O CRISTÃO E AS NOVAS
FORMA DE TRABALHO NO
SÉCULO XXI
Renato Carmona & Pedro Siena
Encontro 8 de 8
A Preguiça | O Preguiços...
Índice
i. A preguiça e a miséria
ii. As características do preguiçoso
iii. A Excelência do Trabalho
30 Passei pelo campo do preguiçoso, pela vinha do
homem sem juízo;
31 havia espinheiros por toda parte, o chão estava
cobe...
30 Passei pelo campo do preguiçoso, pela vinha do
homem sem juízo;
31 havia espinheiros por toda parte, o chão estava
cobe...
13 O preguiçoso diz: "Lá está um leão no caminho, um
leão feroz rugindo nas ruas! "
14 Como a porta gira em suas dobradiça...
13 O preguiçoso diz: "Lá está um leão no caminho, um
leão feroz rugindo nas ruas! "
14 Como a porta gira em suas dobradiça...
13 O preguiçoso diz: "Lá está um leão no caminho, um
leão feroz rugindo nas ruas! "
14 Como a porta gira em suas dobradiça...
13 O preguiçoso diz: "Lá está um leão no caminho, um
leão feroz rugindo nas ruas! "
14 Como a porta gira em suas dobradiça...
21 Quem segue a justiça e a lealdade encontra vida,
justiça e honra.
22 O sábio conquista a cidade dos valentes e derruba ...
21 Quem segue a justiça e a lealdade encontra vida,
justiça e honra.
22 O sábio conquista a cidade dos valentes e derruba ...
26 Não seja como aqueles que, com um aperto de mãos,
empenham-se com outros e se tornam fiadores de
dívidas;
27 se você nã...
26 Não seja como aqueles que, com um aperto de mãos,
empenham-se com outros e se tornam fiadores de
dívidas;
27 se você nã...
“Há sempre o perigo de que nós podemos
apenas fazer o trabalho pelo trabalho. O
trabalho é o local onde o respeito, o amor...
Livro Referência
Tim Keller em "Como integrar fé e trabalho"
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

O cristao e as novas formas de trabalho (8 de 8)

271 visualizações

Publicada em

O século XXI apresenta novas relações de trabalho no mercado. A forma de emprego tradicional tem sido substituída por modelos mais fluídos e temporários. Incerteza e mudança são cada vez mais constantes. O que o cristianismo tem a dizer sobre este novo momento? É possível estar satisfeito com este novo modelo de trabalho, ou ele apenas é um peso definido por Deus na queda?

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
271
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
6
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O cristao e as novas formas de trabalho (8 de 8)

