículos •Transportadoras e Logísticas •Concessionárias e lojas de veículos •Empresas de ônibus •Prefeituras e governo
  13. 13. Frotas públicas No caso de órgãos públicos, geralmente o processo é feito por meio de licitações ou concorrências públicas ou fechadas. Segue abaixo uma lista de aplicações em frotas públicas: •Ambulâncias •Viaturas Policiais •Bombeiros •Coleta de lixo •Guardas de transito •Ônibus escolar •Maquinas pesadas •Automóveis •Caminhões •Motos
  14. 14. Analisando o mercado Comportamentodasvendasnosúltimos10anos Podemos considerar que 8 o mercado de rastreamento veicular 7 vem sofrendo o que alguns analistas 6 de mercado chamariam de "boom de 5 mercado", uma explosão demercado. 4 Para que isso fique mais claro vamos 3 analisar o gráfico a seguir que ilustra 2 como era as vendas de rastreadores 1 no Brasil. 0 JAN FEV MAR ABR MAI JUN JUL AGO SET OUT NOV DEZ O gráfico é ilustrativo e mostra o comportamento e toda a sazonalidade do negócio durante os últimos 10 anos. Veja que geralmente o ano começava impulsionado pelas vendas dos meses anteriores (Dezembro e Novembro), que dava uma queda normal em qualquer negócio no mês de Fevereiro e que em seguida se recuperava. O mês crítico neste caso era o mês de julho onde não havia vendas expressivas, a partir daí o processo era crescente atingindo o pico de vendas a partir de outubro.
  15. 15. O crescimento do mercado Porém para surpresa geral do mercado, nos últimos dois anos o que temos visto é que isso mudou e muito, analise este gráfico a seguir que ilustra bem essa mudança e perspectiva de crescimento. Comportamentodevendasem2010/2011 20 15 10 5 0 OUT NOV DEZ JAN FEV MAR ABR MAI JUN pers. Este gráfico ilustra bem essa mudança no comportamento do mercado em contraste com o primeiro gráfico. Temos então uma curva acentuada de crescimento, o que trás uma grande expectativa ao seguimento que ainda é considerado inexplorado em diversas regiões.
  16. 16. Causas do crescimento do mercado Há Al guns anos at rás a necessidade de grande porcentagem de pessoas que procuravam por rastreadores estava ligada em basicamente proteger seu bem no que se diz a respeito a roubos e furtos. Hoje este mercado mudou bastante e há novos fatores que fomentaram este crescimento tais como: a) Resolução 245 e posteriores - Toda a movimentação causada por conta da aplicabilidade ou não deste projeto de lei fez um Marketing indireto muito forte, levando a conhecimento mesmo de pessoas em locais mais remotos, a facilidade de utilização de rastreadores veiculares. b) O surgimento do mercado de rastreamento sem mensalidade e de auto-gestão c)A grandemudança do perfil do cliente final e a criação da necessidade de "gestão familiar". d) Aumento do número de furtos e conseqüentemente o aumento das cotações de seguros em diversas regiões. e) Crescimento na procura de gestão de frota por empresas. f) A utilização cada vez mais constante para a resolução de casos criminais e toda a repercussão na mídia. g) Aumento natural da frota nacional.
