Bh gp36-int-spci

1.146 visualizações

Publicada em

Anderson Alfredo de Oliveira, Efrem Ferreira, Heitor Lobo Coutinho, João Paulo Chiste Costa, Renso Pereira Rocha, Ricardo Dornelas da Costa Silva

1 comentário
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.146
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
445
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
15
Comentários
1
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Bh gp36-int-spci

  1. 1. Gerenciamento da IntegraçãoCurso: MBA em Gerenciamento de Projetos – G36 – BH – MGParticipantes: - Anderson Alfredo de Oliveira - Efrem Ferreira - Heitor Lobo Coutinho - João Paulo Chiste Costa - Renso P. Rocha - Ricardo Dornelas Da Costa Silva
  2. 2. DESCRIÇÃO DA EMPRESAA Serpa Engenharia e Consultoria LDTA é uma empresa de origem mineira, que atua no mercadode Gerenciamento de Projetos e construção de grandes empreendimentos no setor industrial demineração, siderurgia e petrolífero. Contando com mais de 120 engenheiros, analistas e técnicos,a SERPA têm 15 anos de excelência na execução de projetos para grandes clientes como:
  3. 3. NOME COMPLETO DOS MEMBROS DO PROJETOANDERSON ALFREDO JOÃO PAULO C. COSTA GeólogoDE OLIVEIRAEng. Eletricista EFREM FERREIRA RENSO P. ROCHA Eng. Eletrônica Gerente de Projetos HEITOR L. COUTINHO RICARDO DORNELAS C. Eng. de Minas SILVA Eng. Eletricista
  4. 4. OBJETIVO DO TRABALHOIMPLEMENTAR UMA METODOLOGIA PARA GERENCIAMENTO DEPROJETOS, INDICANDO OS PRODUTOS A GEREM GERADOS.PARA ILUSTRAR A METODOLOGIA IREMOS CONTRATAR UMA EMPRESAPARA EXECUTAR E FORNECER MATERIAIS, EQUIPAMENTOS E SERVIÇOSPARA IMPLANTAÇÃO DO PROJETO EXECUTIVO APROVADO PELOCORPO DE BOMBEIROS DE MINAS GERAIS - CBMG
  5. 5. METODOLOGIA PARA GERENCIAMENTO DE PROJETOS
  6. 6. INICIAÇÃO DO PROJETO: DESENVOLVER O TERMO DE ABERTURA DO PROJETO DTAP
  7. 7. DECLARAÇÃO DO TERMO DE ABERTURA PROJETO : TAP TAP - Termo de Abertura do Projeto Projeto Adequar as Instalações Industriais ao Projeto do Corpo de Bombeiros de MG. Descrição Fornecer material e serviço para adequação da planta industrial de acordo com o projeto executivo fornecido. Justificativa Considerou-se na montagem da fábrica somente a NR-18 e têm-se que atender as normas do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais - CBMG Objetivo S - Implantar o projeto executivo na fábrica Cimento Sertãozinho; M - AVCB do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais - CBMG; A - Através da validação do PGP pelos executantes chave; R - Desde que nenhum princípio ético ou missão e visão da organização seja ferido; T - dentro dos próximos 3 meses a partir da assinatura deste TAP. Requisitos Documentação técnica sendo gerada dentro de uma metodologia e respeitada por todos os orgãos competentes; Que os equipamentos fornecidos e instalados tenham certificação UL/FM; Treinamento para a equipe de segurança do trabalho. Designação Eng. Renzo da Cimento Sertãozinho fica designado como gestor do projeto para: Aplicar metodologia Otmma3 GP em todos seus procedimentos; Gerir os recursos financeiros alocados e aprovados no portfolio; Habilitar acesso as informações necessárias para a equipe de Contratada; Aplicar-se para que o projeto possa ser apresentado a diretoria em 5 meses.
