1º ano c profª amanda Antonio Moral

986 visualizações

Publicada em

Outubro: Mês da Biblioteca Escolar. Atividades desenvolvidas nas EMEFs
Secretaria Municipal da Educação de Marília - SP

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
986
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
616
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

1º ano c profª amanda Antonio Moral

  1. 1. E.M.E. F PROFESSOR “ANTONIO MORAL” Relatório de Desenvolvimeto Da Hora da Leitura Momento da Biblioteca Professora : Amanda Moraes - 1º ano C Outubro/ 2.O14
  2. 2. MOMENTO DE ESCOLHA E EXPLORAÇÃO DOS LIVROS :LEITURA P0R PRAZER Num primeiro momento, deixei que as crianças escolhessem os livros na casinha de histórias para que pudessem iniciar a leitura com o livro que mais lhe chamou atenção. Cada criança então, pode ter a liberdade de escolha de qual história ler, e qual livro levar para a mesa para partilhar com os amigos ou manuseá-lo sozinho, obtendo o contato direto e individual com o mesmo. As crianças, neste momento de escolha, puderam observar vários títulos existentes dentro dela. Observei então, que as crianças se atentaram primeiramente pela capa do livro e pelas ilustrações que ela trazia. Pelos aspectos gráficos da capa, cores e tipo de ilustrações. A preferência neste momento, também foi pelos livros com algum recurso diferente: capa dura, ilustrações em alto relevo, recursos como o fantoche do personagem de determinada história. Adequados a esta faixa etária (6-7 anos) e ao primeiro ano, os livros que trazem estes recursos chamaram bastante atenção dos pequenos e despertam muito o interesse deles. É um convite à leitura. São convidativos! Então, nesta atividade puderam brincar com o livro, se divertir com o livro, além de tentar desvendar a história e descobrir o que tinha ali, tentando ler não somente as imagens, como o texto escrito.
  3. 3. ESCOLHA DE LIVROS PELAS CRIANÇAS – CASINHA DAS HISTÓRIAS Após a escolha das histórias, as crianças puderam compartilhar a história com os amigos do grupo da mesinha da biblioteca e ler juntos. Assim, as crianças que já dominam a leitura do código escrito, puderam ler para o amigo, e as outras crianças que ainda estão descobrindo as palavras escritas, puderam aprender com esta socialização e interação com o amigo. A leitura compartilhada é mais interessante para eles, porque dividindo a história, a leitura das imagens, torna-se mais divertido!
  4. 4. Exploração da leitura de Gibis
  5. 5. Desenvolvimento: Num segundo momento, propus a turma a leitura dos gibis da Turma da Mônica que a caixa de Gibis da Biblioteca de nossa escola dispõe. Como estavam com os mesmos gibis nesta atividade de leitura, pedi que realizassem uma “descoberta de texto” manuseando aquele tipo de material. Começando pela capa: palavras, ilustrações, personagens, cores. Pedi que observassem como a historinha estava distribuída em cada página, onde podíamos perceber o texto escrito e quais momentos a história trazia somente imagens, sugerindo nossa interpretação, nossa leitura. As crianças então puderam compartilhar a história, e agora dividir com o amigo o mesmo texto, fazer comparações entre o que perceberam trocar ideias, expandir conhecimentos. Então pudemos estabelecer ao final das leituras a comparação entre estes dois tipos de materiais escritos que permitem nossa diversão e tantas descobertas: o livro de literatura infantil e o Gibi. Como devemos olhar para a historinha em quadrinhos, atentando-nos para a sequência dos fatos nos quadrinhos, dentre outras características que este tipo de leitura traz. Foram muitas as falas interessantes das crianças que marcaram as descobertas e os diferentes olhares para cada detalhe do gibi. Senti que foi uma atividade interessante e que nos permitiu muitas descobertas de leitura e trocas de experiência.

×