Projeto Construção Cultural Sinduscon-RS 2015 Projeto comercial

284 visualizações

Publicada em

Um dos projetos culturais mais premiados do RS está tendo continuidade em 2015. Uma excelente oportunidade de investir em cultura e no resgate do patrimônio histórico do RS. Projeto da MaxiMarket Gestão do Reconhecimento.
Contatos com Paulo Ratinecas - ratinecas@maximarket.com.br

Publicada em: Marketing
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
284
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Projeto Construção Cultural Sinduscon-RS 2015 Projeto comercial

  1. 1. 2 O ano de 2015 marca a continuidade da celebração dos 65 anos do SINDUSCON-RS. A relevância desse momento será ressaltada através de um projeto de ações totalmente in- tegradas entre o setor da construção civil do Rio Grande do Sul e a sociedade gaúcha. Desde a sua fundação, a entidade exer- ce sua missão com o objetivo de atender aos interesses do setor, caracterizando-se como uma organização representativa e informati- va. O SINDUSCON-RS realiza investimentos claros e trabalha para implementar uma cons- tante cultura de inovação, gerando valor e de- senvolvendo parcerias estratégicas. Em 2015 o SINDUSCON-RS estará dando seguimento a um projeto vitorioso que obteve excepcional visibilidade na mídia e com isso salientou-se junto às lideranças públicas e pri- vadas de Porto Alegre e do estado. Tanto que foi premiado pela sociedade empresarial gaú- cha no TOP de Marketing 2014 da ADVB-RS, na categoria Cultura e simultaneamente rece- beu o reconhecimento nacionalmente com sua publicação na RevistaCaseStudiesdaFGV. O Projeto Construção Cultural visa contri- buir para que o setor e a sociedade sejam con- templados com ações que contribuam com a cultura gaúcha, seja através da música, da valorização do patrimônio público ou de refle- xões e análises comportamentais que permi- tam conhecer tendências e avanços da cons- trução civil. O projeto tem como objetivo criar, comunicar e entregar valor para a sociedade. As ações foram meticulosamente planejadas a fim de que pudessem integrar a pauta cultural da sociedade porto-alegrense e gaúcha e com isso impactar a opinião pública. Tudo para ser um incentivo e gerar maior engajamento nas pessoas, empresas, instituições. Uma estratégia desenvolvida para ampliar o valor das ações da entidade, tornando-a re- ferência para as empresas do setor, para outras entidades, para que essas também invistam em projetos culturais. O SINDUSCON-RS tem mais de 11 mil empresas cadastradas, abrangendo 398 municípios do Estado do Rio Grande do Sul, atuando em sinergia com as cidades que possuem sindicatos patronais. São construtoras, incorporadoras, loteadoras e profissionais autônomos, que participam do desenvolvimento urbano, edificando prédios residenciais, comerciais e públicos, bem como indústrias, escolas, condomínios, hospitais, presídios, parques e praças. Tudo, enfim, que contribua para a melhoria da qualidade de vida da população. Ser agente do desenvolvimento sustentável, representando os interesses da indústria da construção civil, promovendo uma relação harmônica e confiável desta com seus clientes e com a comunidade onde atua. MISSÃO SINDUSCON-RS 65 anos
  2. 2. 3 PROJETO CONSTRUÇÃO CULTURAL 2015 O SINDUSCON-RS acredita na inquietude inovadora que serve de inspiração para as cor- porações. Ao investir em cultura e cumprir o seu papel como entidade cidadã, se deparou com um caminho árduo, mas fértil. Uma estra- da percorrida passo a passo, alinhando o mo- delo de gestão praticado com os objetivos al- mejados. O SINDUSCON-RS, compartilhando valores e desenvolvendo projetos com parce- rias, tem provado que a inovação muitas vezes é mais acessível do que se possa imaginar. Mas para isso, primeiramente, é preciso acreditar numa inquietude inovadora. Com o Projeto Construção Cultural, o SINDUSCON-RS colabora para a valorização da cultura. Um projeto que, definitivamente, faz a diferença, especialmente em um país onde programas deste caráter são mais do que bem-vindos, são imperativos. Para 2015 estarão sendo desenvolvidas no- vidades para aprimorar o projeto e conferirem ainda mais abrangência e visibilidade às ações. Contribuição setorial para a sociedade Um grupo de ações que vem colaborar no cenário cultural gaúcho. O projeto é composto por três plataformas culturais: O Resgate do Patrimônio Público terá, além de ações de restauração de monumen- tos, a