Jornal 17

782 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
782
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
14
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Jornal 17

  1. 1. FEVEREIRO 2011 ANO II N° 17 DIR. NELSON PRADO 153 DISTR. SERGIO ONISHI 78 FOTOS RAFAELA E GRAÇA PRADO 153<br />CASO NÃO QUEIRA RECEBER O JORECOTÔ REENVIE COM O ASSUNTO REMOVER<br />SÍNDICO ENTREGA PANFLETOS <br />MAS PROIBE ENTREGA DE CONVITE DO JORECOTÔ<br />Todos devem estar lembrados na época da assembléia dos folhetos falando da bondade do síndico distribuidos pelos funcionários para o condomínio (isso pode) relevamos este fato.<br />Agora o JORECOTÔ enviou alguns convites, para serem entregues junto com a correspondência, para alguns moradores quem ainda não recebem nosso JORECOTÔ (isso não pode) <br />Seria isso boicote? <br />Seria medo de nossas informações?<br />A historia da pescaria no criadouro se repete, ou seja, ninguém pode, mas eu posso.<br />Mandaremos as cartas pelo correio, conferiremos uma a uma, se serão ou não entregues.<br />Se forem barradas na secretaria será crime.<br />Obviamente, correios serão avisados com antecedencia, desta nossa fiscalisação.<br />Cremos que com estas medidas as últimas casas passarão a receber o JORECOTÔ e serão então 100% do condomínio com nossa força fiscalisadora. <br />Esta postura com certeza gerará mais controle do que já estamos tendo e com certeza o caixa melhorará mais ainda.<br />JORECOTÔ “ AMADO POR UNS, ODIADO POR OUTROS”<br />INCOMODA CADA VEZ MAIS ///// VEM BOMBA POR AÍ <br />NOVA CARRETA EM AÇÃO<br />AQUISIÇÕES VALORIZAM E AGILIZAM SERVIÇOS <br />NOVA “PICK-UP” (INVESTIMENTO NO FUTURO)<br />SATISFAÇÃO E CONFORTO À TODOS<br />Começamos o ano com o pé direito, eliminando uma fonte interminável de problemas a nova “pick-up” já está circulando por aí, a carreta da coleta de lixo “basculante” já executa sua tarefa com muito mais garantia de segurança e serviços bem feitos (os funcionários trabalham mais satisfeitos) O JORECOTÔ parabeniza a todos pelas mudanças efetuadas.<br /> ( AGORA VAI ) Foi a expressão que escutamos e que satisfez a todos. <br />Sempre no sentido de colaborar, é bom lembrar que deve existir um esboço de projeto, feito pelo engenheiro Valmir, quando ainda no condomínio, tal estudo cuidava de implantar um depósito basculante para o lixo coletado, ou seja, bascularíamos a caçamba no depósito que por sua vez seria basculado no caminhão da prefeitura. Eliminaria assim a o manuseio desnecessário e desagradável do lixo e as conseqüências de insalubridade provocada pelo mesmo. <br />De qualquer forma, o importante é ser pró-ativo, administrativamente falando, fazer acontecer, é isto que importa.<br />PARA LER JORNAIS DO MUNDO RECORTE O ENDEREÇO COLE E NAVEGUE<br />http://www.hhmmss.com/<br />PLACAS DE RUA é um paradoxo, reclama-se da ausência de placas e ao mesmo tempo, tem placas demais, proibindo, isso e aquilo, o que é pior há placas que proíbem, o que já está proibido por lei, como por exemplo a que diz proibido estacionar na faixa amarela ou a que diz que é proibido animais na área social (isto já está proibido no regulamento ou não?) é proibido andar de skate ou de carrinho de “rolimã” e as crianças que um dia fomos, como ficam? Brincarão onde? <br />(Respeito ao ser humano) Decidir a cor, instalar e pronto <br />A L E X A N D R I A<br /> 152 > 178 71 - 57<br />AL. ALEXANDRIA<br />231 A 313 178 > 283<br />CONCLUSÃO: Quanto menor for a poluição visual nas placas e no condô, melhor.<br />SILÊNCIO: <br />BUZINA / BERRO<br />É preciso orientar (visitantes, carteiros, entregadores, moradores) que para chamar as pessoas é preciso usar a campainha ou bater à porta nunca BUZINAR OU BERRAR.