  17. 17. Índices importantes É de suma importância conhecer alguns números do negócio: De cada 10 veículos roubados hoje no Brasil, apenas 3 são recuperados naturalmente, ou seja, sem o auxílio de equipamentos rastreadores. Já com a utilização de rastreadores esse número aumenta bastante, de cada 10 veículos furtados ou roubados, que utilizam dispositivo de rastreamento via satélite, mais de 9 são recuperados. A KTRACK, por exemplo, se orgulha do número de recuperações com seus equipamentos, que chegam a 99% dos casos. Os carros mais roubados obviamente são os populares, segundo os índices para alimentar venda de peças usadas. Os veículos mais potentes são geralmente usados em fugas. Semestralmente é divulgado na mídia em geral, números dos veículos mais roubados do Brasil, é de suma importância, que as empresas do seguimento conheçam estes índices para poderem planejar suas operações comerciais. Nos últimos anos os carros mais roubados foram o Gol e o Uno. Geralmente os carros populares alimentam a indústria de peças usadas, já os veículos mais potentes, são utilizados geralmente para fugas e posteriormente são abandonados em vias de baixa movimentação
  18. 18. Como agem as quadrilhas de roubos a veículos? É importante dizermos também que por conta do número cada vez maior de veículos utilizando rastreadores, a maneira que os carros são roubados tem mudado também, na grande maioria os carros logo após serem furtados são deixados em estacionados ou em estacionamentos de supermercados ou shoppings, ou mesmo em ruas de baixa movimentação. Geralmente os bandidos deixam os carros "esfriando", caso não apareça ninguém para recuperar o veículo significa que o mesmo não possui nenhum dispositivo rastreador e que os meliantes podem então levá-lo para o desmanche. NoBrasilcrescimento de 4,5%nofurtode veículosnoúltimo Semestre
  19. 19. Formas de comercialização Hoje os rastreadores são comercializados de diferentes formas, tais como: Localização, Monitoramento, Comodato, Gerenciamento de risco e Autogestão que explicaremos a seguir. Localização: Geralmente o formato mais simples, onde a localização é feita pela central apenas mediante solicitação do cliente. Monitoramento: A Central monitora todos os veículos por meio de eventos que são gerados e enviados pelo rastreador ao servidor da central tais como: Pânico, Aviso de antifurto ativado, etc. Opcionalmente o cliente tem acesso a localização através da internet por meio de um sistema de monitoramento on line. Geralmente é cobrado o equipamento, a instalação e o serviço que o cliente final paga mediante mensalidades de acordo com o plano contratado. Esses planos têm diferentes funções liberadas pela central como por exemplo somente localização, hodômetro, cerca eletrônica, Pânico, escuta interna, etc. Comodato: Similar ao formato anterior porém neste caso o equipamento não é vendido ao cliente final, é realizado um comodato (aluguel de equipamento), mediante contrato que geralmente tem 24 ou 36 meses de período.
  20. 20. Formas de comercialização Gerenciamento de risco: É o mais complexo de todos os formatos, pois envolve além de monitoramento constante dos veículos, o acompanhamento de qualquer tipo de ocorrência que é tudo registrado em relatórios. è um trabalho especificamente focado para transportadoras e empresas de logística, e geralmente emprega-se o uso de sensores como sensores de desengate de carreta, abertura de baú, de cofre, sensores de temperatura para caminhões frigoríficos, acionamento remoto de atuadores como travas de baú, trava de quinta roda, bem como comunicação por meio de teclados GPRS alfanuméricos ou de macros. As gerenciadoras de risco também planejam as rotas que serão seguidas e também dispõem de forte equipe tática. Por prestar um serviço mais meticuloso e específico as gerenciadoras tendem a ter uma forte estrutura física, seus serviços são os com maiores valores também e utilizam-se muito de equipamentos com capacidades de trabalhar com vários sensores ao mesmo tempo(telemetria). Auto-gestão: Nesta modalidade o cliente final é quem monitora seu veículo, através de mensagem de texto SMS ou pela internet. O bloqueio também é realizado pelo cliente. Na prática se ganha com a venda do produto, e opcionalmente é cobrada uma anuidade como forma de manutenção do serviço. Neste formato se enquadram também os rastreadores sem mensalidades. Uma forma que vem crescendo cada vez mais no seguimento, fazendo até meso que empresas que trabalhavam com formatos mais tradicionais como comodato e monitoramento com cobranças mensais migrassem ou acrescentassem em seu leque de planos de serviços o formato de auto-gestão.
  21. 21. Pré requisitos A empresa que deseja se candidatar a parceira deve atender alguns pré-requisitos necessários para que se possa entrar neste mercado e prestar serviço e suporte de qualidade, tais como: Técnicos: A central de monitoramento deve ter sempre acessível um técnico de informática e um técnico responsável pelas instalações dos módulos rastreadores nos veículos. Os técnicos não precisam ser funcionários diretos, podem ser parceiros ou mesmo terceirizados; Estrutura: Deve ter uma estrutura de servidores ligados à internet banda larga com IP fixo. Pode-se também utilizar servidores alugados desde que se tenha acesso integral aos mesmos. Hoje a plataforma utilizada é Windows. Fiscal: Ser pessoa jurídica é fundamental.
