02/08/2014
1
AULA 2 e 3 – LINGUAGEM PARA FINS
PROFISSIONAIS
COMUNICAÇÃO EM RELACIONAMENTOS
INTERPESSOAIS
A ESCRITA FORMAL ...
02/08/2014
2
RELACIONAMENTO
INTERPESSOAL
O relacionamento interpessoal pode tornar-se
e manter-se harmonioso e prazeroso,...
02/08/2014
3
RELACIONAMENTO
INTERPESSOAL
O que fazer para melhorar a Comunicação
Interpessoal:
•Formular perguntas;
•Escut...
02/08/2014
4
RELACIONAMENTO
INTERPESSOAL
“Quando conseguimos obter acordos,
podemos ter certeza que estamos
melhorando nos...
02/08/2014
5
• Como fazer a despedida
o No fim da sua mensagem, use termos formais, tais como
“Atenciosamente” ou “Com mel...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Aula 2 e 3 linguagem para fins profissionais v2-

378 visualizações

Publicada em

linguagem verbal e nao verbal

Publicada em: Engenharia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
378
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula 2 e 3 linguagem para fins profissionais v2-

  1. 1. 02/08/2014 1 AULA 2 e 3 – LINGUAGEM PARA FINS PROFISSIONAIS COMUNICAÇÃO EM RELACIONAMENTOS INTERPESSOAIS A ESCRITA FORMAL EM DOCUMENTOS - E-MAIL Processo da Comunicação EMISSOR RECEPTOR FEEDBACK / RESPOSTA MENSAGEM (Canal) Intenção (linguagem do Conflito ou da Cooperação?) Intenção (linguagem do Conflito ou da Cooperação?) Interpretação Interpretação (Inferências) (Inferências) Empatia Colocar-se dentro da Visão do Outro, com os valores dele. Explorar o interesse; Saber ouvir. Explorar o contato visual e facial; Compartilhar informação; Postura de receptividade; Respeito e dedicação ao outro; Cuidado com as diferenças individuais. Elimine os exageros (estrelato) e cuidado com o abuso do poder. RELACIONAMENTO INTERPESSOAL Em ambientes de constante mudança e necessidade de adaptação, é fundamental que o relacionamento entre as pessoas, a inteligência emocional e a negociação façam parte do universo dos indivíduos para favorecer a conquista de objetivos. RELACIONAMENTO INTERPESSOAL As relações interpessoais desenvolvem-se em decorrência do processo de interação. Não há processos unilaterais na interação humana: tudo que acontece no relacionamento interpessoal decorre de duas fontes: EU e OUTRO (S).
  2. 2. 02/08/2014 2 RELACIONAMENTO INTERPESSOAL O relacionamento interpessoal pode tornar-se e manter-se harmonioso e prazeroso, permitindo trabalho cooperativo, em equipe, com integração de esforços, conjugando as energias, conhecimentos e experiências para um produto maior que a soma, a sinergia. Ou então tende a tornar-se muito tenso, conflitivo, levando à desintegração de esforços e final dissolução do grupo. RELACIONAMENTO INTERPESSOAL O desenvolvimento de aptidões para um relacionamento com mais eficiência com os outros nos leva a trabalhar: *Como ouvir *Como dialogar *Como informar *Como avaliar *Como elogiar *Como disciplinar RELACIONAMENTO INTERPESSOAL Forças que Restringem + Vaidade + Apatia + Dependência +Timidez + Manipulação Forças que Impulsionam • Empatia • Motivação • Iniciativa • Competência • Apoio RELACIONAMENTO INTERPESSOAL Dicas para desenvolver suas habilidades nas relações interpessoais •Busque idéias; •Debata propostas; •Não combata pessoas; •Evite questões pessoais; •Leve em consideração apenas as idéias e as informações, jamais os aspectos pessoais de quem as expõe. RELACIONAMENTO INTERPESSOAL A importância do tipo de liderança no processo de Relacionamento Interpessoal Tipos de liderança: autocrática ou Democrática. Os líderes de hoje, terão que ter capacidade de adaptações rápidas e de promover mudanças em contraste com a administração tradicional. Cabe ao dirigente de um grupo criar clima, de calma, confiança, cooperação e compreensão mútua. RELACIONAMENTO INTERPESSOAL Para que a comunicação interpessoal seja satisfatória, um elemento de extrema importância é a empatia. Muitos fatores dificultam a empatia entre o emissor e o receptor, entre elas: •Julgar os outros a partir de nossos valores; •Postura hostil; •Diferenças pessoais.
  3. 3. 02/08/2014 3 RELACIONAMENTO INTERPESSOAL O que fazer para melhorar a Comunicação Interpessoal: •Formular perguntas; •Escutar atenta e ativamente o outro, mas lembrando-se de que escutar é mais que ouvir; •Demonstrar respeito e aceitação; •Tentar estabelecer empatia com o seu interlocutor; •Fazer comentários descritivos e não avaliativos. RELACIONAMENTO INTERPESSOAL Como gerenciar Relações de Conflito: A partir de divergências de percepção e idéias, as pessoas se colocam em posições antagônicas, caracterizando uma situação conflitiva; O Conflito pode ter conseqüências funcionais e disfuncionais dependendo da sua intensidade, estágio de evolução, contexto e forma como é tratado. RELACIONAMENTO INTERPESSOAL O Conflito previne a estagnação decorrente do equilíbrio constante de concordância; Estimula o interesse e