<br />È comum pessoas BUZINANDO OU BERRANDO para chamar alguém, até mesmo os funcionários, se valem destes expedientes, isso precisa ser melhorado com aulas de comportamento social. <br />CONSELHO FISCAL CUMPRE SUA FUNÇÃO Srs. João Adão e Rubens, bom dia! Esta semana estávamos verificando os documentos do mês corrente e constatamos um RPA no valor de R$ 3.000,00 referente a serviço Topográfico no Condomínio, todavia não olvidamos em ver os orçamentos para a devida contratação. Gostaríamos de saber porque não foram feitos 3 orçamentos.Aproveitamos, para informar que: a) A COLT /SECURYT continuam sem contratos b) O cronograma PPRA e do PCMSO da Colt Serviços e Securyt, não foram cumpridos; c) A Planilha de custos da Festa Tropical ainda não foi apresentada; d) O PPRA e o PCMSO do Condomínio venceram em julho/10 e ainda não foram refeitos.Conselho FiscalPREZADO SR. SÍNDICO, (C/c. Sub-Síndico e Demais Conselheiros),Boa tarde!RATIFICO o e-mail (acima)do Conselheiro Arquimedes; que, aliás, é unânime no Conselho Fiscal.Adito-o para incluir:1- Requeremos respostas ao Conselho Fiscal, visto que V.S.a (Sr. SÍNDICO) não vem respondendo aos e-mails enviados;  o que além de ser "deselegante" é ato faltoso diante do cargo que ocupa. 2- QUESTÃO DAS PLACAS - O prazo de instalação cf. V.Sa (Sr. Síndico) era 20/janeiro/2011. 3- Contrato da COLT: o mesmo deverá ser assinado com data retroativa (prazo máximo de 01 ano - já está vencendo praticamente) e RECONHECIDO FIRMA dos signatários. O reconhecimento de firma é exigência legal para amanhã, em caso de eventual responsabilidade diante do condomínio e de terceiros possamos buscar direito de regresso. Até o momento, V.Sa. (Síndico) tem responsabilidade PESSOAL sobre o mesmo, cuidado!Pedimos ao Sr. Luciano (que antes de ser "porta voz" da COLT é condômino e ex-síndico) que intermedie com carinho e urgência a finalização dos contratos, visto que pessoalmente já revisamos os mesmos. Envie as versões revisadas para nossos arquivos que daremos imediato start às assinaturas.No silêncio ou omissão, o CF ingressará com ação judicial pedindo que os depósitos da COLT sejam efetuados em Juízo até o deslinde final, sem prejuízo da responsabilidade pessoal do Sr. Síndico. (E não haverá como lançar "data retroativa" aos mesmos para defesa em Juízo, visto a ampla prova de e-mails trocados até o momento). ASSEMBLÉIA DE MARÇO:Está na hora da discussão prática da pauta, em especial dos itens seguintes, alguns já discutidos:a)  Plano de Saúde dos funcionários (já temos cotação de R$ 2.000,00 somente atualizarmos valor antes da reunião);b) Solução para o lixo (já se tem orçamento p/ o caminhão entrar no condomínio 3 vezes por semana e levar todo o lixo, preço 3.700,00 mensal, somente atualizar valor antes da reunião); c) O Conselho definiu como prioridade segurança do muro perímetro (faltam orçamentos); d) Acesso a portaria com senha ou digital entrada para moradores (faltam orçamentos); e) A questão da água (desperdício); f) A ação judicial contra a Mogno (cf. conversado com Paulo Ramos); g) Inclusão clara das festas do condomínio (tropical, crianças, etc.) para aprovação ANUAL e não eterna como vem sendo feita. Queremos maior transparência nessas festas, visto que até agora os números da Festa Tropical estão in albis (em branco). Requeremos que o Sr. Sub-Síndico se encarregue dos orçamentos prévios. Atenc., PAULO RAMOS (CONSELHO FISCAL)OBS. DO JORECOTÔ:3700,00mês/12viagens= 308,00cada viagem (A empresa coleta lixo de outros lugares também) Este preço pode e deve cair, è preciso “brigar” chamando um concorrente ou efetuar a própria coleta abatendo do IPTU.É importante também estabelecer horários de coleta nos dias comuns e feriados.