  8. 8. DECLARAÇÃO DO TERMO DE ABERTURA PROJETO : ISH
  9. 9. DECLARAÇÃO DO TERMO DE ABERTURA PROJETO : ISH ISH - Identificação de Stakeholder Requisitos superficiais Plano de Ação do G.P. Expectativa, Necessidade, Anseio Estratégia (o que fazer) Quando conf. plano deTem pressa para ver lista aprovada de recursos Convidar para reuniões de riscos riscos datas no Mapa Assegurar q os requisitos sejam claros,Tem muitas idéias a serem desenvolvidas qto ao escopo do produto das enviar relatórios frequentemente Comunicações Envolvê-lo nas reuniões da equipe, datas no MapaQuer funcionalidades diferentes para o escopo do produto reportar a sua pessoa, sempre incluir das informações solicitadas por ele Comunicações
  10. 10. DECLARAÇÃO DO TERMO DE ABERTURA PROJETO : TAP Lista de Milestones Até Agosto/12 - Recebimento das PropostasTécnicas/Comerciais das Proponentes; Setembro/12 - Contratação da empresa; Outubro/12 - Entrega dos "Vasos de Pressão" e "Sistema de Alarmes"; Novembro/12 - Entregas dos "Sistema de Hidrantes" e "Placa de Sinalização"; Dezembro/12 - Entrega dos "Extintores" Fevereiro/13 - Apresentação final para acionistas. Orçamento Deve ser gerenciado conf. PR-987-3 Cimento Sertãozinho o orçamento total de R$ 250.000,00 para o projeto Riscos Trabalhar fortemente com gerencia de segurança do trabalho para que seja realizada manutenção anual do sistema; Flutuação de câmbio pode aumentar o custo para aquisição dos equipamentos importados; Data, Assinatura do Sponsor 01/08/2012, Mario lima de Assis
  11. 11. PLANEJAMENTO DO PROJETO: DESENVOLVER O PLANO DE GERENCIAMENTO DO PROJETO - DPGP
  12. 12. PLANO GERENCIAMENTO PROJETO – DPGP: DECLARAÇÃO REQUISITOS
  13. 13. PLANO GERENCIAMENTO PROJETO – DPGP: DECLARAÇÃO DE ESCOPO Escopo do ProdutoA adequação da planta industrial ao projeto do CBMG, consistem na:- Entrega da Fase "Vasos de Pressão" com os pacotes de trabalho "Prontuário" e "Inspeção";- Entrega da Fase "Sistema de Alarme" com os pacotes de trabalho "Central de Deteção" e"Acionamento";- Entrega da Fase "Sistema de Hidrantes" com os pacotes de trabalho "Realocação deHidrantes" e "Instalação de Hidrantes"- Entrega da Fase "Placas de Sinalização" com os pacotes de trabalho "Aquisição das Placas" e"Instalação das Placas";- Entrega da Fase "Extintores" com os pacotes de trabalho "Aquisição dos Extintores" e"Instalação dos Extintores". Escopo do ProjetoA Contratada deverá executar os trabalhos em até 90 dias corridos, com os custos estimados emR$ 500.000,00 e que atendam ao nível de qualidade exigidos no projeto do CBMG.
  14. 14. PLANO GERENCIAMENTO PROJETO – DPGP: DECLARAÇÃO DE ESCOPO Entregas e critérios de aceitaçãoInspeção e aprovação da instalação industrial pelo CBMG. Escopo não incluído no projetoAdequação de escadas, guarda corpos e corrimões dos prédios industriais. PremissasListar todas as suposições e hipóteses, tudo o que tenha que ser assumido como verdadepara fins de planejamento conhecidas até o presente momento, sejam elas organizacionais,ambientais ou externas. RestriçõesExecutar os trabralhos em até 90 dias.
  15. 15. PLANO GERENCIAMENTO PROJETO – DPGP: WBS
  16. 16. WBS - Estrutura de Decomposição do TrabalhoC.C. Descomposição GERENCIAMENTO DO PROJETO1.1 VASOS DE PRESSÃO1.2 1.2.1 Prontuário 1.2.2 Inspeção SISTEMA DE ALARME1.3 1.3.1 Central de Detecção 1.3.2 Acionamento SISTEMA DE HIDRANTES1.4 1.4.1 Realocação dos Hidrantes 1.4.2 Instalação de Hidrantes PLACAS DE SINALIZAÇÃO1.5 1.5.1 Aquisição das Placas 1.5.2 Instalação das Placas EXTINTORES1.6 1.6.1 Aquisição dos Extintores 1.6.2 Instalação dos Extintores FIM1.7
  17. 17. PLANO GERENCIAMENTO PROJETO – DPGP: DICIONÁRIO WBSDicionário da EAPFase:Gerenciamento do ProjetoEntrega:Plano de Gerenciamento do Projeto CC PT DESCRIÇÃO ENREGA DO PT CRITÉRIO OK ACEITAÇÃO1.1 Gerenciamento do Metodologia para Plano de Aprovação Projeto realizar o Gerenciamento do formal dos SH gerenciamento do Projeto - PGP e do Sponsor projetoDicionário da EAPFase: Vasos de PressãoEntrega: Documentação de Acordo com NR-13 CC PT DESCRIÇÃO ENREGA DO PT CRITÉRIO OK ACEITAÇÃO1.2.1 Prontuário Elabora o prontuário Prontuário dos vasos Prontuário com dos vasos de pressão de pressão. ART do Responsável1.2.2 Inspeção Realiza inspeção nos Relatório de Relatório de vasos de pressão Inspeção Inspeção com ART do Responsável
