DÚVIDA
A dúvida e seu impacto nas nossas vidas
2 de 4
Pedro Siena & Eduardo Carvalho
Pilatos
11 Jesus foi posto diante do governador, e este lhe
perguntou: "Você é o rei dos judeus? "
Respondeu-lhe Jesus: "T...
Pilatos
11 Jesus foi posto diante do governador, e este lhe
perguntou: "Você é o rei dos judeus? "
Respondeu-lhe Jesus: "T...
"Você nunca vai chegar ao seu
destino, se você parar e atirar
pedras em cada cão que late.“
Winston Churchill
Judas Iscariotes
4 Mas Judas Iscariotes, um dos seus discípulos, aquele
que o havia de trair, disse:
5 Por que não se vend...
Judas Iscariotes
4 Mas Judas Iscariotes, um dos seus discípulos, aquele
que o havia de trair, disse:
5 Por que não se vend...
A Comissão dos 70
32 Portanto, qualquer que me confessar diante dos homens, eu
o confessarei diante de meu Pai, que está n...
A Comissão dos 70
32 Portanto, qualquer que me confessar diante dos homens, eu
o confessarei diante de meu Pai, que está n...
Imposto das duas dracmas
24 Quando Jesus e seus discípulos chegaram a Cafarnaum, os
coletores do imposto de duas dracmas v...
Imposto das duas dracmas
24 Quando Jesus e seus discípulos chegaram a Cafarnaum, os
coletores do imposto de duas dracmas v...
Foco | O que
16 Os onze discípulos foram para a Galiléia, para o monte
que Jesus lhes indicara.
17 Quando o viram o adorar...
Foco | O que
16 Os onze discípulos foram para a Galiléia, para o monte
que Jesus lhes indicara.
17 Quando o viram o adorar...
Foco | O que
16 Os onze discípulos foram para a Galiléia, para o monte
que Jesus lhes indicara.
17 Quando o viram o adorar...
Foco | O que
16 Os onze discípulos foram para a Galiléia, para o monte
que Jesus lhes indicara.
17 Quando o viram o adorar...
Foco | O que
16 Os onze discípulos foram para a Galiléia, para o monte
que Jesus lhes indicara.
17 Quando o viram o adorar...
Foco | O que
16 Os onze discípulos foram para a Galiléia, para o monte
que Jesus lhes indicara.
17 Quando o viram o adorar...
Foco | Como
13 Irmãos, não penso que eu mesmo já o tenha alcançado, mas
uma coisa faço: esquecendo-me das coisas que ficar...
Foco | Como
13 Irmãos, não penso que eu mesmo já o tenha alcançado, mas
uma coisa faço: esquecendo-me das coisas que ficar...
Foco | Como
13 Irmãos, não penso que eu mesmo já o tenha alcançado, mas
uma coisa faço: esquecendo-me das coisas que ficar...
Foco | Como
13 Irmãos, não penso que eu mesmo já o tenha alcançado, mas
uma coisa faço: esquecendo-me das coisas que ficar...
Foco | Como
13 Irmãos, não penso que eu mesmo já o tenha alcançado, mas
uma coisa faço: esquecendo-me das coisas que ficar...
Foco | Como
13 Irmãos, não penso que eu mesmo já o tenha alcançado, mas
uma coisa faço: esquecendo-me das coisas que ficar...
Foco | Como
13 Irmãos, não penso que eu mesmo já o tenha alcançado, mas
uma coisa faço: esquecendo-me das coisas que ficar...
Foco | Como
13 Irmãos, não penso que eu mesmo já o tenha alcançado, mas
uma coisa faço: esquecendo-me das coisas que ficar...
Foco | Como
13 Irmãos, não penso que eu mesmo já o tenha alcançado, mas
uma coisa faço: esquecendo-me das coisas que ficar...
Reforma Protestante | Fundamentos
Sola fide (somente a fé)
Sola scriptura (somente a Escritura)
Solus Christus (somente Cr...