<br />SEPARAR LIXO É LEI DESDE 01/01/2011<br /> A novidade é a obrigatoriedade por parte da população em separar o lixo orgânico do reciclável, com previsão de multa de até R$ 500,00 para quem descumprir.O cidadão terá de providenciar a separação de todo o lixo conforme o tipo de material, como vidro, papel e alumínio. O cumprimento da legislação caberá às prefeituras . ATÉ 2014 todas as prefeituras deverão ter um sistema de coleta de lixo seletiva. Não foram estipulados prazos, uma vez que o assunto será discutido através de um comitê de orientação. Atualmente apenas 900, dos 5.560 municípios brasileiros, têm coleta seletiva. O Brasil recicla apenas 12% do lixo gerado (JAPÃO 50%) .VINHEDO De acordo com informações da Secretaria de Planejamento e Meio Ambiente, Vinhedo já atinge praticamente 100% de cobertura de coleta seletiva nos bairros da cidade, incluindo os condomínios. Apenas as áreas rurais ainda não possuem a coleta seletiva. Em agosto deste ano, a Prefeitura aumentou o percurso para recolhimento de materiais por meio do programa de coleta seletiva.<br />Assim como durante o ano passado o JORECOTÔ alertava que esta medida seria implantada, alertamos também que em breve será obrigatório o tratamento dos esgotos é melhor irmos nos preparando com maturidade social para estas futuras exigências. Mais uma vez sugerimos reunir engenheiros, biólogos, ecólogos, para estudarem o assunto. Por falar nisso, em casa usamos nossa própria sacola para compras (as vezes esquecemos) deixamos uma delas no<br />carro .<br />HIGIENE: <br />PISCINA RECEBE CRÍTICAS<br />Moradores reclamam que o serviço terceirizado de manutenção e limpeza da piscina está sendo feito novamente sem atender aos interesses dos usuários.<br />(LIMPA-SE, MAS NÃO ESTÁ LIMPA)<br />Bordas engorduradas, água turva, oleosidade desagradável tem inibido o uso da piscina em pleno verão.<br />Os chuveiros, não foram repostos, a limpeza dos vestiários deixa a desejar, infelizmente é comum os filtros ficarem ligados por muito tempo para as manutenções, impedindo a freqüência enquanto isso, mas nada tem sido bem feito. <br />Como usufruir do que é nosso, se continuar assim?<br />Trancaremos também a piscina?<br />É preciso que forneçam claramente hora e data semanal das manutenções <br />É preciso conferir a qualidade dos serviços prestados <br />SÓ CLORAR NÃO É GARANTIA DE PISCINA SEM DOENÇA    <br />left3810Três anos depois que duas crianças morreram por terem contraído E. coli em um parque aquático, as autoridades lançam uma campanha para esclarecer os pais sobre os perigos potenciais das infecções contraídas em piscinas.  "Os pais sentem o cheiro do cloro e pensam que, já que há cloro na piscina, a água é segura, algumas vezes não é. Por exemplo, o parasita cryptosporidium pode sobreviver por uma semana em água clorada. Assim como em objetos inanimados. "Se alguém troca uma fralda na beira da piscina ou se alguém não se lavou direito e toca nas espreguiçadeiras ou em outros objetos em volta de uma piscina, como escada, é possível que a doença seja transmitida,". Ninguém sabe exatamente quantas pessoas adoecem, nem quantas morrem, em conseqüência de doenças adquiridas nas piscinas. <br />CONDOMÍNIOS<br />REGULAMENTOS GERAIS <br />Sendo legalmente obrigatório, onde haja mais de quatro condôminos, o regulamento deve ter por objetivos facilitar a sã convivência entre eles, favorecer a sua qualidade de vida no condomínio devendo ser obedecido por “todos”.<br />Partindo de regras que não incentivem práticas ou comportamentos manifestamente lesivos de direitos de terceiros, o regulamento deverá garantir a todos os condôminos o direito fundamental à privacidade e ao livre e legítimo uso da respectiva fração e das partes comuns.<br />A aprovação do regulamento deverá configurar uma aposta séria, na construção de regras de boa convivência que potenciem, no seio do condomínio, bem estar,  harmonia e qualidade de vida.<br />É essencial que cada condômino se reveja no regulamento aprovado, de forma a cumprir, sem reservas ou constrangimentos, o que ele preceitua.