  18. 18. PLANO GERENCIAMENTO PROJETO – DPGP: DICIONÁRIO WBSDicionário da EAPFase: Sistema de AlarmeEntrega: Sistema de Alarme para Brigada de Incêndio CC PT DESCRIÇÃO ENREGA DO PT CRITÉRIO OK ACEITAÇÃO1.3.1 Central de Equipamento Equipamento Relatório de Detecção Eletrônico que comissionado comissionamen detecta e aciona to alarme para a brigada de incêndio.1.3.2 Acionadores Botões utilizados Equipamento Relatório de para acionar a comissionado comissionamen central de detecção to
  19. 19. PLANO GERENCIAMENTO PROJETO – DPGP: DICIONÁRIO WBSDicionário da EAPFase: Sistema de HidrantesEntrega: Sistema de Hidrantes em Condições de Operação CC PT DESCRIÇÃO ENREGA DO PT CRITÉRIO OK ACEITAÇÃO1.4.1 Realocação de Realoca hidrantes Hidrantes Relatório de Hidrantes existentes de realocados de comissionamen acordo com o acordo com o to com ART do projeto executivo projeto executivo Responsável1.4.2 Instalação de Hidrantes Instala novos Instalação de Relatório de hidrantes de acordo hidrantes de acordo comissionamen com o projeto com o projeto to com ART do executivo executivo Responsável
  20. 20. PLANO GERENCIAMENTO PROJETO – DPGP: DICIONÁRIO WBSDicionário da EAPFase: Placas de SinalizaçãoEntrega: Fábrica Identificada de Acordo com Projeto Executivo CC PT DESCRIÇÃO ENREGA DO PT CRITÉRIO OK ACEITAÇÃO1.5.1 Aquisição das Placas Compra das placas de Placas de Relatório de identificações. Identificações comissionamento compradas de acordo com ART do com projeto executivo Responsável1.5.2 Instalação das Placas Instalação das Placas Placas de Relatório de de Indentificação de Identificações comissionamento acordo com o projeto instaladas de acordo com ART do executivo com projeto executivo Responsável
  21. 21. PLANO GERENCIAMENTO PROJETO – DPGP: DICIONÁRIO WBSDicionário da EAPFase: ExtintoresEntrega: Extintores Instalados de Acordo com Projeto Executivo CC PT DESCRIÇÃO ENREGA DO PT CRITÉRIO OK ACEITAÇÃO1.6.1 Aquisição dos Extintores Compra das extintores. Extintores comprados de Relatório de acordo com projeto comissionamento executivo com ART do Responsável1.6.2 Instalação dos Extintores Instalação dos Extintores instalados Relatório de extintores de acordo de acordo com projeto comissionamento com o projeto executivo executivo com ART do ResponsávelDicionário da EAPFase:Gerenciamento do ProjetoEntrega:Plano de Gerenciamento do Projeto CC PT DESCRIÇÃO ENREGA DO PT CRITÉRIO OK ACEITAÇÃO1.7 Fim Finaliza o projeto Lições Aprendidas. Assinatura com Aprovação do Sponsor
  22. 22. PLANO GERENCIAMENTO PROJETO – DPGP: LISTA DE ATIVIDADES LAtv - Lista de Atividades PT: 1.2.1 Prontuário Carlos Fernando Claudio Luiz Custo da Atividade Duração Custo Duração Custo Duração Custo Duração Custo atividade [T] [R$] [T] [R$] [T] [R$] [T] [R$] [R$] Levantar Dados em Campo 20 15,00 10 20,00 10 25,00 5 27,00 885,00 Realizar o Projeto dos Vasos 40 15,00 10 20,00 20 25,00 10 27,00 Pressão 1.570,00 Custo do Pacote de Trabalho 2.455,00* DEVE-SE ELBORAR A LISTA DE ATIVIDADES PARA TODOS OS PACOTES DE TRABALHO
  23. 23. PLANO GERENCIAMENTO PROJETO – DPGP: ORÇAMENTO C.C. WBS PV - Planned Value 1.1 GERENCIAMENTO DO PROJETO 10.000,00 Gerenciamento do Projeto 10.000,00 1.2 VASOS DE PRESSÃO 100.000,00 1.2.1 Prontuário 40.000,00 1.2.2 Inspeção 60.000,00 1.3 SISTEMA DE ALARME 120.000,00 1.3.1 Central de Deteção 50.000,00 1.3.2 Acionadores 70.000,00 1.4 SISTEMA DE HIDRANTES 70.000,00 1.4.1 Realocação de Hidrantes 30.000,00 1.4.2 Instalação de Hidrantes 40.000,00 1.5 PLACAS DE SINALIZAÇÃO 30.000,00 1.5.1 Aquisição das Placas 20.000,00 1.5.2 Instalação das Placas 10.000,00 1.6 EXTINTORES 150.000,00 1.6.1 Aquisição dos Extintores 50.000,00 1.6.2 Instalação dos Extintores 100.000,00 TOTAL DAS FASES 480.000,00 VERBA DE CONTINGÊNCIA 20000 TOTAL DO ORÇAMENTO 500000