Duvida by pedro siena (2 de 4)
Duvida by pedro siena (2 de 4)
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Duvida by pedro siena (2 de 4)

201 visualizações

Publicada em

i. Entenda o que é a dúvida, como ela se estabelece e o impacto que pode causar nas mais diversas áreas de nossas vidas.
ii. Descubra alguns dos instrumentos que o NOSSO SENHOR disponibiliza para lidarmos com esta condição que seguramente influência em nossa formação cristã.

Publicada em: Espiritual
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
201
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Duvida by pedro siena (2 de 4)

  1. 1. DÚVIDA A dúvida e seu impacto nas nossas vidas 2 de 4 Pedro Siena & Eduardo Carvalho
  2. 2. Pilatos 11 Jesus foi posto diante do governador, e este lhe perguntou: "Você é o rei dos judeus? " Respondeu-lhe Jesus: "Tu o dizes". 12 Acusado pelos chefes dos sacerdotes e pelos líderes religiosos, ele nada respondeu. 13 Então Pilatos lhe perguntou: "Você não ouve a acusação que eles estão fazendo contra você? " 14 Mas Jesus não lhe respondeu nenhuma palavra, de modo que o governador ficou muito impressionado. Mateus 27
  3. 3. Pilatos 11 Jesus foi posto diante do governador, e este lhe perguntou: "Você é o rei dos judeus? " Respondeu-lhe Jesus: "Tu o dizes". 12 Acusado pelos chefes dos sacerdotes e pelos líderes religiosos, ele nada respondeu. 13 Então Pilatos lhe perguntou: "Você não ouve a acusação que eles estão fazendo contra você? " 14 Mas Jesus não lhe respondeu nenhuma palavra, de modo que o governador ficou muito impressionado. Mateus 27
  4. 4. "Você nunca vai chegar ao seu destino, se você parar e atirar pedras em cada cão que late.“ Winston Churchill
  5. 5. Judas Iscariotes 4 Mas Judas Iscariotes, um dos seus discípulos, aquele que o havia de trair, disse: 5 Por que não se vendeu este bálsamo por trezentos denários e não se deu aos pobres? 6 Dizia isso não porque ele se interessasse pelos pobres, mas porque era ladrão e, tendo a bolsa, furtava o que nela lançavam. 7 Jesus disse: Deixai-a; ela guardou este perfume para o dia da minha sepultura. 8 Pois sempre tereis convosco os pobres, mas a mim nem sempre me tereis. João 12
  6. 6. Judas Iscariotes 4 Mas Judas Iscariotes, um dos seus discípulos, aquele que o havia de trair, disse: 5 Por que não se vendeu este bálsamo por trezentos denários e não se deu aos pobres? 6 Dizia isso não porque ele se interessasse pelos pobres, mas porque era ladrão e, tendo a bolsa, furtava o que nela lançavam. 7 Jesus disse: Deixai-a; ela guardou este perfume para o dia da minha sepultura. 8 Pois sempre tereis convosco os pobres, mas a mim nem sempre me tereis. João 12
  7. 7. A Comissão dos 70 32 Portanto, qualquer que me confessar diante dos homens, eu o confessarei diante de meu Pai, que está nos céus. 33 Mas qualquer que me negar diante dos homens, eu o negarei também diante de meu Pai, que está nos céus. 34 Não cuideis que vim trazer a paz à terra; não vim trazer paz, mas espada; 35 Porque eu vim pôr em dissensão o homem contra seu pai, e a filha contra sua mãe, e a nora contra sua sogra; 36 E assim os inimigos do homem serão os seus familiares. 37 Quem ama o pai ou a mãe mais do que a mim não é digno de mim; e quem ama o filho ou a filha mais do que a mim não é digno de mim. 38 E quem não toma a sua cruz, e não segue após mim, não é digno de mim. 39 Quem achar a sua vida perdê-la-á; e quem perder a sua vida, por amor de mim, achá-la-á. Mateus 10
