Segundo Ruppert e Barnes, 1996
• Subfilo Crustacea (número de espécies)
– Classe Remipedia (2)
– Classe Cephalocarida (9)
– Classe Branchiopoda (821)
– C...
CLASSE MALACOSTRACA
Classe do filo Crustácea, bastante
diversificada, que inclui a maioria
dos crustáceos mais conhecidos
...
– 1o par de antenas multirreme (geralmente
birreme).
– Maior número de espécies e a maioria das formas
maiores
– Estômago ...
-Endopoditos das pernas torácicas são
estenopódios.
- Último par de apêndices abdominais modificados
em urópodes.
- Locali...
→Cabeça, tórax e abdômen composto de 5, 8, 6 somitos
respectivamente.
→ 0, 1, 2 ou 3 toracômeros fundidos c/ a cabeça, e s...
Também chamados isópodes, são pequenos
crustáceos achatados dorsoventralmente e sem
carapaça. Têm o abdômen curto com os s...
Ordem Isopoda
• Camarões, lagostas, lagostins e caranguejos
• Quase ¼ das espécies de Crustáceos
• Maioria marinha
• Lagos...
•Predadores e consumidores de detritos, mas existem alguns
filtradores e herbívoros
•Terrestres são escavadores e noturnos...
Coxa Base
Ísquio
Mero
Carpo
Própodo
Dáctilo
Ligia pacifica
Toracópode estenopódio
CLASSE MALACOSTRACACLASSE MALACOSTRACA
S...
Coxa Base
Ísquio
Mero
Carpo
Própodo
Dáctilo
Eumalacostraca
Isopoda
Ordem Isopoda
Diversidade de apêndices
CLASSE MALACOSTR...
Ordem Isopoda
Camarões: adaptados para a natação:
pleópodos grandes e franjados. Podem
ou não apresentar quelípede.
Exoesqueleto flexíve...
Lagostas e Caranguejos: bentônicos,
adaptados ao rastejamento. Pereiópodos
fortes e pleópodos nunca utilizados p/
natação....
É a maior ordem dos crustáceos
(somando quase um quarto de
todos os conhecidos) com 5
pares de patas ambulatórias, os
pere...
Coxa
Base
Ísquio
Mero
Carpo
Própodo
Dáctilo
Eumalacostraca
Decapoda
Diversidade de apêndices:
Ordem Decapoda
CLASSE MALACO...
Carapaça
Télson
UrópodePleópode
Fotóforo
Epipodito
branquial
Pereópode
Antena
Escama
antenal
Antênula
Olho composto
Ordem ...
Coxa
Endito
Cerdas para
tomada de
alimento
Carpo
Própodo
Dáctilo
Cerdas para
tomada de
alimento
Mero
Fileira de cerdas
Ísq...
Ordem Amphipoda
São pequenos crustáceos sem
carapaça, com o corpo comprimido
lateralmente e o abdómen fletido
ventralmente...
CLASSE MALACOSTRACACLASSE MALACOSTRACA
SubclasseSubclasse EumalacostracaEumalacostraca
Ordem Amphipoda
Ordem
Amphipoda
→Toracópodes do tipo filopódio (todos semelhantes
entre si).
→ Ausência de maxilípedes.
→ Pleópodes 1-4 similares e birrem...
Ramo caudal
Télson
Ânus
Porção posterior
do trato digestivo
7o
segmento
abdominal
5o
pleópode
1o
pleópode
Antena
Toracópod...
Protopodito
Epipodito
Exopodito
Endopodito
Phyllocarida
Leptostraca
CLASSE MALACOSTRACACLASSE MALACOSTRACA
Subclasse Phyll...
• Classe de crustáceos marinhos, com cerca de 1220
espécies, que inclui as cracas e percebes.
• São organismos sésseis que...
CLASSE CIRRIPEDIACLASSE CIRRIPEDIA
Cracas de vida livre (Lepas)
Prendem-se por um pedúnculo (haste) que contém as
glândulas de cimento
CLASSE CIRRIPEDIACLASS...
CLASSE TRILOBITACLASSE TRILOBITA
 Artrópodes pré-históricos característicos
do Paleozóico
 Conhecidos apenas do registro...
CLASSE REMIPEDIACLASSE REMIPEDIA
 Foi descrita a partir de uma espécie
fóssil em 1955.
 O maior indivíduo encontrado tin...
CLASSE CEPHALOCARIDACLASSE CEPHALOCARIDA
 Também conhecidos como artemia, kiko
marinho ou pulga da água.