  24. 24. PLANO GERENCIAMENTO PROJETO – DPGP: LISTA VERIFICAÇÃO DA QUALIDADE
  25. 25. PLANO GERENCIAMENTO PROJETO – DPGP: LISTA VERIFICAÇÃO DA QUALIDADE
  26. 26. PLANO GERENCIAMENTO PROJETO – DPGP: MATRIZ COMPETÊNCIA E RESPONSABILIDADE MCR - Matriz de Competência e Responsabilidade Trabalho a ser feito Carlos Fernando Claúdio LuisElaborar Prontuário dosVasos Pressão C ARealizar Inspeção dosVasos Pressão A EAquisição das PlacasInstalação das Placas E C C     Perfil da qualificação na habilitação para Atividade ou PT: Responsabilidade:  Nenhum conhecimento E - Executa  Participou de treinamento C - Confere  Domínio básico A - Aprova  Experiência prática  Especialista 
  27. 27. PLANO GERENCIAMENTO PROJETO – DPGP: PLANO DE AÇÃO PA - Plano de AçãoId Recurso analisado O que fazer Quem Até quando Departamento de1 Carlos Realizar treinamento Recursos até dia 30/08/12 Humanos Departamento de2 Fernando Realizar treinamento Recursos até semana 8 Humanos Departamento de3 Claúdio Realizar treinamento Recursos até mês 10 Humanos Departamento de4 Luis Realizar treinamento Recursos até dia 15/08/12 Humanos
  28. 28. PLANO GERENCIAMENTO PROJETO – DPGP: MAPA DAS COMUNICAÇÕES
  29. 29. PLANO GERENCIAMENTO PROJETO – DPGP: REGISTRO DE RISCOS RR - Registro de Riscos Categoria na Data de Qualitativo Qualitativo Id Risco Identificado Tipo P I Semáforo RBS Registro Probabilidade de ImpactoK-Político-MeioAmbiente - 1 Mudança das Normas do CBMG Am 01/ago/12 Quase Certa 0,9 Muito Grande 0,80 0,72ÁguaW - ExternosPrevisíveis - 2 Flutuação do câmbio na época das importações Am 01/ago/12 Provável 0,7 Grande 0,40 0,28Taxas de CâmbioK - Execução - 3 Falha nos fornecedores Am 01/ago/12 Média 0,5 Média 0,20 0,1Com defeitosK - Econômicos - Equipamentos que deverão ser adquiridos naInflação - 4 Am 01/ago/12 Improvável 0,3 Pequena 0,10 0,03 EuropaEquipamentosW -Técnicos - Falha nos equipamentos fornecidos com 5 Am 01/ago/12 Rara 0,1 Insignificante 0,05 0,01Protótipo certificação UL/FM.
  30. 30. PLANO GERENCIAMENTO PROJETO – DPGP: REGISTRO DE RISCOS RR - Registro de Riscos V.M.E. antes da V.M.E. depois daId Resposta Sinal de alerta Proprietário Ação a tomar resposta [R$] resposta [R$] Notificação das Aplicar correções conforme novas Normas do1 500.000,00 Mitigar 150.000,00 Mudanças no Augusto CBMG. Diário Oficial2345
  31. 31. PLANO GERENCIAMENTO PROJETO – DPGP: MAPA DE AQUISIÇÕES MA - Mapa de AquisiçõesConcorrência Item a ser contratato Player 1 Player 2 Player 3 Sistema de Alarme ( Central Detecção e Acionadores) RFP-01 KIDDE HONEYWELL GE Decidido por "Buy" na Análise Make or Buy Placas de Sinalização ( Placas de Identificação e Serviços) RFP-02 ILUMINA PLACAR FIXAÇÃO Decidido por "Buy" na Análise Make or Buy Extintores ( Extintores e Serviços de Instalação) RFP-03 KIDDE GASOSO EXTINÇÃO Decidido por "Buy" na Análise Make or Buy Serviços Realizar Prontuário e Inpecção nos Vasos Pressão MINAS RFP-04 GM PRESSURE Decidido por "Buy" na Análise Make or Buy CALDEIRAS
  32. 32. ORIENTAR E GERENCIAR A EXECUÇÃO DO PROJETO - OGEP
  33. 33. ORIENTAR E GERENCIAR A EXECUÇÃO DO PROJETO – OGEP AUTORIZAÇÃO DE TRABALHO Autorização de trabalho para o pacote de trabalho AT - Autorização de trabalho Pacote de Trabalho 1.1 – Gerenciamento do Projeto Contrato Elaboração da metodologia para realizar o gerenciamento do projeto - PGP Recursos planejados Um Engenheiro e um analista Autorização Autorizado Data, Assinatura do GP 01/08/2012, Renzo da Cimento Sertãozinho Obs: Num projeto maior com membros da equipe em vários locais, pode valer a pena criar um sistema p/ autorização do trabalho que notifique aos membros da EP ou as partes contratadas que podem começar a trabalhar num determinado PT. Em muitos casos, esse sistema para autorização do trabalho é um sistema corporativo usado no projeto e não foi criado especificamente para o projeto.