  8. 8. A Comissão dos 70 32 Portanto, qualquer que me confessar diante dos homens, eu o confessarei diante de meu Pai, que está nos céus. 33 Mas qualquer que me negar diante dos homens, eu o negarei também diante de meu Pai, que está nos céus. 34 Não cuideis que vim trazer a paz à terra; não vim trazer paz, mas espada; 35 Porque eu vim pôr em dissensão o homem contra seu pai, e a filha contra sua mãe, e a nora contra sua sogra; 36 E assim os inimigos do homem serão os seus familiares. 37 Quem ama o pai ou a mãe mais do que a mim não é digno de mim; e quem ama o filho ou a filha mais do que a mim não é digno de mim. 38 E quem não toma a sua cruz, e não segue após mim, não é digno de mim. 39 Quem achar a sua vida perdê-la-á; e quem perder a sua vida, por amor de mim, achá-la-á. Mateus 10
  9. 9. Imposto das duas dracmas 24 Quando Jesus e seus discípulos chegaram a Cafarnaum, os coletores do imposto de duas dracmas vieram a Pedro e perguntaram: "O mestre de vocês não paga o imposto do templo? " 25 "Sim, paga", respondeu ele. Quando Pedro entrou na casa, Jesus foi o primeiro a falar, perguntando-lhe: "O que você acha, Simão? De quem os reis da terra cobram tributos e impostos: de seus próprios filhos ou dos outros? " 26 "Dos outros", respondeu Pedro. Disse-lhe Jesus: "Então os filhos estão isentos. 27 Mas, para não escandalizá-los, vá ao mar e jogue o anzol. Tire o primeiro peixe que você pegar, abra-lhe a boca, e você encontrará uma moeda de quatro dracmas. Pegue-a e entregue- a a eles, para pagar o meu imposto e o seu". Mateus 17
  10. 10. Imposto das duas dracmas 24 Quando Jesus e seus discípulos chegaram a Cafarnaum, os coletores do imposto de duas dracmas vieram a Pedro e perguntaram: "O mestre de vocês não paga o imposto do templo? " 25 "Sim, paga", respondeu ele. Quando Pedro entrou na casa, Jesus foi o primeiro a falar, perguntando-lhe: "O que você acha, Simão? De quem os reis da terra cobram tributos e impostos: de seus próprios filhos ou dos outros? " 26 "Dos outros", respondeu Pedro. Disse-lhe Jesus: "Então os filhos estão isentos. 27 Mas, para não escandalizá-los, vá ao mar e jogue o anzol. Tire o primeiro peixe que você pegar, abra-lhe a boca, e você encontrará uma moeda de quatro dracmas. Pegue-a e entregue- a a eles, para pagar o meu imposto e o seu". Mateus 17
  11. 11. Foco | O que 16 Os onze discípulos foram para a Galiléia, para o monte que Jesus lhes indicara. 17 Quando o viram o adoraram; mas alguns duvidaram. 18 Então, Jesus aproximou-se deles e disse: "Foi-me dada toda a autoridade no céu e na terra. 19 Portanto, vão e façam discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, 20 ensinando-os a obedecer a tudo o que eu lhes ordenei. E eu estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos". Mateus 28
  12. 12. Foco | O que 16 Os onze discípulos foram para a Galiléia, para o monte que Jesus lhes indicara. 17 Quando o viram o adoraram; mas alguns duvidaram. 18 Então, Jesus aproximou-se deles e disse: "Foi-me dada toda a autoridade no céu e na terra. 19 Portanto, vão e façam discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, 20 ensinando-os a obedecer a tudo o que eu lhes ordenei. E eu estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos". Mateus 28
  13. 13. Foco | O que 16 Os onze discípulos foram para a Galiléia, para o monte que Jesus lhes indicara. 17 Quando o viram o adoraram; mas alguns duvidaram. 18 Então, Jesus aproximou-se deles e disse: "Foi-me dada toda a autoridade no céu e na terra. 19 Portanto, vão e façam discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, 20 ensinando-os a obedecer a tudo o que eu lhes ordenei. E eu estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos". Mateus 28