 São minúsculos...
Escudo
cefálico
Antênula
Antena
Apêndice
torácicoAbdômen
Télson
Ramo
caudal
Hutchinsoniella
(vista lateral)
Protopodito
En...
CLASSE BRANCHIOPODACLASSE BRANCHIOPODA
 Pequenos crustáceos (0,25
milímetros - 10 cm de
comprimento)
 Se encontram em la...
 São, na sua maior parte, formas dulcícolas
 1o e 2o pares de maxilas reduzidos ou perdidos.
 Apêndices achatados, simi...
Antênula
Antena
OvissacoTélson
Ramo caudal
Protopodito
Pré-epipoditos
Epipodito
Exopodito
Endopodito
Enditos
CLASSECLASSE
...
CLASSE MAXILLOPODACLASSE MAXILLOPODA
Olho náuplio com 3 taças ocelares pigmentadas
 Tórax com 6 ou menos segmentos.
 Ab...
Filo artrópodes 05   crustáceos - classificação
Filo artrópodes 05   crustáceos - classificação
Filo artrópodes 05   crustáceos - classificação
Filo artrópodes 05   crustáceos - classificação
Filo artrópodes 05   crustáceos - classificação
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Filo artrópodes 05 crustáceos - classificação

2.331 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.331
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
38
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Filo artrópodes 05 crustáceos - classificação

  1. 1. Segundo Ruppert e Barnes, 1996
  2. 2. • Subfilo Crustacea (número de espécies) – Classe Remipedia (2) – Classe Cephalocarida (9) – Classe Branchiopoda (821) – Classe Ostracoda (5650) – Classe Copepoda (8405) – Classe Mystacocarida (9) – Classe Tantulocarida (4) – Classe Branchiura (150) – Classe Cirripedia (900) – Classe Malacostraca (22651) + conhecidos Subfilo Crustácea
  3. 3. CLASSE MALACOSTRACA Classe do filo Crustácea, bastante diversificada, que inclui a maioria dos crustáceos mais conhecidos como a lagosta, o camarão ou o krill. O grupo surgiu no Câmbrico.
  4. 4. – 1o par de antenas multirreme (geralmente birreme). – Maior número de espécies e a maioria das formas maiores – Estômago c/ câmaras cardíaca e pilórica. – Tronco composto por: • Região torácica com 8 segmentos • Região abdominal com 6 ou 7 mais o télson. CLASSE MALACOSTRACA Características
  5. 5. -Endopoditos das pernas torácicas são estenopódios. - Último par de apêndices abdominais modificados em urópodes. - Localização fixa dos gonóporos: toracômero 8 (machos) e 6 (fêmeas). - Alguns podem estar orientados para a frente e auxiliar na manipulaçào dos alimentos - Todos os segmentos abdominais (do tronco) apresentam apêndices birremes (pereiópodos, pleópodos e urópodos)
  6. 6. →Cabeça, tórax e abdômen composto de 5, 8, 6 somitos respectivamente. → 0, 1, 2 ou 3 toracômeros fundidos c/ a cabeça, e seus apêndices modificados em maxilípedes. → Antênulas e antenas primitivamente birremes. → Antenas com exopodito em forma de lâmina ou escama. CLASSE MALACOSTRACACLASSE MALACOSTRACA SubclasseSubclasse EumalacostracaEumalacostraca
  7. 7. Também chamados isópodes, são pequenos crustáceos achatados dorsoventralmente e sem carapaça. Têm o abdômen curto com os segmentos fundidos total ou parcialmente. Os isópodes incluem o primeiro grupo de crustáceos verdadeiramente terrestres e muitas formas parasitarias. São consumidores de detritos e carniça, alguns podem ser carnívoros. CLASSE MALACOSTRACACLASSE MALACOSTRACA SubclasseSubclasse EumalacostracaEumalacostraca Ordem Isopoda