  34. 34. ORIENTAR E GERENCIAR A EXECUÇÃO DO PROJETO – OGEP AUTORIZAÇÃO DE TRABALHO Autorização de trabalho para o pacote de trabalho AT - Autorização de trabalho Pacote de Trabalho 1.2.1 – Prontuário Contrato Fornecer e elaborar todos os portuários para os vasos de pressão da planta Recursos planejados Um Engenheiro e um analista Autorização Autorizado Data, Assinatura do GP 01/08/2012, Renzo da Cimento Sertãozinho Obs: Num projeto maior com membros da equipe em vários locais, pode valer a pena criar um sistema p/ autorização do trabalho que notifique aos membros da EP ou as partes contratadas que podem começar a trabalhar num determinado PT. Em muitos casos, esse sistema para autorização do trabalho é um sistema corporativo usado no projeto e não foi criado especificamente para o projeto.
  35. 35. ORIENTAR E GERENCIAR A EXECUÇÃO DO PROJETO – OGEP AUTORIZAÇÃO DE TRABALHO Autorização de trabalho para o pacote de trabalho AT - Autorização de trabalho Pacote de Trabalho 1.2.2 – Inspeção Contrato Realizar inspeção e verificação dos vazos de pressão Recursos planejados Um Engenheiro e um analista Autorização Autorizado Data, Assinatura do GP 01/08/2012, Renzo da Cimento Sertãozinho Obs: Num projeto maior com membros da equipe em vários locais, pode valer a pena criar um sistema p/ autorização do trabalho que notifique aos membros da EP ou as partes contratadas que podem começar a trabalhar num determinado PT. Em muitos casos, esse sistema para autorização do trabalho é um sistema corporativo usado no projeto e não foi criado especificamente para o projeto.
  36. 36. ORIENTAR E GERENCIAR A EXECUÇÃO DO PROJETO – OGEP AUTORIZAÇÃO DE TRABALHO Autorização de trabalho para o pacote de trabalho AT - Autorização de trabalho Pacote de Trabalho 1.3.1 – Central de detecção Contrato Realizar instalação e configuração da central de acionamento do alarme para brigada de incêndio. Recursos planejados Um Engenheiro e um técnico. Autorização Autorizado Data, Assinatura do GP 01/08/2012, Renzo da Cimento Sertãozinho Obs: Num projeto maior com membros da equipe em vários locais, pode valer a pena criar um sistema p/ autorização do trabalho que notifique aos membros da EP ou as partes contratadas que podem começar a trabalhar num determinado PT. Em muitos casos, esse sistema para autorização do trabalho é um sistema corporativo usado no projeto e não foi criado especificamente para o projeto.
  37. 37. ORIENTAR E GERENCIAR A EXECUÇÃO DO PROJETO – OGEP AUTORIZAÇÃO DE TRABALHO Autorização de trabalho para o pacote de trabalho AT - Autorização de trabalho Pacote de Trabalho 1.3.2 – Acionadores Contrato Instalação elétrica dos botões utilizados para acionar a central de detecção Recursos planejados Um técnico. Autorização Autorizado Data, Assinatura do GP 01/08/2012, Renzo da Cimento Sertãozinho Obs: Num projeto maior com membros da equipe em vários locais, pode valer a pena criar um sistema p/ autorização do trabalho que notifique aos membros da EP ou as partes contratadas que podem começar a trabalhar num determinado PT. Em muitos casos, esse sistema para autorização do trabalho é um sistema corporativo usado no projeto e não foi criado especificamente para o projeto.
  38. 38. ORIENTAR E GERENCIAR A EXECUÇÃO DO PROJETO – OGEP AUTORIZAÇÃO DE TRABALHO Autorização de trabalho para o pacote de trabalho AT - Autorização de trabalho Pacote de Trabalho 1.4.1 – Realocação de hidrantes Contrato Realocação dos hidrantes existentes de acordo com o projeto executivo Recursos planejados Dois técnicos Autorização Autorizado Data, Assinatura do GP 01/08/2012, Renzo da Cimento Sertãozinho Obs: Num projeto maior com membros da equipe em vários locais, pode valer a pena criar um sistema p/ autorização do trabalho que notifique aos membros da EP ou as partes contratadas que podem começar a trabalhar num determinado PT. Em muitos casos, esse sistema para autorização do trabalho é um sistema corporativo usado no projeto e não foi criado especificamente para o projeto.