  14. 14. Foco | O que 16 Os onze discípulos foram para a Galiléia, para o monte que Jesus lhes indicara. 17 Quando o viram o adoraram; mas alguns duvidaram. 18 Então, Jesus aproximou-se deles e disse: "Foi-me dada toda a autoridade no céu e na terra. 19 Portanto, vão e façam discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, 20 ensinando-os a obedecer a tudo o que eu lhes ordenei. E eu estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos". Mateus 28
  15. 15. Foco | O que 16 Os onze discípulos foram para a Galiléia, para o monte que Jesus lhes indicara. 17 Quando o viram o adoraram; mas alguns duvidaram. 18 Então, Jesus aproximou-se deles e disse: "Foi-me dada toda a autoridade no céu e na terra. 19 Portanto, vão e façam discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, 20 ensinando-os a obedecer a tudo o que eu lhes ordenei. E eu estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos". Mateus 28
  16. 16. Foco | O que 16 Os onze discípulos foram para a Galiléia, para o monte que Jesus lhes indicara. 17 Quando o viram o adoraram; mas alguns duvidaram. 18 Então, Jesus aproximou-se deles e disse: "Foi-me dada toda a autoridade no céu e na terra. 19 Portanto, vão e façam discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, 20 ensinando-os a obedecer a tudo o que eu lhes ordenei. E eu estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos". Mateus 28
  17. 17. Foco | Como 13 Irmãos, não penso que eu mesmo já o tenha alcançado, mas uma coisa faço: esquecendo-me das coisas que ficaram para trás e avançando para as que estão adiante, 14 prossigo para o alvo, a fim de ganhar o prêmio do chamado celestial de Deus em Cristo Jesus. 15 Todos nós que alcançamos a maturidade devemos ver as coisas dessa forma, e se em algum aspecto vocês pensam de modo diferente, isso também Deus lhes esclarecerá. 16 Tão-somente vivamos de acordo com o que já alcançamos. 17 Irmãos, sigam unidos o meu exemplo e observem os que vivem de acordo com o padrão que lhes apresentamos. Filipenses 3
  18. 18. Foco | Como 13 Irmãos, não penso que eu mesmo já o tenha alcançado, mas uma coisa faço: esquecendo-me das coisas que ficaram para trás e avançando para as que estão adiante, 14 prossigo para o alvo, a fim de ganhar o prêmio do chamado celestial de Deus em Cristo Jesus. 15 Todos nós que alcançamos a maturidade devemos ver as coisas dessa forma, e se em algum aspecto vocês pensam de modo diferente, isso também Deus lhes esclarecerá. 16 Tão-somente vivamos de acordo com o que já alcançamos. 17 Irmãos, sigam unidos o meu exemplo e observem os que vivem de acordo com o padrão que lhes apresentamos. Filipenses 3
  19. 19. Foco | Como 13 Irmãos, não penso que eu mesmo já o tenha alcançado, mas uma coisa faço: esquecendo-me das coisas que ficaram para trás e avançando para as que estão adiante, 14 prossigo para o alvo, a fim de ganhar o prêmio do chamado celestial de Deus em Cristo Jesus. 15 Todos nós que alcançamos a maturidade devemos ver as coisas dessa forma, e se em algum aspecto vocês pensam de modo diferente, isso também Deus lhes esclarecerá. 16 Tão-somente vivamos de acordo com o que já alcançamos. 17 Irmãos, sigam unidos o meu exemplo e observem os que vivem de acordo com o padrão que lhes apresentamos. Filipenses 3
  20. 20. Foco | Como 13 Irmãos, não penso que eu mesmo já o tenha alcançado, mas uma coisa faço: esquecendo-me das coisas que ficaram para trás e avançando para as que estão adiante, 14 prossigo para o alvo, a fim de ganhar o prêmio do chamado celestial de Deus em Cristo Jesus. 15 Todos nós que alcançamos a maturidade devemos ver as coisas dessa forma, e se em algum aspecto vocês pensam de modo diferente, isso também Deus lhes esclarecerá. 16 Tão-somente vivamos de acordo com o que já alcançamos. 17 Irmãos, sigam unidos o meu exemplo e observem os que vivem de acordo com o padrão que lhes apresentamos. Filipenses 3
