1.o modelo morfossintático   morfossintaxe a seleção e a combinação de palavras; frase, oração e período.
Próximos SlideShare
Carregando em...5
×

Curtiu isso? Compartilhe com sua rede

Compartilhar

1.o modelo morfossintático morfossintaxe a seleção e a combinação de palavras; frase, oração e período.

  • 4,479 visualizações
Carregado em

 

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Tem certeza que quer?
    Sua mensagem vai aqui
    Seja o primeiro a comentar
Sem downloads

Visualizações

Visualizações totais
4,479
No Slideshare
4,479
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
0

Ações

Compartilhamentos
Downloads
20
Comentários
0
Curtidas
1

Incorporar 0

No embeds

Conteúdo do relatório

Sinalizado como impróprio Sinalizar como impróprio
Sinalizar como impróprio

Selecione a razão para sinalizar essa apresentação como imprópria.

Cancelar
    No notes for slide

Transcript

  • 1. INTRODUÇÃO ÀMORFOSSINTAXEIfes campus Venda Nova do ImigranteLíngua Portuguesa e Lit. BrasileiraProf. Olivaldo Marques
  • 2. O modelo morfossintáticoLeia a tira abaixo do cartunista Fernando Gonsales:
  • 3. • Responda:1) No 2º quadrinho da tira, foi empregado o advérbioloucamente.a) Que tipo de circunstância esse advérbio expressa?b) Identifique o sufixo desse advérbio e empregue-o na formação de outras palavras.c) A partir do radical desse advérbio, forme uma família de palavras.2) A tira estabelece uma relação intertextual com outrotexto. Qual é esse texto?
  • 4. 3) Na anedota a seguir, foram propositalmente suprimidas duaspalavras. Leia-aO prefeito foi visitar o hospício da cidade. Chegando àbiblioteca, percebe que tem um homem, de cabeça parabaixo, pendurado no teto. Preocupado, comenta com o diretordo hospício:-O que é que esse ______________ está fazendo aí no teto?-Ele pensa que é um lustre.-Mas é uma _______________! Ele pode cair e se machucar.Por que vocês não o tiram do teto?-Mas, à noite como é que a gente vai fazer para ler no escuro?
  • 5. • Responda:a) Uma ou outra das palavras suprimidas na anedota poderia ser loucamente?a) De acordo com o contexto, que palavras da família do radical louc- podem completar adequadamente as lacunas da anedota?a) A que classe gramatical pertence cada uma dessas palavras: à dos substantivos, à dos adjetivos, à dos verbos ou à dos advérbios?
  • 6. Forma e funçãoAo selecionar as palavras, o usuário da língua leva emconta não só o sentido, mas também a forma daspalavras(artigo, substantivo, verbo, adjetivo, advérbio, etc.) e a suafunção (sujeito, objeto direto, adjunto adnominal, adjuntoadverbial etc.) que elas assumem na frase.
  • 7. • Leia esta anedota:O freguês sentou-se e pediu um chope. O garçom trouxe ochope e o freguês pediu para trocar por um suco delaranja. O garçom trocou, o freguês bebeu e saiu sempagar.- Ei! – disse o garçom. – O senhor não pagou o suco delaranja.- Claro que não! Eu o troquei pelo chope!- É... Mas o senhor não pagou o chope.- Claro que não! Eu não o bebi!
  • 8. • O agrupamento das palavras de acordo com sua forma deve ser feito com base na função sintática que elas têm nas frases.• Isso significa que não se pode desvincular a morfologia da sintaxe, e vice-versa, pois forma e função coexistem e seus papéis só se definem no contexto. As palavras constituem grupos morfológicos e, ao serem combinados em frases, adquirem um papel sintático.• Fazer análise morfossintática de uma palavra significa, portanto, reconhecer a classe gramatical a que ela pertence e, ao mesmo tempo, a função sintática que ela desempenha em determinada oração.
  • 9. • Utilizando os conhecimentos construídos até agora, faça a análise morfossintática do período abaixo: “O garçom trouxe o chope.”
  • 10. ReferênciasCEREJA, William Roberto; MAGALHÃES, Thereza Cochar.Português: linguagens. 7ª ed. reform. São Paulo:Saraiva, 2010.