<br />Não se deverá, pois, cair na tentação de aproveitar a feitura do regulamento para complicar a vida de terceiros, impondo-lhes regras e proibições que, não sendo fundamentais para a vida em condomínio, apenas criem tensões entre os condôminos.<br />Espírito castrador não contribui, de fato, para um bom ambiente no seio do condomínio. E, por outro lado, as proibições que não resultem da lei carecem de ser aprovadas sem qualquer oposição.<br />Não faz sentido elaborar o regulamento com um espírito persecutório.<br />De contrário, a elaboração do regulamento deverá representar um momento de união que reforce a coesão dos condôminos para que o condomínio possa atingir, sem constrangimentos, as suas finalidades comuns.<br />Bem vistas as coisas, a verdadeira riqueza de um condomínio assentará mais nesses valores intangíveis, que contribuam para uma convivência harmoniosa, do que na expressão financeira dos capitais que o constituem; um condomínio valerá o que valerem as pessoas que o compõem.<br />Com o dinheiro em caixa, agora podemos economizar em tempo e investir qualidade e excelência em serviços.<br />LIXO NO LIXO CORRETAMENTE<br />Ecologia deixou de ser um assunto restrito a entusiastas e cientistas. O tema muitas vezes visto como árduo, no passado, agora ocupa as manchetes de jornais e, até, as colunas sociais. DESDE 01/01/2011 <br />É LEI RECICLAR O LIXO<br />O que era chato ficou chique. Empresas, mídia, governos, bancos, astros do mundo todo e do Brasil passaram a discutir – com urgência – como fazer para salvar o homem do aquecimento global e melhorar a qualidade de vida na Terra. A noção de sustentabilidade – desenvolvimento que não compromete o futuro – começa a ganhar as ruas. O movimento Planeta Sustentável faz parte dessa corrente que pretende amenizar nosso impacto sobre o ambiente e tornar a convivência social cada vez mais evoluída.<br />Queremos provar como é possível promover pequenos gestos que conduzirão a grandes mudanças se forem adotados por todos nós. Um bom começo é praticar os “três erres”: reduzir, reutilizar e reciclar. <br />1) REDUZIR já pensou em abrir e amassar as caixas de leite e outros PETS isso elimina o vazio inútil<br />2) REUTILIZAR as caixas e PETS podem e devem servir de sacola de lixo <br />3) RECICLAR separe com respeito tudo o que puder ser reciclado (agora é lei)<br />As dicas e informações reproduzidas pelo JORECOTÔ podem ser aplicadas no dia-a-dia agora mesmo, em sua própria casa, no trabalho, circulando pelas ruas e em sua vida pessoal. <br /> <br /> R E C I C L E M O S O U V I V E R E M O S N O L I X O<br />A luta pela sustentabilidade será vencida em diversas frentes – que vão da tecnologia à política. Mas em todas elas será preciso promover a mudança de hábitos pessoais.. É preciso fazer algo. E devemos fazer já.<br />COLETA DE LIXO <br />BARCELONA ABOLIU<br />Acredite se quiser, o bairro de Lesseps em Barcelona não usa mais caminhões para a coleta de lixo, usa a coleta pneumática, onde os moradores colocam seus sacos de lixo numa tubulação subterrânea que transporta o material até a caixa coletora onde é feito a triagem e separação dos mesmos.<br />Vantagens deste modelo? Condomínio com Alamedas limpas cheirosas e silenciosas. Funciona desde 1992 atende 324 mil moradores que não se dão ao trabalho da separação.<br />O JORECOTÔ pega carona no assunto, mais uma vez sugere que a idéia seja pensada a unida às idéias do esgoto e água, seja feita um tipo de trincheira para passar tudo de uma só vez pelo mesmo lugar. Nos momentos de reparos, é abrir a tampa corrigir o defeito e fechá-la novamente. Claro que o investimento inicial é maior, porém, depois a economia que será fará é digna de reflexão.<br />P I A D I N H A SÓ PIADINHA...<br />Um visinho diz ao outro:<br />_Estou mudando para o condomínio onde não permitem animais.<br />_Não escutarei latidos, os gatos não sujarão lá em casa.<br />_ Mas... O que o senhor fará com seus animais.