Guarde as suas fronteiras: um tempo para definir e proteger!

478 visualizações

Publicada em

Publicada em: Espiritual
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
478
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
88
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Guarde as suas fronteiras: um tempo para definir e proteger!

  1. 1. GUARDE AS SUAS FRONTEIRAS! UM TEMPO PARA DEFINIR E PROTEGER!
  2. 2. O QUE SIGNIFICA GUARDAR?A palavra em hebraico é “ shamar”: guardar, vigiar,observar, prestar atenção, proteger;Ver: é uma função primordial na tarefa de guardar! Nósestamos em uma estação de Dez anos simbolizadaprofeticamente na figura do olho;Vejamos alguns exemplos bíblicos:•Gn2:15 – guardar o Éden;•Gn3:24 – guardar o caminho para a árvore da vida;•Gn17:9-10 – guardar a aliança;•Gn18:19 – guardar o caminho do Senhor;•Êx15:26 – guardar os estatutos do Senhor;•Êx31:14 – guardar o shabatt.
  3. 3. O QUE VEM A SER AS FRONTEIRAS? A palavra em hebraico é “ g ̂ebuwl”: fronteira,território (porção de terra contida dentro doslimites); procedente de “ gabal”: demarcar,limitar (estabelecer limites, colocar limites para).Ano Guímel: nós estamos em um ano kairóssimbolizado profeticamente na letra hebraicaGuímel. Portanto, estamos em um ano paradefinirmos e protegermos as nossas fronteiras notempo, pois a palavra fronteira começa com a letraGuímel.
  4. 4. VEJAMOS ALGUNS EXEMPLOS BÍBLICOS:•Nm21:24 – fronteira fortificada;•Nm22:36 – fronteira extrema;•Nm34:6 – fronteira ocidental;•Js13:23 – fronteira da herança;•1 Rs4:21 – fronteira do domínio de Salomão;•2 Rs 10:32 – foram feridos nas fronteiras(diminuiu os limites de Israel);•1 Cr4:10 – fronteira alargada.
  5. 5. AMPLIANDO O ENTENDIMENTO SOBRE O CONCEITO DE FRONTEIRA:As fronteiras são: todos os limites estabelecidosdentro de uma determinada porção; os limites podemser fixados em termos quantitativos e qualitativos, taiscomo peso, extensão, volume e número.As fronteiras podem ser definidas por: pela própriapessoa, por outras pessoas, pelas iniquidadesgeracionais e pelos espíritos familiares, pelasiniquidades territoriais e pelos espíritos territoriais, oupelo Espírito Santo; cada um escolhe e é responsávelsobre quem define as suas fronteiras.
  6. 6. O DEUS CRIADOR ESTABELECEU PREVIAMENTE AS FRONTEIRASAs fronteiras estabelecidas por Deus foram determinadaspreviamente em conexão com o tempo e lugar!Para cada estação e lugar deve ser estabelecida umafronteira diferente (aumento ou diminuição)!“Nem é servido por mãos humanas, como se de algumacoisa precisasse; pois ele mesmo é quem a todos dá vida,respiração e tudo mais; de um só fez toda a raça humanapara habitar sobre toda a fa ce da terra, havendo fixado ostempos previamente estabelecidos e os limites da suahabitação” – At 17:25-26.
  7. 7. AS FRONTEIRAS ESTABELECIDAS NO CÉUS DEVEM SER DEMONSTRADAS NA TERRA:Devemos pressionar em adoração para subirmos em espírito a salado trono a fim de que possamos alcançar a revelação das nossasfronteiras e descer em guerra para demonstrá-las na terra!“Depois destas coisas, olhei, e eis não somente uma porta aberta nocéu, como também a primeira voz que ouvi, como de trombeta aofalar comigo, dizendo: Sobe para aqui, e te mostrarei o que deveacontecer depois destas coisas. Imediatamente, eu me achei emespírito, e eis armado no céu um trono, e, no trono, alguém sentado”– Ap 4:1-2.“...Venha o teu reino; faça-se a tua vontade, assim na terra como nocéu” – Mt 6:10.
  8. 8. AS FRONTEIRAS PROMVEM SEGURANÇA!As fronteiras estabelecidas por Deus e por Sua Palavrapromovem segurança e salvação. Portanto, devemoster clareza destas fronteiras a fim de que possamosguardá-las devidamente!“Tomou, pois, o SENHOR Deus ao homem e o colocou nojardim do Éden para o cultivar e o guardar. E o SENHORDeus lhe deu esta ordem: De toda árvore do jardimcomerás livremente, mas da árvore do conhecimentodo bem e do mal não comerás; porque, no dia em quedela comeres, certamente morrerás” – Gn 2:15-17.
  9. 9. O PODER DO SANGUE DENTRO DAS FRONTEIRAS:Realmente há poder no sangue do cordeiro, que é osangue de Jesus! O que muitos não atentam é para asfronteiras, pois a eficácia do sangue está determinadapara dentro das fronteiras estabelecidas pelo Senhor epela Sua Palavra!“ Tomarão do sangue e o porão em ambas as ombreiras ena verga da porta, nas casas em que o comerem... Osangue vos será por sinal nas casas em que estiverdes;quando eu vir o sangue, passarei por vós, e não haveráentre vós praga destruidora, quando eu ferir a terra doEgito” – Êx 12:7,13.
  10. 10. O EXERCÍCIO DE AUTORIDADE DENTRO DAS FRONTEIRAS:A verdadeira autoridade respaldada pelo Senhor ocorresomente dentro das fronteiras estabelecidas por Ele e por SuaPalavra. Portanto, todas as vezes que formos comissionadosprecisamos ter uma definição bem clara das fronteirasestabelecidas. Isto serve tanto para quem comissiona, bemcomo para quem é comissionado, para quem delega e paraquem recebe a delegação.“Porque, se eu me gloriar um pouco mais a respeito da nossaautoridade, a qual o Senhor nos conferiu para edificação e nãopara destruição vossa, não me envergonharei...nós, porém,não nos gloriaremos sem medida, mas respeitamos o limite daesfera de ação que Deus nos demarcou e que se estende atévós” – 2 Cor 10:8,13.
  11. 11. O SISTEMA DO ANTICRISTO PRESSIONA NAS FRONTEIRAS:A Babilônia pressiona em desgastes mentais/emocionaispara tentar tirar as pessoas do tempo de Deus. Quandoficamos esgotados, saimos do tempo de Deus eperdemos o principal referencial no estabelecimento dasfronteiras que Ele estabeleceu previamente. Alguns vãoser pressionados para ficarem aquém das fronteiras –Mediocridade, sendo que outros serão pressionados parairem para além das fronteiras – Presunção.“Proferirá palavras contra o Altíssimo, magoará (esgotar)os santos do Altíssimo e cuidará em mudar os tempos e alei...” – Dn 7:25a.
  12. 12. SEJA UM VIGIA DILIGENTE EMTODAS AS SUAS FRONTEIRAS!

×