  8. 8. Ordem Isopoda • Camarões, lagostas, lagostins e caranguejos • Quase ¼ das espécies de Crustáceos • Maioria marinha • Lagostins e caranguejos – Água doce • Caranguejos terrestres • Primeiros 3 pares de apêndices torácicos modificados em maxilípedes • 5 pares de apêndices – pernas • Primeiro par geralmente é maior e/ou com garra (quela) - quelípede CLASSE MALACOSTRACACLASSE MALACOSTRACA SubclasseSubclasse EumalacostracaEumalacostraca
  9. 9. •Predadores e consumidores de detritos, mas existem alguns filtradores e herbívoros •Terrestres são escavadores e noturnos •Machos: pleópodos anteriores modificados como órgão copulatório •Fêmeas incuba os ovos na região dos pleópodos •Estágio larval de eclosão: Zoé CLASSE MALACOSTRACACLASSE MALACOSTRACA SubclasseSubclasse EumalacostracaEumalacostraca Ordem Isopoda
  10. 10. Coxa Base Ísquio Mero Carpo Própodo Dáctilo Ligia pacifica Toracópode estenopódio CLASSE MALACOSTRACACLASSE MALACOSTRACA SubclasseSubclasse EumalacostracaEumalacostraca Ordem Isopoda
  11. 11. Coxa Base Ísquio Mero Carpo Própodo Dáctilo Eumalacostraca Isopoda Ordem Isopoda Diversidade de apêndices CLASSE MALACOSTRACACLASSE MALACOSTRACA SubclasseSubclasse EumalacostracaEumalacostraca Achatados dorsoventralmente Pleópodos abdominais modificados em brânquias Ectoparasitas denominados de piolho-de-peixe Tatuzinhos-de-jardim: terrestres
  12. 12. Ordem Isopoda
  13. 13. Camarões: adaptados para a natação: pleópodos grandes e franjados. Podem ou não apresentar quelípede. Exoesqueleto flexível. São habitantes de fundo e nadadores
  14. 14. Lagostas e Caranguejos: bentônicos, adaptados ao rastejamento. Pereiópodos fortes e pleópodos nunca utilizados p/ natação. São retidos p/ funções reprodutivas. Corpo dorsoventralmente achatado e exoesqueleto rígido.
  15. 15. É a maior ordem dos crustáceos (somando quase um quarto de todos os conhecidos) com 5 pares de patas ambulatórias, os pereópodes, que são so apêndices dos últimos 5 segmentos toráxicos. Pertencem a este grupo os camarões, as lagostas e os caranguejos. CLASSE MALACOSTRACACLASSE MALACOSTRACA SubclasseSubclasse EumalacostracaEumalacostraca Ordem Decapoda
  16. 16. Coxa Base Ísquio Mero Carpo Própodo Dáctilo Eumalacostraca Decapoda Diversidade de apêndices: Ordem Decapoda CLASSE MALACOSTRACACLASSE MALACOSTRACA SubclasseSubclasse EumalacostracaEumalacostraca
  17. 17. Carapaça Télson UrópodePleópode Fotóforo Epipodito branquial Pereópode Antena Escama antenal Antênula Olho composto Ordem Euphausiacea (Krill) CLASSE MALACOSTRACACLASSE MALACOSTRACA SubclasseSubclasse EumalacostracaEumalacostraca
  18. 18. Coxa Endito Cerdas para tomada de alimento Carpo Própodo Dáctilo Cerdas para tomada de alimento Mero Fileira de cerdas Ísquio Exopodito Brânquia Ordem Euphausiacea (Krill) Pereópode de Euphausia superba CLASSE MALACOSTRACACLASSE MALACOSTRACA SubclasseSubclasse EumalacostracaEumalacostraca É o nome coletivo dado a um conjunto de espécies de animais invertebrados semelhantes ao camarão. São importantes organismos do zooplâncton, especialmente porque servem de alimento a baleias, jamantas, tubarões- baleia e outros.