  1. 1. O CRISTÃO E AS NOVAS FORMA DE TRABALHO NO SÉCULO XXI Renato Carmona & Pedro Siena Encontro 8 de 8 A Preguiça | O Preguiçoso | A Excelência do Trabalho
  2. 2. Índice i. A preguiça e a miséria ii. As características do preguiçoso iii. A Excelência do Trabalho
  3. 3. 30 Passei pelo campo do preguiçoso, pela vinha do homem sem juízo; 31 havia espinheiros por toda parte, o chão estava coberto de ervas daninhas e o muro de pedra estava em ruínas. 32 Observei aquilo, e fiquei pensando, olhei e aprendi esta lição: 33 "Vou dormir um pouco", você diz. "Vou cochilar um momento; vou cruzar os braços e descansar mais um pouco", 34 mas a pobreza lhe virá como um assaltante, e a sua miséria como um homem armado. Provérbios 24 A preguiça e a miséria
  4. 4. 30 Passei pelo campo do preguiçoso, pela vinha do homem sem juízo; 31 havia espinheiros por toda parte, o chão estava coberto de ervas daninhas e o muro de pedra estava em ruínas. 32 Observei aquilo, e fiquei pensando, olhei e aprendi esta lição: 33 "Vou dormir um pouco", você diz. "Vou cochilar um momento; vou cruzar os braços e descansar mais um pouco", 34 mas a pobreza lhe virá como um assaltante, e a sua miséria como um homem armado. Provérbios 24 A preguiça e a miséria
  5. 5. 13 O preguiçoso diz: "Lá está um leão no caminho, um leão feroz rugindo nas ruas! " 14 Como a porta gira em suas dobradiças, assim o preguiçoso se revira em sua cama. 15 O preguiçoso coloca a mão no prato, mas acha difícil demais levá-la de volta à boca. 16 O preguiçoso considera-se mais sábio do que sete homens que respondem com bom senso. Provérbios 26 As características do preguiçoso
  6. 6. 13 O preguiçoso diz: "Lá está um leão no caminho, um leão feroz rugindo nas ruas! " 14 Como a porta gira em suas dobradiças, assim o preguiçoso se revira em sua cama. 15 O preguiçoso coloca a mão no prato, mas acha difícil demais levá-la de volta à boca. 16 O preguiçoso considera-se mais sábio do que sete homens que respondem com bom senso. Provérbios 26 As características do preguiçoso
  7. 7. 13 O preguiçoso diz: "Lá está um leão no caminho, um leão feroz rugindo nas ruas! " 14 Como a porta gira em suas dobradiças, assim o preguiçoso se revira em sua cama. 15 O preguiçoso coloca a mão no prato, mas acha difícil demais levá-la de volta à boca. 16 O preguiçoso considera-se mais sábio do que sete homens que respondem com bom senso. Provérbios 26 As características do preguiçoso
  8. 8. 13 O preguiçoso diz: "Lá está um leão no caminho, um leão feroz rugindo nas ruas! " 14 Como a porta gira em suas dobradiças, assim o preguiçoso se revira em sua cama. 15 O preguiçoso coloca a mão no prato, mas acha difícil demais levá-la de volta à boca. 16 O preguiçoso considera-se mais sábio do que sete homens que respondem com bom senso. Provérbios 26 As características do preguiçoso
  9. 9. 21 Quem segue a justiça e a lealdade encontra vida, justiça e honra. 22 O sábio conquista a cidade dos valentes e derruba a fortaleza em que eles confiam. 23 Quem é cuidadoso no que fala evita muito sofrimento. 24 O vaidoso e arrogante, chama-se zombador; ele age com extremo orgulho. 25 O preguiçoso morre de tanto desejar e de nunca pôr as mãos no trabalho. 26 O dia inteiro ele deseja mais e mais, enquanto o justo reparte sem cessar. Provérbios 21 As características do preguiçoso
  10. 10. 21 Quem segue a justiça e a lealdade encontra vida, justiça e honra. 22 O sábio conquista a cidade dos valentes e derruba a fortaleza em que eles confiam. 23 Quem é cuidadoso no que fala evita muito sofrimento. 24 O vaidoso e arrogante, chama-se zombador; ele age com extremo orgulho. 25 O preguiçoso morre de tanto desejar e de nunca pôr as mãos no trabalho. 26 O dia inteiro ele deseja mais e mais, enquanto o justo reparte sem cessar. Provérbios 21 As características do preguiçoso
  11. 11. 26 Não seja como aqueles que, com um aperto de mãos, empenham-se com outros e se tornam fiadores de dívidas; 27 se você não tem como pagá-las, por que correr o risco de perder até a cama em que dorme? 28 Não mude de lugar os antigos marcos que limitam as propriedades e que foram colocados por seus antepassados. 29 Você já observou um homem habilidoso em seu trabalho? Será promovido ao serviço real; não trabalhará para gente obscura. Provérbios 22 A Excelência do Trabalho
  12. 12. 26 Não seja como aqueles que, com um aperto de mãos, empenham-se com outros e se tornam fiadores de dívidas; 27 se você não tem como pagá-las, por que correr o risco de perder até a cama em que dorme? 28 Não mude de lugar os antigos marcos que limitam as propriedades e que foram colocados por seus antepassados. 29 Você já observou um homem habilidoso em seu trabalho? Será promovido ao serviço real; não trabalhará para gente obscura. Provérbios 22 A Excelência do Trabalho
  13. 13. “Há sempre o perigo de que nós podemos apenas fazer o trabalho pelo trabalho. O trabalho é o local onde o respeito, o amor e a devoção habitam – ele é o que nós fazemos para Deus, o que nós fazemos para Cristo, e é por isso que tentamos fazê-lo da maneira mais bela possível.” Madre Teresa Conclusão
  14. 14. Livro Referência
  15. 15. Tim Keller em "Como integrar fé e trabalho"

×