  22. 22. Funcionamento A imagem a seguir ilustra de forma simplória o funcionamento do sistema de rastreamento. Rastreio pela Internet 3 32Satélites GPS TécnologiaSirfIII GSM/GPR 1 Operadora GSM 5 Servidor ComIPfixo 4 2
  23. 23. Entendendo o funcionamento O rastreador recebe a informação de localização (de latitude e 1 longitude) dos satélites do sistema americano de GPS. Ao todo são 32 satélites, sendo 28 ativos mais 4 reservas. A Tecnologia utilizada nos rastreadores permite além de precisão podendo chegar a uma margem de erro de 80 cm, através do sistema multicanal, onde o 32Satélites GPS TécnologiaSirfIII veículo é localizado por vários satélites simultâneos, e também a alta sensibilidade, funcionando mesmo em locais fechados como garagens ou galpões. Além da Localização, são captadas também as informações 2 de velocidade momentânea, ignição, status de bloqueio, pânico, e caso se aplique informações provenientes de sensores diversos. Lembrando que o rastreador pode ser instalado em qualquer tipo de veículo como carros, motos caminhões, ônibus, Jet Sky, embarcações em geral, importados e nacionais, em cargas, máquinas pesadas etc.
  24. 24. Entendendo o funcionamento 3 As informações são trafegadas utilizando para isso o sinal de dados GPRS, presente no serviço de GSM(telefonia móvel digital). Que através da operadora envia as informações aos servidores da central.. 4 Na central, as informações chegam no servidor, que trata as informações enviadas, armazena-as em um banco de dados e espelha os dados para um data Center. O software do servidor além de poder enviar comandos como bloqueio/ desbloqueio aos rastreadores pode também configurá-los ativando e desativando funções. 5 No data Center a informação é disponibilizada via sistema online, através de um software online, onde por meio de qualquer computador é possível acessar uma conta e localizar o veículo cadastrado. O software online por ser mais visual geralmente é utilizado para acompanhamento da frota e pode disponibilizar funções específicas como hodômetro, cerca eletrônica e etc...
  25. 25. O equipamento certo O módulo rastreador e bloqueador é peça chave em toda a operação, e o sucesso de toda a operação de recuperação de um veículo furtado ou roupado depende dele. Por isso é de extrema importância que o rastreador seja um equipamento de alta qualidade e estável. Este equipamento deve ser instalado por um técnico preparado para tal. O tamanho do equipamento é importante na questão de camuflagem, quanto menor o rastreador, mais fácil de esconder, e assim, as chances dos meliantes em um processo de furto de um veiculo acharem o rastreador é minimizada. A KTRACK tem hoje o menor rastreador veicular do mercado, tendo seu tamanho comparado a uma caixinha de fósforos.
  26. 26. O equipamento certo AseguirtemosadescriçãodasprincipaisfunçõesbásicasdosrastreadoresKTRACK: Sistema GPS de alta precisão Através de um sistema de alta precisão, pode localizar o veículo com precisão que pode chegar até 80 cm de margem de erro. O sistema de localização Gps tem acesso à até 32 satélites multicanal acessando diversos satélites aos mesmo tempo, e por sua alta sensibilidade permite a localização de veículos mesmo em locais fechados como garagens e galpões. 4 formas de localização Pode-se ter em tempo real de 4 formas distintas: a localização do veículo através de software da central, software online, celular ou smartphone com acesso a internet. mensagemde:KTRACK ID:012345;HORA:22:22:27;LAT:2324 n° do eqto, horario , latitude 252;LON:4643412;VEL:60,GPS:08; longitude, k/h, n°satelites, ATUALIZADO; LIGADO;DESBLOQ. status, ignição status
  27. 27. 3 tipos de bloqueio O veículo pode ser bloqueado a qualquer instante com bloqueio silencioso, bloqueio com sirene e bloqueio progressivo, que simula um pane no veículo pois vai cortando o combustível aos poucos. O bloqueio pode ser feito na bomba de combustível ou na ignição. 4 formas de enviar comandos O equipamento pode receber comandos de ação(bloqueio, sirene e atuadores) ou qualquer configuração através de DMTF (ligação, canal de voz), mensagem de texto SMS, diretamente via dados por software do servidor da central ou via web(depende do software em uso) Via DTMF (tons) Sistema on-line (*) (Celular, Fixo, Público ou a cobrar) Software de Central ViaTorpedo SMS