realização de eventos para discussão de ideais e de ações para a sociedade preservar melhor o seu pa- trimônio. Como dar mais se- gurança aos monumentos e praças para deixarem de ser vandalizados? Como educar melhor a população? Essas e outras questões serão debati- das com lideranças públicas e privadas, especialistas e mul- tiplicadores de opinião. O Sindusom estará rece- bendo artistas para celebrar nomes importantes da músi- ca brasileira, desenvolvendo noitadas de muito som para entreter mensalmente o pú- blico, no Teatro Sinduscon. O projeto Vidas em Cons- trução será uma novidade para 2015. Serão várias noites de apresentações e debates que irão proporcionar um me- lhor entendimento de como as pessoas se relacionam com a sua moradia e suas vivências urbanas. Suas escolhas, mu- danças e opções de onde e como morar. Espetáculos musicais no Teatro Sinduscon Debates e ações de restauração de monumentos e de espaços urbanos Debates sobre a relação comportamental das pes- soas com a sua moradia e suas vivências urbanas
  3. 3. 4 O Teatro Sinduscon volta a ser palco de apresentações mensais até dezembro. Um grupo de engenheiros músicos, aliados a músicos profissionais, compõe o Sindusom. A cada espetáculo são recebidas persona- lidades da música gaúcha para apresenta- ções a fim de entreter e emocionar a plateia, como já aconteceu em sete shows, em 2014. São eventos abertos ao público (ingresso e estacionamentos gratuitos), no Teatro Sin- duscon, uma vez por mês. Algumas das atrações já planejadas: 14 MAIO: Nani Medeiros – Especial Lupicínio Rodrigues 11 JUNHO: Caio Martinez – Especial Túlio Piva 09 JULHO: Pâmela Amaro – Especial Wilson Batista 13 AGOSTO: Nina Wirtti - Especial Cartola 10 SETEMBRO: Samuca do Acordeon - Choro dos Gaúchos Shows musicais no Teatro Sinduscon O grupo musical Sindusom tem a coordenação e arranjos do professor Luiz Machado e em sua formação conta com os músicos Luiz Machado (violão), Thayan Martins (pandeiro), Fabio Azevedo (cavaquinho) e Pâmela Amaro (percussão), além da participação dos engenheiros Zalmir Chwartzmann (percussão), Marcelo Moyses (clarinete) e Augusto César Franarin (saxofone).
  4. 4. 5 Restauração dos monumentos e áreas urbanas A cultura é o caráter de uma sociedade; sua difusão e aprimoramento determinam sua capacidade de evolução. Através dela é esti- mulada a participação e a contribuição para o bem coletivo. E, junto com os fatores econômi- co, social e ambiental, é um dos pilares da sus- tentabilidade na sociedade do conhecimento. Numa nação como o Brasil, a relevância da responsabilidade social empresarial é imensa. Ao lado das enormes carências e desigualda- des está o descaso com o patrimônio público. O problema é compartido por toda a socieda- de, embora inexista uma ação concreta sobre isso. A prioridade é desenvolver esforços, ca- nalizar energias para comunicar e agir. Res- taurar o que estava comprometido. A sinergia entre os atores culturais, público e privado aju- daria a mapear dados, necessidades e oportu- nidades para resgatar monumentos de Porto Alegre, de forma efetiva. O rico acervo escultórico da cidade de Por- to Alegre, a cada dia que passa, diminui. Rou- bos, vandalismo e a falta de incentivo para no- vos projetos marcam o panorama atual. Outro problema enfrentado foi a realização de inter- venções de restauro por mão de obra não es- pecializada, o que, em sua maioria, acabou por acelerar o processo de degradação da obra. O lamentável estado de conservação das esculturas públicas já foi alvo de inúmeras reportagens veiculadas na mídia, no entan- to ações para sua salvaguarda são pontuais e inexpressivas diante do enorme acervo exis- tente e da velocidade de degradação destes. O projeto, em 2014, recuperou 12 mo- numentos instalados no Parque Farroupilha, entre eles o Monumento ao Expedicionário. Para essa segunda etapa do projeto, que será resultado da parceria entre o SINDUSCON-RS, Prefeitura Municipal de Porto Alegre e Minis- tério Público do RS, estão sendo selecionados novos monumentos no Parque Farroupilha. Os critérios para sua seleção serão: locali- zação dentro do espaço do parque, visibilida- de junto à comunidade, material constituinte (predominantemente rochas) e representativi- dade dentro do seu estilo e época. As ações programadas para intervenção nos monumentos resumem-se em: • Levantamento cadastral onde as peças serão fotografadas e catalogadas. • Intervenções de limpeza com a lava- gem das peças com formulação própria. O objetivo é eliminar agentes de deterioração como micro e macroorganismos e eliminação de fuligens. • Remoção de pichação e aplicação de produto antigrafite, que protegerá a peça de novas pichações, facilitando assim a remoção de reincidentes. • As peças artísticas em bronze existentes serão replicadas em material sem valor comer- cial para fixação posterior.