<br />_Levarei comigo é claro.<br />_Mas... O senhor disse que lá não permitem animais. <br />_Disse sim, mas... Meus animais são bonzinhos.<br />_Os meus... Podem.<br />NOVOS EQUIPAMENTOS PODEM ALIVIAR CUSTOS<br />Trator para aparar grama de 12 até 20 hp perfeito para jardins planos e campo de futebol faz o serviço de vários jardineiros com perfeição e muita rapidez, custa por volta de 7 mil (sendo implantado já, em um 20 meses se pagaria) funciona a gasolina estão lançando o elétrico.<br /> <br />Vigilância diurna e noturna 360° instalada com zoom, busca movimento, congelamento de imagem, grava enviando imagem pela internet e faz ronda R$ 4,000,00<br />Câmera fixa da Sony 165,00 Vigilância eletrônica eficiente. Pouparia carros, motos, combustível, com mais silêncio.<br />ENERGIA EÓLICA nas casas é uma tendência mundial <br />SEM POLUIÇÃO ...“SILÊNCIO ° ° °! ! !<br />VALINHOS Desde a década de 1920, quando o então prefeito de Campinas Orozimbo Maia, se torna proprietário da Fazenda Cachoeira e que, em 12 de julho de 1921, inaugura a Fazenda Hotel Fonte Sônia, é que Valinhos persegue sua vocação turística. Diz a história que Maia mandou proceder a análise da água, para saber se a mesma era radioativa, depois de ter ouvido a história de que um colono que sofria dos rins foi curado após ter tomado, durante certo tempo, a água da fonte da fazenda.<br />O resultado foi positivo, mostrando que a água era de fato radioativa e suas propriedades eram benéficas para os males dos rins, bexiga e outros órgãos. A água da fonte da Fazenda Cachoeira era diurética, mais forte que a de Lindóia. <br />Pensando no sucesso financeiro da descoberta, Orozimbo Maia transforma metade da casa da fazenda em hotel e dá início à produção comercial do líquido. A Fonte Sônia também ficou famosa pela produção de doces como figada e a goiabada e por suas belezas naturais, como as cascatas e matas nativas, que hoje atraem inúmeros turistas<br />NO CONDÔ<br /> P A R A V I V E R ____________________________________________________ <br />.......É frente a tantas necessidades sociais que as pessoas vivem nos dias atuais com algumas questões que se fazem pertinentes, tais como, por exemplo: Será que não se está criando monstros sociais quando se fala em educação, ou mesmo há a necessidade da educação? Será que, diante dessas necessidades sociais, a educação não toma proporção além do natural, transformando os jovens em excepcionais competidores deles mesmos, pois, necessário é, além de ser melhor que o próximo, ser mais importante e melhor que a si próprio para “vencer” na vida........Esse vencer na vida não é mais observado como algo a ser conquistado, mas sim como algo a ser disputado entre as pessoas em meio ao mercado de trabalho e, para tal, a cultura atual está embriagada na educação descomunal como solução........As crianças hoje são submetidas às coisas fora dos padrões psicológicos naturais, nas quais lhes é tirada o direito de brincar, por exemplo. Hoje, uma criança de apenas 6 anos já se encontra na pré-escola, coisa importante com a qual não se questiona, mas, além da pré-escola, essas crianças são submetidas, no resto do tempo que, outrora livre, a mais aprendizado. É escolinha de inglês, espanhol, natação, ginástica, artes, música, teatro etc. Depois, quando um pouco maiores, a carga de aprendizado aumenta, sem contar a observância da devida proporção, pois, "quanto mais estudo melhor"........Tal cultura está posta às necessidades que outrora eram básicas, mas que hoje se fazem como um prêmio a ser disputado. Aquela criança que menos brincou, trocando seu tempo de desenvolvimento natural pelo aprendizado terá “melhores” condições para disputar coisas como, luz, telefone, celular, comida, planos de saúde, carro, casa etc........O fato é, desde alguns anos pra cá, o jargão “vencer na vida” passou a ser o “ganhar a vida”.Aristóteles afirmava que, para educar bem uma pessoa, era preciso capacitá-la para que saiba amar o que é amável e odiar o que é aborrecível. Indicava que, para vencer este desafio, era necessário avançar em três campos no processo educacional: o incremento do conhecimento; o desenvolvimento de aptidões intelectuais e da razão prática, o que permite escolhas morais acertadas; e, por fim, o incentivo à convivência familiar e social para a consolidação de atitudes e a interiorização de valores que dão sentido à vida.