  39. 39. ORIENTAR E GERENCIAR A EXECUÇÃO DO PROJETO – OGEP AUTORIZAÇÃO DE TRABALHO Autorização de trabalho para o pacote de trabalho AT - Autorização de trabalho Pacote de Trabalho 1.4.2 – Instalação de hidrantes Contrato Instalação de novos hidrantes de acordo com o projeto executivo Recursos planejados Dois técnicos Autorização Autorizado Data, Assinatura do GP 01/08/2012, Renzo da Cimento Sertãozinho Obs: Num projeto maior com membros da equipe em vários locais, pode valer a pena criar um sistema p/ autorização do trabalho que notifique aos membros da EP ou as partes contratadas que podem começar a trabalhar num determinado PT. Em muitos casos, esse sistema para autorização do trabalho é um sistema corporativo usado no projeto e não foi criado especificamente para o projeto.
  40. 40. ORIENTAR E GERENCIAR A EXECUÇÃO DO PROJETO – OGEP AUTORIZAÇÃO DE TRABALHO Autorização de trabalho para o pacote de trabalho AT - Autorização de trabalho Pacote de Trabalho 1.5.1 – Aquisição das Placas Contrato Elaborar ordem de compra das placas de identificações Recursos planejados Um analista Autorização Autorizado Data, Assinatura do GP 01/08/2012, Renzo da Cimento Sertãozinho Obs: Num projeto maior com membros da equipe em vários locais, pode valer a pena criar um sistema p/ autorização do trabalho que notifique aos membros da EP ou as partes contratadas que podem começar a trabalhar num determinado PT. Em muitos casos, esse sistema para autorização do trabalho é um sistema corporativo usado no projeto e não foi criado especificamente para o projeto.
  41. 41. ORIENTAR E GERENCIAR A EXECUÇÃO DO PROJETO – OGEP AUTORIZAÇÃO DE TRABALHO Autorização de trabalho para o pacote de trabalho AT - Autorização de trabalho Pacote de Trabalho 1.5.2 – Instalação das Placas Contrato Instalar todas Placas de Identificação de acordo com o projeto executivo Recursos planejados Um técnico Autorização Autorizado Data, Assinatura do GP 01/08/2012, Renzo da Cimento Sertãozinho Obs: Num projeto maior com membros da equipe em vários locais, pode valer a pena criar um sistema p/ autorização do trabalho que notifique aos membros da EP ou as partes contratadas que podem começar a trabalhar num determinado PT. Em muitos casos, esse sistema para autorização do trabalho é um sistema corporativo usado no projeto e não foi criado especificamente para o projeto.
  42. 42. ORIENTAR E GERENCIAR A EXECUÇÃO DO PROJETO – OGEP AUTORIZAÇÃO DE TRABALHO Autorização de trabalho para o pacote de trabalho AT - Autorização de trabalho Pacote de Trabalho 1.6.1 – Aquisição dos Extintores Contrato Elaborar ordem de compras para Extintores Recursos planejados Um analista Autorização Autorizado Data, Assinatura do GP 01/08/2012, Renzo da Cimento Sertãozinho Obs: Num projeto maior com membros da equipe em vários locais, pode valer a pena criar um sistema p/ autorização do trabalho que notifique aos membros da EP ou as partes contratadas que podem começar a trabalhar num determinado PT. Em muitos casos, esse sistema para autorização do trabalho é um sistema corporativo usado no projeto e não foi criado especificamente para o projeto.
  43. 43. ORIENTAR E GERENCIAR A EXECUÇÃO DO PROJETO – OGEP AUTORIZAÇÃO DE TRABALHO Autorização de trabalho para o pacote de trabalho AT - Autorização de trabalho Pacote de Trabalho 1.6.2 – Aquisição dos Extintores Contrato Instalar todos Extintores Recursos planejados Um técnico Autorização Autorizado Data, Assinatura do GP 01/08/2012, Renzo da Cimento Sertãozinho Obs: Num projeto maior com membros da equipe em vários locais, pode valer a pena criar um sistema p/ autorização do trabalho que notifique aos membros da EP ou as partes contratadas que podem começar a trabalhar num determinado PT. Em muitos casos, esse sistema para autorização do trabalho é um sistema corporativo usado no projeto e não foi criado especificamente para o projeto.