  28. 28. Função Anti-furto Aviso via SMS ao proprietário Botão Antifurto Avisovia Softwarena Central Esta função potencializa o poder de recuperação de veículos com o rastreador, uma vez que diminui o tempo de resposta e executa automaticamente as operações mais importantes em situações de roubo com veículo estacionado. Através de um botão segredo, que caso não seja pressionado logo depois de se dar partida no veículo, o carro é após cerca de um minuto bloqueado, é enviado uma aviso para o software da central e simultaneamente uma mensagem de texto SMS para o proprietário do veículo, sendo assim, em apenas um minuto todo o processo necessário para a recuperação veículo é executada automaticamente
  29. 29. Função Pânico Pode se instalar um ou mais botões escondidos no veículo, onde através deles, em situação de urgência ou perigo, envia-se uma mensagem de pânico tanto para o software da central como opcionalmente, para um número de celular cadastrado via SMS. Escuta interna Permite ouvir nitidamente o que se passa no interior do veículo a qualquer momento através de uma ligação telefônica.. Quad-Band Por possuir módulo de comunicação quad-band, além de uma melhor recepção do sinal GSM, permite trabalhar com a maioria das operadoras GSM presentes do mercado como TIM, Claro, vivo e oi. Auto -Reset Em caso de travamento de conexão com a operadora ou do próprio equipamento, é realizado de forma automática reset do equipamento, fazendo com o mesmo seja um dos rastreadores mais estáveis do mercado.
  30. 30. IPSecundário (backup) Sistema on-line Centralouclientefinal Servidor Primário Parado (Off-line) Servidor Secundário Tentativa de reconexão a cada 10 minutos Caso o servidor principal da central, tenha algum tipo de problema e pare de funcionar, automaticamente o rastreador percebe isso e passa a enviar as informações para um segundo servidor de backup configurado. Isso permite que através de um software online de monitoramento possa-se localizar o veículo mesmo com o servidor primário fora do ar. Enquanto as informações são enviadas para o servidor secundário, a cada dez minutos há uma tentativa de reconexão com o servidor principal.
  31. 31. Confirmação de comandos Ao enviar um comando para o rastreador, como bloqueio por exemplo, o próprio rastreador retorna uma confirmação de que o comando foi corretamente executado. Essa confirmação pode ser realizada por meio do software d e servidor na central, via tons sonoros (em comandos executados via dtmf) ou viaSMS. Compatibilidade de software Através de um gateway (software leve que recebe as informações enviadas pelos rastreadores), permite- se a utilização dos rastreadores em diversos softwares disponíveis no mercado. A exportação de informações pode ser feita através de protocolos como XML, local host, via FTP, Mysql, mdb, txt entre outros. Saída para sirene Podendo ser acionada individualmente como um aviso sonoro ou em conjunto com o bloqueio do veículo, permite o emprego de sirenes de voz ou sirenes comuns. Intervalo de atualização configurável Dependendo da aplicação e necessidade pode-se configurar o intervalo de atualização que é de 2 minutos por padrão. Os intervalos são: 30s,1min, 2min, 3min,5min, 10min, 15min,20min,30min.
  32. 32. Configuração remota De forma fácil é possível ativar ou desativar funções ou realizar qualquer tipo de configuração no equipamento como portas de comunicação, operadora, IP, etc. As configurações podem ser executadas através do software da central, via torpedo SMS ou via DTMF. Via DTMF(tons) Sistema on-line (*) (Celular, Fixo, Público ou a cobrar) Software de Central ViaTorpedo SMS APN configurável Permite que seja utilizados chips de dados ou telemetria independente da operadora ou fornecedor, programando a Apn de comunicação. A Apn é o acesso que permite a conexão com a rede de dados gprs. A informação de apn a ser programada pode ser requisitada junto a fornecedora de chips. A KTRACK não comercializa chips de telefonia.