<br />PREZADO NELSON,<br />(C/c. p/ os Administradores e demais Conselheiros),Bom dia!<br />Parabenizo-o pelo JORECOTÔ, que sem dúvida está cada vez melhor e mais maduro; em especial o faço pelas duas últimas edições, a de janeiro/11 que trouxe em seu editorial, sob o título  "Wikileaks Terras do Oriente" mensagem crítica, serena, imparcial e independente.<br />Esse deve ser o papel da mídia séria; não se atacando ninguém, mas sim, construindo idéias, novos paradigmas, e mostrando o que realmente foi bom para todos (ex.: Trem da Alegria do Natal).O editorial é digno dos grandes jornais brasileiros, como a "Folha de S. Paulo"; e o "Estado de S. Paulo."Reporto ainda à Edição Especial de Janeiro/11, sobre a "inundação do Condô", onde se sugere a união de todos os condôminos, cada qual em sua área de atuação para uma solução ecológica e inteligente ao assunto.A atuação do JORECOTÔ tem sido de grande valia aos interesses do Condomínio e de seus Condôminos, o que confirma as palavras da "Presidente Dilma Rousseff" no dia de sua posse:  "Reafirmo o que disse ao longo da campanha, que prefiro o barulho da imprensa livre ao silêncio das ditaduras. Quem, como eu e tantos outros da minha geração, lutamos contra o arbítrio, a censura e a ditadura, somos naturalmente amantes da mais plena democracia e da defesa intransigente dos direitos humanos, no nosso país e como bandeira sagrada de todos os povos."Mais uma vez: PARABÉNS!Abs,PAULO RAMOS<br />CAROS PAULO 120 CONSELHEIROS E VIZINHOS <br />Obrigado pela compreensão, e uso de suas inteligências, para amenizar a solidão de quem quer ação e transparência, por acreditar que tudo deva ser assim simples prático, objetivo e não lacônico ou taciturno.<br /> Tenho tocado em assuntos que surpreendem ao chegar às pessoas, pessoas estas, que trabalham o dia todo esperando que sejam respeitadas pelos que assumem, funções de ordem e administração, seja, da empregada doméstica, dos técnicos, dos entregadores, dos conselheiros e dos síndicos.<br />Meu caro Paulo e vizinhos, o que fazer, se alguns se aproveitam da ausência dos moradores para não fazerem seus serviços contratados, por ex: Uma empregada domestica assim que começava seu trabalho saía para a frente da casa passando o dia no celular e nos cigarros que fumava seguidamente, pior ainda, jogando as “bitucas” em pleno jardim da casa e ou na rua. <br />Claro não temos nada com isso, mas noticio ou não, este tipo de coisa.(Não noticiamos.) Mas de algum modo ventilaram o assunto e a “bituqueira” foi dispensada de seu cabide. Parece que a dona da casa se cansou de limpar as butucas da empregada.<br />O JORECOTÔ é mais um jornal em minha vida, eu os faço desde os tempos de juventude, sempre procurando construir um mundo melhor, que para mim, melhor significa , ação e transparência, daí a confusão de algumas pessoas que ao se negarem a dizer de suas ações, se escondem no laconismo, taciturno, sobrando para serem noticiados, somente aquilo que não foi feito ou foi feito errado. (dizia o Chacrinha. Quem não comunica se estrumbica)<br />Perceba que o grupo de situação não gosta da atuação do JORECOTÔ é claro, é compreensível, nunca ninguém cobrou nada, no máximo haviam resmungos, que não eram levados em consideração, eles se amoldaram a esta situação cômoda, agora sentem-se fiscalizados como nunca foram tanto pelo JORECOTÔ como pelo conselho fiscal.