  19. 19. Ordem Amphipoda São pequenos crustáceos sem carapaça, com o corpo comprimido lateralmente e o abdómen fletido ventralmente. CLASSE MALACOSTRACACLASSE MALACOSTRACA SubclasseSubclasse EumalacostracaEumalacostraca
  20. 20. CLASSE MALACOSTRACACLASSE MALACOSTRACA SubclasseSubclasse EumalacostracaEumalacostraca Ordem Amphipoda
  21. 21. Ordem Amphipoda
  22. 22. →Toracópodes do tipo filopódio (todos semelhantes entre si). → Ausência de maxilípedes. → Pleópodes 1-4 similares e birremes; 5-6 unirremes. → Urópodes ausentes. → Presença de 7 pleômeros livres (mais o télson) em vez de 6. CLASSE MALACOSTRACACLASSE MALACOSTRACA Subclasse PhyllocaridaSubclasse Phyllocarida
  23. 23. Ramo caudal Télson Ânus Porção posterior do trato digestivo 7o segmento abdominal 5o pleópode 1o pleópode Antena Toracópodes Antênula Glândula antenal Rostro Olho composto Cérebro Ceco Músculo adutor Ovário Coração Palpo maxilar Cordão nervoso central Protopodito Epipodito Exopodito Endopodito Apêndice natatório do tipo filopódio CLASSE MALACOSTRACACLASSE MALACOSTRACA Subclasse PhyllocaridaSubclasse Phyllocarida
  24. 24. Protopodito Epipodito Exopodito Endopodito Phyllocarida Leptostraca CLASSE MALACOSTRACACLASSE MALACOSTRACA Subclasse PhyllocaridaSubclasse Phyllocarida
  25. 25. • Classe de crustáceos marinhos, com cerca de 1220 espécies, que inclui as cracas e percebes. • São organismos sésseis que vivem fixos a um substrato, em geral em zonas entre-marés. • Conhecidos como cracas • Únicos crustáceos sésseis • Carapaça recoberta de placas calcárias • Cirrus para o consumo de suspensão • Hermafroditas • Longo pênis tubular • Machos anões CLASSE CIRRIPEDIACLASSE CIRRIPEDIA
  26. 26. CLASSE CIRRIPEDIACLASSE CIRRIPEDIA
  27. 27. Cracas de vida livre (Lepas) Prendem-se por um pedúnculo (haste) que contém as glândulas de cimento CLASSE CIRRIPEDIACLASSE CIRRIPEDIA
  28. 28. CLASSE TRILOBITACLASSE TRILOBITA  Artrópodes pré-históricos característicos do Paleozóico  Conhecidos apenas do registro fóssil. O grupo, classificado na classe Trilobita da sub-classe Trilobitomorpha, é exclusivo de ambientes marinhos.
  29. 29. CLASSE REMIPEDIACLASSE REMIPEDIA  Foi descrita a partir de uma espécie fóssil em 1955.  O maior indivíduo encontrado tinha cerca de 4 cm de comprimento.  Os remípedes têm um corpo translúcido formado por uma cabeça sem olhos, mas com a maior parte cabeça sem olhos, mas com a maior parte dos apêndices típicos dos crustáceos. Não apresentam carapaça nem télson. Têm glândulas de veneno com que matam as suas presas. Speleonectes (v. ventral) Extremidade anterior (v. ventral)
  30. 30. CLASSE CEPHALOCARIDACLASSE CEPHALOCARIDA  Também conhecidos como artemia, kiko marinho ou pulga da água.  São minúsculos crustáceos bênticos marinhos e detritívoros da ordem Cephalocarida.  Conhecem-se apenas 9 espécies, todas elas com características que sugerem que estes animais sejam muito semelhantes aos primeiros crustáceos que apareceram no mundo  Olhos ausentes  Maxilípedes ausentes  Apêndices abdominais ausentes Vista lateral de um cefalocárido
  31. 31. Escudo cefálico Antênula Antena Apêndice torácicoAbdômen Télson Ramo caudal Hutchinsoniella (vista lateral) Protopodito Enditos Endopodito Exopodito Epipodito (exito) 1o apêndice do tronco de Lightiella CLASSE CEPHALOCARIDACLASSE CEPHALOCARIDA
  32. 32. CLASSE BRANCHIOPODACLASSE BRANCHIOPODA  Pequenos crustáceos (0,25 milímetros - 10 cm de comprimento)  Se encontram em lagos, tanto salgados como de água doce em todo o mundo.  Inclui cerca de 800 espécies  Seus ovos resistem à secura e podem ficar grandes períodos à espera para eclodirem.  Servem de alimento a muitos organismos.
  33. 33.  São, na sua maior parte, formas dulcícolas  1o e 2o pares de maxilas reduzidos ou perdidos.  Apêndices achatados, similares a folhas (filópodes). São seus principais  órgãos respiratórios (daí o nome branquiópodes). → Redução ou perda dos apêndices abdominais. CLASSE BRANCHIOPODACLASSE BRANCHIOPODA
  34. 34. Antênula Antena OvissacoTélson Ramo caudal Protopodito Pré-epipoditos Epipodito Exopodito Endopodito Enditos CLASSECLASSE BRANCHIOPODABRANCHIOPODA
  35. 35. CLASSE MAXILLOPODACLASSE MAXILLOPODA Olho náuplio com 3 taças ocelares pigmentadas  Tórax com 6 ou menos segmentos.  Abdômen com 4 ou menos segmentos. → Apêndices genitais no 1o segmento abdominal.

×