  33. 33. Antenas internas e externas Opcionalmente as antenas GSM ou GPS podem ser internas ou externas dependendo de sua aplicação. As antenas externas se referem ao módulo rastreador, de forma que ficam sempre ocultadas no painel do veículo ou em outro local escolhido. Alimentação bi volt Trabalhando em 12 ou 24 volts, pode ser aplicado a qualquer tipo de veículo como: carros de passeio, motos,, caminhões e embarcações. O sistema de Alimentação Full Range:Permite alimentação proveniente de qualquer fonte de energia DC de 9 a 27 volts. Bateria Backup Permite que mesmo que não se tenha disponível a alimentação principal do carro, como em uma retirada da bateria do automóvel, continua-se rastreando o veículo. A autonomia da bateria depende muito do sinal GSM da região onde o veículo se encontra, podendo varias de 10 a 16 horas. Esta autonomia pode ser aumentada adicionando-se mais baterias. A bateria backup é opcional.
  34. 34. Módulo Sleep Projetado especialmente para utilização em motocicletas de baixa e alta cilindrada. Sua função é zerar o consumo de corrente do rastreador após um tempo com a motocicleta desligada, evitando assim, o descarregamento pré-maturo da bateria da motocicleta. O módulo Sleep é opcional. Memória interna Desenvolvido especialmente para veículos que trafegam constantemente próximos as fronteiras ou em locais com baixo sinal de operadoras. A memória interna é opcional. Sensor de temperatura Função opcional, informa com precisão de até 4 casas decimais informação de temperatura positiva e negativa através de 2 sensores de temperatura. Geralmente utilizado para controlar temperatura de caminhões frigoríficos, transporte de medicamentos, alimentos e animais
  35. 35. Teclado alfa-numérico Permite a comunicação através de texto entre a central de monitoramento e o motorista do veículo. Usa-se a rede de dados gprs para transmitir as informações. O teclado possui um visor iluminado para visualizar as informações digitadas e recebidas, neste modelo por ter um teclado alfa-numérico (semelhante a de um computador) permite-se enviar qualquer tipo de mensagem. Tecladomacro Semelhante ao teclado anterior, exceto por não possui teclado para digitar textos, as mensagens são pré-gravadas na memória. Geralmentesãoutilizadasmensagenscomo:''descarregando'',''carregando'', 'abastecendo'',''emdescanso'',''manutenção'', ''trocadepneus'',''emtransito'',etc.Porserdefácilutilizaçãoe possuir apenas 3 botões para controle, é a mais indicada e mais segura para utilização do condutor do veículo. Também utiliza a rede de dados GPRS para transmitir e receber as mensagens de texto.
  36. 36. Porta serial Saídas e entradas que permitem a utilização de sensores e atuadores, pode acionar travas como travas de baú, trava de quinta roda, cofres, etc. Os sensores informam estados diversos como aberturas de baú, descida de rampas em guinchos, desengate de carretas etc. A KTRACK não comercializa os sensores e atuadores. Trava de quintaroda Travadebaú
  37. 37. O software Para monitorar com os rastreadores, a estrutura de software da KTRACK, é dividida em duas partes: Software de servidor e Software online. Servidor: É utilizado o software KTRACK - Gprs, que é o software nativo dos rastreadores. O Ktrack-Gprs tem a função principal de receber as informações enviadas pelos rastreadores, essas informações são decodificadas, tratadas, armazenadas em um bando de dados e exportadas para o monitoramento em um software online. Os dados podem ser exportados para qualquer software de monitoramento, utilizando protocolos e linguagens de exportação como: XML, Local host, Mdb, TXT, e banco de dados MySql. Pode se também, através do Ktrack - Gprs, configurar ou ativar S ys t em GP RS® Systemback-end (servidor) / desativar qualquer função nos rastreadores. O software de monitoramento, geralmente uma aplicação online, tem a função graficamente de monitorar e acompanhar os rastreamento. È no software online que se tem acesso por exemplo no histórico trafegado, informações de ignição, horários e rotas. Além disso permite o acesso a informações como cerca eletrônica e hodometro, hoje muito procurados por empresas de logística. Pode ser utilizado qualquer software do mercado desde que o mesmo esteja homologado, recomendados o uso do software Ktrack.
  38. 38. Estrutura de servidor e computadores Hardware recomendado para o servidor: Processador:2.5Ghz Dêpreferênciaparaprocessadorescom 2 ou maisnúcleos. Ex:Pentium DualCore. MemóriaRAM:2GB Harddisk:500GB Sistemaoperacional recomendadoparaoservidor:(EmLinuxDebian,CentOS,etc...)ou (Em WindowsServer2003/2008.) Bancodedados:MySQLCommunityServer5.1.50 Conector MySQL: Connector ODBC3.51 Detalhes: Aporta 2005 deve estar liberada. No roteador a porta DMZ deve estar ativada e direcionada para o IP do seuservidor. O servidor deve estar conectado a banda larga com velocidade mínima de 2 megas com IP fixo. Essa configuração permite ter emtorno de 7000 veículosligados.