<br />Tenho porém, uma visão mais abrangente do conceito de Conselheiro Fiscal, acredito que esta função, vai além de conferir continhas que são mostradas, acredito que um conselheiro fiscal aconselha e fiscaliza em outros assuntos em outras contas, antes de se transformarem em prejuízos, como por exemplo na contratação de pessoas não qualificadas,ou na eliminação do “buster” desnecessário, nos desperdícios com vazamentos (SIC) de água, etc., etc. e isto desperta uma ciumeira danada.<br />Acredito na conferencia das contas mas acredito também que o conselho fiscal, deva POR EXEMPLO incentivar a discussão com ambientalistas das problemas ecológicos de nossa baixada, se um dia formos punidos por atitudes erroneamente adotadas hoje e ontem, a punição será para todos. È desagradável, mas sinto-me no dever, de noticiar e provocar o debate sobre estes assuntos para depois não termos que conferir as contas dos prejuízos ou nos sentirmos culpados pelos danos à natureza.<br />Outro exemplo é o da internet onde não nos tem permitido as comunicações satisfatórias entre nós e o mundo. Noticio isso ou enfio a cabeça na areia no melhor estilo avestruz e não digo que está acontecendo?<br /> A opinião pública deve receber informações para ser bem formada é nisso que acreditamos e isso tentamos fazer, não podemos enfiar a cara na areia e continuar fingindo que tudo está correto ou que tem os soluções mágicas para tudo.<br />Algumas outras pessoas também me escreveram, uns me aconselhando a não me estressar, outros, mais ousados a denunciar, outros ainda, se mostram indignados com a situação, pelo menos conseguimos que as pessoas comecem a se manifestar isso é liberdade isso é evoluir, mesmo que lentamente, a todos que tiveram a iniciativa de nos escrever, o nosso muito obrigaduuuuuuuuuuuuuuuu.<br />O fato é que, o condomínio, é dos moradores, em nome deles as coisas acontecem e a comunicação é um dom que precisamos aprender a exercitar sempre, para voarmos na mesma direção, perseguindo um futuro cada vez mais evoluído.<br />Obrigado a você e a todos.<br /> JORECOTÔ (Nelson prado)<br /> NÃO SOMOS AVESTRUZES SERÁ?<br />HISTÓRIA DA LIMPEZA URBANA (um pouco)- Os povos, enquanto viveram como nômades, não tiveram problemas de canalização de água, instalação de rede de esgoto e remoção de lixo. Roma, cidade fundada em 753 A.C., era dotada de serviço de esgoto e tinha a melhor rede de estradas da época, mas não dispunha de nenhum serviço de limpeza pública. Os romanos costumavam atirar seu lixo em qualquer lugar e já naquela época, os governantes colocavam PLACAS com as inscrições "não jogue lixo aqui". Em Londres, um edital de 1354 publicado na capital, dizia que o lixo deveria ser removido da frente das casas uma vez por semana. Embora várias leis zelassem pelo recolhimento do lixo, o método mais comum na época era a população jogá-lo nos rios.<br />No ano de 1407, os londrinos foram instruídos a guardar o lixo dentro de casa até ser levado pelo coletor. Esta forma de recolhimento durou cinco séculos sem mudanças. As autoridades, contudo, encontraram dificuldades em manter os regulamentos. Até mesmo o pai de Shakespeare foi punido, flagrado jogando lixo na rua em 1551.As campanhas de limpeza pública não eram novidade em Paris. Os parisienses, ignorando os apelos governamentais, continuaram a jogar lixo nas ruas. Entre 1506 e 1608, Paris ficou conhecida como a cidade mais suja da Europa. Este problema só começou a ser superado a partir de 1919, quando 300 veículos circulavam na cidade para fazer a coleta. O uso obrigatório da lata de lixo, instituído pelo prefeito Poubelle, levou os franceses a adotarem o nome "poubelle" para as cestas coletoras.SUJEIRA BOANas compras a granel (verduras, frutas e legumes não embalados), não leve em conta a “limpeza” dos alimentos, especialmente as batatas. A “sujeira”, nesse caso, funciona como uma proteção dos vegetais, contribuindo para aumentar seu tempo de vida e reduzir o risco de contaminação por produtos tóxicos. Algumas pessoas querem que vivamos numa redoma hiper/super/extra protegidos, nossas defesas naturais se enfraquecem por ausência de necessidade, do mesmo modo que agem os antibióticos, ingeridos indevidamente eles também nos enfraquecem a resistência.