curiosidade pelo desafio da oposição; Descobre os problemas e demanda sua resolução; Funciona, verdadeiramente, como a raiz de mudanças pessoais, grupais e sociais. RELACIONAMENTO INTERPESSOAL A importância do Feedback nas Relações Interpessoais: Feedback é um processo de ajuda para mudança de comportamento, é comunicar a uma pessoa ou grupo, no sentido de fornecer-lhes informações sobre como sua atuação está afetando outras pessoas. RELACIONAMENTO INTERPESSOAL O Feedback precisa ser: •Descritivo ao invés de avaliativo; •Específico ao invés de geral; •Solicitado ao invés de imposto; •Oportuno; •Claro para assegurar comunicação precisa. O QUE É RELACINAMENTO INTERPESSOAL? O relacionamento interpessoal surge como fator chave para influenciar pessoas, conquistar seguidores e aumentar a rede de relacionamentos, que é tão importante e fundamental nos dias de hoje.
  4. 4. 02/08/2014 4 RELACIONAMENTO INTERPESSOAL “Quando conseguimos obter acordos, podemos ter certeza que estamos melhorando nossa capacidade de relacionamento humano e principalmente fortalecendo o nosso processo de negociação.” DOCUMENTOS FORMAIS E – MAIL Aula 3 Linguagem para fins profissionais 5 DICAS IMPORTANTES • É UM DOCUMENTO – Tudo o que você escreve pode ser usado contra ou a seu favor. • EXIGE RESPEITO - Seja polido e assertivo, trate o seu destinatário como gostaria de ser tratado • SAUDAÇÕES – Inicial e final , Prezado, atenciosamente, etc. • OBJETIVO – Deixe claro o objetivo da mensagem e ao final do e-mail encerre com uma frase que retome o objetivo do e-mail • CONCISÃO – Frases curtas, não usar abreviações, gírias, organizar tópicos se necessário. • Escolher um endereço de e-mail o Escolha um nome neutro para seu e-mail, sem apelidos, números ou frases. o Pode usar hífens e sublinhados para garantir um nome mais formal. o Coloque o seu nome verdadeiro, com ou sem sobrenome. o Caso já existam outras pessoas com o mesmo endereço, pode variar com o seu primeiro nome e as iniciais dos sobrenomes. • Como iniciar o e-mail o Use uma saudação adequada, dirigir-se ao destinatário pelo nome é o melhor a se fazer. Se necessário, use títulos formais como, por exemplo, Sr., Sra. ou Dr. Junto ao sobrenome do destinatário, seguido por uma vírgula. o Saudações como “Olá” também são aceitáveis, principalmente quando você não sabe o nome da pessoa para quem você está escrevendo. Quando for o caso, é importante que você se apresente já no primeiro parágrafo. Isso inclui dizer por que motivo você está escrevendo aquele e-mail e, caso não conheça a pessoa, onde você conseguiu o endereço eletrônico dela. Por exemplo: “O Meu nome é Joana. Estou entrando em contato para…”. o Tente ao máximo escrever uma mensagem curta, pois, apesar de ser algo formal, continua sendo um e-mail e deve ter essa característica. o Certifique-se de não divagar sobre o assunto, mas ir direto ao ponto. Procure falar sobre as coisas mais importantes e escreva, no máximo, cinco parágrafos, não mais que isso. Se cada parágrafo tiver mais ou menos cinco linhas é o ideal. o Se se tratar de uma mensagem de candidatura, é bom costume, começar por apresentar-se, nome completo, nacionalidade, nível académico e curso. • Conteúdo do e-mail o Estudar e saber das regras de gramática, ter vocabulário e saber como ordenar as palavras só faz melhorar o conteúdo do seu e-mail. o Verifique exaustivamente a ortografia e a gramática. As caixas de mensagem do gmail, hotmail e muitos outros já dispõem de ferramentas de verificação da ortografia e da gramática do texto da mensagem. Já não há desculpas para não escrever corretamente as palavras. o Muitas vezes, os e-mails de candidaturas a bolsas de estudo que são enviados, são recebidos por pessoas que fazem parte do júri de avaliação das candidaturas. Por isso, e-mails com erros, logo comprometem a admissão ou seleção do candidato.
  5. 5. 02/08/2014 5 • Como fazer a despedida o No fim da sua mensagem, use termos formais, tais como “Atenciosamente” ou “Com melhores cumprimentos”. Não se esquece de assinar com o seu nome completo, cargo, empresa e telefone se julgar adequado. o Assine os e-mails com seu nome completo e, caso ache necessário, acompanhado de seus telefones para contato. • Como tratar os anexos do e-mail o Sempre que enviar documentos anexos ao mail, informe no corpo da mensagem e deve listar esses documentos. o Dê nomes adequados aos documentos que anexa ao e- mail. • Após finalizar o seu e-mail formal, revise tudo novamente e procure por erros escondidos e veja se a mensagem que pretende ser transmitida ao destinatário do e-mail formal. • Se achar necessário solicite comprovativo de leitura, por vezes é muito útil. • Envie comodamente o seu e-mail formal e espere ansiosamente a resposta. Se achar necessário solicite comprovativo de leitura, por vezes é muito útil.

×