  39. 39. Estrutura de servidor e computadores Os computadores para monitoramento podem ter configurações básicas, sendo apenas necessário acesso a internet para a utilização dos sistemas online. Abaixo ilustra bem essa estrutura, contando com dois operadores. Conforme a carteira de clientes aumenta, o número de operadores deve aumentar também Servidor Com Ktrack-gprs instalado Operador 1 Computador com 2 monitores Operador 2 Computador com 2 monitores
  40. 40. O Distribuidor (você) Denomina-se distribuidor as centrais de monitoramento, gerenciadoras de risco ou empresas que comercializam os rastreadores de auto-gestão. O Distribuidor, fechando a parceria e atendendo os pré- requisitos para tal, embora possa contar com toda a estrutura, tecnologia e suporte, é totalmente independente podendo utilizar sua própria marca e ter sua própria política de preços. O distribuidor pode escolher livremente o formato comercial que quiser como venda direta, comodato, com ou sem mensalidade. O distribuidor além de comercializar e prestar o serviço de monitoramento ou localização, será responsável pelo suporte ao cliente final, e será treinado para isso, e poderá contar também com os materiais técnicos disponibilizados além de contar com todo o suporte especializado. O Distribuidor pode também intermediar negociações com instituições governamentais, onde será responsável pela prestação do serviço.
  41. 41. O Fabricante A KTRACK está a mais de 10 anos do mercado, focando os trabalhos em desenvolvimento e industrialização de equipamentos e acessórios para rastreamento veicular. Especialista no ramo conta com produtos de altíssima qualidade, desenvolvidas especificamente para atender as necessidades do mercado brasileiro. Com equipe própria de desenvolvimento, tem a capacidade técnica de desenvolver produtos que atendam a necessidades específicas. Além de capacidade de produção em larga escala, pode contar com uma equipe altamente qualificada para prestar todo o suporte necessário.
  42. 42. A parceria certa Por ter um foco totalmente no atacado, desenvolvendo, fabricando e fornecendo tecnologia de ponta para centrais de monitoramento e gerenciadoras de risco, a KTRACK tem uma proposta de parceria que visa sempre o fortalecimento do distribuidor que assim, conseqüentemente trará resultados para a empresa. Segue abaixo alguns pontos da parceria proposta: 1 - Como nosso foco é somente venda no atacado e fornecendo apenas para empresas de monitoramento, não atendemos varejo, deixando totalmente o mercado de cliente final para nossos distribuidores, que são fortalecidos pela nossa política comercial. 2 - Capacitamos nossos parceiros com treinamentos gratuitos constantes, treinamentos técnicos, operacionais, de software e também comerciais. Os treinamentos são realizados através de conferencias via internet ao vivo e contam com participação dos maiores especialistas do mercado. 3 - Para que seja um investimento totalmente seguro, todos os distribuidores são independentes, e podem utilizar marcas próprias na comercialização de todos os nossos produtos. 4 - Para criar uma fidelidade maior com o cliente, fazemos uma integração de todo o sistema de monitoramento online com o seu site de nossos distribuidores, dessa forma, todos os clientes que querem monitorar seus veículos pela internet, obrigatoriamente o farão através do site do distribuidor, onde poderá oferecer novos serviços e produtos aos clientes, criando um melhor relacionamento com seus clientes.
  43. 43. A parceria certa 5 - No sistema de monitoramento é inserido o logotipo de nosso parceiro, a junção de ter marca própria, integração do sistema no site e inserção do logo no sistema online de monitoramento faz com que o distribuidor deixe de ser visto como um intermediador e passa a ser uma solução. 6 - Temos técnicos, analistas e engenheiros especialistas na área, que poderão lhe dar todo o respaldo necessário para que possa tocar seu negocio com solidez. 7 - Por não atendermos cliente final, os interessados no serviço, próximos a sua região serão indicados a estarem negociando com nosso distribuidor parceiro. 8 - Com um pedido mínimo de peças, fornecemos o software no servidor sem custos. 9 - Tecnologia Sirf III (localização mesmo com o carro em garagens ou galpões fechados, com precisão que chega a 80 cm de margem de erro, exclusivo no Brasil (veja: http://pt.wikipedia.org/wiki/SiRFstar_III ) 10 - Somos importadores, o que permite além de termos o melhor custo-benefício, termos também a possibilidade de desenvolver soluções que atendam a necessidades especificas de alguns clientes. Além de termos os equipamentos sempre atualizados com a necessidade de mercado.