  5. 5. 6 • As placas em bronze com identificação e frases que foram roubadas serão reproduzidas em placas de granito em alto relevo e fixadas aos monumentos. • Execução de relatório final dos trabalhos realizados constando o "antes" e "depois". Além das ações de restauro, neste ano ocorrerão eventos no Teatro Sinduscon, que mobilizarão lideranças públicas e privadas, especialistas e jornalistas para discussões de ideias e de projetos para combater o problema do vandalismo em Porto Alegre. Debates sobre a relação comportamental das pessoas com a sua moradia e suas vivências urbanas Umanovaperspectivadeverediscutiracons- trução civil. Uma série de palestras e debates irão pautar um novo projeto do SINDUSCON-RS. Ino- vando na perspectiva de conhecer e pesquisar os horizontes comportamentais que transcendem como as pessoas se relacionam com as escolhas de suas moradias, seus espaços de vida e suas vi- vências urbanas. Alguns temas serão pauta destes encon- tros mensais no Teatro Sinduscon, com entra- da gratuita para todo o público interessado nos assuntos em avaliação e reflexão. São eles: • O que é valorado pelas pessoas? O real valor de uma moradia para as pessoas. • A importância da primeira morada e as escolhas das próximas moradas. • Por que as reformas e mudanças geram crises: elementos que se revelam na compra da morada, nas reformas e nas mudanças de moradia. Fatores comportamentais e merca- dológicos que influenciam as escolhas. • Grandes metrópoles: suas construções e as repercussões no ambiente e nas relações. • A construção da vida através das esco- lhas de moradia. • A segunda casa (mar, serra e investimen- tos em lazer). A importância de uma casa de férias ou de lazer e seu processo de escolha. • Lazer nas moradias - a tendência de grandes áreas sociais. • Os condomínios como micro-sociedade. • Vivências urbanas - moradias com lazer ex- tensivoeasáreasdeconviverpúblicas-shoppings, praças,museus,bares,restaurantes...
  6. 6. 7 • Direção Geral: Zalmir Chwartzmann - Vice-Presidente do SINDUSCON-RS • Direção Executiva: Paulo Ratinecas - MaxiMarket Gestão do Reconhecimento • Coordenação de Eventos Sinduscon: Sandra Fontanelli • Coordenação de Comunicação Sinduscon: Luciane Costa Zitto • Curadoria Sindusom: músico Mathias Behrends Pinto • Curadoria Resgate do Patrimônio Público: arquiteta Verônica Di Benedetti • CuradoriaVidas em Construção: Drª Ivanosca Martini - Presidente do Instituto deTerapias Integradas de Porto Alegre (ITIPOA) PROJETO CONSTRUÇÃO CULTURAL 2015 OPORTUNIDADES DE INVESTIMENTO E ENGAJAMENTO Cotas Patrocínio Master - R$ 100.000 Benefícios do Patrocinador Master: • Logomarca no Hotsite e banners do projeto; • Logomarca nos banners expostos em todos os eventos do projeto; • Citação do patrocínio durante as obras de recuperação dos monumentos (cartaz ao lado das obras ou no tapume - quando for o caso); • Logomarca em destaque nos eventos patrocinados. • Citação do patrocínio em todos os eventos; • Citação nos releases do projeto junto à imprensa e nas comunicações internas do Sinduscon; • Citação do patrocínio nas notícias que serão veiculadas nos espaços e ferramentas de comunicação do SINDUSCON-RS. • Vivências profissionais e geográficas como fator de escolha do local de espaços de trabalho. A coordenação será feita por psicanalistas através de debate com profissionais do setor da construção civil, publicitários, arquitetos, urba- nistas, pesquisadores e vários outros convida- dos, conforme os temas a serem abordados. O projeto buscará o apoio institucional, participação e divulgação de outras entida- des, tais como: ASBEA, CREA, CAU, IAB, AGA- DEMI, SECOVI, ADVB, FIERGS, Instituto Pensar Porto Alegre, SindPoa, RBS, Record, Pampa, Bandeirantes, Jornal do Comércio.
  7. 7. Contato para informações MaxiMarket Gestão do Reconhecimento Coordenação: Paulo Ratinecas - (51) 33302681 e (51) 99991157 ratinecas@maximarket.com.br www.sinduscon-rs.com.br Avenida Augusto Meyer, 146 Bairro Auxiliadora Porto Alegre | RS

×