Transposição do rio são francisco

2.208 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.208
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
112
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
101
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Transposição do rio são francisco

  1. 1. Transposição do rioSão FranciscoO Projeto deTransposição do RioSão Francisco não éuma ideia nova.Ampliado no governoLula, ele existe hádécadas. O planobásico é construir doisimensos canais ligandoo rio São Francisco abacias hidrográficasmenores doNordeste, bem comoaos seus açudes. Aseguir, seriamconstruídasadutoras, com oobjetivo de efetivar adistribuição da água.
  2. 2. soluçãoDe acordo com ogoverno federal, oprojeto seria a soluçãopara o grave problemada seca noNordeste, poisdistribuiria água a 390municípios dos estadosdePernambuco, Ceará, Paraíba e Rio Grande doNorte - uma populaçãode 12 milhões denordestinos. O prazopara realização doprojeto é de 20 anos, aum custo totalestimado, até meadosde 2009, em R$ 4,5bilhões.
  3. 3. benefíciosAlém da interligaçãodas bacias, o governotambém pretendeexecutar um projeto derecuperação do rio SãoFrancisco e de seusafluentes, pois váriosdesses rios sofremproblemas deassoreamento, decorrentes do desmatamentopara agricultura.
  4. 4. 1. A transposição provocará, a longo prazo, um significativo aumento dosnúmeros referentes a emprego e renda na região.2. Quase 13 milhões de pessoas que vivem em centros urbanos de diferentesproporções passarão a ser abastecidas de água para consumo diário.3. Cerca de 400 pequenos centros urbanos, espalhados pelo interior doNordeste, receberão chafarizes públicos.4. Áreas abandonadas por falta de irrigação na zona rural voltarão a se tornarprodutivas, criando novas fronteiras agrícolas. Até 2025, cerca de 160 milhectares se tornariam produtivos.5. As águas do São Francisco também melhorariam a qualidade das águas naschamadas "regiões receptoras", o que traria inúmeros benefícios em termosde saúde pública, inclusive com uma drástica diminuição no número deóbitos
  5. 5. - A população carentedo nordeste poderá teracesso com maisfacilidade aágua do Rio SãoFrancisco;- Com mais água serápossível as pessoasplantarem ecolherem, gerandoassim mais renda emais empregos;
  6. 6. Programas deapoio às obras: Programa de Identificação e Salvamento de Bens Arqueológicos, co m o objetivo de estudar o Patrimônio Cultural na área envolvida, identifi car os sítios arqueológicos e executar o salvamento arqueológico do material coletado.
  7. 7. Programas depreservação de açudese rios do Semi-Árido: Programa de Reassentamento de Populações, cuja meta é propiciar às populações a serem removidas condições sociais e econômicas no mínimo similares ou superiores às condições de vida atuais. Programa de Recuperação de Áreas Degradadas. Seu objetivo é a restauração ambiental nos locais afetados pela obra, executar a contenção de encostas da rede de drenagem e controlar os processos erosivos nas áreas que sofrerem a intervenção, controlar possíveis focos de vetores e recuperar a paisagem após as obras.
  8. 8. Programascompensatórios Programa de Apoio Técnico às Prefeituras: a meta é dar apoio técnico e/ou financeiro às prefeituras de locais onde os efeitos do empreendimento seja sentido com mais intensidade. Para isto, prevê- se a melhoria do sistema viário, obras de saneamento, construção de escolas rurais e urbanas, melhoria da infra- estrutura de saúde e esporte e lazer. Programa de Desenvolvimento das Comunidades Indígenas, cujo objetivo é o suporte técnico e financeiro às comunidades atingidas, através de apoio a alternativas de produção, reforço a atividades artesanais, melhoria nos serviços de saúde e saneamento e apoio aos projetos da comunidade.
  9. 9. Sem águanão dar paraviver.
  10. 10. FIM

×