  44. 44. ORIENTAR E GERENCIAR A EXECUÇÃO DO PROJETO – OGEP AUTORIZAÇÃO DE TRABALHO Autorização de trabalho para o pacote de trabalho AT - Autorização de trabalho Pacote de Trabalho 1.7 – Fim Contrato Finalização do projeto, arquivar lições aprendidas Recursos planejados Um analista Autorização Autorizado Data, Assinatura do GP 01/08/2012, Renzo da Cimento Sertãozinho Obs: Num projeto maior com membros da equipe em vários locais, pode valer a pena criar um sistema p/ autorização do trabalho que notifique aos membros da EP ou as partes contratadas que podem começar a trabalhar num determinado PT. Em muitos casos, esse sistema para autorização do trabalho é um sistema corporativo usado no projeto e não foi criado especificamente para o projeto.
  45. 45. ORIENTAR E GERENCIAR A EXECUÇÃO DO PROJETO – OGEP SISTEMA DE PONTUAÇÃO SP - Sistema de Pontuação RFP: Proposta 1 Proposta 2 Proposta 3 Id Critério Peso Nota Média Nota Média Nota Média1.1 Certificação PMP 5 4 20 3 15 3 151.2.1 Registro profissional CREA 5 5 25 3 15 3 151.2.2 Certificação ISO 14000 e CREA 5 4 20 4 20 3 151.3.1 Certificação NR10 5 5 25 5 25 4 201.3.2 Certificação NR10 5 5 25 4 20 4 201.4.1 Certificação ISSO QS 9000 5 3 15 3 15 3 151.4.2 Certificação ISSO QS 9000 5 3 15 3 15 3 151.5.1 Pesquisa de mercado 5 5 25 5 25 5 25 Totais 170 150 140
  46. 46. ORIENTAR E GERENCIAR A EXECUÇÃO DO PROJETO – OGEP SISTEMA DE PONTUAÇÃO SP - Sistema de Pontuação RFP: Proposta 1 Proposta 2 Proposta 3 Id Critério Peso Nota Média Nota Média Nota Média1.5.2 Certificação ISO 9000 5 3 15 3 15 3 151.6.1 Pesquisa de mercado 5 5 25 5 25 5 251.6.2 Certificação ISO 14000 e CREA 5 4 20 4 20 3 151.7 Certificação PMP 5 4 20 3 15 3 15 Totais 80 75 70
  47. 47. MONITORAR E CONTROLAR O TRABALHO DO PROJETO – MCTP
  48. 48. MONITORAR E CONTROLAR O TRABALHO DO PROJETO – MCTP ANÁLISE DO VALOR AGREGADO
  49. 49. MONITORAR E CONTROLAR O TRABALHO DO PROJETO – MCTP ANÁLISE DO VALOR AGREGADO Análise do DesempenhoComo estamos com o nosso orçamento? Como estamos com o nosso cronograma?CV Cost Variance (Variação de Custo) SV Schedule Variace (Variação de Prazo) CV = EV-AC [R$] SV = EV-PV [R$]Se CV Indica Se SV Indica<0 estouro de orçamento <0 cronograma atrasado=0 dentro do orçamento =0 cronograma em dia>0 gastamos menos do que estava previsto >0 cronograma adiantadoCom que eficiência estamos usando os recursos aprovisionados em nosso orçamento?CPI Cost Performance Index (Indice de Performance do Custo) CPI = EV / ACSe CPI Indica<1 percentual que gastamos a mais no orçamento=1 dentro do orçamento>1 percentual que gastamos a menos no orçamentoCom que eficiência estamos usando o nosso tempo?SPI Schedule Performance Index (Indice de Performance do Prazo) SPI = EV / PVSe SPI Indica<1 percentual que estamos atrasados no cronograma=1 cronograma em dia>1 percentual que estamos adiantados no cronograma
  50. 50. MONITORAR E CONTROLAR O TRABALHO DO PROJETO – MCTP ANÁLISE DO VALOR AGREGADO Análise de Previsões Previsões de Duração Qual a duração planejada para o projeto? PAC Plan At Completion (Término Previsto no PGP) Calculado pelo sequenciamento das listas de atividades de todos PTs de todas as fases dentro do C.V.P. Qual a previsão de término do projeto ? TAC Time At Completion (Término estimado com dados do momento) TAC=PAC/SPI Qual será o adiantamento ou atraso na conclusão? DAC Delay At Completion (Adiantamento/Atraso Na Conclusão) DAC=TAC-PAC Previsões de Custos Qual o orçamento planejado para o projeto? BAC Budget At Completion (Orçamento previsto no PGP) BAC=EAC*CPI Qual a previsão de custo total para o projeto ? Se eu manter a performance atual, quanto vou gastar para chegar ao fim? EAC Estimate At Completion (Estimativa Na Conclusão) EAC=BAC/CPI ou EAC=AC+ETC ou EAC=AC+(BAC-EV) ou EAC=AC+((BAC-EV)/CPI) Qual será o custo do trabalho restante ? Complemento do EAC ETC Estimate To Complete (Estimativa de quanto ainda gastaremos para concluir) ETC=EAC-AC Como estará o orçamento na conclusão do projeto ? VAC Variance At Completion (Diferença entre custo final planejado e custo final previsto do projeto até o momento) VAC=BAC-EAC ou VAC%=BAC/EAC