  21. 21. Foco | Como 13 Irmãos, não penso que eu mesmo já o tenha alcançado, mas uma coisa faço: esquecendo-me das coisas que ficaram para trás e avançando para as que estão adiante, 14 prossigo para o alvo, a fim de ganhar o prêmio do chamado celestial de Deus em Cristo Jesus. 15 Todos nós que alcançamos a maturidade devemos ver as coisas dessa forma, e se em algum aspecto vocês pensam de modo diferente, isso também Deus lhes esclarecerá. 16 Tão-somente vivamos de acordo com o que já alcançamos. 17 Irmãos, sigam unidos o meu exemplo e observem os que vivem de acordo com o padrão que lhes apresentamos. Filipenses 3 G4649 skopos Escopo Tempo Recursos Qualidade http://www.mymanagementguide.com/project-scope-management-process-managing-scope-for-project-success/
  22. 22. Foco | Como 13 Irmãos, não penso que eu mesmo já o tenha alcançado, mas uma coisa faço: esquecendo-me das coisas que ficaram para trás e avançando para as que estão adiante, 14 prossigo para o alvo, a fim de ganhar o prêmio do chamado celestial de Deus em Cristo Jesus. 15 Todos nós que alcançamos a maturidade devemos ver as coisas dessa forma, e se em algum aspecto vocês pensam de modo diferente, isso também Deus lhes esclarecerá. 16 Tão-somente vivamos de acordo com o que já alcançamos. 17 Irmãos, sigam unidos o meu exemplo e observem os que vivem de acordo com o padrão que lhes apresentamos. Filipenses 3
  23. 23. Foco | Como 13 Irmãos, não penso que eu mesmo já o tenha alcançado, mas uma coisa faço: esquecendo-me das coisas que ficaram para trás e avançando para as que estão adiante, 14 prossigo para o alvo, a fim de ganhar o prêmio do chamado celestial de Deus em Cristo Jesus. 15 Todos nós que alcançamos a maturidade devemos ver as coisas dessa forma, e se em algum aspecto vocês pensam de modo diferente, isso também Deus lhes esclarecerá. 16 Tão-somente vivamos de acordo com o que já alcançamos. 17 Irmãos, sigam unidos o meu exemplo e observem os que vivem de acordo com o padrão que lhes apresentamos. Filipenses 3
  24. 24. Foco | Como 13 Irmãos, não penso que eu mesmo já o tenha alcançado, mas uma coisa faço: esquecendo-me das coisas que ficaram para trás e avançando para as que estão adiante, 14 prossigo para o alvo, a fim de ganhar o prêmio do chamado celestial de Deus em Cristo Jesus. 15 Todos nós que alcançamos a maturidade devemos ver as coisas dessa forma, e se em algum aspecto vocês pensam de modo diferente, isso também Deus lhes esclarecerá. 16 Tão-somente vivamos de acordo com o que já alcançamos. 17 Irmãos, sigam unidos o meu exemplo e observem os que vivem de acordo com o padrão que lhes apresentamos. Filipenses 3
  25. 25. Foco | Como 13 Irmãos, não penso que eu mesmo já o tenha alcançado, mas uma coisa faço: esquecendo-me das coisas que ficaram para trás e avançando para as que estão adiante, 14 prossigo para o alvo, a fim de ganhar o prêmio do chamado celestial de Deus em Cristo Jesus. 15 Todos nós que alcançamos a maturidade devemos ver as coisas dessa forma, e se em algum aspecto vocês pensam de modo diferente, isso também Deus lhes esclarecerá. 16 Tão-somente vivamos de acordo com o que já alcançamos. 17 Irmãos, sigam unidos o meu exemplo e observem os que vivem de acordo com o padrão que lhes apresentamos. Filipenses 3
  26. 26. Reforma Protestante | Fundamentos Sola fide (somente a fé) Sola scriptura (somente a Escritura) Solus Christus (somente Cristo) Sola gratia (somente a graça) Soli Deo gloria (glória somente a Deus)

×