<br />COMPORTAMENTO CIDADÃO<br />Dar um bom exemplo não custa nada e tem impactos positivos. Pequenas ações fazem o dia a dia ficar mais leve e feliz, como dizer “bom dia”, “por favor” e “obrigado”. O cidadão que dá bom exemplo é aquele que tem atitudes positivas não só no trabalho e na rua, para que as pessoas vejam, mas também dentro de casa, sem esperar nenhum elogio. Sem esquecer que a omissão, é um comportamento a ser combatido.<br />Estimular o hábito de leitura dos filhos será muito mais fácil se os próprios pais gostarem de ler e fizerem isso com freqüência. O mesmo princípio vale para a alimentação. A criança aprende em casa, com a família, sobre a importância de ingerir comida saudável, como frutas, verduras e legumes.<br />Pequenas contribuições importantes à coletividade<br />O bom exemplo de cidadão é aquele que também se preocupa com o meio ambiente: apaga as luzes ao sair de casa, fecha bem as torneiras e separa o lixo para reciclagem. Ele está preocupado com o planeta em que as pessoas viverão dentro de anos, mesmo que não esteja mais presente para conhecer as gerações futuras.<br />Ler muito, comer direito, apagar as luzes ao sair... Isso tudo envolve ações que podem ser vistas. Mas mesmo as coisas “invisíveis” têm efeitos positivos, como estar de bom humor e receptivo às pessoas que nos cercam. Ser carinhoso com a mulher ou o marido, além de fazer bem para o casal, é uma forma de ensinar valores de gentileza aos filhos.<br />As crianças, aliás, só se transformarão em adultos gentis se tiverem um bom exemplo dentro de casa, se fizerem parte de uma família na qual todos se tratam bem. O cidadão deve ter paciência e tolerância com seus filhos. Crianças e adolescentes estão numa fase de descobrimento. Se forem tratados com carinho, esses jovens cidadãos passarão adiante todas as boas lições que aprenderem.<br />CONGELAMENTO<br />PROCESSO DE BRANQUEAMENTO<br />Frutas e legumes podem ser congelados pelo processo de branqueamento: mergulhe os alimentos em água fervente, espere que a água volte a ferver, retire do fogo e mergulhe imediatamente em uma vasilha de água bem gelada. <br />Depois seque, embale e congele. Dessa forma o alimento fica protegido para ser guardado por mais tempo. Na hora de consumir, prepare normalmente.<br />NO CONDÔ Assembléia Virtual JÁ!!!!! <br />Meu condomínio usa, desde julho de 2008, a Assembléia Virtual. Consta, inclusive, da Convenção. Acho que será a saída (única) para os condomínios. Se até imposto de renda e até museu é só por Internet... PORQUE TEMOS QUE FAZER REUNIÕES INTERMINÁVEIS, SEM PARTICIPAÇÃO??? <br />Assembléia Virtual JÁ!!!!! <br /> HYPERLINK "http://www.oficinadanet.com.br/noticias_web/3593/google_cria_museu_virtual" GOOGLE CRIA MUSEU VIRTUAL<br />Uma nova ferramenta foi criada pelo Google, chamada Art Project. Este novo serviço irá levar os internautas a visitar qualquer museu do mundo inteiro<br />A ferramenta funciona semelhante ao “Google Maps” , na qual o HYPERLINK "http://www.oficinadanet.com.br/noticias_web/3593/google_cria_museu_virtual" usuário caminha pelas ruas e percorre onde desejar dentro do museu.<br />Os visitantes virtuais também poderão criar suas coleções de obras de arte sem sair de casa. Quem estiver interessado nessa nova ferramenta oferecida pelo HYPERLINK "http://www.oficinadanet.com.br/artigo/923/computacao_nas_nuvens" Google deverá esperar depois desfrutar das obras dos grandes artistas mundiais.<br />

×