  51. 51. REALIZAR O CONTROLE INTEGRADO DE MUDANÇAS – RCIM
  52. 52. REALIZAR O CONTROLE INTEGRADO DE MUDANÇAS – RCIM SOLICITAÇÃO DE MUDANÇA SM - Solicitação de Mudança Número da SM Data da abertura Solicitante 001 / 2012 03/07/2012 Engenheiro de Segurança Endereço de E-mail DDD Telefone augusto@yahoo.com 31 3354-9876 Descrição da Mudança Solicitada Aumento da instalação de 1 para 2 extintores por ponto de instalação. Justificativa da solicitação Sugestão de aumento de um para dois extintores por ponto de instalação para aumentar a força de combate a um possível foco de incêndio. Assinatura do Solicitante Augusto Ferreira
  53. 53. REALIZAR O CONTROLE INTEGRADO DE MUDANÇAS – RCIM SOLICITAÇÃO DE MUDANÇA Parecer do GP Impactos identificados – Escopo do projeto - Aumento do custo na aquisição dos extintores - Necessidade de estudos da capacidade de cada extintor. Impactos identificados – Tempo do projeto - Aumento em 5% no tempo de aquisição dos extintores. Impactos identificados – Custo do projeto - Aumento de 25% no custo do projeto Impactos identificados – Qualidade do projeto Sem alteração na qualidade do projeto
  54. 54. REALIZAR O CONTROLE INTEGRADO DE MUDANÇAS – RCIM SOLICITAÇÃO DE MUDANÇA Impactos identificados – Recursos Humanos do projeto - necessidade de contratação de mais um ajudante para a instalação dos extintores Impactos identificados – Comunicações do projeto - Aumento da comunicação com os fornecedores e engenheiros; Impactos identificados – Riscos do projeto - Aumento no preço do extintor do segundo loge, em referência ao primeiro lote. - Possibilidade de atraso na entrega dos extintores. - Possibilidade da falta de mão de obra para auxiliar Impactos identificados – Aquisições do projeto - Duplicar o pedido de extintores;
  55. 55. REALIZAR O CONTROLE INTEGRADO DE MUDANÇAS – RCIM SOLICITAÇÃO DE MUDANÇA Impactos identificados – outros projetos correntes - Falta de extintores nos fornecedores para atendimento da demanda de outros projetos Data, Nome, Assinatura do GP Parecer do Sponsor ou CCB - Proteção das pessoas e das instalações estão em acordo com nossa política de segurança e saúde. Data, Nome do Autorizador, Assinatura
  56. 56. ENCERRAMENTO DO PROJETO OU FASE – EP_F
  57. 57. ENCERRAMENTO DO PROJETO OU FASE – EP_F LIÇÕES APRENDIDAS LA - Lições Aprendidas Aspecto Sim Não ComentáriosAs Entregas Validadas e Aceitas xcorresponderam ao planejado?Foi elaborado um relatório de xauditoria final dos resultados?Houve desvios entre os prazosrealizados e programados x(baseline)?Houve desvios entre os custos xefetivos e os orçados (baseline)?
  58. 58. ENCERRAMENTO DO PROJETO OU FASE – EP_F LIÇÕES APRENDIDASOs desvios poderiam ter sido Realizar uma fiscalização mais efetiva, xevitados? eliminando do desperdícioOcorreram riscos não previstos? xOs clientes/usuários estão xsatisfeitos?A equipe ficou satisfeita com o xapoio do Sponsor?Houve cooperação e Deveríamos ter envolvido mais as partes xcomprometimento das pessoas? interessadas.O projeto foi bem administrado? x Devíriamos ter elaborado um plano deHouve problemas de comunicação? x comunicação mais efetivoO projeto foi bem documentado? xOs fornecedores entregaram seus A empresa KIDDE entregou algunsprodutos em conformidade com as x equpamentos danificados que foram Declarações de Trabalho? normalizados em 5 dias.
  59. 59. ENCERRAMENTO DO PROJETO OU FASE – EP_F LIÇÕES APRENDIDASO que faríamos da mesma forma? Gestão do tempoO que faríamos de maneira diferente? Gestão de Custo e Gestão da ComunicaçãoO que sabemos hoje, e que não sabíamos antes do projeto? A comunicação e gestão de recursos humanos fazem a diferença em um projeto.Que recomendações devemos incluir para melhorar os próximos projetos? Foco nas pessoas da equipe de projetos para manté-las motivadas.

×