  44. 44. Operadoras GSM Os equipamentos rastreadores, KTRACK utilizam a rede GPRS de comunicação de dados, presente na rede Gsm de telefonia celular, para transmitir as informações para o sistema de rastreamento. Os módulos rastreadores são Quad-band, o que permite trabalhar com freqüências de comunicação diferentes e conseqüentemente trabalhar com todas as principais operadoras de telefonia celular que disponibilizam o serviço de dados via GPRS como Tim, Claro, Oi e Vivo. È muito importante ao escolher uma operadora levar em consideração a cobertura de sinal nas cidades onde se deseja operar. Geralmente uma má cobertura de determinada operadora no sinal de voz, acarretará uma má cobertura também no sinal de dados, fazendo que o sistema torne-se inoperante ou que funcione de forma inconstante. Recomendamos o uso das operadoras Tim e claro para tal, por julgarmos que as mesmas tem uma maior cobertura e melhor estabilidade no sinal de dados. Embora possa se usar chips pré pagos para isso (somente Tim e Claro) recomendamos o uso de chips de telemetria e de dados por terem um melhor custo-benefício. Neste caso deve-se solicitar a operadora ou fornecedora de chips os dados de conexão que posteriormente serão programados nos equipamentos. Nota: Por conta da instabilidade de freqüência e sinal, não recomendamos o uso de chips vivo na grande maioria das regiões brasileiras.
  45. 45. Contratos da parceria Para formalizar a parceria entre a KTRACK e seus distribuidores são fechados 3 contratos: contrato de distribuição, que rege todos os tópicos pertinentes a parceria, o contrato de uso de banco de dados e software e o de confidencialidade de informações. Contratos com cliente final Fornecemos o contrato do distribuidor com os clientes finais, contrato para venda ou prestação de serviço a cliente final. Listamos então alguns itens que julgamos importante estarem presentes nestes contratos: •Descrição total do serviço prestado •Política de reajuste de preços •Horário de atendimento •A Não responsabilidade sobre o veículo do cliente •A não responsabilidade pelo uso da função escuta interna •A autorização da escuta interna do veículo em casos de pânico disparado •A garantia do produto •Recomendamos que seja analisado a conformidade deste contrato com o Código de defesa do consumidor vigente.
  46. 46. Suporte técnico O suporte técnico é prestado exclusivamente para os distribuidores e seus funcionários e técnicos na qual prestam suporte ao cliente final. Disponibilizamos vasta literatura sobre o tema com guias, manuais e diagramas técnicos. Temos também uma área restrita onde além de vasto material temos também uma central de downloads e de treinamentos em vídeo. Periodicamente ministramos treinamentos via vídeo conferencia, com temas técnicos, de software, operacionais e comercial. Durante horário comercial disponibilizamos também auxílio por MSN e skype.
  47. 47. Garantia Basicamente seguimos todas as indicações previstas no código de defesa do consumidor, com garantia dos módulos de 1 ano. Assistência Técnica Prestamos toda a assistência técnica necessária e para isso contamos com analistas técnicos e engenheiros altamente capacitados para tal. Treinamentos Atuando de forma preventiva, periodicamente apresentamos treinamentos constantes, com assuntos técnicos, operacionais, de software e comerciais. Estes treinamentos constantes capacitam as equipes das empresas parceiras provendo uma maior poder de argumentação às equipes comerciais bem como conhecimento técnico necessário para prestar um suporte mais preciso e eficiente.
  48. 48. www.ktrack.com.br ktrack@ktrack.com.br (81)8613-5663/ (81)8164-5847 (81) 9271-0999 / (81) 9311-8255 / (19) 8184-9163 Ktrack Sistemas Eletrônicos - Ltda. Matriz: São Paulo -SP Filial: Recife – PE

×